instruÇÕes de regata - .página 2 2.1.5 para os veleiros comandados por mestre-amador, comprovante

Download INSTRUÇÕES DE REGATA - .Página 2 2.1.5 Para os veleiros comandados por Mestre-amador, comprovante

Post on 08-Nov-2018

213 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • Pgina 1

    INSTRUES DE REGATA

    XXIII REFENO 24 a 28 de setembro de 2011

    1 REGRAS 1.1 A Regata ser disputada sob as seguintes regras:

    1.1.1 Regulamentos da MARINHA DO BRASIL, em especial a NORMAM 03.

    1.1.2 Regras de Regatas a Vela da ISAF para 2009-2012.

    1.1.3 Determinaes da CBVM.

    1.1.4 Regras da classe BRA-RGS para 2011.

    1.1.5 Regulamentos especiais para a categoria 3 de regatas ocenicas do Offshore

    Racing Council (Special Regulations ORC).

    1.1.6 Exigncias, Diretrizes Especficas para a REFENO 2011 e recomendaes da

    Capitania dos Portos de Pernambuco. Ver Quadro de Avisos em

    http://www.refeno.com.br/refeno/avisos.php, que trata de flexibilizaes

    vlidas apenas para a XXIII REFENO.

    1.1.7 Regras de preservao ambiental do Parque Nacional Marinho de Fernando de

    Noronha.

    1.2 Em caso de conflito, as determinaes destas INSTRUES superam e prevalecem

    sobre aquelas do Anncio e dos Avisos de Regata.

    2 CONDIES DE PARTICIPAO 2.1 Sero considerados autorizados a participar da regata os veleiros que at 14h00 do dia

    22 de Setembro de 2011 (exceto para o item 2.1.2-Certificado de Medio) estiverem

    com as taxas de inscrio pagas para todos os seus tripulantes e apresentarem, na

    secretaria da XXIII REFENO, os seguintes documentos:

    2.1.2 Certificado de inspeo preenchido e assinado pela Marinha do Brasil

    atestando o enquadramento do barco nas condies exigidas pelo regulamento

    (NORMAM 03 e flexibilizaes para XXIII REFENO).

    2.1.3 At o dia 22 de setembro, Cpia do certificado de medio na sua Classe

    (seORC ou RGS) vlido para o perodo da regata. Uma cpia deve ser mantida a bordo.

    Aps esta data ser imputado o maior rating da classe.

    2.1.4 Para os veleiros da classe ORC, relao de tripulantes e pesos.

  • Pgina 2

    2.1.5 Para os veleiros comandados por Mestre-amador, comprovante de

    comparecimento do comandante e um tripulante s palestras sobre Segurana

    do Navegador Amador, Reunio de Comandantes e a autorizao da

    Capitania dos Portos de Pernambuco para o mestre amador comandar o seu

    barco na XXIII REFENO.

    2.1.6 Para os veleiros com tripulantes menores de 12 anos desacompanhados de

    seus genitores, faz-se necessria a apresentao de uma declarao assinada

    pelos mesmos, autorizando-o a participar da Regata.

    2.1.7 Os comandantes devero assinar uma autorizao de uso de imagens, bem

    como, a declarao de iseno de responsabilidade para os organizadores.

    2.1.8 Os comandantes tambm devero assinar um Termo de Compromisso junto ao

    ICMBio, onde declaram sua concordncia sobre as normas ambientais do

    Arquiplago de Fernando de Noronha.

    2.1.9 Os Comandantes devero atender aos itens 7.2 e 7.3 destas Instrues de

    Regata que tratam dos adesivos das embarcaes.

    3 PROPAGANDA Conforme disposto no item 7.7 do Aviso de Regata da XXIII Regata Recife-

    Fernando de Noronha permitido s embarcaes portarem patrocnio particular desde que

    20% da rea lateral do casco sejam deixadas livres para fixao dos adesivos dos

    patrocinadores oficiais do evento. A rea lateral de 20% dever ser contada iniciando na proa

    da embarcao. Para barcos de LOA acima de 10 metros, no ser necessria a disponibilidade

    dos 20% da rea lateral desde que os 2 metros contados da proa a popa sejam reservados para

    os patrocinadores oficiais. No portar os adesivos dos patrocinadores oficiais do evento

    implica em desclassificao da regata alm da cobrana das taxas de atracao no perodo pr-

    regata no Cabanga Iate Clube de PE.

  • Pgina 3

    4 CLASSES PARTICIPANTES

    4.1 Classe RGS: veleiros portadores de certificado RGS emitido por autoridade competente

    e vlido para o ano de 2011.

    4.1.1 A Classe RGS ser subdividida em:

    4.1.1.1 RGS-A: TMF-AA > 1,00

    4.1.1.2 RGS-B: TMF-AA 0,90

    4.1.1.3 RGS-C: TMF-AA 15,00m

    4.4.1.2 Multi B: LOA 12,00m

    4.4.1.3 Multi C: LOA = 10,00m

    4.4.1.4 Multi D: LOA < 10,00m

    4.5 Classe Aberta: a critrio da Comisso Tcnica podero ser aceitas inscries para uma

    classe ABERTA, os barcos que no possam se enquadrar de forma alguma nas outras classes. A

    classificao ser pelo tempo de regata.

    4.5.1 A classe ABERTA poder ser subdividida em:

    4.5.1.1 Aberta A: LOA > 12,50 m;

    4.5.1.2 Aberta B: LOA

  • Pgina 4

    assimtricos. A inscrio de barcos nessa classe est sujeita anlise e aprovao da

    Comisso Tcnica.

