Geografia de Mato Grosso

Download Geografia de Mato Grosso

Post on 17-Dec-2015

35 views

Category:

Documents

17 download

DESCRIPTION

Noes de Geografia do Estado de Mato Grosso

TRANSCRIPT

  • Geografia de Mato Grosso

    Origem: Wikipdia, a enciclopdia livre.

    O estado brasileiro de Mato Grosso tem 903.357,908 km de rea, o que o torna o

    terceiro mais extenso do pas, ficando atrs somente do Amazonas e do Par. A rea

    urbana de Mato Grosso de 519,7 km, o que coloca o estado em 11 lugar na ordem de

    estados com maior mancha urbana.

    Localizado no Centro-Oeste brasileiro, fica no centro geodsico da Amrica Latina.

    Cuiab, a capital, est localizada exatamente no meio do caminho entre o Atlntico e o

    Pacifico, ou seja, em linha reta o ponto mais central do continente. O local exato foi

    calculado por Marechal Rondon durante suas expedies pelo estado e marcado com

    um monumento, o obelisco da Cmara dos Vereadores.

    Mato Grosso um estado com altitudes modestas, o relevo apresenta grandes

    superfcies aplainadas, talhadas em rochas sedimentares e abrange trs regies distintas:

    na poro centro-norte do estado, a dos chapades sedimentares e planaltos cristalinos

    (com altitudes entre 400 e 800m), que integram o planalto central brasileiro. A do

    planalto arenito-basltico, localizada no sul, simples parcela do planalto meridional. A

    parte do Pantanal Mato-Grossense, baixada da poro centro-ocidental.

    Devido grande extenso Leste-Oeste, o territrio brasileiro abrange quatro fusos

    horrios situados a Oeste de Greenwich. O Estado de Mato Grosso abrange o fuso

    horrio quatro negativo (-4). Apresenta, portanto, 4 horas a menos, tendo como

    referncia Londres, o horrio GMT.

    ndice

    1 Clima

    2 Vegetao

    o 2.1 Cerrado

    o 2.2 Pantanal

    o 2.3 Amaznia

    3 Geologia

    4 Demografia

    5 Referncias bibliogrficas

    6 Ver tambm

    Clima

    Mato Grosso um estado de clima bem variado. Sua capital, Cuiab, uma das cidades

    mais quentes do Brasil, com temperatura mdia que gira em torno de 24C e no raro

    bate os 40. Mas h 60 km, em Chapada dos Guimares, o clima j muda

    completamente. mais ameno, com ventos diurnos e noites frias. Chapada j registrou

    temperaturas negativas, fato nunca ocorrido em Cuiab.

  • O estado de Mato Grosso apresenta sensvel variedade de climas. Prevalece o tropical

    super-mido de mono, com elevada temperatura mdia anual, superior a 24C e alta

    pluviosidade (2000 mm anuais); e o tropical, com chuvas de vero e inverno seco,

    caracterizado por mdias de 23C no planalto. A pluviosidade alta tambm nesse

    clima: excede a mdia anual de 1500 mm.

    Vegetao

    A vegetao do estado faz parte da vegetao da Floresta Amaznica, Cerrado e faixas

    de transio como o Pantanal, Xingu e Cachimbo. A vegetao amaznica a maior

    floresta do mundo cobrindo parte de 8 pases, cobrindo tambm a regio norte do

    estado, chamada tambm de Amaznia Legal, suas principais caractersticas so as

    rvores grandes e o solo florestal pobre, sobrevivendo do hmus das folhas. A regio

    com vegetao de cerrado a maior parte do estado, de acordo com a organizao

    Internacional Conservation 58% do cerrado foi substitudo pela agricultura com soja e

    algodo. O complexo do Pantanal a maior rea alagada do mundo e a maior

    diversidade animal e vegetal na parte sul de Mato Grosso, em 2001 foi reconhecido pela

    UNESCO como Patrimnio Natural da Humanidade.

    Mato Grosso um estado privilegiado em termos de biodiversidade. o nico do Brasil

    a ter, sozinho, trs dos principais biomas do pas: Amaznia, Cerrado e Pantanal.

