guia gates automotivo

Download Guia Gates Automotivo

Post on 20-Oct-2015

54 views

Category:

Documents

5 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • Totalmente ilustrado; Como funcionam nossos produtos; Dicas de armazenagem e manuseio; Tcnicas para uma melhor aplicao; Diagramas completos de montagem; Programa Garantia para Todos; 100 anos de histria da Gates.

    GUIA GATESAUTOMOTIVO

    Correias, Tensionadores e Mangueiras.

  • Linha do Tempo Gates

    A Gates no Brasil

    2011A Gates completa100 anos de existncia e liderana nomercado mundial.

    1911Charles Gates,compra a empresaThe Colorado Tire& Leather.

    1917John Gates (irmo de Charles Gates)inventa a Correia V utilizada em grande parte dos veculos at os dias de hoje.

    1919A empresa passa a sechamar The Gates Rubber.

    1927Gates inicia a produode mangueiras.

    1946Inveno da Correia Sincronizadora.

    1954A empresatorna-se a maiorfabricante deCorreias Vdo mundo.

    1961Charles Gates Jr.empresrio e lantropoassume a lideranada empresa.

    1963Inaugurao daprimeira fbricada Gates nocontinenteEuropeu (Blgica).

    1986Aquisio mundial da Uniroyal Power Transmission.

    1996A famlia Gates se retira do comando da companhia deixando um legado de 14.000 funcionrios e 48 fbricas em 15 pases. A Tomkins-PLC assume o controle da empresa.

    2004A Gates adquire mundialmente as fbricas de correias empoliuretano Mectrol Corporation, e inicia sua liderana em um novo mercado de correias (Gates Mectrol).

    2005A Gates adquire a empresa alem EMG com operaes na Espanha e China, onde so fabricadas conexes e acessrios para tubos hidrulicos (passa a se chamar Gates EMB).

    1968Inicio das operaesGates no Brasil.

    1972Inicio da produode correias industriaise automotivas no Brasil sob o nome ORION-GATES.

    1975Inauguraoda Fbrica de Mangueirasno Brasil

    1976Inicio da produo de mangueiras no Brasil.Produo da primeira Correia Power Band no Brasil.

    1986No Brasil, a unidadeem Rio Claro-SP, inicia a fabricao de correias sincronizadoras.

    1990Lanada alinha de Correias Agrcolas no Brasil.

    1999Inaugurada a clula produtorade Tensionadoresem Jacare SP.

    2001Inaugurada a clulaprodutora de CorreiasMicro V em Jacare - SP.Incio da produode correias Sincronizadoras em Jacare-SP

    2005Inicio da produo de mangueiras hidrulicas com cobertura lisa no Brasil, uma das maiores inovaes tecnolgicas em mangueiras.

    2010Lanamento do POWERGRIP KITno Brasil com cobertura de 60% da frota nacional (contendo: cor-reia, tensionador/polia e manual de instrues)

    2011A Gates Brasil completa43 anos de atividades.

  • 03

    100 anos da parceria mais con vel

    Catlogo Eletrnico Gates

    ndice

    Caro leitor: no ano em que comemora seus 100 anos de vida em todo o mundo,a Gates tem o orgulho de dar as boas vindas a voc.

    Boas vindas, pois este guia oferece a voc um pouco de nossa histria (que se confunde com a histria das correias automotivas), e tambm tcnicas sobre cons-truo dos produtos, como funcionam, cuidados de armazenagem, aplicao alm de garantia sobre servios.

    O contedo o resultado de nossa histria mundial desde 1911 e no Brasil desde 1968 (j so 43 anos), incluindo as lies que aprendemos junto ao mercado durante nossas palestras tcnicas e convvio com o cinas, lojas de autopeas e distribuidores.

    Queremos facilitar o seu dia-a-dia com uma linguagem fcil e direta. E assim como so os carros, caminhes e nibus que sempre evoluem, pretendemos que esse material tambm evolua a cada ano trazendo novos diagramas de montagem, novas dicas e solues tcnicas.

    Obrigado por esses 100 anos. Parabns para todos ns.

    Contedo completo, fcil leitura, com atualizao automtica.

    Facilite suas consultas e pedidos.

    Identi cao de Correias e Equipamentos Gates ................................................................................................ 04

    Como so construdas as correias ....................................................................................................................... 05

    Como funciona um tensionador ............................................................................................................................ 06

    Recomendaes Gerais ....................................................................................................................................... 07

    Boletim Informativo HNBR .................................................................................................................................... 08

    Guia de Solues - Correias Sincronizadoras ..................................................................................................... 09

    Guia de Solues Correias V ................................................................................................................................ 10

    Guia de Solues - Correias Micro-V ...................................................................................................................11

    Guia de Solues - Polias e Tensionadores ........................................................................................................ 12

    Mangueiras - Dicas para uma instalao perfeita ................................................................................................ 13

    Diagramas de Montagem de Correias e Tensionadores ..................................................................................... 14

    Gates apresenta: Garantia para Todos ................................................................................................................ 27

    Download gratuto em:www.gatesbrasil.com.br

  • 04

    Identi cao de Correias e Equipamentos Gates

    Sistema de Leitura Gates

    Equipamentos de Teste Gates

    Con ra abaixo os formatos das embalagens de correias Gates:

    Cloroprene:

    Exemplos:

    40305X17

    HNBR:

    40433x17XS

    Correia SincronizadoraTodas as correias sincronizadoras HNBR estoidenti cadas com XS no cdigo no lugar de HNBR.A marcao GS e U do cdigo Gates foi excluda.

