lição 12: culto doméstico

Download Lição 12: Culto Doméstico

Post on 15-Jun-2015

336 views

Category:

Documents

4 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • 1. Lio 12 - Culto domstico: ferramenta eficaz na aplicao dos princpios divinos no lar.

2. TEXTO AUREO Porque o Senhor passar para ferir aos egpcios, porm, quando vir o sangue na verga da porta e em ambas as ombreiras, o Senhor passar aquela porta e no deixar ao destruidor entrar em vossas casas para vos ferir. Ex 12.23 3. VERDADE APLICADA A prtica do Culto Domstico produz pessoas bem sucedidas contra o pecado, a carne, o mundo e satans, alm de capacitar os membros da famlia para reconhecerem oportunidades e armadilhas, para lidarem com revezes e tribulaes, saltando ou contornando obstculos. 4. TEXTOS DE REFERNCIA Gn 18.17 - E disse o Senhor: Ocultarei eu a Abrao o que fao, Gn 18.18 - visto que Abrao certamente vir a ser uma grande e poderosa nao, e nele sero benditas todas as naes da terra? Gn 18.19 - Porque eu o tenho conhecido, que ele h de ordenar a seus filhos e a sua casa depois dele, para que guardem o caminho do Senhor, para agirem com justia e juzo; para que o Senhor faa vir sobre Abrao o que acerca dele tem falado. 5. Introduo Nesta lio ser apresentado o Culto Domstico como principal ferramenta de ensino, aplicao, vivncia e solidificao daqueles princpios no lar. Cremos que por meio deste culto poderemos abrigar toda a nossa famlia sob a proteo do Precioso Sangue de Jesus at que Ele venha. Que Deus nos ajude a implantar, reimplantar ou a renovar o Culto Domstico. 6. Sinopse tpico 1 1 O Culto Domstico uma oportunidade de Evangelizar e preparar os seus membros a rejeitar a mentalidade mundana; .2 O C.D uma oportunidade para ler, comentar e viver a Palavra. Alm de transformar e manter a Unidade da Famlia; .3 Atravs do C.D. nos tornamos mais Fortes e Felizes. 7. 1. A importncia do culto domstico O culto domstico uma prtica muito simples, porm poderosa, que pode ser feito de muitas maneiras, dependendo da idade dos filhos, da instruo dos pais ou dos responsveis pela direo do culto e do tempo disponvel, bastando para isso que se observe seus elementos indispensveis: leitura da Bblia e orao com a famlia. 8. 1.1. E indispensvel para conduzir os filhos a Deus O Culto Domstico contnuo, persistente, oferece a melhor e a mais eficiente maneira de evangelizar. Atravs dele podemos evangelizar o cnjuge, os filhos, as visitas, os hspedes, os vizinhos, os parentes, enfim so inmeras as oportunidades de evangelizao que esta prtica possibilita 9. 1.2. indispensvel para a unidade da famlia, e transformar seus membros em vencedores No lar em que cotidianamente se l, estuda, comenta e vive a Palavra, em que todos oram juntos, em que se pratica a piedade, se aproveita todos os momentos para falar com Deus e acerca dEle, os membros da famlia se tornaro aptos para reconhecerem oportunidades e armadilhas. 10. Nota A importncia do Culto Domstico na segurana, unidade e conservao da famlia ficou demonstrada atravs de uma pesquisa feita nos EUA, pelo pesquisador cristo Dr. Pitirim Sorokin. A pesquisa revelou que para cada 1.015 famlias que realizam o culto domstico diariamente, somente uma atingida pelo divorcio. 11. Em contra partida, no Brasil, uma pesquisa da Fundao Getlio Vargas, intitulada Retrato do Crcere, realizada em 2006 sobre a delinquncia juvenil no Estado de So Paulo, aponta para dados alarmantes: a maioria absoluta da populao carcerria composta de jovens, dos quais 11,7 % so oriundos de lares evanglicos. 12. 