natasha consolmagno mezzacappa baden-powell (1857-1941), mais conhecido como baden-powell. teve seu

Download Natasha Consolmagno Mezzacappa Baden-Powell (1857-1941), mais conhecido como Baden-Powell. Teve seu

Post on 28-May-2020

0 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE

    CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE

    CURSO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS

    Natasha Consolmagno Mezzacappa

    EDUCAÇÃO NÃO FORMAL E ENSINO DE VALORES: AS CONTRIBUIÇÕES DA

    LEI ESCOTEIRA PARA A FORMAÇÃO DE VALORES EM JOVENS DE 10 A 14

    ANOS

    São Paulo

    2012

  • NATASHA CONSOLMAGNO MEZZACAPPA

    EDUCAÇÃO NÃO FORMAL E ENSINO DE VALORES: AS CONTRIBUIÇÕES DA

    LEI ESCOTEIRA PARA A FORMAÇÃO DE VALORES EM JOVENS DE 10 A 14

    ANOS

    Orientador: Prof. Dr. Rinaldo Molina

    São Paulo

    2012

    Trabalho de Conclusão de Curso apresentado ao

    Centro de Ciências Biológicas e da Saúde da

    Universidade Presbiteriana Mackenzie como parte

    dos requisitos exigidos para a obtenção do grau de

    Licenciado em Ciências Biológicas.

  • DEDICATÓRIA

    À meus pais, meus melhores exemplos de pessoas

    de valor, que sempre me incentivaram a alcançar meus

    sonhos com muita persistência e força.

  • AGRADECIMENTOS

    Ao Centro de Ciências Biológicas e da Saúde da Universidade Presbiteriana

    Mackenzie, que me disponibilizou ferramentas as quais muito contribuíram na

    construção da base do meu (promissor) futuro profissional.

    À meus brilhantes professores da Licenciatura, em especial Adriano Monteiro

    de Castro, Magda Medhat Pechliye e Rosana dos Santos Jordão, que foram

    essenciais para o meu desenvolvimento crítico, moral e educacional.

    À meu orientador, Rinaldo Molina, por me auxiliar no desenvolvimento deste

    trabalho que é tão importante para mim tanto na questão educacional, como na de

    contribuir com mais pesquisas ao Movimento Escoteiro.

    À meus pais, Mauro e Sônia, pela paciência, incentivo e confiança em mim

    durante todos estes anos universitários. Muito obrigada também por todo o auxílio,

    lendo e revisando meu trabalho afim de torná-lo cada vez melhor! Vocês são meu

    mais forte exemplo de integridade.

    Ao meu namorado, Angelo, pela paciência e companheirismo nesses meses

    conturbados de elaboração do TCC. Se não fosse você para me distrair a cabeça,

    me relaxar e me divertir, acho que eu teria surtado.

    Ao Movimento Escoteiro em geral, por me transformar na pessoa que sou

    hoje, cheia de valores morais e com muita vontade de passar o que aprendi para

    frente. Graças a este movimento conheci pessoas incríveis e que se tornaram

    exemplos para mim.

    À Baden-Powell, fundador do movimento que transforma vidas e que me

    orgulho muito de fazer parte.

    À todos os integrantes do 72° Grupo Escoteiro Cassiano Ricardo. Meus

    companheiros há 8 anos, que considero meus irmãos, amigos e professores da

    escola da vida. Vale aqui citar o chefe Horus, chefe Zeca, mestre Ascêncio, chefe

    Gaio, chefe Tonho, Angélica, Simoni, Foinha, Lailinha, Dedé, Frazão, todos os

    escoteiros da Tropa Mista Lobo Guará, entre muitos outros.

  • À meu amigo Karakú, pelas conversas e dicas sobre quais seriam os

    melhores temas para abordar o Movimento Escoteiro em um trabalho de graduação.

    Á Carla, minha psicóloga, pois foi com ela que consegui elucidar muitos

    questionamentos e definir o objetivo que tanto queria atingir no trabalho.

