Legislação ambiental e a questão dos resíduos sólidos

Download Legislação ambiental e a questão dos resíduos sólidos

Post on 29-Nov-2014

13.600 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

 

TRANSCRIPT

  • 1. Legislao Ambiental aplicada questo dos Resduos SlidosEcol. Tatiane da Costa Santos
  • 2. Resduos Slidos Resduos resultantes de atividades: industrial, domstico, hospitalar, comercial, agrcola, de varrio, lodos de ETA e ETE e lquidos que no podem ser lanados na rede de esgoto (CONAMA 05/93). destinao especfica reciclagem coleta geral
  • 3. 2011: 61,9 milhes ton., 1,8% a mais do que em 2010 Brasil. 2011 11 crescimento da pop. - 0.9% Crescimento de Resduos 2 x > Cada brasileiro produz 1,1 quilograma de lixo em mdia por dia 2011 coleta de 55,5 milhes ton. - 90 % do total 42% dos resduos slidos foram destinados em locais inadequados como lixes e aterros. Cerca de 10% de tudo o que gerado acabam em terrenos baldios, crregos, lagos e praas. (Abrelpe, 2011)
  • 4. Resduos Slidos municpio de So Paulo Secretaria Municipal de Servios: limpeza urbana; Lei n 13.478/02: organizao do sistema de limpeza do municpio; Criao da AMLURB (Autoridade Municipal de Limpeza Urbana). Lei n 13.316/02: coleta, destinao final e reutilizao de embalagens, garrafas plsticas e pneumticos. Decreto n 53.323/2012 Plano de Gesto Integrada de Resduos Slidos do Municpio
  • 5. Limpeza urbana nas vias, e reas pblicas, coleta de resduos slidos domiciliares - RSD, de servios de sade RSSS, e de natureza humana e animal; Considerando a coleta seletiva e de resduos de construo civil dos pequenos e grandes geradores (ecopontos);
  • 6. 18.000 ton./dia: domiciliar, de sade, feiras, podas de rvores, entulho... Nos primeiros quatro meses de 2012: 10.000 ton/dia Em 2011: Seletiva 193,00 ton/dia; Inertes 4.696,89 ton/dia; Varrio 248,85 ton/dia; Sade 90,31 ton/dia; Diversos 3.426,54 ton/dia.
  • 7. Classificao dos Resduos Classe I Resduos Perigosos Classe II Resduos No-Inertes Classe III - Resduos Inertes(Lei 12.305/10)
  • 8. Fundamentos Poltica Nacional de Resduos Slidos Logstica Reversa: quem disponibiliza certos produtos responsvel pelo seu recolhimento ou de sua embalagem, aps o uso. As embalagens de agrotxicos, pilhas e baterias, pneus, leos lubrificantes e suas embalagens, todos os tipos de lmpadas e de equipamentos eletrnicos descartados pelos consumidores fazem parte desta logstica, que dever tambm retornar a sua cadeia de origem para a reciclagem; Coleta Seletiva: Priorizao da contratao de cooperativas de catadores para triagem dos resduos reciclveis coletados; Destinao dos excedentes a outras entidades cadastradas, com dispensa de licitao; Reaproveitamento de materiais; Ciclo de vida dos produtos; Educao Ambiental; FEMA: Resduos.
  • 9. Gesto Integrada de RS Gesto: segregao, coleta, transporte, transbordo, triagem, tratamento e disposio final dos resduos. Solues - poltica, cultural, sustentabilidade (catadores, artic. Indstria, comrcio, outros nveis de governo - fomentos, soc. civil). Tecnologias limpas, impacto ambiental, recuperao energtica, tratamento, reciclagem, min. rejeitos.
  • 10. RECICLAGEM Lei 12.305/10
  • 11. No Reciclveis Cermicas; Vidros pirex e similares; Acrlico; Lmpadas fluorescentes; Papis plastificados, metalizados ou parafinados (embalagens de biscoito, por exemplo); Papis carbono, sanitrios, molhados ou sujos de gordura; Fotografias; Espelhos; Pilhas e Baterias de celular (devem ser devolvidos ao fabricante); Fitas e Etiquetas adesivas.
  • 12. 1-) Coleta porta portahttp://www.loga.com.brhttp://www.ecourbis.com.br2-) Pontos de Entrega Voluntria PEV`s: 1.0853-) Centrais de Triagem: 20A seguir imagens de centrais de triagem em operao
  • 13. Inaugurada em 2009
  • 14. Inaugurada em 2003
  • 15. Cooperativas: veculos do municpio
  • 16. 75 distritos atendidos, 14 dos quais integralmente, pelas 02 concessionrias e pelas 20 cooperativas de catadores conveniadas com a Prefeitura; 1.500.000 domiclios atendidos dentre um total de 3.574.286 (42%); 20 Centrais de Triagem, 01 Resduos Eletroeletrnicos; 1.085 cooperados; R$ 850,00 de mdia de renda mensal por cooperado; 45 entidades cadastradas: excedente das cooperativas conveniadas, com aproximadamente 270 integrantes; 23 caminhes coletores empregados; 93caminhes disponibilizados para as cooperativas; 1.845 PEVs; 3.818 contineres disponibilizados nos 1.866 condomnios atendidos, alm de escolas e rgos pblicos.
  • 17. RECICLVEIS Onde depositar?1. Coleta prefeitura: Ecourbis Verificar se na sua rua h coleta: http://www.ecourbis.com.br/2. Hipermercados e estabelecimentos comerciais3. Cooperativas4. Ecopontos
  • 18. PneusSite da Reciclanip:http://www.reciclanip.com.brItaquera, Santo Amaro, So Miguel Paulista, Vila Maria/Vila Guilherme, Mooca, So Mateus, Campo Limpo.
  • 19. Orgnicos
  • 20. Orgnicos Onde depositar?1. Coleta da prefeitura: Ecourbis Verificar dias e horrios de coleta: http://www.ecourbis.com.br/
  • 21. Resduos da construo Civil
  • 22. Transbordo e Triagem reas privadas
  • 23. Classificao Resoluo CONAMA 307/2002, Lei Municipal n 14.803/08 Classe A: materiais construo, demolio. Classe B:plsticos, papel, metais, vidros, madeiras e (gesso CONAMA 431/11); Classe C: resduos perigosos que admitem recuperao para reciclagem; Classe D: resduos perigosos: amianto, outros.
  • 24. Destinao Resoluo CONAMA 307/2002 Classe A: Aterro RCC /reciclagem Classe B: Reciclveis Classe C: Aps Tratamento - reciclagem Classe D: Aterro Classe I
  • 25. Resduos da construo Civil Onde depositar? Ecopontos: Entrega voluntria de materiais de construo civil (cimento, entulho, tijolos, restos de azulejos, madeiras, e outros entulhos at 1 m3), mveis velhos, podas de rvores e outros tipos de materiais volumosos, alm de resduos reciclveis. Funcionamento: segunda sbado das 6h s 22h e aos domingos e feriados das 6h s 18h. Mais informaes:0800-7777156.
  • 26. ECOPONTOS 56 ECOPONTOS PEV`s at 1 m3 Volumosos; Reciclveis; RCC. Aproveitamento de reas pblicas com descarte irregular de resduos slidos Multa descarte irregular de at 50 Kg: R$ 563,97+ 50 Kg: R$ 13.535,29 Lei 15.244/10
  • 27.