lima - diagnostico das propriedades leiteiras do ass são manoel

Download LIMA - Diagnostico das Propriedades Leiteiras do Ass São Manoel

Post on 13-Jul-2015

177 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO PIESES PROGRAMA INSTITUCIONAL DE EDUCAO E SCIOECONOMIA SOLIDRIA CAMPUS UNIVERSITRIO JANE VANINI - CCERES

CAMOSC CURSO DE AGRONOMIA DOS MOVIMENTOS SOCIAIS DO CAMPO

JOO BATISTA MORAIS DE LIMA

DIAGNSTICO DAS PROPRIEDADES LEITEIRAS DO ASSENTAMENTO SO MANOEL, MUNICPIO DE ANASTCIO (MS)

Cceres/MT Junho de 2010

JOO BATISTA MORAIS DE LIMA

DIAGNSTICO DAS PROPRIEDADES LEITEIRAS DO ASSENTAMENTO SO MANOEL, MUNICPIO DE ANASTCIO (MS)

Monografia apresentada como requisito obrigatrio para a obteno do ttulo de Engenheiro Agrnomo no Curso de Agronomia dos Movimentos Sociais do Campo CAMOSC, da Universidade do Estado de Mato Grosso Campos de Cceres

Orientadora: Prof Dr Fabiana Villa Alves

Cceres/MT Junho de 2010

Lima, Joo Batista Morais de. Diagnstico das propriedades leiteiras do assentamento So Manoel, municpio de Anastcio MS./Joo Batista Morais de Lima. Cceres/MT: UNEMAT, 2010. 65 f. Monografia (TCC) Universidade do Estado de Mato Grosso UNEMAT. Curso de Bacharelado em Agronomia com nfase em Agroecologia e Socioeconomia Solidria dos Movimentos Sociais do Campo CAMOSC, 2010. Orientadora: Fabiana Vlla Alves. 1. Produo de leite. 2. Assentamento So Manoel Anastcio/MS. 3. Pecuria leiteira I. Ttulo CDU: 636(817.1) Ficha catalogrfica elaborada pela Biblioteca Regional de Cceres

JOO BATISTA MORAIS DE LIMA

DIAGNSTICO DAS PROPRIEDADES LEITEIRAS DO ASSENTAMENTO SO MANOEL MUNICPIO DE ANASTCIO (MS)

Monografia julgada e aprovada como requisito obrigatrio para a obteno do ttulo de Engenheiro Agrnomo no Curso de Agronomia dos Movimentos Sociais do Campo CAMOSC, da Universidade do Estado de Mato Grosso Campos de Cceres

Cceres, 21 de junho de 2010

BANCA EXAMINADORA

________________________________________________________ Orientadora: Prof Dr Fabiana Villa Alves Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) Faculdade de Medicina Veterinria e Zootecnia

_________________________________________________________ Prof. M.Sc. Fernando Hiroshi Aburaya Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT) Departamento de Agronomia

__________________________________________________________ Prof. M.Sc. Juliano Ribas Igns Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT)

Dedico este trabalho minha companheira Edvanda de Melo que com muito amor e carinho, no mediu esforos em me apoiar nesta caminhada ajudando a superar as dificuldades que encontrei.

A meus pais Maria Lucia de Morais Lima e Joo Luiz de Lima por terem me ensinado no s a sonhar, mas tambm a lutar por meus sonhos, a romper com os obstculos que encontramos em nossa vida.

As minhas irms Josiane de Morais Lima e ngela de Morais Lima que me deram fora me incentivaram para no desistir e que no se pode estar fora do tempo e nem do espao quando se busca fazer nossa prpria histria.

AGRADECIMENTO

Prof. Dr. Fabiana Villa Alves, pela disposio e compreenso bem como pela habilidade com que orientou este trabalho, nem por isso a distncia foi o limite.

Aos movimentos sociais em nome da Via Campesina que com muita luta proporcionou aos trabalhadores Sem Terra a oportunidade de realizar este curso de nvel superior rompendo com as cercas do latifndio do saber.

A todos os companheiros da Turma Herdeiros da Cultura Camponesa, que juntos vencemos mais uma de nossas lutas, a luta por direito a Educao, sabendo que no termina aqui.

A todos os Professores que apoiaram e acreditaram neste Curso dos Movimentos Sociais do Campo e juntos com a turma Herdeiros da Cultura Camponesa deram um passo frente.

A Universidade do Estado de Mato Grosso pelo pioneirismo em se desafiar e sediar um curso de Agronomia com nfase em Agroecologia e Scioeconomia Solidaria para os Movimentos Sociais do Campo.

Aos meus amigos que me fizeram compreender o verdadeiro sentido da amizade e que me apoiaram nesta caminhada, no vou mencionar nomes para no ser injusto e esquecer algum.

