o correio - ed 1003

Download O Correio - Ed 1003

Post on 08-Mar-2016

227 views

Category:

Documents

7 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Um jornal de verdade

TRANSCRIPT

  • LAGUNA/SC - ANO IXX - EDIO 1003 - LAGUNA/SC 20/11/2013 - R$ 2,00 - JORNAL BISSEMANAL O Senhor meu pastor, nada me faltar

    Laguna: 3646-5123 / 9926-6333Brao do Norte: 3658-2446 / 9627-3120

    Fone: 3646-2488Fone: 3646-2488

    Dr. Mauro Srgio Fernandes da Silva CRM 8789 - Pediatra

    Rua. Voluntrio Fermiano. 60 Laguna SC

    A sade de sua criana merece a ateno de um especialistaDiretor TcnicoMauro Srgio Fernandes da Silva

    CRM 8789 - PediatraRQE 4329

    Prximo a Colnia de Pescadores

    Temos sala de VacinasVisite o site: http://clinicavidalaguna.wix.com/vida

    Informa abertura de processo seletivo

    rea/ Requisito Cidade Inscries e informaes

    PROFESSOR DE EDUCAO INFANTIL: Formao Superior completa em Pedagogia (Habilitao em Educao Infantil).

    LAGUNA

    Por meio do site at

    20/11/2013

    CONTRATAES PARA 2014

    PROFESSOR DE ENSINO FUNDAMENTAL (Projeto Habilidades de Estudos): Formao Superior completa em Pedagogia (Habilitao em Ensino Fundamental).

    Acompanhe os processos seletivos do SESC/SC atravs do site www.sesc-sc.com.br- cone Trabalhe Conosco

    CMARA MUNICIPAL EMITE NOTA DE ESCLARECIMENTO DO NOVO PLANO DIRETOR DO MUNICPIO DE LAGUNAO novo Plano Diretor de Laguna, que se encontra em fase de votao final na Cmara de Vereadores de Laguna est gerando uma grande polmica na cidade. (Pgina 12)

    Secretaria doa alimentos ao Asilo Santa Izabel

    Foto: Marco BocoA Secretaria de Assistncia Social fez a doao, nesta tera-feira (19), de 84 quilos de alimentos no perecveis ao Asilo Santa Izabel.Os alimentos foram arrecadados com a troca de ingressos do show de Chitozinho e Xoror, que aconteceu no parque ambiental da Tractebel.A secretria da pasta, Lorena Andrade, salientou a importncia de contribuir com a doao de alimentos aos idosos. O asilo est precisando de doaes. Esses alimentos iro ajud-los muito, disse.

    Ponticelli registra seu

    nome na histria

    Vigilncia Epidemiolgica atua no combate Dengue, em Pescaria Brava

    (Pgina 12)

  • O CORREIO P. 02NOSSAS UTOPIAS

    Advocacia & Assessoria

    Dr. Victor Baio PereiraOAB/SC 15.896

    Atanazio Lameira lameira00@hotmail.com

    EXPEDIENTEFundado em 29.07.1995

    Direo Geral: PAULO SRGIO SILVAJORNAL O CORREIO. LTDA. ME.

    C.G.C. 03.002.178/0001-60 Insc. Mun. 54.0375

    Redao e Administrao:Rua Voluntrio Fermiano, 52 - Centro Fone: (48) 3644-3959 - Laguna/SC

    Nmero Avulso: R$ 2,00 Assinatura Semestral (Bissemanal) R$ 100,00

    Tiragem: 1.000 exemplaresOs artigos assinados so de

    responsabilidade de seus autores. Circulao quartas-feiras e aos sbados :

    Laguna, Pescaria Brava, Garopaba, Imbituba, Paulo Lopes e Imaru.

