nr 12 comentada - segurança no trabalho em maquinas e equipamentos

Download NR 12 Comentada - Segurança no Trabalho em Maquinas e Equipamentos

Post on 02-Jun-2015

60.921 views

Category:

Education

11 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

http://www.prevencaonline.net Segurança no Trabalho em Maquinas e Equipamentos.

TRANSCRIPT

  • 1. Servio Social da Indstria Departamento Regional da Bahia Legislao Comentada: NR 12 - Mquinas e Equipamentos Salvador-Bahia 2008

2. Legislao Comentada: NR 12 - Mquinas e Equipamentos 3. FEDERAO DAS INDSTRIAS DO ESTADO DA BAHIA Presidente Jorge Lins Freire SERVIO SOCIAL DA INDSTRIA. DEPARTAMENTO REGIONAL DA BAHIA Diretor Regional Jos Cabral Ferreira Superintendente Manoelito dos Santos Souza Coordenador da Assessoria de Desenvolvimento Aroldo Valente Barbosa Assessora de Sade Lvia Maria Arago de Almeida Lacerda Gerente do Ncleo de Sade e Segurana no Trabalho - NSST George Batista Cmara Coordenadora de Projetos NSST Kari McMillan Campos Consultor Tcnico Giovanni Moraes Coordenao da Reviso Tcnica Maria Fernanda Torres Lins Reviso Tcnica Renata Lopes de Brito Ana Cristina Fechine Reviso de Texto Arlete Castro Apoio Jos Arlindo Lima da Silva Jnior 4. Servio Social da Indstria Departamento Regional da Bahia Legislao Comentada: NR 12 - Mquinas e Equipamentos Salvador-Bahia 2008 5. 2008 SESI. Departamento Regional da Bahia autorizada a reproduo total ou parcial desta publicao, desde que citada a fonte. Publicao em verso eletrnica disponvel para download no Centro de Documentao dos Servios Virtuais de SST do SESI no: www.fieb.org.br/sesi/sv Normalizao Biblioteca Sede/ Sistema FIEB biblioteca@fieb.org.br Ficha Catalogrfica SESI. Departamento Regional da Bahia Rua Edstio Pond, 342 (Stiep) Salvador/BA CEP: 41770-395 Telefone: (71) 3205-1893 Fax: (71) 3205-1885 Homepage: http://www.fieb.org.br/sesi E-mail: kari@fieb.org.br 363.11 S493l Servio Social da Indstria - SESI. Departamento Regional da Bahia. Legislao comentada: NR 12 - Mquinas e Equipamentos/ Servio Social da Indstria - SESI. Departamento Regional da Bahia. _ Salvador, 2008. 28 p. 1. Sade - legislao. 2. Segurana do trabalho - legislao. 3. Medicina do trabalho - legislao. 4. Brasil. I. Ttulo. 6. SUMRIO APRESENTAO 1 NR 12 - MQUINAS E EQUIPAMENTOS 9 1.1 DOCUMENTOS COMPLEMENTARES 9 1.2 PERGUNTAS E RESPOSTAS COMENTADAS 10 1.3 COMENTRIOS 24 REFERNCIAS 26 7. APRESENTAO Com o objetivo de identificar necessidades de informao sobre Segurana do Trabalho e Sade do Trabalhador (SST), o Servio Social da Indstria - Departamento Regional da Bahia (SESI-DR/BA) realizou um estudo com empresrios de pequenas e mdias empresas industriais dos setores de Construo Civil, Metal Mecnico, Alimentos e Bebidas. Neste estudo, os empresrios baianos participantes apontaram a informao em relao s exigncias legais em SST como sua maior necessidade, destacando as dificuldades enfrentadas em relao legislao que vo do seu acesso interpretao da mesma. Com vistas a facilitar o entendimento da legislao em SST, e conseqentemente sua aplicao em empresas industriais, o SESI-DR/BA elaborou o presente documento que apresenta numa linguagem comentada algumas das principais questes da Norma Regulamentadora (NR) 12 - Mquinas e Equipamentos. Alm de apresentar esta norma no formato de perguntas e respostas, o texto inclui uma lista de documentos complementares e comentrios gerais em relao a sua aplicao. Vale destacar que o presente texto um captulo de outra publicao que aborda diversas NRs de forma comentada. A publicao original pode ser localizada em www.fieb.org.br/sesi/sv. 8. 