noticiário 16 09 14

Download Noticiário 16 09 14

Post on 03-Apr-2016

214 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

 

TRANSCRIPT

  • O DEBATEDIRIO DE MACA

    Governo sanciona lei municipal que agilizar trs mil pedidos de Alvar

    PM apreende drogas e prende suspeitos

    Aps aprovao da Cmara, lei estabelece critrios para liberao temporria e em carter excepcional de atuao de atividades econmicas que registram pendncias para o acesso Certido de Habite-se PG. 3

    Iniciados em novembro de 2011, projetos passaram por alteraes e devem ser concludos no segundo semestre de 2015

    www.odebateon.com.br

    Maca (RJ), tera-feira16 de setembro de 2014Ano XXXIV, N 8502Fundador/Diretor: Oscar Pires

    WANDERLEY GIL

    KAN MANHES

    KAN MANHES

    DIVULGAO P2

    Em obras, novas unidades ampliaro nmero de salas de aulas na rede municipal de ensino

    Mais de 160 pinos de cocana foram apreendidos

    facebook/odebate

    twiter/odebate

    issuu/odebateon

    Este final de semana foi marcado por apre-enses de drogas e priso de suspeito de trfico. Na tarde de sbado (13), Edson de Oliveira Pi-nheiro, de 24 anos, foi preso em flagrante na rua Caravela, no bairro Aeroporto, suspeito de trfico de drogas. De acordo com informaes prelimi-nares do 32 Batalho de Polcia Militar (BPM), a priso aconteceu aps uma denncia annima in-formando que ele estaria vendendo entorpecen-tes. Policiais encontraram 11 cpsulas de cocana no seu bolso e ele confessou que guardava mais dentro de casa. Ao entrarem na residncia, acha-ram mais 150 cpsulas com o mesmo material. Logo depois, um outro homem de 40 anos chegou para comprar drogas. Ambos foram levados para a 123 DP, sendo que o primeiro ficou detido e o segundo foi ouvido e liberado em seguida. J no domingo (14), trs menores foram apre-

    endidos suspeitos de traficarem drogas no bairro Botafogo, em Maca. PG. 6

    Est prevista para o segundo semestre de 2015 a concluso da obra da escola municipal que est

    sendo construda no Parque da Cidade. Segundo o rgo muni-cipal, a obra est sendo execu-tada normalmente, de acordo

    com o cronograma. Ainda segundo informaes,

    o servio, que j passou da fun-dao, iniciou uma nova etapa que foi o levantamento de pare-des e a previso de concluso julho de 2015. Orada em R$ 8.209.535,32,

    segundo a placa informativa, a obra era para ser entregue em

    SEMANA COMEA COM 1.096 VAGAS

    SUSPEITOS DE ROUBOS NA IMBETIBA SO PRESOS

    BURACOS APARECEM APS OBRAS EM RUAS

    Durante ao no final de semana, polcia apreendeu 160 pinos de cocana em Maca

    R$ 1,00

    dezembro deste ano. O projeto, segundo dados da placa infor-mativa, teve incio em 4 de no-vembro de 2011 e era para ter sido entregue no ltimo dia 4 de julho deste ano. Porm, pre-cisou passar por alteraes e, de acordo com o governo munici-pal, s dever ser entregue no prximo ano. PG. 7

    ESCOLAS PARA 2015

    ECONOMIA, PG.5 POLCIA, PG.6 CIDADE, PG.2

    EDUCAO SEGURANA

    Executivo aplica supervit dos royalties

    Fontenelle preso em ao da PM no Rio

    NDICETEMPO

    COTAO DO DLAR

    ESPORTE POLCIA POLTICA

    Recursos reforam verbas destinadas Sade e Limpeza Pblica PG. 3

    Ex-comandante do 32 BPM de Maca suspeito de comandar esquema PG. 6

    TIAGO FERREIRA/ASSESSORIA WANDERLEY GIL

    Com o placar de 1 a 1, o Alvianil segue fora do G-4 Coronel atuou em Maca em 2008

    Maca joga em casa e empata com GuaratinguetConfronto realizado no sbado (13) terminou em 1 a 1 no Moacyrzo PG. 8

    EDITORIAL 4

    PAINEL 4

    GUIA DO LEITOR 4

    ESPAO ABERTO 4

    CRUZADINHA C2

    HORSCOPO C2

    CINEMA C2

    AGENDA C2

    Mxima 34 CMnima 20 C

    Compra R$ 2,3403Venda R$ 2,3413 Anuncie: (22) 2106-6060 (215)

    EDUCAO POLTICA CIDADE CADERNO DOIS

    Cederj abre inscrio para iseno e cotas

    Campanha irregular flagrada na cidade

    Esgoto volta a causar problemas no Lagomar

    Quinteto Brasileiro de Metais em Maca

    Inscries comearam no dia 11 e seguem at o dia 28 PG. 7

    Placas de candidatos presas em rvore so proibidas PG.3

    Moradores solicitam reparos imediatos em rede PG. 2

    Grupo se apresenta nesta tera-feira (16) no Teatro CAPA

  • O DEBATE DIRIO DE MACA2 Maca, tera-feira, 16 de setembro de 2014

    CidadeCENTRO

    Protetores da causa animal vo promover ato contra os maus-tratos Passeata pacfica ser realizada no prximo sbado, a partir das 8 horas, na Praa Verssimo de Melo Marianna Fontesmarifontes@odebateon.com.br