    Cerrado

    Uma vegetao riqussima com uma biodiversidade gigante, o Cerrado o principal

    bioma do Centro-Oeste brasileiro. J foi retratado nos livros de Guimares Rosa e

    outros poetas e considerada a Savana brasileira. Em Mato Grosso, o cerrado cobre

    38,29% de todo o territrio. Localizado principalmente nas depresses de Alto Paraguai

    - Guapor, o sul e o sudeste do planalto dos Parecis e ao sul do paralelo 13, at os

    limites de Mato Grosso do Sul.

    A riqueza florstica do cerrado s menor do que a das florestas tropicais midas. A

    vegetao composta por gramneas, arbustos e rvores esparsas. As rvores tm caules

    retorcidos e razes longas, que permitem a absoro da gua mesmo durante a estao

    seca do inverno.

    No ambiente do Cerrado so conhecidos, at o momento, mais de 1.500 espcies de

    animais, entre vertebrados (mamferos, aves, peixes, repteis e anfbios) e invertebrados

    (insetos, moluscos, etc). Cerca de 161 das 524 espcies de mamferos do mundo esto

    no Cerrado. Apresenta 837 espcies de aves, 150 espcies de anfbios e 120 espcies de

    rpteis.

    Pantanal

    a maior rea alagvel do planeta, com uma fauna exuberante e cenrios que encantam

    qualquer visitante. Apesar de ocupar apenas 7,2% do estado, o Pantanal o bioma mais

    exaltado quando se fala em Mato Grosso. Considerado pela UNESCO Patrimnio

    Natural Mundial e Reserva da Biosfera.

  • A fauna pantaneira muito rica, provavelmente a mais rica do planeta. H 650 espcies

    de aves. Apenas a ttulo de comparao: no Brasil inteiro existem 1.800 aves

    catalogadas. Talvez a mais espetacular seja a arara-azul-grande, uma espcie ameaada

    de extino. H ainda tuiuis (smbolo do Pantanal), tucanos, periquitos, garas-

    brancas, beija-flores, jaans, emas, seriemas, papagaios, colhereiros, gavies, carcars

    e curicacas.

    No Pantanal j foram catalogadas mais de 1.100 espcies de borboletas. Contam-se

    mais de 80 espcies de mamferos, sendo os principais a ona-pintada (que atinge 1,2 m

    de comprimento, 85 cm de altura e pesa at 150 kg), capivara, lobinho, veado-campeiro,

    lobo-guar, macaco-prego, cervo do pantanal, bugio, porco do mato, tamandu, anta,

    bicho-preguia, ariranha, quati, tatu e outros. A vegetao pantaneira um mosaico de

    cinco regies distintas: Floresta Amaznica, Cerrado, Caatinga, Mata Atlntica e Chaco

    (paraguaio, argentino e boliviano). Durante a seca, os campos se tornam amarelados e

    constantemente a temperatura desce a nveis abaixo de 0 C, com registro de geadas,

    influenciada pelos ventos que chegam do sul do continente.

    Amaznia

    Existem dois tipos de florestas em Mato Grosso: a Floresta Amaznica e a Floresta

    Estacional. Elas ocupam cerca de 50% do territrio mato-grossense. Concentrada no

    norte do estado, a Amaznia o que existe de mais complexo em termos de

    biodiversidade no mundo.

    Devido a dificuldade de entrada de luz, pela abundncia e grossura das copas, a

    vegetao rasteira muito escassa na Amaznia. Os animais tambm. A maior parte da

    fauna amaznica composta de bichos que habitam as copas das rvores. No existem

    animais de grande porte no bioma, como no Cerrado. Entre as aves da copa esto os

    papagaios, tucanos e pica-paus. Entre os mamferos esto os morcegos, roedores,

    macacos e marsupiais.

    uma das trs grandes florestas tropicais do mundo. O clima na floresta Amaznica

    equatorial, quente e mido, devido proximidade Linha do Equador (contnua Mata

    Atlntica), com a temperatura variando pouco durante o ano. As chuvas so abundantes,

    com as mdias de precipitao anuais variando de 1500 mm a 1700 mm. O perodo

    chuvoso dura seis meses. O nome Amaznia deriva de "amazonas", mulheres guerreiras

    da Mitologia grega.

    Hidrografia *

    Mato Grosso um dos lugares com maior volume de gua doce no mundo. Considerado

    a caixa-d'gua do Brasil por conta dos seus inmeros rios, aquferos e nascentes. O

    planalto dos Parecis, que ocupa toda poro centro-norte do territrio, o principal

    divisor de guas do estado. Ele reparte as guas das trs bacias hidrogrficas mais

    importantes do Brasil: Bacia Amaznica, Bacia do Paraguai e Bacia do Tocantins.