9 1 NR 12 - MQUINAS E EQUIPAMENTOS A Norma Regulamentadora 12, cujo ttulo Mquinas e Equipamentos, estabelece as medidas prevencionistas de segurana e higiene do trabalho a serem adotadas na instalao, operao e manuteno de mquinas e equipamentos, visando a preveno de acidentes do trabalho. A NR 12 tem a sua existncia jurdica assegurada, em nvel de legislao ordinria, nos artigos 184 a 186 da Consolidao das Leis do Trabalho (CLT). 1.1 DOCUMENTOS COMPLEMENTARES ABNT NB 033 - Uso, cuidados e proteo das ferramentas abrasivas: cdigo de segurana. ABNT NBR 13536 - Mquinas injetoras para plsticos e elastmeros - requisitos tcnicos de segurana para o projeto, construo e utilizao. ABNT NBR 13543 - Movimentao de carga - laos de cabo de ao - utilizao e inspeo. ABNT NBR 13579 - Colcho e colchonete de espuma flexvel de poliuretano: parte 1: bloco de espuma. ABNT NBR 13758 - Segurana de mquinas - distncias de segurana para impedir o acesso a zonas de perigo pelos membros inferiores. ABNT NBR 13760 - Segurana de Mquinas - Folgas mnimas para evitar esmagamento de partes do corpo humano. ABNT NBR 13761 - Segurana de mquinas - distncias de segurana para impedir o acesso a zonas de perigo pelos membros superiores. ABNT NBR 13865 - Cilindros para massas alimentcias - Requisitos de segurana, instalao, operao de segurana e manuteno de mquinas e equipamentos de padaria, confeitaria, pizzaria e pastelaria. ABNT NBR 13868 - Telecomunicao - Equipamento radiodigital em 23 GHz, com capacidade de transmisso de 8x2 Mbit/s, 16x2 Mbit/s ou 34 Mbit/s. ABNT NBR 13929 - Segurana de mquinas - dispositivos de intertravamento associados a protees - princpios para projetos e seleo. 9. 10 ABNT NBR NM 272 - Segurana de mquinas - protees - requisitos gerais para o projeto e construo de protees fixas e mveis. Captulo V do Ttulo II da CLT - Refere-se Segurana e Medicina do Trabalho. Conveno OIT 119 - Decreto no 1.255, de 29/09/94 - Proteo das mquinas. Portaria MTb/SSMT no 12, de 06/06/83 - Altera a redao original da NR 12, j efetuada no texto. Portaria MTb/SSMT no 13, de 24/10/94, edio 11/94 da SST - Altera a redao original acrescentando o Anexo I e o subitem 12.3.9, j efetuada no texto. Portaria MTb/SSST no 25, de 03/12/96 - Altera a redao original acrescentando o Anexo II e o subitem 12.3.10, j efetuada no texto. Portaria MTE/SIT/DSST no 09, de 30/03/00 - Altera a NR 12, acrescentando os subitens 12.3.11 e 12.3.11.1 j inseridos no texto. Publicao de autoria de Ren Mendes intitulada Mquinas e acidentes de trabalho editada em 2001 pelo Ministrio do Trabalho e Emprego (MTE) e Ministrio da Previdncia e Assistncia Social (MPAS). 1.2 PERGUNTAS E RESPOSTAS COMENTADAS 1.2.1 - Quais so os cuidados especiais com as mquinas e os equipamentos que possuem dispositivos de acionamento e parada? Seja acionado ou desligado pelo operador na sua posio de trabalho; No se localize na zona perigosa da mquina ou do equipamento; Possa ser acionado ou desligado em caso de emergncia, por outra pessoa que no seja o operador; No possa ser acionado ou desligado, involuntariamente, pelo operador, ou de qualquer outra forma acidental; No acarrete riscos adicionais. 10. 