Guia fusos horarios - rived.mec.gov. ?· - Fornecer componentes lúdicos como ferramentas para o ensino…

Download Guia fusos horarios - rived.mec.gov. ?· - Fornecer componentes lúdicos como ferramentas para o ensino…

Post on 11-Feb-2019

212 views

Category:

Documents

0 download

TRANSCRIPT

Pgina 1

Guia do Professor

Capito Tormenta e Paco em Fusos Horrios Capito Tormenta e Paco em Fusos Horrios Capito Tormenta e Paco em Fusos Horrios Capito Tormenta e Paco em Fusos Horrios

Introduo

Esta proposta busca contribuir com os sujeitos da educao bsica. Fusos

Horrios integra um grupo de objetos de aprendizagem, que tambm abordam

Movimentos da Terra, Rede Geogrfica e Estaes do ano. No entanto a atividade

deve ser utilizada para a compreenso, principalmente dos fusos horrios.

O aluno estimulado, atravs da interao com os personagens Capito

Tormenta e o Paco a entender de forma mais atrativa os conceitos chaves dos

fusos horrios.

Objetivos

- Compreender o que so os fusos horrios e sua origem;

- Diferenciar fusos tericos e prticos;

- Instigar o aluno a perceber que existem diferentes horrios para os vrios locais

do planeta, num dado momento;

- Propor aos alunos clculos de fusos horrios, para eles saberem as diferenas

de horas existentes no mundo;

- Identificar os fusos horrios do Brasil e, conseqentemente, saber que existem

horrios diferentes;

- Levar o aluno a entender o horrio de vero;

- Estimular os objetos de aprendizagem, no ensino da rede pblica, Escola de

Jovens e Adultos (EJA);

- Fornecer componentes ldicos como ferramentas para o ensino e aprendizagem.

Pgina 2

Pr-requisitos

1. Pr-requisitos para o professor

- Diagnosticar a realidade cognitiva dos alunos, o professor tem a liberdade de

adaptar as propostas de atividades que sero sugeridas neste guia, atravs de

sua experincia didtica, livros didticos, sites, peridicos, vdeos entre outros

recursos que o mesmo j utiliza na prtica educativa.

-Explorar previamente os objetos de aprendizagem, propostos.

-Abordar previamente, em sala de aula, os conceitos/ contedos apresentados

neste objeto.

-Ter noo das vilas e bairros do municpio mas, principalmente, identificar os

bairros no quais os alunos e suas famlias moram.

-Propor atividades ldicas: jogos em sala de aula; passeio pelo bairro utilizando ou

criando mapas, incentivar a observao, em relao escola e a sua casa, levar o

aluno identificar a direo onde o Sol surge e se pe, entre outras atividades.

2. Pr-requisitos para o aluno

-Ser alfabetizado.

-Estar cursando preferencialmente o Ensino Mdio

- Ter conhecimento mnimo de Informtica, como saber ligar e desligar o

computador, o objeto de aprendizagem pode contribuir para a interface humano

computador, sendo um recurso para estimular o uso da informtica na Educao.

Tempo previsto para a atividade

Diante dos diversos nveis de aprendizagem que podem ser encontrados

em uma sala de aula e, se a inteno do trabalho docente for atender a estas

particularidades, torna-se difcil fixar um tempo necessrio para desenvolver

Pgina 3

cada atividade. Este objeto pretende aproximar o aluno dos conceitos do tema

considerado, na medida em que o expe de diversas maneiras interligadas, tais

como: mapas, imagens, animaes, textos e udio.

Para este objeto sugere-se duas horas/ aulas.

Na sala de aula

A atividade poder ser ou no utilizada na sala de aula, podendo constituir

uma atividade complementar individual ou coletivamente. Esta escolha vai

depender de como o professor planejar sua aula. Este objeto de aprendizagem

poder ser utilizado em carter motivador, ilustrativo, descritivo, e, principalmente,

interativo.