    4.7 Caso julgue necessrio a comisso de regatas poder efetuar a medio do LOA de

    qualquer embarcao.

    5 AVISOS AOS COMPETIDORES 5.1 Estaro dispostos nos quadros oficiais de avisos de regata localizados:

    5.1.1 Em Recife, no Palhoo do Cabanga.

    5.1.2 Em Noronha, na Secretaria da Regata, ao lado da Administrao do Porto.

    5.1.3 No web site www.refeno.com.br - Quadro de Avisos

    5.2 Os barcos somente estaro autorizados a partir com o nmero de tripulantes que

    estejam inscritos e confirmados.

    5.3 Ser obrigatrio a todos os barcos que no forem classificados com Navegao Ocenica (Mar Aberto) que estejam equipados com um rastreador SPOT.

    5.4 O barco que partir com tripulante que no formalizar a inscrio ser desclassificado

    da regata e reportado Marinha do Brasil para ser excludo da relao dos veleiros

    acobertados pelas flexibilizaes para a regata, estando sujeitos ainda a penalidades

    legais das Normas do Trfego Martimo, Normas do Parque Ambiental de Fernando de

    Noronha e Administrao do Arquiplago de Fernando de Noronha, a quem pagaro

    as taxas TPA e Ancoragem se l aportarem.

    5.5 Para os inscritos na XXIII REFENO o Cabanga Iate Clube liberar a taxa de permanncia

    por 60 dias corridos contados da data de chegada no Clube. Esta concesso NO

    vlida para barcos de associados do clube. A gratuidade s ser iniciada depois de

    efetuada a inspeo da marinha, portanto os barcos de fora do estado ao chegarem ao

    Cabanga devero fazer na primeira oportunidade a inspeo naval. Aps a chegada e

    decorridos 4 (quatro) dias, se o barco no efetuou a inspeo, o mesmo pagar a taxa

    da diria de atracao ao clube.

  • Pgina 5

    6 PROGRAMAO Todos os horrios contidos nessas instrues referem-se Hora de Braslia, (GMT 03h00).

    6.1 EVENTOS em Recife: estritamente relativos Regata:

    Dia 06/09 09h00 Incio das vistorias das embarcaes pela Marinha do Brasil. Horrio das 9h00 s 16h00 - Recomenda-se programar na vspera.

    Dia 22/09 16h00 Encerramento das vistorias da Marinha nas embarcaes.

    18h00 Encerramento das atividades da secretaria para recebimento de certificados de rating.

    Dia 22/09

    14h00

    Palestra sobre segurana do navegador obrigatria a todos os que requererem licena como mestre amador para capitanear sua embarcao ate Noronha. A ser dada pela Marinha.

    14h00 Fim do prazo para retirada de pendncias da Marinha.

    Dia 23/09 10h30 Reunio dos Comandantes - obrigatria a todos os comandantes participantes.

    12h00 Lista oficial de todos os barcos e tripulantes participantes na Regata.

    Dia 24/09 09h00 Sinal de sinalizao das 3 horas.

    12h00 Sinal de ateno e incio do CHECK-IN para o grupo Verde.

    12h30 Partida do grupo Verde. Sinal de ateno e incio do CHECK-IN para o grupo Amarelo.

    13h00 Partida do grupo Amarelo. Sinal de ateno e incio do CHECK-IN para o grupo Azul.

    13h30 Partida do grupo Azul.

    6.2 EVENTOS em Noronha:

    Dia - 27/09 18h00 Fim do prazo de chegada da XXIII REFENO

    Dia - 28/09 18h00 Solenidade de entrega dos prmios

    Dia - 30/09 24h00 Encerramento do prazo de iseno da TPA (taxa e preservao ambiental) aos participantes da XXIII REFENO

  • Pgina 6

    7. BARCOS, TRIPULAES E EQUIPAMENTOS: 7.1 Qualquer substituio de tripulante dever ser devidamente comunicada por escrito e

    aceita pela secretaria at as 11 horas do dia 23 de setembro.

    7.2 Os barcos s podero partir se estiverem dotados de 2 (duas) marcas adesivas com a

    cor do seu grupo de partida, que devero ser fixadas pela Organizao da Regata nos 2

    (dois) costados da proa da embarcao, na rea reservada para os adesivos da

    Organizao e logomarcas dos Patrocinadores. O no cumprimento desta

    determinao ser punido com a adio de 15 minutos ao tempo real de regata.

    7.3 Os barcos s podero partir se estiverem dotados de marcas adesivas de

    Patrocinadores, de acordo com as especificaes da Comisso Organizadora. O no

    cumprimento desta determinao ser punido com a desclassificao da regata.

    7.4 Considerando a dificuldade de reabastecimento de gua potvel em Fernando de

    Noronha, aconselhamos todos os barcos a partirem com a gua necessria ao seu

    consumo durante todo o percurso de ida e volta e permanncia no Arquiplago de

    Fernando de Noronha.

    8 EXIGNCIAS E RECOMENDAES DA CAPITANIA DOS PORTOS DE

    PERNAMBUCO DE ACORDO COM O 3 DISTRITO NAVAL 8.1 Por determinao das EXIGNCIAS E RECOMENDAES DA CAPITANIA DOS PORTOS DE

    PERNAMBUCO DE ACORDO COM O 3 DISTRITO NAVAL Capitania dos Portos do Estado

    de Pernambuco, todos os veleiros sero vistoriados conforme as exigncias da

    NORMAM 03 (verso 2010) e as recomendaes e exigncias especficas para a XXIII

    REFENO da Capitania de Pernambuco..

    8.2 A NORMAM pode ser consultada nas Capitanias dos Portos ou no site:

    www.dp