1.3. indispensvel formao de Igrejas felizes, fortes e poderosas em Deus Moiss repete os mandamentos de Deus a Israel (Dt 5) e em seguida ordena; Ouve, pois, Israel, e atenta que os guardes, para que bem te suceda (seja feliz), e muito te multipliques (seja forte), como te disse o Senhor, Deus de teus pais, na terra que mana leite e mel (prosperidade econmica) (Dt 6.3). 13. Sabendo que o povo teria dificuldade em obedecer e que a desobedincia traria enfraquecimento e consequente destruio da nao, Moiss manda que cada famlia faa a sua parte para enraizar definitivamente nas mentes e coraes dos israelitas a Lei de Deus (Dt 6.6-8). 14. Sinopse tpico 2 1 No Culto Domstico podemos derrubar as barreiras da mgoa, rancor, tristeza e dor; e restaurar a comunicao e comunho com a famlia e com Deus. .2 O C.D. um momento oportuno para se expressar nossos sentimentos e respeito mtuos; .3 O C.D. pode ser um momento de aprendizado dirio, de como se comportar e ter bons hbitos. 15. 2. A salvao dos filhos, unidade na famlia e Igrejas poderosa No tpico anterior foi afirmado que o Culto Domstico indispensvel para unir e conservar a famlia, conduzir os filhos a Cristo, transformar os membros da famlia em vencedores e para a formao de Igrejas felizes, fortes e poderosas em Deus. Agora iremos abordar outros temas: 16. 2.1. A reunio diria para cultuar no lar derruba barreiras e aproxima os membros da famlia O Culto Domstico a melhor ocasio para removermos as barreiras e restaurar a comunicao e a comunho da famlia, pois, enquanto oramos uns pelos outros, podemos dizer a Deus o quanto amamos nossos filhos, nossos pais, os casais podem confessar o quanto se amam. 17. 2.2. O Culto Domstico evidencia o amor dos pais e gera amor a Deus e confiana nEle Crianas entendem o tempo que se gasta com elas como expresso de amor. E no somente elas, mas tambm adolescentes, jovens e adultos, entendem as horas dedicadas companhia deles como um: eu o amo, por isto gosto de ficar perto, conversar e ouvir voc. 18. 2.3. O Culto Domstico disciplina o temperamento, transforma o carter e fortalece a vida espiritual e a fibra moral Ao fazer o Culto Domstico, alm de alimentar nossos filhos com a Palavra de Deus, ensinar-lhes a orar e a temer a Deus, ns os estamos disciplinando pela Palavra. 19. 3. Implante o culto domstico De uma coisa podemos estar certos: todos os que se lanarem ao Culto Domstico, seja para reform- lo, reconstru-lo ou edific-lo do ponto zero, recebero graa de Deus para faz-lo. Portanto, mos obra: 20. 3.1. Comunique seu desejo de implantar o Culto Domstico Se ambos os cnjuges so alunos da EBD ou leitores desta revista, timo. Ser bem mais fcil comear. Se for somente o marido, converse com a esposa sobre sua deciso de praticar o Culto Domstico e pea a ela para ajud-lo. 21. 3.2. Maridos e esposas de cnjuges inconversos tambm podem implantar o Culto Domstico No lar onde um dos cnjuges ainda no se decidiu a Cristo, a responsabilidade pela vida espiritual da famlia recai sobre aquele que O serve. O cnjuge crente precisa agir com prudncia para no causar atritos, mas no deve temer implantar o Culto. 22. 3.3. Outros membros da famlia tambm podem implantar o Culto Domstico Na casa onde o tempo de que os pais dispem incompatvel com o horrio das crianas, os avs, irmos ou irms mais velhos, como tambm tios, podem assumir essa responsabilidade 23. Concluso Aps a implantao, reimplantao ou a renovao do culto domstico, voc ver que de fato uma prtica muito simples, no entanto, capaz de auxiliar na formao de uma famlia bem sucedida. No incio, talvez, alguns podero ter dificuldades por inibio ou falta de prtica, mas no decorrer das reunies, percebero o quanto eficaz adorar a Deus com a famlia. 24. Aplicao da lio QUESTIONRIO