introducao -

Download Introducao -

If you can't read please download the document

Post on 07-Jan-2017

216 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • PROGRAMA DE PS-GRADUAO EM CINCIA DA INFORMAO

    MESTRADO EM CINCIA DA INFORMAO

    UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE

    INSTITUTO DE ARTE E COMUNICAO SOCIAL

    CAROLINA MARTINS FERRO

    OS DIREITOS HUMANOS, A UNESCO E OS ARQUIVOS

    NITERI

    2014

  • CAROLINA MARTINS FERRO

    OS DIREITOS HUMANOS, A UNESCO E OS ARQUIVOS

    Dissertao apresentada ao Programa

    de Ps-Graduao em Cincia da

    Informao da Universidade Federal

    Fluminense como requisito parcial para

    obteno do grau de Mestre em Cincia

    da Informao.

    rea de Concentrao: Dimenses

    Contemporneas da Informao e do

    Conhecimento.

    Linha de Pesquisa: Informao,

    Cultura e Sociedade.

    Orientador: Prof. Dr. Eduardo Ismael Murgua Maraon

    NITERI

    2014

  • F395 Ferro, Carolina Martins

    Os direitos humanos, a Unesco e os arquivos /

    Carolina Martins Ferro. Niteri : UFF, 2014.

    184 f.

    Orientador: Eduardo Ismael Murgua Maraon

    Dissertao (Mestrado) Universidade Federal

    Fluminense. Instituto de Arte e Comunicao Social /

    Programa de Ps-Graduao em Cincia da

    Informao, 2014.

    1. Arquivos. 2. Direitos humanos. 3. Unesco I.

    Maraon, Eduardo Ismael Murgua. II. Universidade

    Federal Fluminense. Instituto de Arte e Comunicao

    Social. III. Ttulo.

    CDD - 027

  • CAROLINA MARTINS FERRO

    OS DIREITOS HUMANOS, A UNESCO E OS ARQUIVOS

    Dissertao apresentada ao Programa

    de Ps-Graduao em Cincia da

    Informao da Universidade Federal

    Fluminense como requisito parcial para

    obteno do grau de Mestre em Cincia

    da Informao.

    rea de Concentrao: Dimenses

    Contemporneas da Informao e do

    Conhecimento.

    Linha de Pesquisa: Informao, Cultura

    e Sociedade.

    Aprovada em:

    BANCA EXAMINADORA

    ______________________________________________________________________

    Prof. Dr. Eduardo Ismael Murgua Maraon (Orientador)

    PPGCI/UFF

    ______________________________________________________________________

    Profa. Dra. Lcia Maria Velloso de Oliveira

    PPGCI/UFF

    ______________________________________________________________________

    Profa. Dra. Patricia Sonia Silveira Rivero

    Universidade Federal do Rio de Janeiro UFRJ

    SUPLENTES:

    ______________________________________________________________________

    Prof. Dr. Rodrigo de Sales

    PPGCI/UFF

    ______________________________________________________________________

    Profa. Dra. Maria Celina Soares de Mello e Silva

    Museu de Astronomia e Cincias Afins

  • Dedico este trabalho a Deus, meu Pai e

    Criador amado, Aquele com o qual sempre

    pude contar com a misericrdia infinita.

    Dedico tambm a todos os professores, de

    todas as instituies nas quais tive o

    privilgio de estudar, que atravs da

    partilha de seus conhecimentos

    contriburam para minha formao.

  • AGRADECIMENTOS

    Agradeo a Deus por tudo; Aos meus pais pelos valores morais transmitidos que

    contribuem a cada dia para formao de minha essncia; s minhas irms pelo apoio

    incondicional em tudo; Ao meu marido Srgio pela tranquilidade e equilbrio emocional

    que me trazem a paz necessria vida; a Jefferson, meu filho de corao, por ter

    tornado meus dias de licena dedicados dissertao mais alegres; Ao professor

    Eduardo, meu orientador e grande incentivador que me fez acreditar mais em mim

    mesma; Aos meus colegas do mestrado com os quais tanto aprendi e compartilhei

    experincias maravilhosas; Aos professores do PPGCI UFF, meus mentores intelectuais

    a quem serei eternamente grata por tanto conhecimento transmitido; Aos dias de sol

    maravilhosos que tornaram a travessia da Baa de Guanabara, seja pela ponte, seja de

    barcas, to saborosa e inspiradora; UFRJ, que alm de meu ganha po me

    proporciona o privilgio do estudo; Ao NEPP-DH, meu local de trabalho que muito

    influenciou e contribui para o tema da pesquisa e a todos os meus amigos e colegas que

    atravs da oportunidade da convivncia me fazem uma pessoa mais feliz e mais

    completa.

