main heading (blue) - .desonera§£o da folha de pagamento desonera†ƒo da folha...

Download Main heading (blue) - .Desonera§£o da Folha de Pagamento DESONERA‡ƒO DA FOLHA DE PAGAMENTO. Henares

Post on 12-Nov-2018

216 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • HENARES ADVOGADOS ASSOCIADOS

    Desonerao da folha de pagamento e

    seus desdobramentos

  • Henares Advogados Associados 1

    HENARES ADVOGADOS ASSOCIADOS

    Desonerao da Folha de Pagamento

    DESONERAO DA FOLHA DE

    PAGAMENTO

  • Henares Advogados Associados 2

    HENARES ADVOGADOS ASSOCIADOS

    Desonerao da Folha de Pagamento

    Histrico Legal

    Medida Provisria n 540/2011, convertida na Lei n 12.546/2011

    Medida Provisria n 563/2012, convertida na Lei n 12.715/2012

    Medida Provisria n 582/2012, convertida na a Lei n 12.794/2013

    Decreto n 7.828/2012, alterado pelo Decreto n 7.877/2012

    Medida Provisria n 601/2012

    Medida Provisria n 612/2013

  • Henares Advogados Associados 3

    HENARES ADVOGADOS ASSOCIADOS

    Desonerao da Folha de Pagamento

    ENCARGOS PREVIDENCIRIOS ANTES DA DESONERAO:

    20% (cota patronal) sobre o total das remuneraes pagas, devidas ou creditadas a

    qualquer ttulo, durante o ms, aos segurados empregados e trabalhadores avulsos que lhe

    prestem servios e aos contribuintes individuais;

    RAT: 1%, 2% ou 3%. com possibilidade de reduo at 50% (cinquenta por cento) ou

    aumentadas em at 100% (cem por cento), em razo do desempenho da empresa em

    relao sua respectiva atividade, aferido pelo Fator Acidentrio de Preveno (FAP).

    Recolhimento outras entidade e fundos (FPAS);

    15% (quinze por cento) sobre o valor bruto da nota fiscal ou fatura de prestao de

    servios, relativamente a servios que lhe so prestados por cooperados por intermdio de

    cooperativas de trabalho

  • Henares Advogados Associados 4

    HENARES ADVOGADOS ASSOCIADOS

    Desonerao da Folha de Pagamento

    DESONERAO DA FOLHA: Substituio da contribuio patronal

    previdenciria (CPP) de 20% (vinte por cento) pela contribuio sobre a

    receita bruta auferida por determinados grupos de empresas.

    ALQUOTAS:

    2,5% para 2,0%;

    1,5% para 1,0%;

  • Henares Advogados Associados 5

    HENARES ADVOGADOS ASSOCIADOS

    Desonerao da Folha de Pagamento

    Observaes importantes sobre a desonerao da folha:

    no abrangncia das contribuies destinadas a outras entidades (terceiros),

    ao GIIL-RAT (1%, 2% ou 3%) e em decorrncia da contratao de

    cooperativas de trabalho;

    Carter impositivo;

    As empresas que se dedicam exclusivamente s atividades desoneradas, nos

    meses em que no auferirem receita, no recolhero a cota patronal (20%).

    .

  • Henares Advogados Associados 6

    HENARES ADVOGADOS ASSOCIADOS

    Desonerao da Folha de Pagamento

    Empresas includas na desonerao Prestao de servios

    Tecnologia da Informao (TI), de Tecnologia da Informao e

    Comunicao (TIC) e de call center;

    Setor hoteleiro (CNAE 5510-8/01);

    Transporte rodovirio coletivo de passageiros com itinerrio

    fixo, municipal, intermunicipal em regio metropolitana,

    intermunicipal, interestadual e internacional (empresas

    enquadradas nas classes 4921-3 e 4922-1 da CNAE 2.0);

    .

  • Henares Advogados Associados 7

    HENARES ADVOGADOS ASSOCIADOS

    Desonerao da Folha de Pagamento

    Empresas includas na desonerao Prestao de Servios.

    de rodovirio coletivo de passageiros por fretamento e turismo municipal,

    intermunicipal em regio metropolitana, intermunicipal, interestadual e

    internacional (empresas enquadradas na classe 4929-9 da CNAE 2.0);

    do setor de construo civil (empresas enquadradas nos grupos 412, 432,

    433 e 439 da CNAE 2.0), dentre outras.

    lojas de departamentos ou magazines, comrcio varejista de materiais de

    construo, de equipamentos e suprimentos de informtica, de

    eletrodomsticos e equipamentos de udio e vdeo, de mveis de artigos de

    cama, mesa e banho, dentre outros.

    .

  • Henares Advogados Associados 8

    HENARES ADVOGADOS ASSOCIADOS

    Desonerao da Folha de Pagamento

    Empresas includas na desonerao Indstrias. Ramo da Sade:

    84219920 - Dos tipos utilizados em linhas de sangue para hemodilise

    90189091 - Incubadoras para bebs

    90191000 - Aparelhos de mecanoterapia; aparelhos de massagem;

    aparelhos de psicotcnica

    30.03 - Medicamentos (exceto os produtos das posies 30.02, 30.05 ou

    30.06) constitudos por produtos misturados entre si, preparados para fins

    teraputicos ou profilticos, mas no apresentados em doses nem

    acondicionados para venda a retalho, dentre outros.

    .

