LISTA 1 - Equilibrio de Particulas No Plano

Download LISTA 1 - Equilibrio de Particulas No Plano

Post on 25-Nov-2015

77 views

Category:

Documents

3 download

TRANSCRIPT

UFSCar / Centro de Cincias Exatas e de Tecnologia Departamento de Engenharia Civil 1 Mecnica Aplicada a Engenharia Lista 01 Foras Resultantes e Equilbrio de Partculas 1) Duas peas estruturais B e C so rebitadas ao suporte A. Sabendo que a fora de trao em B 12,5kN e, em C, de 10,0kN, determinar a intensidade, direo e sentido da fora resultante exercida sobre o suporte. Respostas: 19,9k#; 9,18. 2) Duas peas estruturais B e C so rebitadas ao suporte A. Sabendo que a trao em B 6,0kN e em C 10,0kN, determinar intensidade, direo e sentido da fora resultante exercida sobre o suporte. Respostas: 14,3k#; 19,9. ACB4015 3) A fora F de 500 N decomposta em duas componentes nas direes a-a e b-b. Determinar, por trigonometria, o ngulo sabendo que a componente de F ao longo de a- a 350N. Resposta: =32,43. 4) A fora F de intensidade 800 N decomposta em duas componentes nas direes a-a e b-b. Determinar, por trigonometria, o ngulo sabendo que a componente de F ao longo de b-b 120N. Resposta: =123,4. 50aabbF 5) Sabendo que =30 determinar a intensidade da fora P de tal modo que a fora resultante exercida sobre o cilindro seja vertical. Qual o valor da resultante? Resposta:P=410,4 #. 6) Um cilindro suspenso por dois cabos. Sabendo que em um deles a trao vale 600N, determinar a intensidade, direo e sentido da fora P de tal modo que aresultante seja uma fora vertical de 900N. Resposta:P=393,8 #. 600 NP20 7) Um colar que pode deslizar em uma baste vertical est submetido s trs foras indicadas. A direo da fora F pode variar, Se possvel determinar a direo da fora F de modo que a 8) Dois cabos AC e BC so ligados em C e carregados como indicado. Determinar a forca de trao em cada um. Respostas: TAC=600#; TBC=782#. UFSCar / Centro de Cincias Exatas e de Tecnologia Departamento de Engenharia Civil 2 resultante das trs foras seja horizontal, sabendo que a intensidade de F (a) 2,40kN e (b) l,40 kN. Respostas: a) =48,19; b) no possvel determinar. 601,2 kN0,8 kNF 1,50 0,901,20A BC1,0 kN 9) A fora FA tem intensidade de 5000N e FB 2500N. Sabendo que a conexo est em equilbrio, determine a intensidade das foras FC e FD. Respostas: FC=2170#; FD=3750#. 10) A fora FC tem intensidade de 4kN e FD de 7,5kN. Sabendo que a conexo est em equilbrio determine a intensidade das foras FA e FB. Respostas: FA=9,81k#; FB=4,62k#. 30BCDA 11) Uma caixa de 2000N suportada por vrios arranjos de cabos, como indicado. Determinar, para cada situao, a fora no cabo (a fora no cabo a mesma de cada lado de uma roldana simples sem atrito). Respostas: a) T=1000#; b) T=1000#; c) T=667#. TTT(a) (b) (c) 12) O colar A pode deslizar livremente na haste horizontal polida. Determinar a intensidade da fora P necessria para manter o equilbrio quando: a) c=225mm; b) c=400mm. Respostas: a) P=90 #; b) P=120 #. 150 NAPc0,30