    E-mail: ocorreio@ocorreio.net hp:http://www.ocorreio.net

    Este jornal filiado:

    Visite o meu: Blog: athanaziolameira.blogspot.com

    LAGUNA/SC 20/11/2013

    Causas cveis: aes possessrias, indenizatrias e de famlia.

    Rua Raulino Horn - Centro - Fone 3644-6882

    Hora do cafezinho

    Paulo Srgio Silva

    Reinventando o Profissionalartigo

    Mello Jr - www.gmtreinamentos.com.br - mello@gmtreinamentos.com.br

    Vendendo com alegria

    Tema do novo treinamento da GM Projetos & Assessoria resultado de pesquisas na rea de vendas e quando falamos de vendas no podemos excluir atendimento, constato que, por incrvel que parea, as empresas falam de tudo, planejam tudo, traam metas, focam em resultados, mas esquecem do principal: ATENDER para vender.

    No treinamento procuro abordar temas esquecidos de forma alegre, situaes que chamo de prolas, ambientes alegres, abor-dagens simplesmente hilrias. Isso tudo para trazer o assunto ao debate. Exemplos como de um amigo que ao ir almoar num restaurante considerado top e aps escolher o prato ouviu do garom: - O senhor sabe que esta picanha custa R$ 30,00 o quilo? duro, discriminao ainda normal no aten-dimento. Ou de outra amiga que na dvida sobre um CD, perguntou vendedora se era

    o CD com tema da novela das sete, resposta: - Sei no, no assisto novelas. No possvel conquistar vendas desta forma, nos dois casos os clientes preferiram ir para a concorrncia.

    No podemos admitir que nossos funcion-rios tratem mal as pessoas, comportem-se de modo ruim com os clientes e fiquem perdendo tempo com desculpas. Se perguntarmos aos atendentes que criaram as situaes acima, diro que os clientes so chatos e perguntam coisas que deveriam saber. Por isso, impor-tante lembrar que no vendemos preos; nos-sos produtos valem e assim devemos entender que o cliente quer algo mais. Com certeza o atendimento do restaurante no valia nada e o caro no era a picanha!!! No saber informar que o CD era ou no da novela das sete j um erro grave, comentar que no assisti novela no justifica. Conheo um vendedor da linha surf que vende muito bem, informa muito bem e no SURFA.

    Largue tudo, no pense em nada jogue fora tudo que esteja lhe fazendo mal. In-clusive: remdios, amores e psiquiatras.

    D tempo para que o prprio tempo en-contre o espao necessrio pra se alojar.

    No diga no com medo da resposta, seja positiva ou negativa. Diga sim com a certeza do no.

    Preste ateno no conjunto da obra e no se apegue na pequena falha.

    A arte da dvida. Nada deve ser ou ser para sempre.

    Quando ele foi embora, um monte de idiotas ficaram falando acerca de sua vida particular. Quando ele retornou no dia seguinte, um monte de idiotas, lhe chamaram de doutor.

    A casa era uma jaula e no permitia a sada do morador. Aps algum tempo, ele conseguiu sair, mas resolveu voltar, pois havia esquecido de voar.

    No tenha medo. Controle seu medo. Administre seu medo. O medo esquece do medo.

    A filosofia da morte. A chegada da mor-te. O medo da morte. A morte.

    No se prepare para amar. No saia que-rendo achar algum. Quando o amor aparece quase sempre no estamos preparados.Seja feliz sempre.

    O presidente da Cmara Municipal de Laguna, Roberto Carlos Alves (PP) tendo em vista a recomendao da 1 Promotoria de Justia da Comarca de Laguna atravs da Dra. Fernanda Broering Dutra, determinou fosse arquivado o Projeto de Emenda a Lei Orgnica do Municpio n 005/13.Na Sesso Extraordinria de 18 de novembro de 2013, a matria foi apresentada para leitura. O projeto tem a seguinte EMENTA: Suprimi o 2 do art. 129 da LOM.