  • A essncia dos direitos humanos o

    direito a ter direitos. Hannah Arendt

    No concordo com o que dizes, mas

    defendo at a morte o direito de o dizeres.

    Voltaire

    http://pensandoeopinando.wordpress.com/2009/10/19/nao-concordo-com-o-que-dizes-mas-defendo-ate-a-morte-o-direito-de-o-dizeres/http://pensandoeopinando.wordpress.com/2009/10/19/nao-concordo-com-o-que-dizes-mas-defendo-ate-a-morte-o-direito-de-o-dizeres/

  • RESUMO

    A pesquisa examina a relao dos arquivos com os direitos humanos atravs das

    resolues das Conferncias Gerais da UNESCO, realizadas a partir da dcada de 1990

    e de 2000 e dos Instrumentos Internacionais de Direitos Humanos da ONU. Identifica

    atravs dessas recomendaes oficiais da UNESCO as aes apontadas sobre a funo

    social dos arquivos, discutindo-as atravs de uma abordagem poltica dos direitos

    humanos. Baseando-se no mtodo do Direito Comparado de Rodolfo Sacco, atravs da

    comparao, identifica de que forma as polticas da UNESCO para os arquivos vo ao

    encontro do estabelecido como direitos humanos nos Instrumentos Internacionais da

    ONU. Traz como referencial terico as ideias defendidas por Norberto Bobbio (2004)

    dentro da teoria juspositivista dos direitos humanos que apontam uma srie de

    caractersticas dos direitos humanos que so necessrias sua compreenso, bem como

    as anlises de Fabio Konder Comparato (2013) sobre a internacionalizao dos direitos

    humanos. Os resultados apontam para uma estreita relao das polticas da UNESCO

    para os arquivos com o estabelecido nos Instrumentos Internacionais da ONU.

    Palavras-Chave: Direitos Humanos; UNESCO; Polticas de Informao; Arquivos.

  • ABSTRACT

    The research examines the archives considering the human rights through the

    resolutions of UNESCO General Conference held since the 1990s and 2000s and also

    the UN International Human Rights Instruments. It identifies, through these official

    recommendations of UNESCO, actions indicated on the social function of the archives,

    discussing them through a political approach to the human rights. Based on The

    Comparative Law from Rodolfo Saco method, by comparison, it identifies how the

    policies of UNESCO for the archives are aligned with what is stated as the human rights

    in the UN international instruments. It brings, as theoretical background, ideas espoused

    by Norberto Bobbio (2004) regarding the legal positivism theory of the human rights

    that establishes a number of characteristics of human rights that are necessary for its

    understanding as well as Fabio Konder Comparato (2013) analysis on the human rights

    internationalization. The results indicate a close relationship between UNESCO policies

    for the archives and the provisions of the United Nations International Instruments.

    Key words: Human Rights; UNESCO; Information Policies; Archives

  • SUMRIO

    INTRODUO...................................................................................................................... 11

    CAPTULO I

    A FUNDAMENTAO HISTRICA DOS DIREITOS HUMANOS............................ 18

    Teoria Jusnaturalista x Teoria Juspositivista .....................................................................21

    As geraes de direitos humanos e seus contextos histricos..............................................33

    CAPTULO II

    OS ARQUIVOS DE DIREITOS HUMANOS NO BRASIL: PRESSUPOSTOS E

    HIPTESES............................................................................................................................47

    CAPTULO III

    UNESCO: DITOS E NO DITOS DE UMA ORGANIZAO PARA A EDUCAO,

    CINCIA, CULTURA E... INFORMAO........................................................................66

    UNESCO: Antecedentes e Precedentes ................................................................................66

    Construindo bases: A UNESCO e seus pilares de sustentao ..........................................77

    Informao: o propsito evidente e no explcito da UNESCO .........................................85

  • CAPTULO IV

    OS ARQUIVOS E OS INSTRUMENTOS DE DIREITOS HUMANOS NOS

    DISPOSITIVOS LEGAIS ...................................................................................................101

    Trajetos percorridos para a obteno dos dispositivos legais da UNESCO e da ONU e o

    mtodo utilizado para analisar os dados levantados..........................................................102

    O Sistema Global de Proteo dos Direitos Humanos e seus Instrumentos Internacionais

    de Direitos Humanos.............................................................................................................107

    Estabelecendo relaes: as polticas da UNESCO para os arquivos e os direitos humanos

    no Sistema Global de Proteo dos Direitos Humanos da

    ONU........................................................................................................................................112

    As resolues da UNESCO sobre o campo informacional e sobre os arquivos na

    dcada de 1990........................................................................................