    Um grupo de pessoas da sociedade civil, que atua como protetor na causa animal, est organizando, atra-vs de uma pgina no Facebook, a passeata pacfica Maus-tratos crime, que ser realizada no prximo sbado (20), no Centro. O evento, que conta com o

    apoio da Casa dos Anjos, tem como objetivo conscientizar e sensibilizar a populao e o po-der pblico, cobrando polticas pblicas e o fim da impunidade nos casos de maus-tratos, que crime segundo a Lei federal n 9.605/98. A concentrao ser s 8

    horas, na Praa Verssimo de Mello. J a ao est prevista pa-ra comear s 9 horas, seguindo em direo ao Calado da Ave-nida Rui Barbosa. Os respon-sveis pela passeata explicam que o evento ser aberto a toda sociedade, inclusive, outras or-ganizaes que lutam a favor dos animais. Eles tambm res-saltam que a iniciativa no tem envolvimentos polticos.Na pgina do evento (ht-

    tps://www.facebook.com/events/343577932458155/), j so mais de 400 pessoas con-

    firmadas at o momento. Vo-c que est cansado de ver ani-mais pelas ruas, de ver tantos maus-tratos, participe conosco e convide seus amigos, diz na divulgao.Entre as reivindicaes de

    melhorias est a implantao de um hospital veterinrio pbli-co com um bom atendimento, castrao gratuita para quem no tem condies financeiras e protetores que tenham vrios animais, entre outras coisas. Os participantes pretendem

    levar faixas e cartazes para cha-mar ateno das pessoas nas ru-as e tambm fazer a distribuio de panfletos informativos. Ns tambm queremos alertar a po-pulao para o grande aumento de abandono e maus-tratos em nossa cidade, orientando que todos que presenciarem algo do tipo que faam a denncia, conta uma das organizadoras. Os protetores tambm di-

    zem que vo estar recebendo doaes no dia, de raes e re-mdios, como vermfugos, pa-ra serem usados nos animais que ainda esto abandonados nas ruas do Centro e no pude-ram ser resgatados. Estamos fazendo esse convite a quem quiser ajudar, seja pessoa fsi-ca ou algum comrcio, como

    petshop, que nos ajude. Ns gostaramos de usar essas doa-es com os animais que a gen-te for encontrando na rua, pois, infelizmente, no temos como resgatar todos. Quem no tiver condies, pode ajudar tambm

    levando potinhos e gua, frisa.Casos de abandono e maus-

    tratos tm sido comuns em Maca e em todo Brasil. Entre casos de destaque que aconte-ceram recente est o do homem que foi flagrado tentando afogar

    um cachorro na Praia de Imbe-tiba e do caso de um cavalo que foi abandonado doente em um lixo no Jardim Vitria.

    SAIBA COMO DENUNCIARQuando o assunto denncia

    de maus-tratos ou crueldade contra animais, o Brasil possui legislao pertinente e autori-dades competentes que so res-ponsveis pela manuteno da lei e punio de crimes.Em caso de maus-tratos com

    qualquer tipo de animal, seja domstico ou silvestre, a popu-lao deve denunciar. considerado maus-tratos

    o abandono, envenenamento, presos constantemente em correntes ou cordas muito curtas, manuteno em lugar anti-higinico, mutilao, pre-sos em espao incompatvel ao porte do animal ou em local sem iluminao e ventilao, utilizao em shows que pos-sam lhes causar leso, pnico ou estresse, agresso fsica, exposio a esforo excessivo e animais debilitados (trao), rinhas, entre outros.Ao presenciar qualquer situ-

    ao dessa, v at a delegacia de polcia mais prxima e faa um boletim de ocorrncia ou com-parea Promotoria de Justia do Meio Ambiente. A denncia de maus-tratos legitimada pelo Art. 32, da Lei Federal n 9.605, de 12.02.1998 (Lei de Cri-mes Ambientais) e pela Consti-tuio Federal Brasileira, de 05 de outubro de 1988.

    WANDERLEY GIL

    A concentrao ser feita s 8 horas, na Praa Verssimo de Melo, seguindo em direo ao Calado

    PROFESSOR GUSMO

    Moradores denunciam estado da rua aps concluso de obra

    Cansados de conviver com os transtornos gerados por conta de uma obra, os morado-res da Rua Professor Gusmo, na Praia Campista, procuraram a nossa equipe de reportagem essa semana para pedir socor-ro, pois j no sabem mais a quem recorrer. Segundo eles, um trecho da

    rua, prximo a Escola Muni-cipal Coquinho, precisou ser aberto recentemente. O pro-blema que, aps a concluso do servio, os responsveis pela obra no teriam feito o reparo necessrio para entregar a via em perfeitas condies. Quem vive ali ainda alega que o

    trabalho teria sido feito por uma construtora com fins particula-res, ou seja, no seria em prol de benfeitorias para a populao do bairro. Alm da m colocao dos paraleleppedos, deixando des-nveis na pista, a poeira gerada pela areia no local tem tirado os moradores do srio.No sabemos exatamente

    quem foi o responsvel, mas o que podemos afirmar que vie-

    Segundo o relato deles, poeira tem causado transtornos para quem vive no local

    ram aqui, abriram um buraco para colocar tubulao e depois deixaram a nossa rua do jeito que vocs podem ver. Dizem que foi um servio particular feito, mas agora pensa se todo mun-do resolver fazer isso. Cad a prefeitura para fiscalizar? O m-nimo que deveriam ter feito en-tregar do jeito que estava antes. Estamos h cerca de dois meses convivendo com essa situao e ela s est piorando cada vez mais. Os carros passam aqui e levantam uma poeira horrvel. A gente no pode nem ficar com as nossas casas abertas, porque com tudo fechado j fica sujo. Para se ter uma ideia, eu lavei o meu carro na quinta-feira e hoje ele j est sujo de novo. Tem vi-zinhos que so alrgicos e esto sofrendo por conta diss