O Brasil sob o regime militar

Download O Brasil sob o regime militar

Post on 27-Jun-2015

2.968 views

Category:

Documents

7 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • 1. 1 31 DE MARO DE 2009

2. HOJE EST FAZENDO EXATAMENTE35 ANOS QUE HOUVE O GOLPE MILITAR NO BRASIL.2 31 DE MARO DE 2009 3. ESTE SIMPLES TRABALHO TEM COMO OBJETIVO PRINCIPALREMEMORAR ALGUNS FATOS OCORRIDOS NAQUELE PERODO HISTRICO DA NAO BRASILEIRA PARA CONHECIMENTO E REFLEXO DA NOSSA JUVENTUDE331 DE MARO DE 2009 4. Eles fizeram a maior Revoluo Industrial do sc XX. Pegaram um pas com o 45o. PIB do mundo, e 21 anos depois, entregaram aos civis com o 10o. PIB mundial.Estamos h 24 anos, sob autoridade civil e ainda estamosem 10. Outras coisinhas que eles fizeram:4 31 DE MARO DE 2009 5. TIREM AS SUAS CONCLUSES531 DE MARO DE 2009 6. Criao de 13 milhes de empregos; A Petrobrs aumenta a produo de 75 mil para 750mil barris/dia de petrleo; Estruturao das grandes construtoras nacionais; PIB de 14%; Construo de 4 portos e recuperao de outros 20; Criao da Eletrobras; Criao da Nucleobras e subsidiria; Criao da Embratel e Telebras; Usina Angra I e Angra II; Industria aeronutica, naval, blica e automotiva; restabelecida a autoridade por 21 anos;6 31 DE MARO DE 2009 7. Pr-alcool (95% dos carros no pas); Construda as maiores usinas do MUNDO: Tucuru, IlhaSolteira, Jupi e Itaip; Exportaes crescem de 1,5 bilhes de dlares para 37bilhes; Rede Asfaltada de 3mil para 45 mil KM; Reduo da inflao de 100% para 12% , semcontrole do preo* e sem massacre do funcionalismopblico; Fomento e financimento de pesquisa: CNPq, FINEP eCAPES; Cursos de mestrado e doutorado;7 31 DE MARO DE 2009 8. INPS, IAPAS, DATAPREV, LBA, FUNABEM; FUNRURAL; Programa de merenda escolar e alimentao dotrabalhador; Criao de vrias Universidades Criao do FGTS, PIS, PASEP; Criao da EMBRAPA (70 milhes de toneladas degros); Duplicao da rodovia Rio Juiz de Fora e da Via Dutra; Criao da EBTU; Implementao do Metr em So Paulo, Rio de Janeiro,Belo Horizonte, Recife e Fortaleza;8 31 DE MARO DE 2009 9. Criao da INFRAERO, proporcionando a criao e modernizao dosaeroportos brasileiros (Galeo, Guarulhos, Braslia, Confins, Campinas- Viracopos, Salvador, Manaus); Implementao dos Plos Petroqumicos em So Paulo (Cubato) e naBahia (Camaari); Prospeco de Petrleo em grandes profundidades na bacia de Campos; Construo do Porto no Maranho; Construo dos maiores estdios, ginsios, conjuntos aquticos ecomplexos desportivos em diversas cidades e universidades do pas; SNI; Polcia Federal; Cdigo Tributrio Nacional; Cdigo de Minerao; Zona Franca de Manaus; IBDF Instituto Brasileiro de Desenvolvimento Florestal; Conselho Nacional de Poluio Ambiental; Reforma do TCU; Estatuto do Magistrio Superior; 9 31 DE MARO DE 2009 10. INDA Instituto de desenvolvimento agrrio; Criao do banco Central (DEZ64); SFH Sistema Financeiro habitacional; BNH Banco Nacional de Habitao; Construo de 4 milhes de moradias; Regulamentao do 13 salrio; Banco da Amaznia; SUDAM; Reforma Administrativa, Agrria, Bancria, Eleitoral, habitacional, Poltica e Universitria; Ferrovia da soja; Rede Ferroviria ampliada de 3mil e remodelada para 11 mil KM; Frota mercante de 1 para 4 milhes de TDW; Corredores de exportaes de Vitria, Santos, Paranagu e Rio Grande; Matriculas do ensino superior de 100 mil em 1964 para 1,3 milhes em 1981; Mais de 10 milhes de