  • Henares Advogados Associados 9

    HENARES ADVOGADOS ASSOCIADOS

    Desonerao da Folha de Pagamento

    Base de clculo da nova contribuio: RECEITA BRUTA

    Excluses legais:

    a receita bruta deve ser considerada sem o ajuste de que trata o inciso VIII

    do art. 183 da Lei n 6.404/1976;

    exclui-se da base de clculo das contribuies a receita bruta de

    exportaes, transporte internacional de carga e as vendas canceladas e os

    descontos incondicionais concedidos;

    IPI se includo na receita bruta;

    ICMS quando na condio de substituto tributrio.

  • Henares Advogados Associados 10

    HENARES ADVOGADOS ASSOCIADOS

    Desonerao da Folha de Pagamento PARECER NORMATIVO RFB n 3/2012:

    A base de clculo da receita bruta da contribuio substitutiva a

    que se referem os artigos 7 a 9 da Lei n 12.546/2011,

    compreende:

    a receita decorrente da venda de bens nas operaes de conta

    prpria;

    a receita decorrente da prestao de servios;

    o resultado auferido nas operaes de conta alheia.

  • Henares Advogados Associados 11

    HENARES ADVOGADOS ASSOCIADOS

    Desonerao da Folha de Pagamento

    ATIVIDADES CONCOMITANTES:

    As empresas que prestam os servios ou que fabricam os produtos desonerados, com

    exceo das que esto vinculadas na desonerao pelo seu enquadramento no CNAE

    (Classificao Nacional de Atividades Econmicas), e que se dediquem a outras atividades

    (alm das desoneradas), o clculo da contribuio obedecer as seguintes regras:

    1% ou 2% (conforme a atividade ou o produto desonerado) sobre o valor da receita

    bruta, excludas as dedues legais permitidas;

    INSS patronal de 20% (empregados e autnomos) previsto nos incisos I e III do art. 22

    da Lei n 8.212/1991, reduzindo-se o valor da contribuio a recolher ao percentual

    resultante da razo entre a receita bruta de atividades no relacionadas (no desoneradas)

    e a receita bruta total.

  • Henares Advogados Associados 12

    HENARES ADVOGADOS ASSOCIADOS

    Desonerao da Folha de Pagamento

    ATIVIDADES CONCOMITANTES Exemplo

    Folha de pagamento mensal da empresa (total): R$ 2.000,00 (empregados, avulsos e autnomos)

    INSS patronal: R$ 2.000,00 x 20% (INSS) = R$ 400,00

    Receita bruta (TI e TIC): R$ 6.000,00

    Receita bruta (atividade no relacionada): R$ 4.000,00

    Receita bruta total: R$ 10.000,00

    Razo entre receita de atividade no relacionada e a receita bruta total da empresa: R$ 4.000,00 R$

    10.000,00 = 0,4

    Valor proporcional da contribuio devida pelas atividades no relacionadas: R$ 400,00 x 0,4 = R$

    160,00

    Valor da contribuio devida apenas pela atividade de TI e TIC: R$ 6.000,00 x 2,0% = R$ 120,00

  • Henares Advogados Associados 13

    HENARES ADVOGADOS ASSOCIADOS

    Desonerao da Folha de Pagamento

    OBRIGAES ACESSRIAS: EFD Contribuies (IN 1.252/2012)

    PIS, COFINS e CONTRIBUIO PREVIDENCIRIA SOBRE A RECEITA

    BRUTA (obriga as empresas que desenvolvam as atividades e/ou fabriquem os produtos

    desonerados, em relao contribuio previdenciria sobre a receita ("Bloco P"), desde

    os fatos geradores ocorridos a partir de 1 de maro de 2012);

    REGRAS: transmisso mensal, at o 10 (dcimo) dia til do 2 (segundo) ms

    subsequente ao que se refira a escriturao, inclusive nos casos de extino, incorporao,

    fuso e ciso total ou parcial.

    DESCUMPRIMENTO: Multa de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) por ms-calendrio ou

    frao (art. 4, IV, art. 7 e art. 10 da Instruo Normativa RFB n 1.252/2012).

  • Henares Advogados Associados 14

    HENARES ADVOGADOS ASSOCIADOS

    Desonerao da Folha de Pagamento

    GFIP/SEFIP

    ATO DECLARATRIO EXECUTIVO COSAR n 93/2011 as empresas desoneradas devero

    prestar as seguintes informaes no SEFIP:

    os valores de contribuio previdenciria patronal calculados pelo SEFIP e demonstrados no

    "Comprovante de Declarao das Contribuies a Recolher Previdncia Social" nas linhas

    "Empregados/Avulsos" e "Contribuintes Individuais" abaixo do ttulo Empresa devero ser

    somados e lanados no Campo "Compensao";

    a Guia da Previdncia Social (GPS) gerada pelo SEFIP dever ser desprezada, devendo ser

    preenchida GPS com os valores efetivamente devidos sobre os fatos geradores declarados em Guia

    de Recolhimento do Fundo de Garantia do Tempo de Servio e Informaes Previdncia Social

    (GFIP);

    os relatrios gerados pelo SEFIP "Relatrio de Valor de Reteno", "Relatrio de Compensaes" e

    "Relatrio de Reembolso" devem ser desprezados e mantidos demonstrativos de origem do crdito

    para fins de fiscalizao e/ou pedido de reembolso/restituio/compensao.

  • Henares Advogados Associados 15

    HENARES ADVOGADOS ASSOCIADOS

    Desonerao da Folha de Pagamento

  • Henares Advogados As

Recommended

View more >