Índice - | resumos, apontamentos e exames ...· correm é o consumo energético extremamente baixo

Download Índice - | Resumos, apontamentos e exames ...· correm é o consumo energético extremamente baixo

Post on 09-Dec-2018

212 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

1

ndice

Introduo ..................................................................................................................................... 2

Evoluo Histrica ........................................................................................................................ 3

Descrio ....................................................................................................................................... 5

Funcionamento .............................................................................................................................. 7

Tipos de Sistemas .......................................................................................................................... 9

Split ........................................................................................................................................... 9

Multi-Split ............................................................................................................................... 12

VRV (volume de refrigerante varivel) .................................................................................. 14

Chillers .................................................................................................................................... 17

Legislao ................................................................................................................................... 20

Edifcio em Estudo ...................................................................................................................... 21

Anfi Teatro Almadense (responsabilidade Constrope) ........................................................ 21

Introduo ao estudo da Obra ...................................................................................................... 22

Tipos de actividade ................................................................................................................ 23

Sistemas utilizados no Edifcio ............................................................................................... 23

Descrio dos sistemas ............................................................................................................ 24

Relativamente ao Ar novo/Extrao.................................................................................... 25

Unidade de tratamento de ar novo ....................................................................................... 25

Peas desenhas AVAC ................................................................................................................ 28

Concluso .................................................................................................................................... 40

Bibliografia ................................................................................................................................. 41

2

Introduo

Este trabalho tem como objectivo o estudo do funcionamento dos principais

sistemas de ar condicionado.

O ar condicionado um sistema mecanizado essencial para o conforto e bem estar nos

espaos por ns habitados como tambm em salas de cirurgia, bibliotecas, aras

tcnicas, etc.

Assim sendo torna-se cada vez mais necessrio a todos aqueles que participam na

construo dos espaos, que haja um entendimento composto sobre este sistema tanto

pela sua novidade como pela sua complexidade de adaptao construo.

Neste trabalho, ser efectuada uma descrio e caracterizao aprofundada dos

principais sistemas, tais como: Split, Muti-split, VRV e Chillers. Ser apresentado um

estudo de um caso prtico (Reabilitao do Anfiteatro Almadense da responsabilidade

Constrope) a fim de entender a aplicao na sua dimenso real.

O presente trabalho constitudo por cinco partes. Na primeira parte efectuada a

evoluo do ar condicionado num contexto histrico.

Na segunda parte ser efectuada uma descrio e caracterizao dos vrios sistemas, as

suas implicaes na arquitectura, as vantagens e desvantagens, os seus campos de

aplicao, assim como a legislao aplicvel.

Na terceira parte ser feita uma anlise do caso prtico.

Na quarta parte ser apresentada uma pequena concluso de todo o trabalho estudado

bem como uma anlise crtica ao sistem instalado no caso de estudo, e uma breve

bibliografia.

3

Evoluo Histrica

Na Antiga Roma j era aplicado o conceito de ar condicionado, onde as guas

dos aquedutos faziam-se circular atravs das paredes no interior das casas para as

arrefecer.

Ding Huan, inventor chins do Sculo II, inventou um

ventilador constitudo por sete rodas com trs metros de

dimetro e operado manualmente. Em 747, o Imperador

mandou construir no seu palcio um salo fresco, que

descrito como tendo ventiladores, accionados a gua,

para arrefecimento do ar.

Na Prsia Medieval existiam edifcios que usavam cisternas e torres de vento para o

arrefecimento nas pocas quentes. As cisternas abertas recolhiam a gua da chuva. As

torres de vento dispunham de aberturas que captavam o vento e de cata-vento que

direccionavam o fluxo de ar para o interior do edifcio, normalmente passando sobre a

cisterna e saindo por uma torre de arrefecimento situada na vazante da direco do

vento.

No percurso deste ar, eram por vezes accionadas chicanas como reservatrios de gua

ou carvo vegetal humidificado como acontece no Egipto.

Na decada de 1600, o inventor holands Cornelius Drebbel fez a demonstrao

transformando o Vero em Inverno, perante o Rei Jaimes VI da Esccia e I de

Inglaterra, atravs da adico de sal e gua.

Em 758, o norte americano Benjamin Franklin e o Britnico John Hadley exploraram o

princpio da evaporao como meio de arrefecer rapidamente um objecto. Estes

confirmaram que a evaporao de lquidos altamente voltes, como o lcool e o ter,

poderiam ser usados para diminuir a temperatura de um objecto at ser inferior ao ponto

de congelao da gua.

Em 1842, o mdico norte americano John Gorrie usou a

tecnologia de compresso para criar gelo, o qual usava

para arrefecer o ar para os pacientes do seu hospital,

apesar de no ter sido posta em prtica devido a vrios

problemas logisticos.

Um Badgir localizado no Deserto

Iraniano perto da Cidade de Naeen

Mquina de Gelo construida por

Michael Faraday (1820)

4

Willis Haviland Carrier (1902)

O primeiro ar condicionado moderno originou-se em 1902 por Willys Carrier, devido a

problemas numa empresa de Nova Iorque com

trabalhos de impresso durante os meses de Vero.

A empresa recorreu ao engenheiro para resolver o

problema e pela primeira vez a temperatura exacta do

ar podia ser controlada, pois fazia o ar passar por

condutas e serpentinas artificalmente arrefecidas, com

temperaturas regulveis.

Esta inveno solucionou o problema da empresa. Mais tarde, a tecnologia de Carrier

foi aplicada para aumentar a produtividade nos postos de trabalho e acrescente procura

desta mesma tecnologia levou criao da empresa Carrier Air Conditioning Company

of America, ainda hoje uma grande indstria de AVAC.

Depressa este equipamento foi cobiado pela indstria principalmente as de txteis,

indstrias de papel, farmacuticos e tabaco, e mais tarde estabelecimentos comerciais.

Carrier criou o primeiro ar condicionado elctrico mas foi Stuart W. Cramer da Carolina

do Norte que avanou com esta tecnologia. Foi tambm o responsvel pela criao do

termo ar condicionado.

Hoje em dia, as marcas apostam em equipamento cada vez mais elegante e discreto

tanto nas unidades interiores como nos exteriores, mas o factor principal nos dias que

correm o consumo energtico extremamente baixo de modo a preservar o nosso meio

ambiente.

5

Descrio

O meio ambiente onde vivemos, est sempre em constante mudana e mais

especificamente a temperatura, devido ao aquecimento global.

Os sistemas de ar condicionado como este, esto principalmente destinados

refrigerao, tendo outras funes tais como o aquecimento ou arrefecimento, como

tambm podem reduzir a humidade e purificar o ambiente do espao onde est

instalado.

Como o clima requer refrigerao no vero e aquecimento no inverno, o ideal utilizar

os sistemas com ciclo reversvel, ou seja, que podem tambm ser usados para aquecer o

ambiente. Funes como a purificao do ar ou a desumidificao, embora

complementares aos sistemas, tornam-se cada vez mais necessrias para uma agradvel

qualidade do ar e em processos, como por exemplo em salas de cirurgias, estas funes

so fundamentais para a higiene do espao.

Com esta mltipla variedade de funes percebe-se a complexidade do sistema de ar

condicionado e a sua versatibilidade de adaptao s diferentes necessidades pois a sua

utilizao garante a temperatura ambiental ideal, gerando conforto, bem-estar e sade.

Porm, em geral, estas infraestruturas e processos tm outros tipos de preocupaes, no

s as suas funes como a sua instalao, que ocupam muito espao devido s condutas

de circulao de ar e dos aparelhos ligados, como tambm aos custos associados tanto