Movimento Juvenil (Novembro 2015)

Download Movimento Juvenil (Novembro 2015)

Post on 24-Jul-2016

215 views

Category:

Documents

3 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

O Movimento Juvenil de Massam (MJM) formado por jovens crismados, cheios de alegria e vontade de crescer na f, no seio da nossa comunidade da Parquia de So Bento de Massam.

TRANSCRIPT

<ul><li><p>A Misso Amar-te foi um dia </p><p>onde dedicmos 2 ou 3 horas do </p><p>nosso tempo a ajudar os outros </p><p>e tambm a reencontrarmo-nos. </p><p>Neste dia, as pessoas que l es-</p><p>tavam foram divididas: algumas </p><p>ficaram na evangelizao de </p><p>rua, outras na orao ou no tra-</p><p>balho comunitrio e outras fo-</p><p>ram porta a porta, como no </p><p>meu caso. </p><p>Eu e outra pessoa fomos a </p><p>casa de duas famlias. Uma das </p><p>famlias era composta por 5 pes-</p><p>soas: pai, me, av e dois meni-</p><p>nos, um de 6 anos, e outro de 2. </p><p>A famlia recebeu-nos muitssi-</p><p>mo bem, como se fossemos da </p><p>famlia, estivemos a falar com </p><p>eles e a tentar persuadir o meni-</p><p>no mais velho a ir catequese; a </p><p>falar com a me e com a av dos </p><p>meninos e a brincar com o mais </p><p>pequenino. No fim da visita </p><p>rezmos a Nossa Senhora. </p><p>Na segunda famlia eram s 3 </p><p>pessoas, pais e filha, de 10 anos. </p><p>O pai queria muito que ela fosse </p><p>para a catequese, que comeas-</p><p>se a frequentar a Igreja, queria </p><p>que ela encontrasse o caminho </p><p>certo. No foi tarefa fcil, pois </p><p>ns falvamos com ela e ela </p><p>ouvia com muita ateno, mas </p><p>quando perguntvamos: </p><p>Queres ir experimentar a cate-</p><p>quese? Queres comear a ir </p><p>Igreja?, a resposta dela era </p><p>sempre a mesma: No. Aca-</p><p>bamos por vir embora sem ter-</p><p>mos uma resposta que nos ale-</p><p>grasse mas visto que a nossa </p><p>primeira parte da misso est </p><p>feita, que foi mostrar quela </p><p>menina o quo bom seguir a </p><p>Jesus e a Deus, agora continua-</p><p>remos a rezar por ela, para que </p><p>consiga dizer Sim, eu quero </p><p>seguir-te, Jesus. </p><p>Mas este dia no foi s dedi-</p><p>cado a ajudar os outros. Da par-</p><p>te da manh assistimos a teste-</p><p>munhos de pessoas que j esti-</p><p>veram em misso em diferentes </p><p>partes do mundo, cantmos e </p><p>tivemos a orao da manh e ao </p><p>fim da tarde fomos ao tero e </p><p>missa. </p><p>E foi assim um dia em misso </p><p>sendo que, durante o nosso </p><p>caminho na f, estamos todos </p><p>os dias em misso. </p><p>Vanessa Teixeira </p><p>O Movimento Juvenil de </p><p>Massam formado por </p><p>jovens crismados, cheios de </p><p>alegria e vontade de crescer </p><p>na f, no seio da nossa co-</p><p>munidade da Parquia de </p><p>So Bento de Massam: </p><p>www.facebook.com/</p><p>movjm </p><p>Jornada Mundial da </p><p>Juventude </p><p>Em Cracvia, na Polnia 23 </p><p>de julho a 2 de agosto de </p><p>2016 </p><p>Informaes: </p><p>http://mjm.sl.pt/jmj2016/ </p><p>Misso Amar-Te Temos que dar o nosso amor, carinho e alegria a quem mais necessita, </p><p>pois felizes so aqueles que se dedicam aos mais necessitados </p><p>Movimento Juvenil </p><p>de Massam B O L E T I M N . 3 4 </p><p>NOITE DO BINGO Dia 12 de dezembro </p><p>venha ao Salo Paro-</p><p>quial da nossa Igreja </p><p>para uma noite diferen-</p><p>te! Contamos consigo a </p><p>partir das 21h30! </p><p>Para alm do Bingo </p><p>temos alguns petiscos </p><p>para fazer desta noite </p><p>uma noite inesquecvel! </p><p>N O V E M B R O 2 0 1 5 </p><p>Tu s Misso No fim-de-semana de 17 e 18 de Outubro, </p><p>decorreu, na Igreja do Cristo Rei, na Portela, um </p><p>evento de extrema importncia: o Frum das Mis-</p><p>ses! O objetivo era partilhar e cativar todos os </p><p>participantes a serem voluntrios e missionrios </p><p>em todos os continentes (no s em frica) de </p><p>forma a mostrar que em Portugal tambm h </p><p>missionrios a ajudar o prximo. </p><p>A tarde comeou com a apresentao de 7 </p><p>testemunhos, cada um com uma (ou mais) hist-</p><p>rias para contar, mas, no fundo, com o mesmo </p><p>fim - ajudar quem mais precisa! Entre os 7, en-</p><p>contravam-se duas Irms (uma espanhola e uma </p><p>argentina), tendo a segunda brincado com o p-</p><p>blico ao dizer que era da terra do Papa. Encontra-</p><p>va-se tambm um animador de um grupo de jo-</p><p>vens e dois padres, sendo um deles Comboniano. </p><p>Para aumentar ainda mais o esprito, os ani-</p><p>madores do MJM em conjunto com dois volunt-</p><p>rios e um padre, da congregao dos Missionrios </p><p>Combonianos do Corao de Jesus, organizaram </p><p>uma viglia missionria, para toda a juventude do </p><p>movimento, sexta-feira, dia 