manual artigo cientifico

Download Manual Artigo Cientifico

Post on 13-Jul-2015

38 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

FACULDADE DE CINCIAS BIOMDICAS DE CACOAL

MANUAL DE ARTIGO CIENTFICO (GRADUAO E PS-GRADUAO)

2

CACOAL/RO 2008

ARTIGO CIENTFICO ORIENTAES PARA SUA ELABORAO1ResumoO objetivo deste trabalho orientar acadmicos da graduao e ps-graduao sobre a elaborao de artigos cientficos, muito utilizados para divulgao de idias, estudos avanados e resultados de pesquisa. Com uma organizao e normatizao prpria, o artigo uma publicao pequena, que possui elementos pr, textuais e ps, com componentes e caractersticas especficas. O texto ou parte principal do trabalho inclui introduo, desenvolvimento e consideraes finais, sendo redigido com regras especficas. O estilo e as propriedades da redao tcnico-cientfica envolvem clareza, preciso, comunicabilidade e consistncia, havendo uma melhor compreenso do leitor. O contedo do artigo organizado de acordo com a ordem natural do tema e a organizao/hierarquizao das idias mais importantes, seguidas de outras secundrias. A utilizao de normas textuais, redacionais e grficas, no s padronizam o artigo cientfico, mas tambm disciplinam e direcionam o pensamento do autor coerentemente a um objetivo determinado.

Palavras-chave: Metodologia. Iniciao Cientfica. Artigo Cientfico.

1. INTRODUO Os acadmicos, estudiosos, cientistas e pesquisadores so chamados a um trabalho constante de observao investigao, anlise, experimentao, interpretao e reconstituio dos fenmenos sociais e, no desenvolvimento destas atividades, produzem conhecimentos tanto em suas respectivas reas de atuao como em outras correlatas. As novas descobertas, aliceradas no acmulo histrico de conhecimentos, resultam de decomposies, comparaes, refutaes e interrelaes entre os conceitos e as teorias de um lado e a realidade histrica, do outro. Neste processo, todos colaboram com o avano da cincia. O dinmico e constante movimento de produo cientfica acontece em diferentes e articulados nveis - local, regional, nacional e mundial1

O texto apresentado de autoria de Gilberto J.W.Teixeira, Professor da USP. Com o ttulo Artigo Cientfico Orientaes para sua elaborao, o artigo est disponvel em: . Cabe frisar que as modificaes e arranjos aqui introduzidos, realizados com o intuto de adequar o texto s finalidades propostas pela Faculdade de Cincias Biomdicas de Cacoal FACIMED, so de total responsabilidade desta mesma instituio.

3 e exige do cientista dedicao, disciplina, mtodo e atualizao permanente. O Artigo Cientfico se constitui num dos procedimentos mais eficazes e rpidos para a divulgao dos resultados de uma pesquisa, ou mesmo para o debate acerca de uma teoria ou idia cientfica. usualmente veiculado em publicaes especializadas como revistas e jornais cientficos, peridicos, anais, etc., impressos ou eletrnicos. Esse formato de publicao cientfica maciamente utilizado pela maioria dos pesquisadores e grupos de pesquisa no mundo para a divulgao de novos conhecimentos e tambm como meio para adquirir notoriedade e respeito dentro da comunidade cientfica. No entanto, observa-se um grau acentuado de dificuldade, por parte do pesquisador iniciante, na organizao e redao dos primeiros artigos tcnicocientficos, principalmente em relao estrutura e organizao do texto, colocao das idias, utilizao de certos termos, subdiviso dos assuntos, insero de citaes durante a elaborao do texto, entre outros. Se o texto em questo (que deve necessariamente contemplar as caractersticas cientficas) for o relatrio final de uma pesquisa de campo ou laboratrio, ter uma estrutura mais centrada na metodologia, na apresentao e discusso dos resultados, utilizando inmeros recursos estatsticos disponveis, como tabelas e grficos. Contudo, muitos artigos acadmicos tm um carter terico e, consequentemente, o(s) autor(es) esto mais voltado para a sua fundamentao terica, procurando ordenar as idias conforme sua linha de raciocnio e acrescentando algumas consideraes pessoais. As dificuldades para elaborao de um artigo cientfico podem ser minimizadas se o autor possuir e manejar os mtodos e as tcnicas que o trabalho cientfico exige. Conforme afirma Ramos et al. (2003, p.15),Executar uma pesquisa com rigor cientfico pressupe que voc escolha um tema e defina um problema para ser investigado. A definio depender dos objetivos que se pretende alcanar. Nesta etapa voc elabora um plano de trabalho e, aps dever explicitar se os objetivos foram alcanados, [...]. importante apresentar a contribuio da pesquisa para o meio cientfico.

