gil vicente teatro humanista português. humanismo

Download Gil Vicente Teatro humanista português. Humanismo

Post on 17-Apr-2015

105 views

Category:

Documents

2 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • Slide 1
  • Gil Vicente Teatro humanista portugus
  • Slide 2
  • Humanismo
  • Slide 3
  • Gil Vicente (1465-1537) Quem foi? Ourives da Rainha Velha, D. Leonor Homem de prestgio na corte Formao slida formao teolgica e filosfica (imagina-se) - Acima de tudo, um ortodoxo catlico.
  • Slide 4
  • Homem ousado e crtico de seu tempo Auto da Feira: crtica ao Papa 1531: discurso no claustro de So Francisco Padres = supersticioso
  • Slide 5
  • Pensamento medieval Religiosidade crist: subordinao do homem a Deus Busca da edificao do homem.
  • Slide 6
  • Pensamento medieval Viveu em cheio no renascimento, mas deixou nos uma interpretao crist do homem, no sentido tradicionalista, cavalheiresco e catequizador. Segismundo Espina Sua concepo de mundo foi teocntrica; o seu ideal social hiertico, e a sua tica a do asceta: desnudar o homem e mostrar-lhe que a vida tem de ser sempre uma preparao para a morte. Joaquim de Carvalho
  • Slide 7
  • Carreira teatral e vida 34 anos de teatro, dos 72 de vida. Viu 4 reinados portugueses: De D. Afonso V a D. Joo III Viajava com a corte.
  • Slide 8
  • Testemunhos "E vimos singularmente Fazer representaes. D'estilo mui eloquente, De mui novas invenes: Ele foi quem inventou Isto c, o usou Com mais graa e mais doutrina, Posto que Joam del Enzina O pastoril comeou Garcia de Rezende Uma novidade extraordinria! Melhor que Juan del Encina! D. Joo II
  • Slide 9
  • Fases teatrais 1502-1520 escreve em dialeto saiagus 1 fase: imitao do estilo do dramaturgo espanhol Juan del Encina peas: Auto da Visitao, Auto dos Reis Magos, entre outras. 1509-1515 portugus substitui o saiagus e comea a crtica social 2 fase: Auto da ndia, O Velho da Horta, entre outras. 1515-1521 poca da maturidade, com uma de suas melhores produes 3 fase: Auto das Barcas (Inferno, cu e purgatrio), entre outras. 1521-1524 preferncia ao teatro alegrico 4 fase: Farsa de Ins Pereira, Comdia do Vivo, entre outras. 1524-1536 repete os tipos experimentados nas anteriores 5 fase: Auto da Festa, Farsa dos Fsicos, entre outras.
  • Slide 10
  • Estrutura Atos:apenas um Versosredondilha maior, 7 slabas (s vezes com mtrica imprecisa) Rima:s vezes tem, s vezes no Quem reze sempre por ti?... Hi-hi-hi-hi-hi-hi-hi! E tu viveste a teu prazer, cuidando c guarecer (encontrar abrigo, salvao) porque rezam l por ti? Embarca!, ou embarcai!, que haveis de ir derradeira, (final) mandai meter a cadeira que assim passou vosso pai.
  • Slide 11
  • Temas Tema: Essa pea apresenta trs temas principais: Crtica social Religiosidade Bons Costumes a vrios esteretipos (Bem x Mal) (apontamento de (tipos sociais) maus costumes) Acima de tudo, critica OS HOMENS, que se corrompem.
  • Slide 12
  • Personagens: tipos Os personagens representam tipos sociais
  • Slide 13
  • Personagens Anjo Diabo Barqueiro do cuBarqueiro do Inferno
  • Slide 14
  • Fidalgo (inferno) Seguido por um criado que lhe conduzia uma cadeira Nobre decado, tpico do sculo XVI Tirano Desprezou o pobre povo Chifrado pela mulher
  • Slide 15
  • Onzeneiro (inferno) Saco de dinheiro vazio Agiota (que cobra juros pecado da usura) Lucrou em cima do pobres
  • Slide 16
  • Parvo (Cu) um ningum, um coitado (representa o povo ou o homem de bem) Pecou sem malcia
  • Slide 17
  • Sapateiro (inferno) De avental, carregado de frmas Excomungado Roubou o povo por trinta anos
  • Slide 18
  • Frade (inferno) Traz espada, escudo e amante Praticou esgrima Envolveu-se com meninas Representa o clero decado
  • Slide 19
  • Brgida (inferno) Traz virgos postios, mentiras, meninas que vendia Alcoviteira Mentirosa, enganadora, pecadora Liga-se aos Judeus, aos Corruptos, a toda a corja que Gil Vicente condena.
  • Slide 20
  • Judeu (inferno) Com um bode s costas Etnia vista com preconceito pelos portugueses. Tenta comprar o Diabo. Amigo de Brgida Vaz.
  • Slide 21
  • Corregedor e Procurador (inferno) Carregado de feitos (processos) e traz sua vara na mo. O procurador vem com Livros. Ele fala um mau latim para ostentar sua erudio Roubaram. Conhecia Brgida Vaz
  • Slide 22
  • Enforcado (inferno) Morreu achando que estava absolvido. Acaba entrando na barca
  • Slide 23
  • Cavaleiros de cristo (Cu) Cruzados, morridos nas guerras santas Mortos por mouros (rabes)