geografia bÍblica - conflitos no oriente mÉdio

Download GEOGRAFIA BÍBLICA - CONFLITOS NO ORIENTE MÉDIO

Post on 08-Dec-2014

128 views

Category:

Documents

4 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

GEOGRAFIA BBLICApara compreender os conflitos do Oriente Mdiowww.uel.br/projeto/geografiadooriente

Rosely Sampaio Archelaroarchela@uel.br

Mirian Vizintim Fernandes Barrosvizintim@uel.br

OBJETIVOS DO CURSO

Contribuir para uma melhor compreenso de questes relacionadas ao Oriente Mdio, desde a Antigidade at nossos dias

Identificar os diversos povos que habitaram as regies da Palestina na AntigidadeRelacionar o Mundo Bblico, regies do Mundo Antigo e configurao atual do Oriente Mdio Compreender os domnios e imprios da Antigidade em sua extenso e importncia Analisar a luz da Bblia, as caractersticas histricas do Oriente Mdio, para compreender os conflitos atuais

Atravs da Geografia Bblica ...

Podemos localizar os relatos no espao e no tempoCompreender as regies nas quais ocorreram os fatos relatados na Bblia

Sociedades que viveram nestas pocas Lugares especficos indicados no texto bblico e suas atuais localizaes geogrficas

Mundo Bblico

Corresponde a uma regio que abrange os pases atuais desde a Espanha at o Ir no sentido leste-oeste. Do norte da Turquia at o Imem e Egito no sentido norte-sul

Na Antigidade, estas regies foram denominadas de MESOPOTMIA PRSIA ARMNIA ASIA MENOR MACEDNIA GRCIA CRETA ROMA SRIA FENCIA PALESTINA ARBIA EGITO ETIPIA LBIA

Mundo BblicoRssia Ucrnia Itlia Hungria Romnia Bulgria Grcia Turquia Gergia Usbequisto

Armnia Azerbaijo Turcomenisto

Tunsia

MarrocosLbia Arglia

Chipre Lbano Sria Iraque Israel Jordnia

Ir

Afeganisto

Bahain Egito

Paquisto ndia

Qatar Emirados Arabes Unidos Arbia Saudita Om

Sudo

Iemem

Oriente Mdio HojeFatores que caracterizam o Oriente Mdio como uma regio estratgica para o mundo. - presena do petrleo na regio - presena de armamento blico - localizao estratgica no globo terrestre - influncia cultural e religiosa Causas dos conflitos que ocorrem no Oriente Mdio. Religioso posse da terra palestinos e curdos poltico/econmicointeresses internacionais

Pases do Oriente MdioPAS REA (km2) POPULAO APROXIMADA 20.500.000 16.500.000 500.000 520.000 756.000 1.700.000 DENSIDADE DEMOGRFICA Hab/Km2 31 7 800 45 82 22 RENDA PER CAPITA Dolar 7.150 8.640 11.340 9.820 9.656

AFEGANISTO ARBIA SAUDITA BAREIN CATAR CHIPRE EMIRADOS RABES UNIDOS IMEN IR IRAQUE ISRAEL JORDNIA KUWEIT LBANO OM SRIA TURQUIA

652.225 2.240.000 625 11.437 9.251 77.700

536.869 1.648.000 438.317 21.946 97.740 17.818 10.452 300.000 185.180 779.452

13.000.000 63.200.000 18.900.000 5.400.000 4.400.000 1.800.000 2.900.000 1.700.000 13.800.000 58.600.000

24 38 43 246 45 101 277 6 74 75

270 1.780 3.125 16.180 1.520 9.650 3.350 9.000 1.120 3.130

Fonte: Almanaque Abril 2000

MESOPOTMIA

Meso= entre; potamos=rio regio caracterizada pela presena de dois grandes rios: Tigre e Eufrates

Regio frtil, propcia para a agricultura.

