Informativo Pestalozzi 2013 (Abril)

Download Informativo Pestalozzi 2013 (Abril)

Post on 28-Mar-2016

213 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

 

TRANSCRIPT

<ul><li><p>2Presidente Honorrio da FEP: Cleber Reblo NovelinoPresidente da FEP: Eurpedes Marini</p><p>Diretora Administrativa da FEP: Gisele Abraho Novelino MeloCoord. de Eventos e Mkt. da FEP: Carmelita Victor SpreenEditores: Carmelita Victor Spreen e Thiago Honda Kitamura</p><p>Projeto Grfico: Thiago Honda KitamuraFotografia: Snia Maria Custdio</p><p>Reviso: Carla C. B. Neroni, Camila B. Schirato, Edna M. Bastianini, Edna Ap. R. da Silva, Elisa S. C. Kazan e</p><p>Sheila M. M. R. ChaireloDesigner: Thiago Honda Kitamura</p><p>Impresso: Grafimpress (Franca/SP)Tiragem: 4.000 Exemplares</p><p>Na Internetwww.pestalozzi.com.br</p><p>marketing@pestalozzi.com.br</p><p>Escola Pestalozzi - Unidade IRua Jos Marques Garcia, n 197</p><p>Cidade Nova - Franca/SPCEP: 14,401-033</p><p>Tel.: 16 3711.0100</p><p>Escola Pestalozzi - Unidade IIAv. Wilson Sbio de Mello, n 1840</p><p>Santa Helena - Franca/SPCEP: 14.406-081</p><p>Tel.: 16 3711.0150</p><p>NOSSOS PARCEIROS</p><p>CCBEUO Centro Binacional de Franca</p><p>H poucos minutos li em um jornal de circulao nacional a esti-mativa de uma fila de 4.500 pessoas para receberem uma prtese cirrgica. Ative-me ao sofrimento de cada um dos angustiados en-fermos na dura expectativa de alvio e depois observei o duro dever do Estado de atender a todos os necessitados.Ao refletir sobre nossa tarefa educacional diria, no posso deixar de identificar o mesmo movimento: transitamos ininterruptamente entre o individual e o coletivo, tentando entender com cuidado e respeito a cada um dos plos. vista do coletivo, gritaremos: 2012, eis mais um ano de vitrias! vista do individual, acrescentaremos: 2012, eis mais um ano de muitas histrias. E contabilizaremos as vitrias, os empates, as hesitaes, as perdas.O vestibular um exame importante, pois, como todo o ponto de li-mite, fecha uma etapa e abre outra, regula uma passagem, fornece a senha que autoriza uma nova condio. Nossa funo de preparao de nossos alunos de Ensino Mdio comea no 1 ano, segue em ritmo forte at o terceiro. Proibimo-nos de olhar o recorte e nos convidamos a abranger a totalidade de cada aula, de cada aprendizagem/no apren-dizagem, de cada ateno/desateno, de cada bom rendimento/mau rendimento, de cada motivao/desmotivao, de cada capacidade de deciso/indeciso. Sabemos o hercleo trabalho dirio em todas as fren-tes. De nossa parte, estimular cada professor e ampliar o seu mximo, agradecendo, motivando, orientando, exigindo, paramentando, instru-</p><p>Almir Barbosa Oliveira</p><p>Diretor Escolar</p><p>// Palavra do Diretor</p><p>mentalizando, dado a estrutura fsica e pedaggica para o exerccio das tarefas educacionais. Da parte dos professores, conferindo, explicando, aprofundando, reconferindo, reexplicando, reaprofun-dando. Da parte dos pais, acompanhan-</p><p>Conquistas</p><p>Equipe</p><p>Assistente de Direo: Vincius Silveira GarciaCoordenadora Pedaggica (Ensino Mdio): Andra Cristina de Oliveira</p><p>Orientadora Educacional (Ensino Mdio): Schbina Ramos BatistaCoordenadora Pedaggica (Ensino Fundamental II): Ktia Arajo de Moura Lance</p><p>Orientadora Educacional (Ensino Fundamental II): Deuclia Celeste VieiraCoordenadora Pedaggica (Ensino Fundamenal I): Silmara C. Bortolato Raimundo</p><p>Coordenadora Pedaggica (Ensino Infantil): Elisa Garcia Bertoni Idalgo</p><p>do, pontuando, disciplinando e abrindo espaos de amor e aceitao insuspeitos para uma fase to delicada da vida. Da parte dos alunos a dedicao e o esforo, nas medidas e nas diferenas individuais.Vrios alunos desta trupe 2012 adentraram ao prximo trio do saber. Sero Alunos Pestalozzi pelas universidades do Brasil e do exterior e voltaro para o abrao mais gostoso e carinhoso, cheio de nostal-gia e gratido. Vrios alunos esto no quase e sero tambm AlunosPestalozzi, brilhando nas listas dos aprovados do ano que vem. Alguns alunos partiro j para o mercado de trabalho e tambm sero Alunos Pestalozzi em seus empregos.Lembremo-nos sempre, direo, pais e professores: Houve empenho da parte de todos para a fixao indelvel: UMA BOA EDUCAO PARA SEMPRE.