jornal a voz dos bairros de piracicaba - edição 29

Download Jornal A Voz dos Bairros de Piracicaba - Edição 29

Post on 22-Jul-2016

217 views

Category:

Documents

1 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Nesta edição, entre várias máterias, destacamos a preparação do xv de piracicaba para o campeonato

TRANSCRIPT

  • V. Snia - Regio da V. Industrial - Algodoal - Regio do Primavera - Santa Rosa - S. Jorge - Regio do Morumbi

  • MAESTRO CIDO

    O Jornal A Voz dos Bairros de Piracicaba umapublicao independente, de circulao men-sal e distribuio gratuita.Diretor Resp.: Jos Ap. dos SantosArte e Diagramao: Jos Ap. dos SantosDepto. Publicidade: Jos Ap. dos SantosDepto. Comercial: Jos Ap.SantosColaboradores: Comunidades e SecretariasDistribuio: 5R PromoesFotos: arquivoReportagens: Jos Ap. dos Santos

    Jornal A Voz dos Bairros de PiracicabaEmail:vozdosbairrospiracicaba@hotmail.com

    Tel:3413.0582 / 9.9200.4669* As matrias e informaes contidas nestejornal so de responsabilidade do prprio

    autor

    2JUNHO / 2015

    Diretor / PresidenteMTB - 007.5724/SP

    EXPEDIENTE

    C.N.P.J 66.840.043./0001-30

    BAIRRO VERDE / TPA - Linha311HORRIOS DO TERMINALCENTRALPlataforma C 04Segunda a Sexta-Feira:05:30 06:15 07:05 07:45 08:3009:15 10:00 10:45 11:30 12:1513:00 13:45 14:30 15:15 16:0016:45 17:30 18:15 19:00 19:4520:30 21:15 22:00 22:45 23:30Sbado:05:30 06:15 07:05 07:45 08:3009:15 10:00 10:45 11:30 12:1513:00 13:45 14:30 15:15 16:0016:45 17:30 18:15 19:00 19:4520:30 21:15 22:00 22:45 23:30

    Domingo e Feriado:05:30 06:15 07:05 07:45 08:3009:15 10:00 10:45 11:30 12:1513:00 13:45 14:30 15:15 16:0016:45 17:30 18:15 19:00 19:4520:30 21:15 22:00 22:45 23:30HORRIOS DO TERMINALPAULICIAPlataforma B 01Segunda a Sexta-Feira:05:10 05:50 06:40 07:20 08:0508:50 09:35 10:20 11:05 11:5012:35 13:20 14:05 14:50 15:3516:20 17:05 17:50 18:35 19:2020:05 20:50 21:35 22:20 23:05Sbado:05:10 05:50 06:40 07:20 08:05

    08:50 09:35 10:20 11:05 11:5012:35 13:20 14:05 14:50 15:3516:20 17:05 17:50 18:35 19:2020:05 20:50A 21:35 22:20 23:05Domingo e Feriado:05:10 05:50 06:40 07:20 08:0508:50 09:35 10:20 11:05 11:5012:35 13:20 14:05A 14:50 15:3516:20 17:05 17:50A 18:35A 19:2020:05 20:50A 21:35 22:20A 23:05A - Atende o Clube dos Saudosis-tasItinerrio:TERMINAL CENTRAL, Av. Ar-mando de Salles Oliveira, TeatroMunicipal, Av. Independncia, Av. 31de Maro, Rua Cornlio Pires, Rualvaro de Carvalho, Av. Bairro Ver-de, Rua Dona Ildia Bachi, RuaVirglio Furlan, Rua Santa Helena, Av.31 de Maro, Av. Com. LucianoGuidotti, Av. So Paulo, TERMI-NAL PAULICIA, Av. So Paulo,Rotatria da Rodovia SP 127, Av.Com. Luciano Guidotti, Av. 31 deMaro, Rotatria da Av. gua Bran-ca, Av. Bairro Verde, Av. Dr. JooConceio, Rua da Glria, Rua JosP. de Almeida, Av. Independncia, Te-atro Municipal, Rotatria da Av. 31de Maro, Av. Jos Micheletti, TER-MINAL CENTRAL.