    Correia V, Powerband (V-Dupla) e Micro-VAs marcaes GS dos cdigos Gates foram excludas.

    Correia V

    7356

    7356

    Powerband(V-Dupla)

    2/9252

    Micro-V

    K040433

    2/ 0 961 LLeitura da Correia em V e Powerband (V-Dupla)

    Para correias Lisas (sem dentes moldados internos), o cdigo possui o sufixo L.Para correias com cordonis de Kevlar o cdigo possui o sufixo K.

    Comprimento Efetivo (96,1 x 25,4 = 2440mm)

    Largura da Correia (7 = 10mm / 8 = 11mm / 9 = 13mm / 0 = Especial)

    Para correias Powerband (V-Dupla), o cdigo possui o prefixo 2/.

    41 117 x 17 XSLeitura da Correia Sincronizadora

    Refere-se a correias em HNBR

    Largura da Correia (mm)

    Nmero de Dentes

    Perfil dos Dentes

    K 05 0492Leitura da Correia Micro-V

    Comprimento Efetivo (49,2 x 25,4 = 1250 mm)

    N de Ribs (de 3 12)

    Perfil dos Ribs (Referncia Automotiva)

    Veri cador de alinhamento a laser Ferramenta de pouco peso e fcil de usar para identi car os mais comuns tipos de desalinhamento.

    Tensimetro STT-1Ferramenta prtica e exata paraveri car a tenso das correiassincronizadoras e Micro-V.

    Dr. GatesConjunto completo de ferramentas para instalao, manuten-o e diagnstico de sistemas de trans-misso de correias.

    Contm:Veri cador de Alinhamento a Laser, Tensimetro Digital, Trava de Comando 16V, Trava de Comando do volante de motor, Jogo de Pinos para Travamento de Tensionadores, Estetoscpio, Luminria de Cabea, Caneta para Marcaes e Trena.

  • 05

    Como so construdas as correias sincronizadorasPara garantir o correto funcionamento e sincronismo entre o eixo do comando de vlvulas e o virabrequim, a construo da correia sincronizadora possui cordonis de bra-de-vidro (alta resistncia trao), composto de borracha diferenciado (maior durabilidade) e per s de dentes especialmente projetados para cada sistema de transmisso.

    Com o aumento da potncia dos motores e sua maior temperatura de trabalho, foi desenvolvido um novo composto de borracha, o HNBR, com maior resistncia em relao ao material utilizado anteriormente(Cloroprene). Por isso a Gates recomenda a utilizao de correias com composto de borracha HNBR, para veculos fabricados aps o ano de 1996.

    Cordonel de alta resistncia trao e alongamento nulo.

    Dentes com per s projetadospara cada projeto.

    Caractersticas das Correias Sincronizadoras

    Maior resistncia a leo, ao calor e ao Oznio

    Dentes moldados com preciso

    Tecidos resistentes abraso

    Aplicao

    Comando de vlvulas

    Eixo balanceador

    Composto de borracha

    Cordonis de bra-de-vidro

    Composto de borracha

    Tecido de nylon emborrachado

  • 06

    O tensionador um dispositivo de mola que consiste em sete partes bsicas.

    1 - Base: pea estacionria do tensionador parafusada ao bloco do motor ou em outros acessrios.

    2 - Mecanismo de Amortecimento: um componente projetado para absorver a vibrao do sistema

    de acessrios.

    3 - Mola: pr-carregada de fbrica. Fornece a fora para tensionar a correia.

    4 - Brao: transmite o torque polia do tensionador. Geralmente fabricado em alumnio.

    5 - Polias / rolamentos: so projetados em plstico ou ao com ou sem anges.

    O componente chave de uma polia o rolamento. Os rolamentos so lubri -

    cados e vedados para toda a vida. No recomenda-se a utilizao de rola-

    mentos novos em uma polia velha.

    6 - Protetor de poeira: protege os rolamentos dos elementos externos.

    7 - Parafuso: prende a polia ao brao.

    Como construdo um tensionador

    1

    2

    3

    4

    3

    5

    67

    so projetados em plstico ou ao com ou sem anges.

    O componente chave de uma polia o rolamento. Os rolamentos so lubri -

    cados e vedados para t