    O Projeto de Lei que autoriza a identificao biomtrica neonatal, de autoria do deputado Joares Ponticelli (PP), foi sancionado pelo executivo na manh de quinta-feira (14). A matria, que estabelece a implantao de um sistema biomtrico para identificao de crianas recm-nascidas, foi resultado de debates por um grupo de trabalho de servidores do Legislativo. A Lei obriga hospitais e maternidades a terem aparelhos de coleta das impresses digitais. Na mesma oportunidade o en-to Governador em exerccio Joares Ponticelli assinou liberao recursos para o Programa Reviver. Foram trs milhes de reais agora de um total de 12 milhes que ser investido em vagas em Unidades Teraputicas do estado para combate as drogas.Recebi do Assessoer Especial Marcos Aurlio Barzan (Leca) colocaes que extraiu da revista do fundador do Grupo RIC Pensamentos, Dr. Mrio Petrelli:Aprendi uma coisa importante: Ser mandado para poder mandar.Quem no for bem mandado no vai saber mandar. Outra coisa fundamental: Ouvir antes de falar. Pensar antes de responder.Outro para reflexo: A gente precisa aprender sempre. Eu ainda sei muito pouco daquilo que eu preciso saber. Todos tm que ter essa viso, de que sabem pouco e pre-cisam aprender mais.

    No feriado de Proclamao da Repblica de 2013, que encerrou a meia noite deste domingo (17), foram registrados 222 acidentes nas rodovias catarinenses. O nmero inferior ao dos anos de 2011 e 2012. Este ano, 130 pessoas ficaram feridas e quatro morreram. Segundo o inspetor Luiz Graziano, o que mais chamou a ateno durante a operao foram ndices ligados ao limite de velocidade e embriagues ao volante.

  • O CORREIO P. 03

    As boas do Fernandinho

    SALGADOS TPICOSGRAA RODRIGUES

    Salgados tpicos aorianos de La-guna, Casquinha de Siri, Camares Recheados . Tratar: Av. Joo Pinho, 756 Mar Grosso Fones: 3647-1710 e 9986-1141.

    Aceitamos pedidos

    para pronta-entrega

    Fone: 3644-3959

    Leia e assine

    Texto e fotos DALMO FASCA

    LAGUNA/SC 20/11/2013

    H muitos e muitos anos, viveu um homem do mar, conhecido como o Capito. Ele era muito valente e jamais teve medo diante de qualquer inimigo. Certa vez, navegando pelos sete mares, um dos vigias da embarcao viu que se aproximava um barco pirata. O Capito gritou: -Tragam a minha camisa vermelha! E vestindo-a ordenou aos seus homens: -Ataquem! Ataquem e venam estes malditos piratas! E assim foi feito. Alguns dias mais tarde, o vigia viu dois bar-cos piratas. O Capito pediu novamente sua camisa vermelha e a vitria voltou a ser sua. Nesta mesma noite, seus homens perguntaram porque ele sempre pedia a camisa vermelha, antes de entrar na batalha, e o Capito respondeu: - Se eu for ferido em combate, a camisa vermelha no deixar que meus homens vejam meu sangue, e assim, todos continuaro lutando sem medo. Todos os homens, diante daquela declarao, ficaram em silncio, maravilhados com a coragem de seu comandante. Logo no amanhecer do dia seguinte, o vigia viu no um ou dois, mas DEZ barcos piratas que se aproximavam. Toda a tripulao, assustada, dirigiu os olhos para o capito, e ele com sua voz potente e sem demonstrar nenhum medo gritou: - Tragam minha cala marrom!

    O doutor est ocupado. Um jovem mdico, recm-formado, montou seu consultrio modesto e, enquanto esperava a clientela, ficou imaginando uma maneira de promover-se. Quando, afinal, apareceu o primeiro cliente, ele j estava pre-parado. Assumiu um ar ocupadssimo, fez sinal para que o visitante aguardasse um momento e fingiu que estava