noticia urgente ed. 226

Download Noticia Urgente Ed. 226

Post on 28-Mar-2016

221 views

Category:

Documents

2 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Servidores municipais iniciam mobilização pela Campanha Salarial 2013.

TRANSCRIPT

  • Maro de 2013 I Edio 226 I Ano 21

    Notcia Urgente

    Porta-voz do Servidor

    Pg. 6

    Entidades negociam questo de servidores em licena sem vencimentos

    Pg. 8

    A realidade sobre o plano Santa Casa Sade

    Pg. 12

    Ncleo de Convivncia estreia projeto Cantoria

    Pg. 3

    PBH muda regras de avaliao de desempenho

    Pg. 4

    ASSEMP comemora 55 anos de fundao e homenageia conselheiro

    Murilo Garzon

    Pgs. 6 e 7

    Bola em jogoServidores municipais iniciam mobilizao pela Campanha Salarial 2013

  • Notcia Urgente - rgo Informativo da ASSEMP(31) 3237-5000 - noticiaurgente@assemp.org.brAssessoria de Comunicao e OuvidoriaJornalista Jos Almir da Rosa Reg. Prof.: MG 07771 JP

    Notcia Urgente

    Associao dos Servidores Municipais da Prefeitura de Belo Horizonte - Fundada em 1/3/58R. da Bahia, 1033 - 3, 4,5, 6, 8, 9, 10 e 13 andares CEP: 30.160-905 - Belo Horizonte - MG(31)3237-5000www.assemp.org.br - assemp@assemp.org.br

    Presidente de Honra - Dr. Celso Mello de Azevedo

    Presidente - Angelo Augusto Flores de Carvalho1 Vice-presidente - Anselmo Horta Nassif2 Vice-presidente - Carlos Alberto de Oliveira Diretor financeiro - Horaldo Oliveira SantosPresidente do Conselho Administrativo - William NagemPresidente do Conselho Fiscal - Manoel Teixeira Cardoso

    Berlim Comunicao(31) 3054-4376Texto e fotos - Vitor Moreira Reg. Prof.: 14055/MGProjeto grfico edio de arte - Paula FerreiraImagens de banco: stock.xchng

    Assempinho, o boneco mascote da ASSEMP, uma criao de Ricardo S Impresso: Fumarc - Tiragem: 18.000 exemplares

    O time dos servidores entra em campo

    Expediente

    Permitida a reproduo das matrias no todo ou em parte, desde que citada a fonte. As matrias assinadas no refletem necessariamente a posio da ASSEMP e so de inteira responsabilidade do autor.

    As selees de futebol do Taiti e Nigria se enfrenta-

    ro pela primeira vez na histria no dia 17 de junho de

    2013. Cinco dias depois, ser a vez de Japo e Mxico

    se enfrentarem, no que ser o quinto confronto entre

    essas duas equipes.

    Talvez voc esteja se perguntando qual a relevn-

    cia dessas informaes e o porqu delas serem apre-

    sentadas neste editorial. Pois saiba que em nome

    desses dois jogos (e de outros sete), que fazem parte

    das tabelas da Copa das Confederaes e da Copa do

    Mundo, que a Prefeitura de Belo Horizonte tem em-

    penhado boa parte de seus esforos e recursos nos

    ltimos anos.

    Um exemplo? Em dezembro de 2012 o prefeito Mar-

    cio Lacerda entrou com uma ao no Superior Tribunal

    Federal solicitando autorizao para reduzir o oramen-

    to da educao municipal. O argumento? Disponibilizar

    mais recursos para a execuo de projetos ligados

    Copa do Mundo.

    por esse motivo que o tema da Campanha Salarial

    dos servidores municipais deste ano est relacionado

    ao futebol. Com o lema essa seleo tambm precisa

    ser valorizada, o funcionalismo municipal quer refres-

    car a memria do prefeito e relembr-lo quais so as

    verdadeiras prioridades do chefe do Executivo: cuidar

    da populao, dos servidores e da cidade.

    Mais uma vez, repetindo o sucesso de 2011, as

    principais entidades representativas dos servidores se

    lanam na campanha de forma conjunta. A ASSEMP,

    ainda que no tenha autonomia de negociao sala-

    rial (essa uma funo exclusiva de sindicatos), estar

    apoiando e acompanhando de perto todos os passos

    do movimento.

    Assim como fizemos h dois anos, o Notcia Urgen-

    te reafirma seu compromisso de divulgar e manter os

    associados sempre bem informados. E mais do que

    isso: como porta-voz do servidor municipal, empunha-

    r mais uma vez a bandeira da participao. Somente

    com o apoio e a presso do principal interessado, voc,

    essa campanha ser vitoriosa.

    Vamos mostrar ao prefeito Marcio Lacerda que o

    time dos servidores que, verdadeiramente, joga pela

    cidade de Belo Horizonte.

    O redator

    Vamos mostrar para o prefeito

    Marcio Lacerda que o time dos

    servidores que, verdadeiramente,

    joga pela cidade de Belo Horizonte.