Em relao ao uso do objeto o professor pode preparar os alunos para a

dinmica da aula no laboratrio, para tal proposta ele pode instigar a explorao o

objeto de diferentes maneiras, enriquecendo sua prtica didtica e,

consequentemente, estimular o aluno, facilitando o seu aprendizado e sua

capacidade de reteno de contedos.

Questes para discusso

O professor poder conduzir os alunos a discutirem a respeito de como os

fusos horrios influenciam nas atividades ligadas a economia, a viagens,

costumes entre outros.

Pgina 4

Na sala de computadores

Preparao

Preparar os alunos apresentando o assunto e instigando a curiosidade dos

mesmos em sala de aula. Torna-se importante propor desafios aos alunos.

Estabelecer relaes com o contexto atual atravs de reportagens,

tornando, dessa forma, a aprendizagem mais signitificativa e prazerosa.

Os alunos podero trabalhar individualmente ou em duplas, dependendo da

disponibilidade do nmero de computadores.

Material necessrio

A utilizao de materiais extras depende da forma como os objeto

ser explorado. Se o professor desejar que os alunos faam anotaes ser

necessrio disponibilizar caneta e papel.

Requerimentos tcnicos

Computadores preferencialmente coloridos com multimdia e Internet.

Plugin do flash.

Durante a atividade

Este objeto de aprendizagem caracteriza-se por ser uma atividade interativa

onde o usurio decide a navegao, ou seja, ele foi construdo de forma a

possibilitar que o aluno explore as potencialidades do objeto de acordo com o grau

de interesse despertado.

Pgina 5

As charadas e animaes multimdia permitem a utilizao do objeto como

motivador da aprendizagem, mostrando-o ao aluno e apresentando as

possibilidades do contedo dos fusos horrio. Pode ser utilizado tambm como

ilustrao dos contedos apresentados em aula pelo professor e, por fim, tambm

poder ser utilizado em carter descritivo, ou seja, a partir do objeto, o professor

descreve o contedo a ser estudado.

Essa utilizao depender dos objetivos que o professor definir para o uso

do objeto, podendo o mesmo interferir, sempre que necessrio, no esquecendo,

porm que ele dever pesquisar junto aos alunos sobre os conhecimentos prvios

relacionados a esse contedo, antes de introduzi-lo, valorizando, dessa forma, a

bagagem de conhecimento dos alunos.

Depois da atividade

Verificar as dvidas dos alunos e iniciar uma discusso a respeito das

conseqncias dos fusos horrios.

Questes para discusso

A respeito do horrio de vero, qual a causa dele ser adotado, ocorre

realmente uma economia de energia, quais suas conseqncias.

Dica

A linha internacional de mudana de data (LID) muda data, porm no

altera o horrio.

Pgina 6

Avaliao

Entendendo-se a avaliao como um processo, destac-se que o objeto

constitui-se em um recurso que visa auxiliar e enriquecer o processo de ensino e

aprendizagem, de forma a facilitar o aprendizado assistido pelo professor

aumentando a capacidade de reteno de contedos e discusses dos alunos.

Sugere-se uma avaliao qualitativa, destacando-se alguns critrios tais

como participao, dedicao, cooperao.

Atividades complementares

O professor poder realizar um aprofundamento do contedo, explorando

outros contedos interdisciplinares.

Para saber mais

http://www.cartografia.eng.br/cartografia/artigos/ncarto05.php

Este stio eletrnico apresenta conceitos a respeito de meridianos,

paralelos, rede geogrfica, latitude, longitude e coordenadas geogrficas.

A lista que segue de programas da TV escola que buscam fornecer

contribuies para a construo do conhecimento da problemtica que envolve os

objetos: movimentos da Terra, Rede Geogrfica, Fusos Horrios e Estaes do

ano.

Pgina 30: Cincia nua e crua

Pgina 31: Cincias na Escola

Pgina 32: CLAC/ Cincias

Pgina 42: Espaonave Terra

Pgina 7

Pgina 70: O Sistema Solar

Pgina 70: Sobre os fenmenos e os homens

Pgina 71: Teorias da Fsica (Galileu)

Pgina 143: Geografia Bsica

Pgina 144: Instrumentos de Geografia

Recommended

View more >