MESOPOTMIA

Desde os montes da Armnia ao norte, na atual Turquia, at o Golfo Prsico ao sul no Kuweit. a terra dos primeiros dias da histria bblica e o bero da humanidade.

De acordo com as caractersticas geogrficas, histricas e arqueolgicas, o surgimento do homem ocorreu na Mesopotmia.

MESOPOTMIA: Assria e Babilnia

O Jardim do den existiu num local prximo s nascentes dos rios Tigre e Eufrates (Gnesis 2.10-14). Alguns autores indicam a possibilidade de localizao, prximo foz desses rios regio de Barein.

O norte da Mesopotmia conhecido como Assria e o sul como Babilnia ou Caldia. As descobertas feitas pela arqueologia comprovam a existncia de uma civilizao com cerca de 5000 anos.

Ur dos caldeus"Ora, o Senhor disse a Abro: Sai de tua terra, da tua parentela, e da casa de teu pai, para a terra que eu te mostrarei."Gnesis, 12:1 Com este convite, Abrao constitudo o instrumento de um desgnio de salvao que abrangeria todos os povos da Terra.

Atual Tal-al-Muqayyar no sul do Iraque, o lugar de origem de Abrao, antes de seu deslocamento com a famlia para Har (Gn 11, 31). Lugar em que

ouviu a Palavra do Senhor que oconvidava a deixar a sua terra e a prse a caminho do pas que lhe haveria de ser indicado (Gn 12, 1-3).

A partir da, a salvao de Deus comeou a caminhar pelas estradas da histria humana.

BABILNIA Povamento da Babilnia na baixa Mesopotmia, formado por dois grupos iniciais: sumrios e acdios. Sumrios - primeiros habitantes da civilizao babilnica. Viveram o seu grande momento durante o III milnio a.C. Abrao emigrou desta regio para dar origem ao povo judeu. Hamurabi foi o fundador do primeiro Imprio Babilnico. Unificou os semitas e sumrios. Durante seu governo (1728 a.C.-1686 a.C.), cercou a capital com muralhas, restaurou templos importantes e outras obras pblicas. Implantou um cdigo de leis morais, o mais antigo da histria. O Cdigo de Hamurabi estabeleceu regras de vida. Determinou penas para as infraes, baseadas na lei do olho por olho, dente por dente. A Babilnia foi um centro religioso e comercial de grande importncia na Antigidade.

ArqueologiaTambin en este perodo se sigue usando el sistema cuneiforme, que comenzar a caer en desuso desde el tiempo de Alejandro Magno (336 a. C.); todava algunos textos sern escritos en cuneiforme hasta el 40 a. C, siendo el ltimo conocido un almanaque astronmico del 75 d. C.

http://www.spbumag.nw.ru/2000/04/assiria.jpg

La figura lateral muestra una roca basltica en la que est labrada la descripcin de la restauracin de Babilonia, hacia el 670 a. C., realizada por el rey asirio Asarhaddn (681669 a. C.)http://www.proel.org/alfabetos/sumerio.html

Imprio Assrio 669-631 a.C Senaqueribe transferiu a capital para Nnive, por volta de 704681 a.C, onde permaneceu at quando os caldeus destruram a cidade.2 Reis, 19:36

Sofonias, 2:13 "Ainda ele estender a mo contra o Norte, e destruir a Assria; e far de Nnive uma desolao, terra rida como o deserto."

http://www.ucm.es/info/antigua/roma5.jpg

BABILNIAmuralhas com cerca de 100 metros de altura, eram equivalentes a um edifcio de 34 andares e largura correspondente a de uma rua com capacidade para que

Na batalha de Carquemis que ocorreu em 604 a.C., os egpcios foram derrotados pelos babilnicos, quando defendiam os assrios como relata 2 Reis 23:29-30:

dois carros pudessemandar lado a lado.

