iane rocha przewodowska ferreira - prefeitura .m£o â€‌ (mrio quintana, 1996)....

Download IANE ROCHA PRZEWODOWSKA FERREIRA - Prefeitura .m£o â€‌ (Mrio Quintana, 1996). AGRADECIMENTOS

If you can't read please download the document

Post on 28-Nov-2018

216 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE CENTRO DE CINCIAS HUMANAS, LETRAS E ARTES

    DEPARTAMENTO DE CINCIAS SOCIAIS PROGRAMA DE PS-GRADUAO EM CINCIAS SOCIAIS

    IANE ROCHA PRZEWODOWSKA FERREIRA

    DO LIXO SOLIDARIEDADE: avanos e perspectivas na busca de uma nova realidade

    NATAL-RN 2007

  • IANE ROCHA PRZEWODOWSKA FERREIRA

    DO LIXO SOLIDARIEDADE: Avanos e perspectivas na busca de uma nova realidade

    Dissertao apresentada ao Programa de Ps Graduao em Cincias Sociais da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, como requisito parcial obteno do ttulo de mestre em Cincias Sociais.

    Orientadora: Prof. Dr Eleonora Bezerra de Melo Tinoco

    Natal RN 2007

  • Catalogao da Publicao na Fonte. Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Biblioteca Setorial Especializada do Centro de Cincias Humanas, Letras e Artes (CCHLA).

    NNBSE-CCHLA

    Ferreira, Iane Rocha Przewodowska. Do lixo solidariedade : avanos e perspectivas na busca de uma nova reali- dade / Iane Rocha Przewodowska Ferreira. - Natal, RN, 2007. 264 f. Orientadora: Prof. Dr Eleonora Bezerra de Melo Tinoco. Dissertao (Mestrado em Cincias Sociais) Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Centro de Cincias Humanas, Letras e Artes. Programa de Ps- graduao em Cincias Sociais.

    1. Economia solidria Dissertao. 2. Mercado de trabalho Dissertao. 3. Lixo Coleta seletiva - Dissertao. I. Tinoco, Eleonora Bezerra de Melo. II. Universidade Federal do Rio Grande do Norte. III. Ttulo. RN/BSE-CCHLA CDU 330.342.146

  • IANE ROCHA PRZEWODOWSKA FERREIRA

    DO LIXO SOLIDARIEDADE: Avanos e perspectivas na busca de uma nova realidade

    Dissertao apresentada ao Programa de Ps Graduao em Cincias Sociais da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, como requisito parcial obteno do ttulo de mestre em Cincias Sociais.

    Dissertao aprovada em: ______/______/ 2007

    BANCA EXAMINADORA

    ______________________________________________________________ Prof Dr Eleonora Bezerra de Melo Tinoco

    Universidade Federal do Rio Grande do Norte Presidente

    ______________________________________________________________ Prof Dr Maria Lcia Machado Aranha

    Universidade Federal de Sergipe Membro Titular Externo

    ______________________________________________________________

    Prof Dr Braslia Carlos Ferreira Universidade Federal do Rio Grande do Norte

    Membro Titular Interno

    ______________________________________________________________ Prof Dr Jos Willington Germano

    Universidade Federal do Rio Grande do Norte Membro suplente

  • Dedico,

    A minha querida me, amiga e companheira,

    que sempre me estimulou e contribuiu na

    concretizao dos meus projetos e sempre me

    incentivou a lutar por dias melhores, por um

    mundo melhor, por uma vida mais digna.

    A minha doce av Lourdes, que sempre esteve

    presente em minha vida, vibrando nos

    momentos de alegria e me confortando nos

    momentos de dor.

    A minha querida tia Denise, que tem partilhado

    intensamente todos os meus momentos, e que

    neste processo em especial, de descobertas e

    aprendizados, contribuiu de forma

    diferenciada, em razo da sua vasta e rica vida

    acadmica.

    Aos catadores que me concederam as

    entrevistas, to fundamentais para a realizao

    deste trabalho, que abriram seus coraes e

    contaram suas verdades. para vocs que eu

    escrevo, para o Joo e a Maria, que quase

    sempre esto em situao crtica! E por isso

    minhas palavras so quotidianas, como o po

    nosso de cada dia, e a minha poesia natural

    e simples, como a gua bebida na concha da

    mo (Mrio Quintana, 1996).

  • AGRADECIMENTOS

    Para realizao desse projeto, foi necessrio o percurso de um longo, caminho,

    trilhado e vivenciado por conquistas, alegrias, dificuldades e limites, ora transponveis, ora

    intransponveis. Sendo assim, para sua concretizao foi necessrio a colaborao de pessoas

    com quem partilhei esta jornada, buscando alcanar este processo de construo terico-

    metodolgico o amadurecimento pessoal e profissional. Portanto, no poderia deixar de

    agradecer a estas pessoas importantes e especiais que, ao seu modo e dentro de suas

    possibilidades, colaboraram para a construo deste trabalho.

