logística-gestãoqualidade- robsonseleme - aula 01[1]

Download Logística-GestãoQualidade- RobsonSeleme - Aula 01[1]

Post on 04-Jul-2015

146 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

LOGSTICAGesto da Qualidade na Logstica

Prof. Me. Robson Seleme e-mailrseleme@fatecinternacional.com.br01 02 03 04 05 06 R

Profo Robson Seleme

CURRCULO RESUMIDO

Engenheiro Civil executor de obras e projetos de engenharia industrialMBA Internacional em Finanas pelo Instituto Superior Ps-Graduao- Pr Ps-Graduao-

Mestre em Engenharia de Produo - rea Gesto Produtivida Qualidade e Produtividade - UFSC01 02 03 04 05 06 R

Profo Robson Seleme

2

CURRCULO RESUMIDO

Doutorando - Engenharia Produo rea inteligncia Organizacional-UFSC OrganizacionalConsultor Empresarial / Industrial na rea de produo - 1991 Capacitao - cursos Tecnolgicos e aperfeioamento de tutor Coordenador dos cursos de Logstica e Gesto da Produo Industrial01 02 03 04 05 06 R

Profo Robson Seleme

3

METODOLOGIA AULAS SERO MINISTRADASMdia Final

3 v AI 2 v AS Na forma expositiva / dialogada NotaAluno ! 5 AVALIAESAvaliao individual 10 questes - Peso 3 Atividade supervisionada em equipe - Peso 2 AutoAuto-avaliao01 02 03 04 05 06 R

Profo Robson Seleme

4

CONTEDO AULA 01INTRODUO A GESTO DA QUALIDADE1.1 - Introduo 1.2 - Histrico, caractersticas 1.3 - Evoluo da qualidade 1.4 - Gurus da qualidade Parte I 1.4.11.4.1- Walter A. Shewhart 1.4.21.4.2- Willian Edwards Deming 1.4.31.4.3- Joseph M. Juran01 02 03 04 05 06 R

Profo Robson Seleme

5

IntroduoO

que qualidade?Qualidade perfeio? Qualidade nunca muda? Qualidade algo abstrato, indefinido? Qualidade algo produzido por um departamento da empresa?01 02 03 04 05 06 R

Profo Robson Seleme

6

IntroduoO

que qualidade?Qualidade um requisito mnimo do produto? Qualidade a capacidade de um produto ou servio sarem de acordo com o projeto? Qualidade significa classes, estilos ou categorias de produtos ou servios?01 02 03 04 05 06 R

Profo Robson Seleme

7

Histrico Pr-histria Grande dificuldade de Probteno Busca pelo produto Necessidade do cliente QUALIDADE REDUZIDA Artesos I Produtos exclusivos e especficos Foco no produto Necessidade do cliente01 02 03 04 05 06 R

Profo Robson Seleme

8

Histrico Artesos II Carros feitos a mo Foco no produto Necessidade do cliente CUSTOMIZAO QUALIDADE PELOS ARTESOS Revoluo industrial (1769-James Watt) com (1769mquina vapor, declnio da forma de produo artesanal, das oficinas as fbricas

Produo em larga escala srie PADRONIZAO01 02 03 04 05 06 R

Profo Robson Seleme

9

Histrico Padronizao dos produtos-Eli produtosWhitneyWhitney-1790 Projeto Produto, Projeto Processo, Projeto equipamentos Padronizao dos processos de fabricao Treinamento e habilitao da mo-demo-de-obra direta Criao e desenvolvimento de gerentes/ supervisores Inspetores de qualidade01 02 03 04 05 06 R

Profo Robson Seleme 10

Histrico Administrao cientfica Frederick W. Taylor conceito de produtividadeMedida output Produtividade = ______________ Medida - input

Output = medida quantitativa do que foi produzido Input = medida quantitativa dos insumos (capital, trabalho, natureza)01 02 03 04 05 06 R

Profo Robson Seleme 11

Histrico Henry Ford (1907) cria linha de montagem seriada conceito de produo em massa (grandes volumes e o mximo de padronizao): Linha de montagem arranjo fsico produtos em processo Manuteno preventiva Fluxograma de processos Controle estatstico da qualidade Balanceamento de linha01 02 03 04 05 06 R

Profo Robson Seleme 12

Histrico Walter A. Shewhart (1924) criou grficos de controle Inspees 100% foram substitudas por inspees amostrais Consolida-se o controle estatstico de Consolidaprocessos (CEP) na poca da 2. Grande Guerra 1945 Surge em 1945 a Society of Quality Enginers01 02 03 04 05 06 R

Profo Robson Seleme 13

Histrico E, em 1946 surge a ASQC American Society for Quality Control hoje somente ASQ - Juran Em 1950 a criao da JUSE Japan Union os Scientists and Engineers Armand Feigenbaum formula o Controle da qualidade total (TQC-Total Quality Control) (TQCControl) que serve de base para a primeiras normas ISO Em 1987 ISO 9000 Globalizao como de Garantia de Qualidade01 02 03 04 05 06 R

Utilizado

Profo Robson Seleme 14

Histrico No Ps-Guerra diversas aes, tcnicas Pse ferramentas esto sendo utilizadas para a melhoria da qualidade Ciclo PDCA atravs do MASP Grfico de Pareto Diagrama de Ishikawa Diagramas de disperso Histogramas .....01 02 03 04 05 06 R

Profo Robson Seleme 15

Histrico O conceito de qualidade evoluiu e foi ampliado para absorver aes de toda a organizao Norma ISO 9000:2000 - Norma ISO 14000

CLIENTE QFD (Quality Function Deployment)Desdobramento da funo qualidade DMAIC Six Sigma