estudantes nas escolas (que eram realmente escolas); Estabelecimento de assistncia mdico sanitria de 6 para 28 mil; Crdito Educativo; Projeto RONDON; MOBRAL; 10 31 DE MARO DE 2009 11. OBRAS DE GRANDE IMPACTO PARA O DESENVOLVIMENTO DOPAS1131 DE MARO DE 2009 12. CENTENAS DE PONTES DESTACANDO-SE ESTA COMO UMA DAS MAIS IMPORTANTE DE TODAS1231 DE MARO DE 2009 13. PONTE RIO-NITERI1331 DE MARO DE 2009 CONSTRUDA NO PERODO DE 1969 A 1974 14. PONTE RIO-NITERI14 31 DE MARO DE 2009 15. PONTE RIO-NITERIO conceito de seu projeto remonta a 1875, visando a ligao entre os dois centros urbanos vizinhos, separados pela baa de Guanabara ou por uma viagem terrestre de mais de 100 km, que passava pelo municpio de Mag. poca havia sido concebida a construo de uma ponte e, posteriormente, de um tnel.Entretanto, somente no sculo XX, em 1963, foi criado um grupo de trabalho para estudar um projeto para a construo de uma via rodoviria. Em 29 de Dezembro de 1965, uma comisso executiva foi formada para cuidar o projeto definitivo de construo de uma ponte.O Presidente Costa e Silva assinou decreto em 23 de Agosto de 1968, autorizando o projeto de construo da ponte, idealizado por Mrio Andreazza, ento Ministro dos Transportes, sob a gesto de quem a ponte foi iniciada e concluda.A obra teve incio, simbolicamente, em 9 de Novembro de 1968, com a presena da Rainha da Gr-Bretanha, Elizabeth II e de Sua Alteza Real, o Prncipe Filipe, Duque de Edimburgo, ao lado do ministro Mrio Andreazza. As obras tiveram incio em Janeiro de 1969.31 DE MARO DE 152009 16. USINAS HIDRELTRICAS1631 DE MARO DE 2009 17. HIDRELTRICA DE ITAIPU A Usina Hidreltrica de Itaipu Binacional uma usina hidreltricabinacional construda pelo Brasil e pelo Paraguai no rio Paran, no trecho defronteira entre os dois pases, 14 quilmetros ao norte da Ponte da Amizade.A rea do projeto se estende desde Foz do Iguau, no Brasil, eCiudad del Este, no Paraguai, ao sul, at Guara (Brasil) e Salto del Guair (Paraguai), ao norte. A potncia instalada da Usina de 14.000 MW(megawatts), com 20 unidades geradoras de 700 MW cada. No ano 2000, a usina atingiu o seu recorde de produo de 93,4 bilhes dequilowatts-hora (kWh), sendo responsvel pela gerao de 95% da energiaeltrica consumida no Paraguai e 24% de toda a demanda do mercadobrasileiro. At o funcionamento em plena capacidade da Hidreltrica de Trs Gargantasna China, a usina de Itaipu a maior hidreltrica do mundo em potnciainstalada. Em capacidade de gerao continuar sendo a mais importante,visto que o regime hidrolgico do rio Paran apresenta maior fluxo de guaque o Rio Yangtz. A energia gerada por Itaipu e destinada ao Brasil transmitida pela empresaFurnas Centrais Eltricas S.A. No municpio de Manoel Ribas - PR, atravs de uma subestao rebaixadora(750 kV/550 kV), chamada Ivaipor, 15% da energia gerada por Itaipu entregue Eletrosul Centrais Eltricas S.A. Cabe Eletrosul, entre outrasfunes, a transmisso desta energia s concessionrias do sul do Brasil e aoestado do Mato Grosso do Sul.17 31 DE MARO DE 2009 18. USINA HIDRELTRICA DE ITAIPU18 31 DE MARO DE 2009 CONTRUDA NO PERODO DE 1971 A 1982 19. HIDRELTRICA DE TUCURU Usina Hidreltrica de Tucuru a maiorusina hidreltrica 100% brasileira localizada a 400 km deBelm no estado do Par, municpio de Tucuru. Foiconstruda para a gerao de energia eltrica e paratornar navegvel um trecho do rio Tocantins cheio