16, onde se destaca-</p><p>ram as palavras ALEGRIA, GRATIDO, PAIXO e </p><p>ESPERANA. Houve ainda tempo para ouvirmos </p><p>os testemunhos breves dos dois voluntrios e, no </p><p>final, todos os participantes foram em procisso </p><p>para o sacrrio da Igreja de So Bento, onde dis-</p><p>triburam a semente (simbolizada por uma amn-</p><p>doa) de que todos ns podemos tambm ser </p><p>missionrios! </p><p>Andr Ribeiro </p><p>29 NOVEMBRO S </p><p>15H30 </p><p>Mosteiro dos Jernimos </p><p>JOAQUIM LOUREIRO, o </p><p>seminarista da nossa </p><p>Parquia ser </p><p>ORDENADO DICONO </p></li><li><p>Ningum pode dar o que no tem. </p><p>Este ano as frias do MJM tiveram co-</p><p>mo tema o mtico livro O Principezinho! As </p><p>frias decorreram na aldeia de Nadadouro, </p><p>nas Caldas da Rainha, entre 29 de agosto e </p><p>2 de setembro. Durante estes 5 dias houve </p><p>momentos srios e de brincadeira, sozinhos </p><p>e em grupo, momentos de reflexo e de </p><p>diverso. Desde as tarefas partilhadas s </p><p>reflexes e oraes, as frias fizeram-nos </p><p>crescer na f, mas tambm como pessoas. </p><p>As frias comearam com uma boa ca-</p><p>minhada at praia, onde refletimos mas </p><p>tambm jogmos bola e fomos gua. </p><p>Neste dia fizemos uma atividade em que </p><p>nos dvamos a conhecer aos outros, segui-</p><p>da da orao da noite. </p><p>Ao longo destes dias a boa disposio </p><p>foi o ingrediente principal para a animao </p><p>e convvio, sempre na presena do Senhor. </p><p>E foi assim que comeamos o 2 dia: bem-</p><p>dispostos, inicimos uma atividade que s </p><p>acabou depois do almoo, tivemos um tem-</p><p>po livre para escrevermos a nossa cartinha </p><p>ao amigo secreto (um jogo que no podia </p><p>faltar nas frias, que consiste em escrever </p><p>cartas pessoa que nos calhou aleatoria-</p><p>mente e darmo-nos a conhecer a essa pes-</p><p>soa sem que ela descubra quem ns so-</p><p>mos). </p><p>No terceiro dia, apesar de as condies </p><p>atmosfricas no serem as pretendidas </p><p>para um dia de praia, nada nos deteve e </p><p>ficmos por l a almoar e a fazer as nossas </p><p>atividades, voltando ao final da tarde para a </p><p>missa semanal numa igreja da zona. </p><p>Nos ltimos dias o nosso programa vari-</p><p>ou muito entre praia, oraes, peddy-paper </p><p>para conhecer a cidade, jogos e atividades </p><p>elaboradas pelos membros do MJM que j </p><p>tinham ido s frias o ano anterior para os </p><p>novatos das frias, acabando estas com </p><p>uma ida missa do dia na igreja das Caldas </p><p>da Rainha. </p><p>Beatriz Graa e Miguel Neves </p><p>Se queres um amigo, cativa-me! </p><p>A passagem de animando para animador </p><p>no de todo algo que surja naturalmente, </p><p>o compromisso de ser mais um dos exem-</p><p>plos para este grupo de jovens implica no </p><p>s estar disponvel e ser responsvel pelas </p><p>diversas atividades mas acreditar que nos </p><p>so confiados os dons para chegar a estes </p><p>jovens. No fcil com a correria que so </p><p>os dias de hoje e neste grupo etrio conse-</p><p>guir que reconheam Deus no seu quotidia-</p><p>no. Faz parte da nossa e da minha misso </p><p>conseguir, no decorrer das nossas reunies </p><p>e atividades, desafi-los e faz-los crescer </p><p>na sua relao com Deus. </p><p>Este ano temos como principal destaque </p><p>a Jornada Mundial da Juventude que vai </p><p>exigir deste grupo muito trabalho e muitos </p><p>compromissos mas valer a pena quando </p><p>estes jovens, que iniciam agora a sua cami-</p><p>nhada, testemunharem a fora que a ju-</p><p>ventude tem na comunidade crist e que </p><p>pode ter na nossa comunidade. </p><p>Rui Maralo </p><p>Um pouco mais perto de </p><p>uma experincia nica Estamos na reta final, faltam menos de 300 dias para a Jorna-</p><p>da Mundial da Juventude, em Cracvia (Polnia), e, como j tem </p><p>sido habitual, nos passados dias 4, 6, 7 e 8 de novembro, o MJM </p><p>organizou a sua IV Feira do Livro, de modo a angariar fundos para </p><p>esta peregrinao! Antes de mais, um enorme obrigada a todos </p><p>aqueles, que de alguma forma deram a sua contribuio! </p><p>Na nossa Feira, podem encontrar uma grande versatilidade de </p><p>livros! Livros para todas as idades, e para todos os gostos. Nesta IV </p><p>Feira estiveram tambm </p><p>venda os nossos blocos, pul-</p><p>seiras (dezenas) e camisolas </p><p>MJM. O tempo no para e estamos em contagem decrescente </p><p>para aquela que vai ser uma grande semana de (re)encontro, no </p><p>s com outros jovens e com o Papa, mas sobretudo com Deus! </p><p>Prxima Feira do Livro em Abril! Contamos convosco! </p><p>Diana Ribeiro </p><p>NOVEMBRO </p><p>MS DE REZAR PELOS FIIS DEFUNTOS </p></li></ul>