  • CIDADE3 JUNHO / 2015

    A COMPRA CORRETA DE UM TERRENO

    Escolha pela rea e Loca-lizao.Na busca pelo terreno ideal para exe-cutar a construo, inicialmente pen-sa-se na localizao, na rea e no pre-o, devendo-se tomar alguns cuida-dos j nessa escolha. A rea deve seradequada ao que se deseja construir.Um lote de 350 m2, por exemplo, nose presta para quem deseja construir,alm da casa, uma piscina, uma qua-dra de esportes ou um pomar comgrande variedade de frutas. Deve-seter ao menos uma idia do que sedeseja colocar dentro do lote, fazen-do-se um anteprojeto, bem simples,com tudo que se pensa incluir e suasrespectivas reas aproximadas.Quanto localizao, atente para osaspectos de distncia do Centro, se-gurana, clima, proximidade de co-mrcio, escolas e linhas de nibus.Atente para as LimitaesFsicas.Os aspectos fsicos que podem ofe-recer limitaes construo so a

    topografia, a qualidade do solo, even-tuais encostas, proximidade de guas,etc. recomendvel que se visite area. Pise no terreno que voc estadquirindo. Se possvel leve consigoum engenheiro ou arquiteto paraorient-lo. comum existirem no mercado ter-renos baratos que parecem, a princ-pio, um grande negcio. Entretantopodem significar elevados custos emfundaes e contenes de arrimo,por suas limitaes fsicas, transfor-mando aquela pechincha num gran-de peso no seu oramento.No caso de loteamento novo, em queno foram concludas as obras deterraplanagem e demarcao doloteamento, faa incluir no contrato decompra e venda, alm das dimensese posicionamento do terreno, adeclividade da rea a ser adquirida.Verifique, tambm se no existe guanas proximidades. Os solos prximosa regies alagadas, como rios e lago-as, so de resistncia muito baixa ouforam aterrados, resultando em pro-

    blemas nas fundaes da casa a serconstruda. Existe, ainda, o risco dasguas subirem em pocas de grandeconcentrao pluviomtricAa.Verifique a documentao do terre-no, como o registro no Cartrio de

    O primeiro passo para construir uma edificao a compra do terreno, obviamente se voc no o possui. Existem aspectos relevantes e limitaesfsicas e legais impostas ao terreno que vo influenciar diretamente no seu projeto e podem, eventualmente, inviabilizar um determinado plano quevoc tem em mente.

    Registro de Imveis, que a compro-vao de propriedade de quem estlhe vendendo, e as guias pagas doIPTU (Imposto Predial e TerritorialUrbano), para no Ter surpresas de-sagradveis.

    Escolher o terreno, projetar a casa e plane-jar a obra so os trs primeiros passos dequem vai construir um imvel?

  • 4 Para anunciar: 3413.0582 /992004669 JUNHO / 2015

    JUGATHA INDSTRIA E COMRCIO DEPRODUTOS QUMICOS LTDA EPP,tomapblico que REQUEREU DA CETESB ARENOVAO DA LICENA DEOPERAO PARA ATIVIDADEFABRICAO PRODUTO DE LIMPEZA EPOLIMENTO, sito ESTRADA TUPI X RIODAS PEDRAS,TUPI/SANTA ISABEL,650/680 PIRACICABA/SP.

  • 5 JUNHO / 2015Para anunciar: 3413.0582 /992004669

    portaldoconsumidor

    AQUISIO DA CASA PRRIAEm um momento de crisemuitos muturios noconseguem manter seuscompromissos financei-ros, por isso, comumtransferirem o imvelpara outra pessoa. Apesarde ser uma prtica permi-tida, recomendvel queseja feita nos trmites le-gais, fugindo do chama-do "contrato de gaveta.Assim, voc deve indicarformalmente ao credor aterceira pessoa que assu-mir a responsabilidade eelaborar novo contrato. recomendvel pesquisar a situ-ao do financiamento,pois oimvel pode estar hipotecado emum banco como garantia.Se onovo comprador for pagar vistao preo do imvel, basta quitar ofinanciamento do vendedor e des-contar o valor que j foi pago. Se

    o novo comprador decidir tam-bm financiar o imvel deve to-mar conhecimento do Custo Efe-tivo Total (CET) assim ser pos-svel comparar com outros ban-cos ou negociar com o banco atu-al.