  • RESUMO

    As individualidades de cada pessoa são definidas por uma arquitetura de valores

    apresentadas a elas ao longo de sua vida, sendo escolhidas de forma pessoal e não

    previsível. O Movimento Escoteiro é um meio de educação não formal que tem como

    uma de suas prioridades o ensino de valores morais a jovens tomando por base os

    valores preconizados pela Lei Escoteira. Com o objetivo de identificar e analisar se o

    ensino de valores veiculados pelo Movimento Escoteiro influencia a vivência dos

    jovens de 10 a 14 anos que participam desse movimento, foi elaborado um diário em

    que os escoteiros escreveram reflexões e relatos acerca de cada um dos 10 artigos

    da Lei Escoteira. Os resultados mostraram que, apesar de alguns terem feito apenas

    cópias dos artigos, grande parte dos jovens fez reflexões aprofundadas e relatou

    fatos relevantes de suas vidas ou de outras pessoas, mostrando compreensão

    quanto aos significados dos artigos. Os valores propostos previamente para cada

    artigo da Lei Escoteira foram os mais presentes nas escritas dos escoteiros,

    havendo apenas algumas confusões de interpretação ou desconhecimento de

    termos. Pôde-se concluir que as reflexões exprimiram correta interpretação dos

    valores citados e condizente aos valores propostos para a Lei, que as atitudes

    evidenciadas nos relatos expressam corretamente os valores propostos não apenas

    entre escoteiros, mas em diversos outros locais, e que, portanto, há a influência dos

    valores veiculados pelo Movimento Escoteiro na vivência e educação dos escoteiros.

    Palavras-chave: Ensino de valores, Educação não formal, Movimento Escoteiro.

  • ABSTRACT

    Each persons individualities are defined by an architecture of values presented to

    them throughout their life, being personally chosen and in a not predictable way. The

    Scout Movement is a non-formal education center where one of its priorities is the

    moral value education of the young scouts based in the present values of the Scout

    Law. With the purpose of identify and analyze if the values education conveyed by

    Scouting influences the experiences of the young people aged 10 to 14 who makes

    part of this movement, a Scout Law diary was made, where the scouts could write

    reflections and reports about each one of the 10 Law articles. The results showed

    that, although some have done little more than copies of the articles, most of the

    scouts made thoughtful reflections and reported relevant facts of their life someone

    else’s, showing comprehension to the articles meanings. Various locations were cited

    in the reports, including the Scout Movement. The values previously proposed for

    each article of the Scout Law were the most present in their writings, with only some

    confusions or lack of understanding of terms used. It was concluded that the

    reflections expressed correct interpretation of the mentioned values and consistent

    with the ones proposed by the Law. The evident behavior expressed in the reports

    correctly reflects these values not only among scouts, but in many other

    environments, and that, therefore, there is influence of the values conveyed by the

    Scout Movement in the scouts life experiences and education.

    Key-words: Value education, Non-formal education, Scout Movement.

  • LISTA DE TABELAS

    Tabela 1. Informações contidas nos diários analisados, referentes ao 1° artigo da Lei

    Escoteira ................................................................................................................p. 35

    Tabela 2. Informações contidas nos diários analisados, referentes ao 2° artigo da Lei

    Escoteira ................................................................................................................p. 36

    Tabela 3. Informações contidas nos diários analisados, referentes ao 3° artigo da Lei

    Escoteira ................................................................................................................p. 37

    Tabela 4. Informações contidas nos diários analisados, referentes ao 4° artigo da Lei

    Escoteira ................................................................................................................p. 38

    Tabela 5. Informações contidas nos diários analisados, referentes ao 5° artigo da Lei

    Escoteira ................................................................................................................p. 39

    Tabela 6. Informações contidas nos diários analisados, referentes ao 6° artigo da Lei

    Escoteira ................................................................................................................p. 40

    Tabela 7. Informações contidas nos diários analisados, referentes ao 7° artigo da Lei

    Escoteira ................................................................................................................p. 41

    Tabela 8. Informações contidas nos diários analisados, referentes ao 8° artigo da Lei

    Escoteira ................................................................................................................p. 42

    Tabela 9. Informações contidas nos diários analisados, referentes ao 9° artigo da Lei

    Escoteira ................................................................................................................p. 43

    Tabela 10. Informações contidas nos diários analisados, referentes ao 10° artigo da

    Lei Escoteira ..........................................................................................................p. 44

  • LISTA DE FIGURAS

    Figura 1. Número de Reflexões escritas em cada Diário ......................................p.45

    Figura 2. Número

Recommended

View more >