    Os rios de Mato Grosso esto divididos nessas trs grandes bacias hidrogrficas que

    integram o sistema nacional, no entanto, devido enorme riqueza hdrica do estado,

    muito rios possuem caractersticas especficas e ligaes to estreitas com os locais que

    atravessam que representam, por si s, uma unidade geogrfica, recebendo o nome de

  • sub-bacias. As principais sub-bacias do estado so: Sub-bacia do Guapor, Sub-bacia do

    Aripuan, Sub-bacia do Juruena-Arinos, Sub-bacia do Teles Pires e Sub-Bacia do

    Xingu. Os rios pertencentes a Bacia Amaznica drenam dois teros do territrio mato-

    grossense.

    Geologia

    Na escala geolgica o perodo Pr-cambriano foi a formao da regio do Cachimbo e o

    assentamento da bacia do Araguaia-Tocantins, Xingu, Cuiab e Alto Paraguai. Na era

    paleozico com a formao da Serra de So Vicente. Na era mesozico com a formao

    da bacia do Paran, incluindo Chapada dos Guimares) e a chapada dos Parecis. Na era

    cenozica ocorreram sedimentos na bacia do Pantanal e Ilha do Bananal.

    A classificao do relevo segundo Jurandy Ross como os Planaltos: Chapada da Bacia

    do Paran, Chapada dos Parecis, Residuais Sul-Amaznicos e Serras residuais do Alto

    Paraguai. Depresses: Marginal Sul-Amaznico, depresso do Araguaia, Depresso

    Cuiabana e depresso do Alto Paraguai-Guapor. Plancies: Plancie do Rio Araguaia,

    Plancie e Pantanal do Rio Guapor e Plancie e Pantanal Mato-Grossense.

    Demografia

    Mato Grosso um estado de povos diversos, uma mistura de ndios, negros, espanhis e

    portugueses que se miscigenaram nos primeiros anos do perodo colonial. Foi essa gente

    miscigenada que recebeu migrantes vindo de outras partes do pas. Hoje, 41% dos

    moradores do estado nasceram em outras partes do pas ou no exterior.

    Segundo o ltimo levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatstica

    (IBGE) realizado em 2010, Mato Grosso possui 3.035.122 habitantes, o que representa

    1,59% da populao brasileira. Vivem na zona urbana 81,9% da populao, contra

    18,1% da zona rural. O nmero de homens corresponde a 51,05%, sendo ligeiramente

    superior ao das mulheres, que representa 48,95%.

    Mato Grosso um estado de propores gigantescas com diversas regies inabitadas, o

    que interfere diretamente na taxa de densidade demogrfica, que de 3,3 habitantes por

    km. o segundo mais populoso do Centro-Oeste, ficando atrs apenas de Gois, que

    tem quase o dobro de habitantes (6.003.788) e com pouco mais que Mato Grosso do Sul

    (2.449.341). A taxa de crescimento demogrfico de Mato Grosso de 1,9% ao ano.

    Referncias bibliogrficas

    http://www.mt.gov.br/index_aba.php?sid=93

    PIAIA, Ivane Inz. Geografia de Mato Grosso. 3 edio, EDUNIC, (1997)

    Ver tambm

    Economia de Mato Grosso

    Histria de Mato Grosso

  • [Esconder]

    v e

    Geografia do Brasil

    Demografia

    Geomorfologia

    Geologia

    Relevo

    Clima

    Hidrografia

    Vegetao

    Fauna

    Litoral

    Ilhas ocenicas

    Extremos

    Evoluo territorial

    Regies

    geoeconmicas

    Amaznica

    Centro-Sul Nordeste

    Regies

    Norte

    Nordeste

    Centro-Oeste

    Sudeste

    Sul

    Estados

    Acre

    Alagoas

    Amap

    Amazonas

    Bahia

    Cear

    Distrito Federal

    Esprito Santo

    Gois

    Maranho

    Mato Grosso Mato Grosso do

    Sul

    Minas Gerais

    Par

    Paraba

    Paran

    Pernambuco

    Piau

    Rio de Janeiro

    Rio Grande do

    Norte

    Rio Grande do

  • Sul

    Rondnia

    Roraima

    Santa Catarina

    So Paulo

    Sergipe Tocantins

Recommended

View more >