    Em muitos contratos pelo Siste-ma Financeiro de Habitao(SFH), h restries transfern-cia, porque a legislao afirmaque obrigatria a interveno dobanco, que o real proprietriodo imvel. Mas e se ele no qui-

    ser realizar contrato com o novoconsumidor? Nesse caso, anegativadever ser justificada e onovo comprador dever procurarfinanciamento em outro banco.Tambm importante ressaltarque no obrigatrio ser manti-do o contrato atual, pois cada con-sumidor analisado individual-mente por cada um oferecer ris-cos diferentes e, por isso, poderpossuir taxas de juros diferenci-adas. Dessa forma, dever ser fei-to um novo contrato com os no-vos valores.

    Em relao ao prazo para deso-cupao do imvel, no existe pe-rodo legal para tal, isto deve sercolocado no contrato de comumacordo entre as partes, inclusivemulta pode ser gerada em caso deatraso na desocupao.

  • 6 JUNHO / 2015Para anunciar: 3413.0582 /992004669

    B. MONTE ALEGRE

    QQQQQUINTUINTUINTUINTUINTAAAAAMALMALMALMALMALUCA!UCA!UCA!UCA!UCA!

    BOSQUE S B. PAULICIA B. J. BORGUESI

    CASE do Bosques dolenheiro j est pronto.

    A Secretaria de Obras daprefeitura Municipal, prevpara a prxima semana, aoincio da construo do Cam-po de Futebol de Areia nobairro Portelinha.Esta solicitao vem a muitotempo alimentando a espe-rana da comunidade comomais uma rea de laer.O Portelinha, fica localizadona zona sul da cidade, maisprecisamente no bairro daPaulicia.Esta ao beneficiar no sos moradores locais, mastambm os bairros prximosdali, e o resultado estar emuma maior integrao entreeles atravs de campeonatoscomunitrios ou organizaode eventos, valorizndo osmoradores e suas famlias.

    PORTELINHA TERCAMPO DE AREIA

    O Bairro Jardim Borghesi,localizada entre os bairros daVila Cristina, e Jardim T-quio, na regio da Paulicia,ser mais um contempladocom a academia ao ar livre.Anseada pela populao lo-cal , a academia teve o seuinicio de obra no ltimo diadoze e sua previso de en-trega ser em no mnimo ummesem mdia.Com isso, o bairro ter maisuma opo de lazer e um lo-cal para o exercicio dirio docorpo para se manter em boaforma e sade.

    JARDIM BORGUESIGANHA ACADEMIAAO AR LIVRE

    O Instituto de Pesquisas ePlanejamento de Piracicaba(Ipplap) estuda limitar o aces-so de veculos AvenidaPedro Morganti, no bairrohistrico do Monte Alegre,somente a moradores. A pro-posta colocar cancelas paraque somente os carros dosresidentes, que ganharo se-los, possam entrar no local.Os demais interessados vi-sita teriam acesso apenas ap.A medida faz parte de um pla-no chamado de zeladoria, quepretende revitalizar economi-camente o local que sofre de-terioraes do tempo e doalto trfego de caminhes pe-sados e de veculos. A ideiafoi apresentada populaona ltima quarta-feira, emuma assembleia no centro co-munitrio do bairro, segundo

    informaes da Prefeitura,por meio de assessoria.De acordo com o presidentedo Ipplap, Lauro Pinotti, oconceito de zeladoria novoe foi criado por arquitetosque perceberam que, ao res-taurar um imvel histrico, otrabalho durava pouco tem-po e tinha que ser refeito comfrequncia. "A inteno dazeladoria revitalizar os pr-dios e espaos que sejamatrativos econmicos, dandoa eles uma funo,requalificando-os para rece-ber as atividades e, assim,conseguirem se manter res-taurados com o prprio di-nheiro gerado na nova ativi-dade que desenvolvida."

    Prefeitura prope cancela e aces-so a p a bairro histrico dePiracicaba (Foto: Leon Boto/