marina, a bailarina

Download Marina, a bailarina

Post on 24-May-2015

1.064 views

Category:

Education

1 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Projeto acadmico, livro infantil.

TRANSCRIPT

  • 1. DIAGRAMACAO2.indd 1 29/06/2012 22:11:10

2. DIAGRAMACAO2.indd 2 29/06/2012 22:11:10 3. MARINA,A BAILARINADIAGRAMACAO2.indd 3 29/06/2012 22:11:10 4. DIAGRAMACAO2.indd 4 29/06/2012 22:11:10 5. MARINA, A BAILARINA Bruno Carlos CruzDborah Hohanna da Silva Chagas Gustavo Henrique Manuel Silva Gustavo Xavier Santos de Morais Monica Patricia Oliveira da Silva Talyta Oliveira LucenaDIAGRAMACAO2.indd 529/06/2012 22:11:11 6. Ficha CatalogrficaMarina, a bailarina.Cruz, Bruno/ Henrique, Gustavo/ Hohanna, Dborah/ Lucena, Talyta/Morais, Gustavo/ Oliveira, Monica.So Paulo, Faculdades Metropolitanas Unidas - FMU, 2011.ISBN: 123.32.4321.123.01. Ballet; 2. O Lago do Cisnes; 3. Livro Infantil.11.12345 CDD-028.5ndices para catlogo sistemtico:1. Fico: Literatura infantil 028.5DIAGRAMACAO2.indd 6 29/06/2012 22:11:11 7. Marina! Marina! Bom dia!Acorde , hoje o grande dia.DIAGRAMACAO2.indd 7 29/06/2012 22:11:11 8. DIAGRAMACAO2.indd 8 29/06/2012 22:11:11 9. A menina acordou com umsorriso, sentindo o calor do solbatendo em seu rosto. Era suame, Helena, abrindo a cortinade seu quarto.- Filha, precisa de ajuda paratomar banho?- Obrigada, me, j estou bemgrandinha.Sua me sorriu... Sabia aresposta que Marina iria dar.DIAGRAMACAO2.indd 929/06/2012 22:11:11 10. Marina tomou banho e vestiu um lindo collant, meias e suas sapatilhas rosas para ir ao teatro. Sua esperada apresentao de ballet era no fim da tarde.DIAGRAMACAO2.indd 10 29/06/2012 22:11:11 11. Aps se vestir, tomou caf, na mesa, com seus pais, como todos os dias. Seu pai, Pedro disse a ela: - Estou ansioso para ver minha pequena interpretar O Lago dos Cisnes. Vou sair mais cedo do trabalho para v - la. - , estou muito feliz!DIAGRAMACAO2.indd 1129/06/2012 22:11:11 12. No carro com sua me, indo ao teatro para o ltimo ensaio, Marina sentia o vento em seu rosto sobre a janela aberta e, de repente, perguntou: - Me, no esqueceu minha fantasia, n? Preciso tambm arrumar meu cabelo e me maquiar. Sua me respondeu: - No esqueci nada, minha filha, depois do ltimo ensaio, eu mesmo farei seu cabelo e sua maquiagem.DIAGRAMACAO2.indd 1229/06/2012 22:11:11 13. Entrando nos bastidores do teatro com sua me, Marina sente o alvoroo de seus colegas. - Oi Marina! Tudo bem? Oi! Oi! Marina acenou com a mo; Todos gostavam dela. Uma menina se aproxima, ento, Marina reconheceu sua grande amiga, Julia, pelo perfume inconfundvel. Ento, Julia disse: - M, o ltimo ensaio j vai comear. - Vamos, me! Disse Marina ansiosa para a to esperada apresentao.DIAGRAMACAO2.indd 1329/06/2012 22:11:11 14. A professora encantou Marina, aos passos suaves, assim que entrou na sala de ensaio. - Ol turma, hoje o grande dia, quero ver vocs lindos! Marina tinha uma ateno maior, pois iria interpretar a princesa que se transformou em um cisne branco, que o prncipe se apaixona. A voz da professora comandava os passos. Um, dois, trs e quatro, Dobro a perna e dou um salto, Viro e me viro ao revs e se eu caio canto at dez... DIAGRAMACAO2.indd 1429/06/2012 22:11:12 15. DIAGRAMACAO2.indd 15 29/06/2012 22:11:12 16. Quando, de repente, Marina fez um movimento errado e caiu. Ao socorrer Marina, sua me e a professora confimam o que suspeitavam: Marina torcera o p. Ao ver a situao, Marina j imaginou que no poderia mais danar.DIAGRAMACAO2.indd 1629/06/2012 22:11:12 17. DIAGRAMACAO2.indd 17 29/06/2012 22:11:12 18. DIAGRAMACAO2.indd 18 29/06/2012 22:11:12 19. Mesmo no sendo grave, Helena e a professora conversaram e decidiram que seria melhor Marina no se apresentar. Com uma grande dor no corao, Marina compreendeu e pediu para que Julia danasse em seu lugar e, tambm, para