4 Nesse contexto, o presente artigo tem por objetivo orientar os interessados na elaborao de artigos cientficos, principalmente acadmicos de graduao e ps-graduao, facilitando o acesso s informaes necessrias e expondo alguns conceitos e orientaes geralmente dispersos na literatura. Visa ainda destacar aspectos sobre as finalidades do artigo, sua redao, organizao conceitual, ordenao temtica, exposio metdica de informaes cientficas, bem como suas principais caractersticas. Portanto, configura-se primordialmente num texto didtico que tem por fim colaborar na aprendizagem dos cientistas que iniciam e possuem diversas dvidas sobre a elaborao e organizao desse tipo de publicao. Inicialmente so discutidos o conceito, as diferentes classificaes e os fins pelos quais so elaborados artigos cientficos, em diversos contextos. Num segundo momento so analisadas as caractersticas e organizao do texto, seus componentes e o estilo redacional recomendado. 2. O ARTIGO CIENTFICO Elaborar um artigo cientfico , num sentido genrico, contribuir para o avano do conhecimento, para o progresso da cincia. No incio, a produo cientfica tende a aproveitar, em grande medida, os saberes e conhecimentos de outros autores, ficando o texto final com um percentual elevado de idias extradas de vrias fontes (que devem ser obrigatoriamente citadas). Com o exerccio contnuo da pesquisa e da investigao cientfica, consolida-se a autoria, a criatividade e a originalidade da produo de conhecimentos, bem como a sntese de novos saberes. Como afirma Demo (2002, p.29), a elaborao prpria implica processo complexo e evolutivo de desenvolvimento da competncia, que, como sempre, tambm comea do comeo. Este comeo normalmente a cpia. No incio da criatividade h treinamento, que depois se h de jogar fora. A maneira mais simples de aprender imitar. Todavia, este aprender que apenas imita, no aprender a aprender. Por isso, pode-se tambm dizer que a maneira mais simples de aprender a aprender, no imitar.

5 necessrio darmos os primeiros passos nesse processo de construo da atitude cientfica, que antes de tudo uma postura crtica, racional e intuitiva ao mesmo tempo, que provoca a seu termo, como diz Kuhn (Apud MORIN, 2002), uma srie de revolues desracionalizantes, e por sua vez, cada uma, nova racionalizao. Portanto, conhecer a natureza, a estrutura e os mecanismos bsicos utilizados na elaborao de artigos, apropriar-se de um elemento revolucionrio que transforma paradigmas cientficos. 2.1. Conceito e finalidade De acordo com a UFPR (2000b, p.2), artigos de peridicos so trabalhos tcnico-cientficos, escritos por um ou mais autores, com a finalidade de divulgar a sntese analtica de estudos e resultados de pesquisas . Consistem em publicaes mais sintticas, mesmo sendo assuntos bem especficos, com uma abordagem mais enxuta do tema em questo, apesar da relativa profundidade na sua anlise. Possuem mais versatilidade que os livros, por exemplo, sendo facilmente publicveis em peridicos ou similares, atingindo simultaneamente todo o meio cientfico. Como diz Tafner et al. (1999, p.18) esses artigos so publicados, em geral, em revistas jornais ou outro peridico especializado que possua agilidade na divulgao. Por esse motivo, o artigo cientfico no extenso, totalizando normalmente entre 5 e 10 pginas, podendo alcanar, dependendo de vrios fatores (rea do conhecimento, tipo de publicao, natureza da pesquisa, normas do peridico, etc.), at 20 pginas, garantindo-se, em todos os casos, que a abordagem temtica seja a mais completa possvel, com a exposio dos procedimentos metodolgicos e discusso dos resultados nas pesquisas de campo, caso seja necessrio a repetio da mesma por outros pesquisadores (LAKATOS e MARCONI, 1991; MEDEIROS, 1997; SANTOS, 2000). Alm disso, recomenda-se uma determinada normatizao para essas publicaes, tanto na estrutura bsica quanto na uniformizao grfica, como

6 tambm na redao e organizao do contedo, diferenciando-se em vrios aspectos das monografias, dissertaes e teses, que constituem os principais trabalhos acadmicos. Em geral, os artigos cientficos objetivam publicar e divulgar os resultados de estudos: a) originais, quando apresentam abordagens ou assuntos inditos; b) de reviso, quando abordam, analisam ou resumem informaes j publicadas (UFPR, 2000a, p.2). Observa-se, muitas vezes, a utilizao de ambas as situaes na elaborao dos artigos, onde incluem-se informaes inditas, tais como resultados de pesquisa, juntamente com uma fundamentao terica baseada em conhecimentos publicados anteriormente por outros ou pelo mesmo autor. Na maioria dos casos, dependendo da rea do conhecimento e da natureza do estudo, encontram-se artigos priorizando a divulgao de: procedimentos e resultados de uma pesquisa cientfica (de campo); abordagem bibliogrfica e pessoal sobre um tema; relato de caso ou experincia (profissional, comunitria, educacional, etc.) pessoal e/ou grupal com fundamentao bibliogrfica; reviso bibliogrfica de um tema, que pode ser mais superficial ou bem aprofundada, tambm conhecida como review. importante considerar que essas abordagens no se excluem, pelo contrrio, so amplamente flexveis, assim como a prpria cincia, podendo, na elaborao do artigo cientfico, serem utilizadas de forma conjugada, desde que resguardadas as preocupaes relativas a cientificidade dos resultados, idias, abordagens e teorias, acerca dos mais diferentes temas que caracterizam o pensamento cientfico. Uma dos recursos amplamente utilizados em artigos de peridic