</p></li><li><p>O CAMINHO MAIS CURTO PARA A UNIVERSIDADE. 3</p><p>A escola que temos.A escola que construmos</p><p>O desafio de educar para a vida</p><p>Aprendi</p><p>Iniciamos o ano letivo de 2013. A Escola Pestalozzi - Unidade I est em festa no s pelo nmero expressivo de matrculas, como pelo sucesso alcanado pelos nossos alunos nos vestibulares mais concorridos do pas sem passar pelos chamados cursinhos. Este xito tambm com-partilhado por alunos do primeiro e segundo anos do Ensino Mdio, que lograram aprovao como treineiros.Esses resultados promissores no so fortuitos, mas fruto de muito traba-lho e responsabilidade durante os 67 anos de atuao dessa instituio na sociedade francana. No por outro motivo, a cada ano, por ocasio do planejamento, grandes tericos nacionais de expressiva produo intelectual vm at ns para estimular debates e promover profundas reflexes na difcil tarefa do ensino e da aprendizagem. Atualizar impe-rativo para aqueles que educam crianas e adolescentes em um mundo de grandes transformaes e mudanas aceleradas. A trade: trabalho, solidariedade e tolerncia marcam nossa filosofia na busca da formao integral de nossos alunos.Espao privilegiado, nesta escola, a natureza se manifesta em seus be-los jardins, orquidrio e frutferas o ptio das jabuticabeiras um de-leite para muitos- e convive de forma harmnica com a alta tecnologia existente em suas amplas salas de aula. Inmeras geraes de ilustres francanos usufruram desses espaos intelectuais, afetivos e de grande preocupao com valores morais. A instituio representada pela eficiente equipe de gesto, de professo-</p><p>Vivemos um momento muito especial: a comemorao dos apro-vados nos vestibulares! A cada ano que passa, o aumento do nmero de alunos aprovados nos principais vestibulares, vem crescendo direto do Ensino Mdio! No h milagre, esse sucesso o resultado de um longo e rduo traba-lho de construo perpetrado por dr. Toms Novelino, por dona Apa-recida e por seus seguidores! O fato que estamos ancorados em uma Instituio Tradicional. Tradicional, sim, no sentido de elevar, cada vez mais, os valores ticos na formao integral dos alunos e tambm, pela preocupao com a educao que os prepare para enfrentar os desafios encontrados ao longo da vida!A satisfao maior de todos os profissionais dessa instituio saber que colaboramos com a educao de um aluno que no apenas escolheu sua profisso, mas que, certamente, atuar como um profissional com-petente em uma sociedade plural, carente, cada vez mais, do exerccio da cidadania e de uma interveno tica na realidade.Quem no passou por essa escola e no guarda as boas lembranas do tempo de estudante, dos professores, inspetores e funcionrios de </p><p>Aos meus alunos,Um dia, eu aprendi um no sei qu, que nasce no sei onde, vem no sei como, e di no sei por qu.Aprendi que na Pasrgada tem tudo, outra civilizao.Aprendi que nosso cu tem mais estrelas e que nossas vrzeas tm mais flores.Aprendi que as canes acordam os homens e adormecem as crian-as.Aprendi a conhecer as manhas e as manhs.Aprendi que s quem ama pode ter ouvido capaz de ouvir e enten-der estrelas.Aprendi que tenho apenas duas mos e o sentimento do mundo.Aprendi tanto... e ainda tenho tanto... para aprender....Porm, no aprendi sozinha, no aprendi apenas com os poetas, no aprendi apenas com meus mestres...Aprendi e aprendo todos os dias tambm com os meus eternos jo-vens alunos que, em sala de aula, multiplicam comigo o sabor das massas e das mas e que me fazem ter certeza de que tudo infinito no instante em que se vive.Sem vocs, eu no aprenderia de forma to especial.