11 1.2.2 - Quais os riscos principais envolvendo prensas hidrulicas e mecnicas? Uma discusso bsica sobre os riscos de acidentes em prensas hidrulicas similar das prensas mecnicas com embreagem tipo freio/frico. Nas prensas hidrulicas, o risco de esmagamento , geralmente, menor, pois a velocidade de descida da mesa mvel tambm menor. 1.2.3 - Quais so os cuidados especiais com as mquinas e equipamentos com acionamento repetitivo? Conforme o item 12.2.2 da NR 12, as mquinas e os equipamentos com acionamento repetitivo, que no tenham proteo adequada, oferecendo risco ao operador, devem ter dispositivos apropriados de segurana para o seu acionamento. Em algumas mquinas, os dispositivos de segurana no evitam, efetivamente, o contato com partes perigosas. Estas partes incluem diferentes tipos de prensas e cortadoras, alm de mquinas com rolamentos de borracha. 1.2.4 - Quais os exemplos de mecanismos de segurana que podem existir nas mquinas e equipamentos? Comando bimanual: o acionamento da mquina realizado com ambas as mos; Feixes de luz (dispositivos de clulas fotoeltricas): se a mo ultrapassar os feixes de luz, a mquina pra de funcionar, automaticamente; Enclausuramento ou barreiras: protege o trabalhador por causa do tamanho, da posio ou do formato da abertura para alimentao da mquina; Corte automtico: a mquina pra quando algum ou algo entra na zona de perigo; 11. 12 Dispositivo para afastar as mos: operado por cabo de ao, preso aos pulsos do operador ou aos seus braos, para afastar suas mos quando estas se encontrarem na zona perigosa. 1.2.5 - Quais os cuidados no uso de comando bimanual? O uso do comando bimanual no recomendado, salvo quando no h formas prticas e viveis de serem utilizadas protees fsicas. O controle bimanual no prover um nvel adequado de proteo para uma mquina classificada como sendo de alto risco (como a prensa hidrulica, por exemplo). Esses dispositivos de segurana (se trabalharem de forma apropriada) somente fornecem proteo ao usurio da mquina e no a terceiros. Estes controles so geralmente fceis de apresentar defeitos e podem ser facilmente burlados. Exemplos de complementos ao comando bimanual, para maior diminuio do risco de acidente, seriam as barreiras mveis com interbloqueio ou cortinas de luz. 1.2.6 - Quais os cuidados com as mquinas e equipamentos que utilizam energia eltrica? O item 12.2.3 da NR 12 especifica que as mquinas e os equipamentos que utilizarem energia eltrica, fornecida por fonte externa, devem possuir chave geral, em local de fcil acesso e acondicionada em caixa que evite o seu acionamento acidental e proteja as suas partes energizadas. 1.2.7 - Quais os cuidados com as mquinas e equipamentos que possuem desligamento e acionamento por um nico comando? O item 12.2.4 da NR 12 determina que o acionamento e o desligamento simultneos de um conjunto de mquinas ou de mquina de grande dimenso (por um nico comando) devem ser precedidos de sinal de alarme. 12. 13 1.2.8 - Quais os cuidados com os equipamentos que possuem transmisses de fora? Segundo o item 12.3.1 da NR 12, exige-se que as transmisses de fora sejam enclausuradas dentro de sua estrutura ou devidamente isoladas por anteparos adequados. 1.2.9 - Quando possvel deixar expostas as transmisses de fora? De acordo com o item 12.3.2 da NR 12, somente quando estas estiverem a uma altura superior a 2,50 m, desde que por perto no haja plataforma de trabalho ou reas de circulao em diversos nveis. 1.2.10 - O que deve ser feito quanto s mquinas e aos equipamentos que