    A Deus, Senhor e condutor de todo este processo, sem o qual no teramos realizado

    este grande sonho e alcanado esta grande realizao profissional e pessoal.

    A minha famlia, que durante todo o processo se solidarizou comigo, deu-me

    estmulo e colaborou para a construo desta obra, no me deixando fraquejar nos momentos

    de dificuldade e suprindo, dentro do possvel, todas as necessidades.

    A minha orientadora, professora Doutora Eleonora, que se disponibilizou a caminhar

    comigo nesta trajetria de mestrado, pela oportunidade que me concedeu de participar do

    Projeto de Economia Solidria e Desenvolvimento Sustentvel UNITRABALHO ICCO,

    propiciando-me uma vivncia riqussima e um grande aprendizado, bem como a toda equipe

    que participou do projeto.

    As professoras doutoras Braslia Carlos Ferreira da UFRN, Denise Cmara de

    Carvalho da UFRN, Lorena Holzmann da UFRGS e Christiane Girard Ferreira Nunes da

    UNB, que a poca do exame de qualificao, formal e informalmente contriburam de forma

    singular, atenciosa e crtica para o desenvolvimento do meu trabalho.

    A professora Doutora ris Maria de Oliveira, que muito contribuiu para realizao

    das entrevistas de nossa pesquisa.

    A professora Mestra Vanusa Resende pela sua amizade e auxlio durante este

    processo de construo.

    A professora Especialista Liana Maria Nobre Teixeira pelo trabalho de normalizao

    desta dissertao, carinho e amizade.

    Aos membros da secretaria e aos professores do Programa de Ps-Graduao em

    Cincias Sociais, pela agradvel e enriquecedora convivncia, em especial aos professores

    doutores Edmilson Lopes Jnior, Joo Emanuel Evangelista, Jos Antonio Spinelli Lindoso,

  • Jos Willington Germano, Lincoln Moraes de Souza, Norma Missae Takeuti, Orivaldo

    Pimentel Lopes Jnior e Beatriz Maria Soares Pontes com quem tive a oportunidade de

    conviver como aluna do programa e como representante do corpo discente.

    A Sra. Maria Wagna de Arajo Dantas, economista e consultora da Fundao de

    Apoio Educao e ao Desenvolvimento Tecnolgico do Rio Grande de Norte FUNCERN,

    cujo apoio foi imprescindvel para a realizao desta pesquisa, e a qual devoto a minha eterna

    gratido.

    Ao Senhor Srgio Pinheiro, ex-presidente da Companhia de Servios Urbanos de

    Natal URBANA e membro da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e dos Recursos

    Hdricos SERHID, por ter concedido-me entrevista e disponibilizado informaes que

    muito contriburam para a pesquisa.

    A ao Senhor Josenildo Barbosa de Lira, presidente da Companhia de Servios

    Urbanos de Natal URBANA, por ter concedido-me entrevista e disponibilizado material

    com informaes referente a coleta seletiva, bem como aos demais funcionrios do rgo que

    nos receberam e contriburam com informaes e documentos necessrios para realizao da

    pesquisa.

    A equipe de Economia Solidria da Secretaria Municipal de Trabalho e Assistncia

    Social SEMTAS, que sempre me acolheu bem e contribuiu diretamente para realizao da

    pesquisa.

    As associaes de catadores, que me receberam com respeito e aos catadores que

    concederam as entrevistas que foram fundamentaais para a realizao do trabalho.

    A Dra. Nara Maria Dantas, por todo o suporte ao longo da realizao deste projeto, e

    cuja contribuio foi essencial para que superssemos nossas limitaes e dssemos

    continuidade aos trabalhos.

    Aos amigos Beatriz Azevedo, Ednardo Gonalves, Christiane Lima, Clia Stocco,

    Sandra Torres, Shirley Brito e Thiago Spinelli, que a seus modos e suas maneiras, me

    incentivaram e contriburam de forma muito positiva para a realizao deste projeto.

    Enfim, a todos que, de alguma forma contriburam com este processo de

    amadurecimento e fechamento de uma etapa importante da minha vida profissional e pessoal,

    meus sinceros agradecimentos. E a luta segue em frente, rumo ao aprofundamento e

    continuidade dos estudos.

  • O nosso tempo um tempo paradoxal. , por um lado,

    um tempo de grandes avanos e de transformaes

    dramticas, dramaticamente designadas por revoluo

    da informao e da comunicao, revoluo eletrnica,

    revoluo da gentica e da biotecnologia. Mas , por

    outro lado, um tempo de inquietantes regresses, do

    regresso de males sociais que pareciam superados ou em

    vias de o ser: o regresso da escravatura e do trabalho

    servil; o regresso da alta vulnerabilidade a doenas

    antigas que pareciam erradicadas, pelo menos nos pases

    mais desenvolvidos, como a tuberculose, e a doenas

    novas de propores pandmicas, como o HIV/Aids; o

    regresso das repugnantes desigualdades sociais que