</p><p>Schbina Ramos BatistaOrientadora Educacional - Ensino Mdio</p><p>Andria Cristina de OliveiraCoordenadora Pedaggica doEnsino Mdio</p><p>Prof. Edna Mendes BastianiniLiteratura</p><p>res altamente qualificados, de funcionrios engajados, procura manter-se nos rumos traados pelos seus mentores: Dr. Toms Novelino e Dona Maria Aparecida Reblo Novelino, educadores de escol., no entanto, para os pais que voltamos o nosso maior agradecimento. So eles os reais conhecedores da pedagogia libertria e da seriedade da instituio e que pela confiana, entregam seus filhos para um longo trajeto educativo. Eles sabem que o ato de educar no feito apenas ao trmino do Ensino Fundamental (9 ano), mas se consolida ao final do Ensino Mdio, no qual a nossa proposta pedaggica alcana um alto grau de aprofun-damento, instrumentalizando nossos alunos para os grandes desafios do mundo profissional.Parabns aos nossos alunos e a todos que contriburam para o sucesso dessa instituio, pois sabemos que, como nos diz o filsofo Fernando Savater, educar nada mais do que humanizar, pois sem educao s nos resta a barbrie. Se a misso da escola se caracteriza pela formao intelectual, afe-tiva e moral, sua vocao se traduz em: Educar para humanizar. Educar para instruir. Educar para a autonomia moral. Educar para a formao integral do ser. PESTALOZZI: UMA BOA EDUCAO PARA SEMPRE. </p><p>um modo geral! Estudar no Pestalozzi ter a garantia de uma educao voltada para a formao integral do indivduo, onde o clima escolar o da aprendizagem! Clima esse que envolve, encanta e marca a vida do aluno Pestalozzi para sempre e que percebido a todo momento e lugar; como na conversa no ptio da jabuticabeira; nos estudos, pesquisas e leituras da biblioteca; no almoo no restaurante, acompanhado da turma e dos professores! Nas aes de voluntariado do Grupo Despertar ou nos acalorados deba-tes das aulas de tica! Nas aulas de teatro, aps uma bateria de provas! Na vivncia da Iniciao Cientfica, nos laboratrios e nos grupos de Trei-namento Olmpicos de Fsica e Matemtica! Nas aulas da manh e no retorno para os Ncleos de Estudo tarde ou para os grupos de estudos organizados pelos alunos! Nos ensaios de violo no espao de convivn-cia, para uma apresentao no ptio ou na sala de aula! Na tradicional competio dos jogos no CECAP. Nos encontros, s sextas-feiras, para discusses das principais obras da literatura ou at mesmo para prepa-rar-se para um sarau! Nas acirradas competies da Caa ao Tesouro e tantos outros desafios propostos!Enfim, esse um rpido esboo das intensas atividades a que os alunos do Pestalozzi se dedicam diariamente. Atividades essas que colaboram e despertam no aluno o desejo de aprender a aprender, mas tambm de buscar, continuamente, solues para os desafios pessoais e sociais que enfrentaro na busca de seu desenvolvimento profissional.Queridos alunos, aproveitem o momento agora! Parabns a todos os aprovados e familiares e tambm a todos os profissionais dessa Institui-o que contriburam, decisivamente, para todo esse sucesso!</p></li><li><p>4A importncia da leiturae da escrita</p><p>Escrever, hoje, uma necessidade para muitos profissionais e para estudantes que se veem s portas da universidade. Vivemos em um mundo cercado de informaes, onde a capacidade de organizar o pensamento por meio da escrita cada vez mais exigida tanto no mercado de trabalho quanto no ingresso no ensino superior. Por isso, a competncia para fazer uma redao muito cobrada dos vestibulandos e tambm daqueles que almejam boas colocaes no mercado de trabalho.Devido importncia de saber escrever, a tarefa de orientar os estudantes no caminho do aprimoramento de seu texto um desafio. Muitas vezes, uma boa parte recorre opinio mais corriqueira, mais imediata. O ponto de vista de cada um deve ser respei-tado, mas a opinio deve ser o resultado de