A todos os produtores de leite do Assentamento So Manoel que lutam e sonham por uma vida melhor no campo e proporcionaram um momento e um espao atravs de suas informaes para que este trabalho fosse desenvolvido.

A Deus, por me conceder o dom da vida.

RESUMO

O objetivo deste trabalho foi caracterizar os sistemas de produo de leite adotados pelos produtores do Assentamento So Manoel, Anastcio (MS), identificando seus principais entraves, visando subsidiar futuras proposies para o melhoramento dos mesmos. Aplicouse um questionrio semi-estruturado a 46 produtores entre os meses de outubro de 2009 a janeiro de 2010, com perguntas que procuraram cobrir informaes que caracterizassem o produtor dentro do contexto da produo familiar, com foco no manejo da propriedade. Foram registrados dados fotogrficos das Unidades de Produo Familiar. As informaes obtidas constituram um banco de dados e foram posteriormente tabuladas e analisadas atravs do programa Microsoft Excel (2003). Observou-se que os assentados possuem os requisitos mnimos para a produo de leite, como gua e pastagens, mas so grandes as limitaes impostas pela falta de recursos para investimento em infraestrutura de produo e baixa especializao. Um melhor aproveitamento dos recursos existentes, bem como a implantao e/ ou maior eficincia de tcnicas produtivas, podem possibilitar o aumento da produtividade e qualidade do leite dentro de um contexto economicamente vivel, socialmente justo e ambientalmente correto.

Palavras-chave: agricultura familiar, assentamento rural, pecuria leiteira, reforma agrria, sistemas de produo de leite

ABSTRACT

The objective of this study was to characterize the production systems adopted by the milk producers of Settlement So Manoel, Anastcio (MS), identifying the main obstacles in order to support future proposals for improving them. Its applied a semi-structured questionnaire to 46 farmers between the months of October 2009 to January 2010, with questions that sought to cover information that characterize the producer within the context of household production, focusing on the management of the properties. Photographic data were also collected from family production units. The information obtained provided a database that were then tabulated and analyzed using Microsoft Excel (2003). It was observed that the settlers have the minimum requirements for milk production, such as water and pasture, but major limitations are imposed by lack of resources for infrastructure investment and low production specialization. Better use of existing resources, as well as the implementation and/or more efficient production techniques, may enable increased productivity and quality of milk within a context economically viable, socially just and environmentally correct.

Keywords: agrarian reform, dairy farming, familiar agriculture, milk systems production, rural settlement

LISTA DE FIGURAS

Figura 1 Bacias Leiteiras de Mato Grosso do Sul ................................................................. 16 Figura 2 Eroso por sulco em rea de pastagem no Assentamento So Manoel, Anastcio (MS) .......................................................................................................................................... 34 Figura 3 Cultura da mandioca no Assentamento So Manoel, Anastcio (MS) ................... 36 Figura 4 Cerca eltrica no Assentamento So Manoel, Anastcio (MS). ............................. 37 Figura 5 Barraco de ordenha mecnica instalado em uma propriedade leiteira do Assentamento So Manoel, Anastcio (MS) ............................................................................ 38 Figura 6 Pastagem de Braquiria (Brachiaria brizantha e Brachiaria decumbens) ............. 39 Figura 7 rea de (Cynodon sp) Tifton 85 no Assentamento So Manoel (MS) ................... 39 Figura 8 Sombreamento na pastagem de uma UPF do Assentamento So Manoel, Anastcio (MS) .......................................................................................................................................... 40 Figura 9 rea de capineira em formao no Assentamento So Manoel, Anastcio (MS) .. 43 Figura 10 Aude em uma propriedade leiteira do Assentamento So Manoel, Anastcio (MS) .......................................................................................................................................... 44 Figura 11 Pilheta abastecida com gua do crrego bombeada por sistema de roda dgua para fornecimento aos animais leiteiros de uma propriedade do Assentamento So Manoel, Anastcio (MS) ......................................................................................................................... 45 Figura 12 Padro racial do Assentamento So Manoel, Anastcio (MS) ............................. 46 Figura 13 Padro racial do Assentamento So Manoel, Anastcio (MS) ............................. 47 Figura 14 Resfriador de 2000 litros utilizado pelos produtores de leite no Assentamento So Manoel, Anastcio (MS) .......................................................................................................... 49

LISTA DE TABELAS

Tabela 1 Principais sistemas de produo de leite encontrados no Brasil............................. 15 Tabela 2 Principais bacias leiteiras de Mato Grosso do Sul .................................................. 17 Tabela 3 - Sistemas de produo de leite em Mato Grosso do Sul .......................................... 17 Tabela 4 Nmero de pessoas que compem o ncleo familiar dos produtores de leite do Assentamento So Manoel, Anastcio (MS) ............................................................................ 29 Tabela 5 Nvel de escolaridade dos produtores de leite do Assentamento So Manoel, Anastcio (MS) ..........................................................................................