assistir a apresentao, pois no queria, de maneira alguma, perd-la. Helena, com um sorriso, confirmou todos os pedidos se sua filha.DIAGRAMACAO2.indd 19 29/06/2012 22:11:12 20. DIAGRAMACAO2.indd 20 29/06/2012 22:11:12 21. Quando faltavam dez minutos para o incio da apresentao, Marina, ainda nos bastidores, estava triste pois, aps tanto esforo, no poderia danar com seus colegas. Sua me esperava seu pai do lado de fora do teatro.DIAGRAMACAO2.indd 2129/06/2012 22:11:12 22. DIAGRAMACAO2.indd 22 29/06/2012 22:11:12 23. Foi, ento, que Julia veio at ela, j com a fantasia que seria de Marina e disse: - Obrigada, por me escolher! Mas, ficaria muito mais contente, se voc se apresentasse hoje. Voc sempre sonhou com isso. Ainda d tempo, acho que consegue. Marina pensou bem, tentou firmar alguns passos e disse: - Tudo bem. Voc tem razo, vou tentar!DIAGRAMACAO2.indd 23 29/06/2012 22:11:12 24. DIAGRAMACAO2.indd 24 29/06/2012 22:11:13 25. As duas foram ao banheiro e sem ningum ver, trocaram de roupa uma com a outra. Marina, ainda um pouco manca, vestia a saia rodada, que tanto sonhou usar. Enquanto isso, Julia fazia a maquiagem e arrumava o enfeite do cabelo da amiga. - Como estou amiga? - Disse Marina. - Voc est muito linda! Arrumavam-se, quando Marina e Julia ouviram a voz da professora: Esto todos prontos? Faltava apenas um minuto para comear .DIAGRAMACAO2.indd 2529/06/2012 22:11:13 26. Ao sinal da professora, Julia diz a Marina: - J vou ao palco. Quando for sua vez, basta seguir a msica.DIAGRAMACAO2.indd 2629/06/2012 22:11:13 27. - Boa sorte! - Boa sorte para voc tambm! Julia e suas amigas comeam a apresentao, todas muito bem preparadas.DIAGRAMACAO2.indd 27 29/06/2012 22:11:13 28. DIAGRAMACAO2.indd 28 29/06/2012 22:11:13 29. Enquanto isso, nos fundos, Marina ouviu a to aguardada msica e sabia que era hora de entrar no palco. E para surpresa de muitos, l estava ela. Nem parecia que havia se machucado h alguns minutos. Chamando ainda mais a ateno de todos, ordenadamente e suavemente.DIAGRAMACAO2.indd 2929/06/2012 22:11:13 30. DIAGRAMACAO2.indd 30 29/06/2012 22:11:13 31. L estava a doce menina, fazendo com que o pblico ficasse admirado com os passos dela, que bailava pelo palco; A princesa, que se transformou em um cisne branco, agora danava com o prncipe.DIAGRAMACAO2.indd 31 29/06/2012 22:11:13 32. Marina sente a msica parar, ouve os aplausos grandiosos do pblico. Muito emocionada, com a turma, agradece a plateia.DIAGRAMACAO2.indd 3229/06/2012 22:11:13 33. Ao sair do palco, seus colegas e sua professora fizeram muitos elogios a Marina. L estavam seus pais encantado com a doce menina.DIAGRAMACAO2.indd 3329/06/2012 22:11:13 34. DIAGRAMACAO2.indd 34 29/06/2012 22:11:13 35. Seu pai disse: - Estvamos procurando por voc filha e, quando vi, era a minha pequena que estava bailando pelo palco. Parabns, voc estava linda! Marina, muito feliz, respondeu com um sorriso.DIAGRAMACAO2.indd 3529/06/2012 22:11:14 36. DIAGRAMACAO2.indd 36 29/06/2012 22:11:14 37. Logo depois, a professora de Marina, comenta com Helena e Pedro: - Parabns pela filha que vocs tm, Marina uma menina muito especial. Vocs devem ter muito orgulho da filha esforada e talentosa. O fato de ela ser deficiente visual, no faz com que deixe de realizar os sonhos que tanto deseja.DIAGRAMACAO2.indd 37 29/06/2012 22:11:14 38. Julia aproxima-se, d um forte abrao em sua amiga e diz: - Eu falei que voc iria conseguir!DIAGRAMACAO2.indd 38 29/06/2012 22:11:14 39. DIAGRAMACAO2.indd 39 29/06/2012 22:11:14 40. Este livro foi composto na tipologia Palatino Linotype, tamanho de 18-22 e impressoem papel couch fosco 115g/m. Utilizados os softwares Adobe Photoshop cs5e Adobe Indesign cs5.5DIAGRAMACAO2.indd 40 29/06/2012 22:11:14 41. DIAGRAMACAO2.indd 41 29/06/2012 22:11:14 42. DIAGRAMACAO2.indd 42 29/06/2012 22:11:14