um processo, de um raciocnio baseado em conhecimento e em associaes lgicas. preciso dedicao para se chegar ao desembarao de uma boa exposio, para se ter um bom domnio da lngua portuguesa, ampliar o vocabulrio e adquirir fluncia na construo de estruturas frsicas. Para escrever bem necessrio ler, adquirir informa-o e, sobretudo, aprender a pensar. Seria ingenuidade acreditar na existncia de um conjunto de tcnicas que, milagrosamente, levariam algum a redigir bem.Portanto, a prtica constante a que todos nos devemos submeter a da leitura crtica do mundo, esse o verdadeiro caminho para o exerccio da cidadania e tambm para a produo de bons textos.Lembre-se: a redao sempre ganha com boas leituras.</p><p>Aps alguns anos de seu retorno grade curricular, a disciplina de filosofia j se encontra consolidada e em destaque nos grandes vestibulares do pas. Arch, Anaxmenes, Tomismo, Kant, Montesquieu e Pla-to so nomes e conceitos que se fizeram presentes nos principais processos seletivos das grandes Universida-des para o ingresso em 2013. Os enunciados dos vestibulares exigem cada vez mais que o aluno associe as correntes filosficas com seus principais expoentes e temporalidades histricas. Neste sentido, na Fundao Educandrio Pestalozzi, a disciplina de filosofia ministrada nos trs anos do En-sino Mdio, com foco na Histria da Filosofia, nas tem-ticas filosficas e nas questes da contemporaneidade. Visando no apenas formao acadmica, mas tam-bm contribuir para a formao integral do indivduo, procura-se favorecer o desenvolvimento de uma mente crtica e autnoma que saiba analisar o mundo que o cerca e atuar no mesmo de forma consciente. Nesse mbito, a filosofia se torna uma disciplina que abre caminho para o conhecimento dos clssicos e do legado cultural da humanidade, tornando-se um instru-mento de reflexo e autoconhecimento. </p><p>Prof. Juliano Alves DiasHistria e Filosofia</p><p>Prof. Camila Beghelli SchiratoGramtica e Redao</p><p>Filosofia no Ensino Mdio e no Vestibular</p><p>Prof. Ana Lvia SartoriIngls</p><p>To read or not to read? Thats the question</p><p>Can you understand any text in English? Yes!!! Then, read on. Got stuck in the second line by expressions or unknown vocabulary? Then, follow the steps suggested by your English teacher in the Zero class. Anyway, dont give up! However look out!First, look through the passage to get the gist. Second, look into phrasal verbs, expressions, false friends, prefixes, suffixes or whatever might lead to misunderstanding, especially if you have to read between the lines. Third, look words up in a dictio-nary whenever necessary. Well, it looks as if youre going the right way now. Does it look extremely hard? Dont look the other way. Take your time. Its high time you learned the mechanisms of a text to help you understand it. Its sensible to look before you leap!The harder you try, the higher the level of your En-glish and the more successful you will be! Ill sure-ly look up to you!</p></li><li><p>O CAMINHO MAIS CURTO PARA A UNIVERSIDADE. 5</p><p>Os vestibulares atuais vem mudando o seu formato. cada vez mais comum nos depararmos com provas em que interdisciplinaridade e a contextualizao esto presentes. Alm de estudar e aprender os contedos exigidos, existe tambm uma necessidade de se fazer uma reflexo sobre eles.Uma questo contextualizada uma maneira de relacionar os contedos aprendidos com sua aplicao prtica.Percebe-se que, para um bom rendimento nos vestibulares, necessrio muito mais do que ficar debruado em livros, cadernos e apostilas. de grande importncia ter uma ampla viso de mundo. preciso saber interpretar as diferentes formar de informao que cada questo traz, sejam elas num texto, num desenho, num grfico ou em uma tabela. Ler revistas, fazer pesquisa na internet, melhorar a leitura para a melhor compreenso de um texto est diretamente ligado ao que...</p></li></ul>