    Maro de 2013 I Edio 2262

  • Servidores em estgio probatrio sero avaliados apenas por sua chefia

    PBH MUDA regras de avaliao

    Maro de 2013 I Edio 2263

    AS PRINCIPAIS MUDANAS DA AVALIAODE DESEMPENHO

    Como era Como ficou

    A avaliao semestral era feita pelo gerente, pelo prprio servidor e por seus

    colegas de trabalhoO servidor ser avaliado somente

    por sua chefia direta

    Ao final do estgio probatrio (3 anos), a mdia das notas para ser efetivado

    deveria ser de, no mnimo, 70%A mdia foi alterada para 75%

    Os fatores assiduidade e disciplina valiam 20 pontos em cada avaliao Esses fatores passam a valer 30 pontos

    Os servidores municipais foram surpre-endidos com um decreto publicado pela PBH no dia 20 de fevereiro que altera as regras de avaliao de desempe-nho de trabalhadores em estgio probatrio. Com a mudana, os servidores passaro a ser avaliados somente por sua chefia. Ante-riormente, as avaliaes do prprio servidor e de seus colegas tambm eram considera-das na nota final.

    Para a presidente do Sindibel, Clia de L-lis, a medida abre margem para persegui-es polticas e assdio moral nos locais de trabalho. Trata-se de um golpe do prefeito para manter as terceirizaes, afirma. Assim como o Sindibel, outras entidades pressio-nam para que o decreto que promoveu as mudanas seja revogado. O Departamento Jurdico da ASSEMP tambm acompanha a questo de perto.

    Alm da alterao que d poder irres-trito aos gerentes, o decreto prev outras mudanas prejudiciais aos servidores (veja quadro). As entidades, porm, afirmam que o decreto publicado pela Prefeitura

    ilegal, uma vez que s Conselho de Administrao de Pessoal (Conap) pode-ria deliberar sobre mudanas nas regras de avaliao.

    Nossa entidade completa 55 anos de fun-dao neste ms de maro. Num breve resgate da histria percebemos que todos estes anos fizeram com que a Associao se tornasse referncia no meio dos servi-dores municipais e mesmo na cidade de Belo Horizonte.Acredito que isso ocorreu graas ao em-

    penho e postura tica que nortearam to-das as administraes at os dias de hoje. O resultado desse rduo trabalho coletivo o atendimento de mais de 14 mil scios juntamente com os seus familiares.Uma peculiaridade desse trabalho, que

    vem desde a sua fundao, a preocu-pao com a sade fsica e psicolgica de nossos assistidos. Depois da oferta de tantos produtos e servios, h quem pos-sa achar que j chegamos ao nosso limite. Que mais nada de novo pode ser idealiza-do, que devemos ficar do jeito que est porque assim j est bom. No!O dinamismo desta instituio sempre

    nos impulsiona a idealizar coisas novas, mesmo numa aparente calmaria, como aquela que foi interrompida pela operado-ra Santa Casa.No que diz respeito a este fato, lamenta-

    mos. Lutamos para que o processo no se concretizasse, mas parece que no haver volta. Decidimos seguir avante.Como opo, os scios j tm a Unimed.

    Esta oferecer algumas vantagens para quem migrar para um de seus contratos. Pedimos, mas foi negada a quebra total das carncias. Trata-se de questes co-merciais internas que procuramos no nos envolver.Alm disso, depois de uma grande bus-

    ca no mercado, duas operadoras se habi-litaram a apresentar propostas. Qualquer uma delas ou as duas, se fecharem conos-co, daro um prazo de 30 dias para que todos os interessados faam a adeso sem o cumprimento de carncia.Para facilitar a vida do scio, se autoriza-

    do pela Assembleia, farei uma incluso em massa. Posteriormente o scio confirmar ou no a sua adeso. Para ns o impor-tante que eles tenham um plano que os assista em caso de necessidade.Paralelamente o setor jurdico da ASSEMP

    continuar acompanhando as aes que foram movidas contra a Santa Casa visan-do garantir-lhe o direito ferido. Almejamos vitrias.

    assim que esta senhora de 55 anos continua a vivenciar a sua fraternidade. Na defesa dos direitos dos scios, na oferta de novos produtos e firme nas aes que a tornam uma entidade de classe respeitada em toda Minas Gerais. Vida longa ASSEMP!

    Crnicas do

    Angelo

    Senhora ASSEMP

  • J h mais de um ano s se fala em futebol por todo o pas. Com a Copa das Confederaes em junho e a Copa do Mundo no prximo ano, os governan-tes brasileiros s tm olhos voltados para estdios e obras de mobilidade urbana pensadas para facilitar o transporte dos turistas.

    Em BH, chegou a hora do prefeito Marcio Lacerda esquecer um pouco do Neymar, da CBF e da Fifa e dar ateno para a seleo que realmente veste a camisa da cidade: a dos servidores pblicos municipais. com esse mote que as entidades representati-vas do funcionalismo municipal esto lan-ando a Campanha Salarial 2013.

    Entre as principais reivindicaes esto um reajuste de 22% nos salrios e um vale-alimentao de R$ 25 (veja boxe). Da mesma forma que ocorreu em 2011, os sindicatos e associaes decidiram re-alizar uma campanha conjunta, que re-fora o poder de mobilizao e presso das categorias.

    Primeira assembleia unificada ser realizada no dia 13 de maro

    Comea a Campanha SALARIAL 2013

    Maro de 2013 I Edio 2264

    Assembleia unificadaPara legitimar a Campanha Salarial

    2013, os sindicatos esto realizando assembleias especficas com suas cate-gorias para aprovao da pauta de rei-vindicaes. Algumas entidades, como o Sindibel, o Sinmed-MG e o Somge j tiveram o aval de seus sindicalizados. Outras vo realizar assembleias no in-cio de maro. A primeira assembleia unificada dos

    servidores ser realizada no dia 13 de maro, s 9h, na Praa da Estao. Alm de apresentao da pauta, est prevista uma pass