Nabucodonozor rei da Babilnia

Durante o reinado de Josias (em Jud, atual Israel) , Fara Neco, rei do Egito, levou seu exrcito, at o rio Eufrates (norte da Sria) para ajudar o rei da Assria. O rei Josias saiu para lutar em Meguido e foi morto na batalha... Jud (atual Israel) tambm passou a pagar tributos ao rei da Babilnia, Nabucodonosor, como relata 2 Reis 24.1.

Imprio Babilnico 612 - 539 a.COs babilnicos conquistaram os assrios por volta do ano de 612 a.C., ano em que Nnive finalmente foi dominada. A partir da, a Babilnia tornou-se um imprio em expanso. Sobre a expanso deste imprio Jeremias 25: 9 escreve ... tomarei a todas as famlias do Norte, diz o Senhor, como tambm a Nabucodonosor, rei de Babilnia, meu servo, e os trarei sobre esta terra, e sobre os seus moradores, e sobre todas estas naes em

redor e os destruirei totalmente.

IMPRIO PERSA 550 - 486 a.C

Prsia Situada a nordeste do Golfo Prsico e a sudeste da Babilnia. Os persas fundaram um imprio que se estendeu desde a ndia at o mar Egeu e Egito, em 500 a.C. Principais cidades: Pasrgada e Perspolis. Foi na Prsia que ocorreram os fatos descritos no livro de Ester, Daniel 8.2 e Neemias 1.1.

Imprio Persa 550 - 486 a.CA conquista da

Babilnia porCiro, imperador persa, foi descrita cerca de 150 anos antes, pelo profeta Isaas (Is 44:28)

http://www.ucm.es/info/antigua/persia.jpg

Imprio Romano 98 a.C - 117d.C

http://www.ucm.es/info/antigua/roma5.jpg

ERA CRISTNascimento de Jesus Cumprimento de profecias bblicas

E tu, Belm Efrata, posto que pequena para estar entre os milhares de Jud, de ti que me sair aquele que h de reinar em Israel, e cujas sadas so desde os tempos antigos, desde os dias da eternidade.

(Miquias, 5:2 em 750 a.C.)

IMPRIO ROMANO

Ano 70 Queda de Jerusalm Destruio do Templo

Ano 73 Forte de Massada capturado pelos

Jerusalm destruda, judeus so levados para RomaComea a Dispora 70 - 1948

romanos

Fim da resistncia dos judeus.

Expanso do Cristianismo sia e Europa Os discpulos espalham-se pelas regies do Mediterrneo, inclusive Roma, e fundam vrias comunidades. Nos trs primeiros sculos, os cristos sofrem grandes perseguies, das autoridades religiosas do judasmo e dos romanos. Durante o reinado dos imperadores Nero, Trajano, Marco Aurlio, Dcio e Diocleciano, milhares de cristos so mortos por se recusarem a adorar deuses impostos pelo imprio e a reconhecer a divindade do imperador. Em 313 o imperador Constantino converte-se ao cristianismo.

Historia dos judeusA

histria dos judeus est ligada a terra......a terra que passais a possuir terra de montes e vales, da chuva dos cus bebers as guas; terra de que cuida o Senhor vosso Deus, seus olhos esto sobre ela continuamente...(Dt. 11:11-12)

TERRA PROMETIDA...

uma regio banhada pelo Mediterrneo a oeste, tendo ao norte Fencia e Sria, a leste e sul a Arbia, e ao sul partes do Egito.

A extenso da Terra Prometida a Abrao e a sua descendncia, compreendia desde a divisa do Israel atual com o Egito, at o rio Eufrates na Sria atual (Gn 15.18; 13.14-18). Estas foram as fronteiras de Israel no tempo do rei Salomo por volta do ano 950 a.C.

ISRAEL... Vrios nomes ao longo da histria

Terra Santa (Zacarias 2:12; Atos 7.33) Cana (Gnesis 12:5; 13.12; Atos 13.19) Terra Prometida porque Deus fez al

Recommended

View more >