NORMATIZAO

ORGANIZAOR

01 02 03 04 05 06

Profo Robson Seleme 16

Evoluo da Qualidade De acordo com David Garvin a evoluo da qualidade se d em quatro eras:1. INSPEO Foco Viso nfase Mtodo Responsvel Verificao Problema a ser resolvido Uniformidade do produto Instrumentos de medio Departamento de InspeoR

01 02 03 04 05 06

Profo Robson Seleme 17

Evoluo da Qualidade 2. CONTROLE ESTATSTICO PROCESSO Foco Viso nfase Controle Problema a ser resolvido Uniformidade do produto com . menos inspeo

Mtodo Ferramentas e Tcnicas estatsticas Responsvel Departamento de fabricao . e engenharia01 02 03 04 05 06 R

Profo Robson Seleme 18

Evoluo da Qualidade 3. GARANTIA DA QUALIDADEFoco Coordenao Problema a ser resolvido que Viso enfrentado pro ativamente nfase Mtodo Toda a cadeia de fabricao do produto ao mercado Programas e sistemas .

Responsvel Todos os departamentos e alta administrao superficialmente01 02 03 04 05 06 R

Profo Robson Seleme 19

Evoluo da Qualidade 4. GESTO TOTAL DA QUALIDADEFoco Viso nfase Mtodo Impacto estratgico diferencial competitivo Necessidades do mercado e do cliente Planejamento estratgico, objetivos e mobilizao

Responsvel Todos os departamentos e . alta administrao fortemente01 02 03 04 05 06 R

Profo Robson Seleme 20

Gurus da QualidadeWalter A. Shewhart Nasceu nos EUA em 1891 formou-se em formouengenharia com doutorado em fsica Conhecido como o Pai do controle estatstico da qualidade Desenvolveu os grficos de controle que so ferramentas grficas para acompanhamento do processo Permite a identificao e correo durante o processo01 02 03 04 05 06 R

Profo Robson Seleme 21

Gurus da QualidadeWillian Edwards Deming Nasceu nos EUA em 1900 formou-se formouem engenharia eltrica com doutorado em matemtica e fsica o aprimoramento dos processos se d atravs da melhoria contnua, cujo principal instrumento o ciclo PDCA.Qualidade a capacidade de satisfazer desejos.01 02 03 04 05 06 R

Profo Robson Seleme 22

Gurus da QualidadeWillian Edwards Deming Para a implantao da Gesto de Qualidade, ele estabelece um programa de 14 pontos: 1. Crie constncia de propsitos em torno da melhoria de produtos e servios, buscando tornar-se competitivo, mantertornarmanterse no negcio e gerar empregos. 2. Adote uma nova filosofia. Estamos em uma nova era econmica. Gerentes ocidentais precisam assumir o desafio.01 02 03 04 05 06 R

Profo Robson Seleme 23

Gurus da QualidadeWillian Edwards Deming3 - Deixar de depender da inspeo em massa; 4 - No comprar apenas pelo preo; 5 - Melhorar constantemente os sistemas de produo e de servio; 6 - Instituir o treinamento e o retreinamento; 7 - Instituir a liderana liderar tarefa do gerente; 8 - Eliminar o temor dos empregados;01 02 03 04 05 06 R

Profo Robson Seleme 24

Gurus da QualidadeWillian Edwards Deming9 - derrubar as barreiras entre as diversas reas e nveis hierrquicos; 10 - eliminar slogans, exortaes e metas s servem se acompanhadas de roteiro e mtodo de execuo; 11 - eliminar cotas numricas quem pensa em nmeros esquece a Qualidade; 12 - remover as barreiras ao orgulho pelo trabalho executado;01 02 03 04 05 06 R

Profo Robson Seleme 25

Gurus da QualidadeWillian Edwards Deming13 - instituir um programa de forte educao; 14 - criar uma estrutura na alta administrao para implantar os 13 primeiros pontos.Deming atravs de sua experincia obtida junto as empresas com as quais trabalhou percebeu que a melhoria continua que procurava (tambm chamada de kaizen) kaizen) poderia ser obtida atravs do ciclo PDCA01 02 03 04 05 06 R

Profo Robson Seleme 26

Gurus da QualidadeCrculo de controle para qualidade W.E.Deming (1950(1950Japo) - Seis passos P = Plan D = Do C = Check A = ActionProfo Robson Seleme 27

Agir apropriadamente

Determinar objetivos e metas Determinar os mtodos p/ alcanar objetivos Engajar-se em educao e treinamento Executar o trabalhoR

Verificar os efeitos da execuo

01 02 03 04 05 06

Gurus da QualidadeJoseph M. Juran Nasceu na Romnia em 1904, formado em Engenharia e Direito Considerava o envolvimento da alta administrao e dos funcionrios fundamental para a qualidade Administrao estratgica da qualidadeQualidade a adequao ao uso.01 02 03 04 05 06 R

Profo Robson Seleme 28

Gurus da QualidadeJoseph M. Juran Planejamento: estabelecimento de objetivos e dos meios para alcan-los das metas de alcanQualidade ao desenvolvimento e controle de processos; Controle: definio do que deve ser controlado, meios para avaliar o desempenho, comparao do desempenho com as metas e aes corretivas; corretivas; Aperfeioamento: busca de alto desempenho.01 02 03 04 05 06 R

Profo Robson Seleme 29

Gurus da QualidadeJoseph M. Juran Considera 11 aes para a qualidade 1. Criar um comit da Qualidade2. Estabelecer a Poltica da Qualidade 3. Estabelecer objetivos da Qualidade 4. Prover os recursos, a motivao e o treinamento para: diagnosticar as causas 5. E