decorredeiras, ultrapassadas atravs de uma eclusa. Aextenso total da barragem de terra tem 11 km.19 31 DE MARO DE 2009 20. USINA HIDRELTRICA DE TUCURU2031 DE MARO DE 2009CONSTRUDA NO PERODO DE1976 A 1984 21. USINA HIDRELTRICA DE ILHA SOLTEIRAA Usina Hidreltrica Ilha Solteira a maior usina da CESP e do Estado de So Paulo e a terceira maior usina hidreltrica do Brasil. Est localizada no Rio Paran, entre os municpios de Ilha Solteira (SP) e Selvria (MS). Em conjunto com a UHE Engenheiro Souza Dias (Jupi), compe o sexto maior complexo hidreltrico do mundo. Sua potncia instalada de 3.444,0 MW e tem 20 unidades geradoras com turbinas tipo Francis. A usina foi concluda em 1978. uma usina com alto desempenho operacional que, alm da produo de energia eltrica, de fundamental importncia para o controle da tenso e freqncia do Sistema Interligado Nacional. Sua barragem tem 5.605 m de comprimento e seu reservatrio tem 1.195 km2 de extenso. O Canal Pereira Barreto, com 9.600 m de comprimento, interliga os reservatrios da Usina Hidreltrica Ilha Solteira e da Usina Hidreltrica Trs Irmos, propiciando a operao energtica integrada dos dois aproveitamentos hidreltricos. CONSTRUDA EM19782131 DE MARO DE 2009 22. HIDRELTRICA DE JUPI Situada sobre o Rio Paran, na interseco com o Rio Sucuri, no ponto chamado Jupi, entre as cidades de Trs Lagoas (Mato Grosso do Sul) e Castilho (So Paulo), a Usina Hidreltrica Engenheiro Sousa Dias a terceira maior usina hidreltrica do Brasil. A construo da Usina do Jupi, como tambm chamada, foi iniciada na primeira metade da dcada de 1960 e finalizada no ano de 1974, utilizando tecnologia inteiramente brasileira. Apesar de ter sido um projeto desenvolvido durante a ditadura militar, perodo marcado por obras faranicas, a Usina Hidreltrica Engenheiro Sousa Dias relativamente eficaz em termos da rea alagada e da destruioINAUGURADA EM 1974 ambiental causada e da eletricidade ali produzida. Entre as trs maiores usinas hidreltricas do Brasil, perde somente para a maior, a Usina hidreltrica de Itaipu, em termos deeficincia, ultrapassandoa Usina hidreltrica de Ilha Solteira.22 31 DE MARO DE 2009 23. PETROBRS S/A A Petrobras- Petrleo BrasileiroS/A(BOVESPA: PETROBRAS; NYSE:PBR) uma empresa estatal brasileira,de economia mista [2], que opera no segmentodeenergia, prioritariamente nas reas de explorao, produo, refino, comercializao e transporte de petrleo e seus derivados no Brasil e noexterior, sediadano Rio de Janeiro. Seu lema atual "Uma empresa integrada de energia que atua com responsabilidade social e ambiental". SEDE DA PETROBRS - RJ31 DE MARO DE 232009 24. CNPq Conselho Nacional de Desenvolvimento Cientfico e Tecnolgico (antigo Conselho Nacional de Pesquisa, cuja sigla j era CNPq e foi mantida ao mudar-se o nome da agncia) um rgo ligado ao Ministrio da Cincia e Tecnologia (MCT) para incentivo pesquisa no Brasil. Fundado em 1951, o CNPq uma instituio longeva. Por isso, por ela mesma considerada das mais slidas de sua rea entre os pases em desenvolvimento. Seu objetivo inicial foi capacitar o Brasil a dominar o ciclo atmico, tema definido como de importncia estratgica quele momento. Porm, seu papel ampliou-se com o passar do tempo. At a criao do Ministrio, o CNPq era o rgo que centralizava a coordenao da poltica nacional de cincia e tecnologia. Hoje sua misso promover o desenvolvimento cientfico e tecno