Gene Quanti Bio

Download Gene Quanti Bio

Post on 05-Dec-2014

352 views

Category:

Documents

16 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

<p>Gentica quantitativaEstuda os caracteres quantitativos, os quais distinguem-se dos caracteres qualitativos nos seguintes aspectos: Herana polignica: Os caracteres quantitativos so, em geral, regulados por vrios genes, ao passo que os caracteres qualitativos so de herana monognica ou oligognica. Estudo a nvel de populaes e qualitativos so feitos a nvel de indivduos.</p> <p>Variaes contnuas e efeito do meio: As caractersticas quantitativas so as que exibem variaes contnuas (s vezes descontnuas) e so parcialmente de origem no gentica; ou seja, so grandemente afetadas pelo ambiente. Caracteres qualitativos apresenta distribuio descontinua.</p> <p>1909 - Herman Nilsson-Ehlelinhagem pura de trigo de gros brancos X linhagem pura de gros vermelho-escuros</p> <p>F1 apenas gros com uma cor vermelha-intermediria,</p> <p>F2 sete classes fenotpicas diferentes, que variavam de maneira gradual quanto cor: de gros brancos at gros vermelho-escuros.</p> <p>Caracterstica mais complexa: 3 locos com efeito aditivo (trigo)</p> <p>aabbcc</p> <p>AABBCC AaBbCC AaBbCc</p> <p>Herana Polignica ou Quantitativa</p> <p>- Herana determinada por dois ou mais genes: - Cada gene com pequeno efeito sobre a caracterstica. - Geralmente apresentam efeito aditivo, ou seja, que somam os seus efeitos, nenhum gene dominante ou recessivo em relao a outro. - Pode ter gene com efeito maior</p> <p>Herana Polignica ou Quantitativa- Existe uma variedade muito grande de fentipos e gentipos para algumas caractersticas. - Os fentipos apresentam variao contnua na populao e distribuem-se seguindo uma curva normal (forma de sino) - Aparecem inmeros fentipos intermedirios, com poucas diferenas entre si, geralmente, impossvel identificar classes fenotpicas distintas;</p> <p>Distribuio dos fentipos curva normal (forma de sino)</p> <p>O nmero de genes envolvidos no controle de um carter quantitativo pode ser determinado atravs das frmulas: 2n + 1 = n de classes fenotpicas observadas na F2; logo: n = [(n de classes fenotpicas observadas na F2) 1] / 2.</p> <p>Distribuio dos fentipos</p> <p>Gentica Quantitativa As caractersticas quantitativas so estudadas a nvel de populao e so descritas atravs de parmetros tais como mdia, varincia e covarincia. Os estudos qualitativos so feitos a nvel de indivduos e a interpretao da herana feita com base na contagem e propores definidas pelos resultados observados nas descendncias dos cruzamentos.</p> <p>MEDIA (x)A mdia de uma amostra (x) calculada atravs da soma de todas as medidas (xi) da amostra dividida pelo nmero de indivduos analisados (n): x = (x1 + x2 + x3 + ... + xn) / n x = xi / n.</p> <p>VARIANCIA (s2)Variao fenotpica (VF) de uma amostra calculada atravs da varincia (s2), que mede a disperso dos fentipos dos indivduos em torno da mdia. A varincia da amostra calculada atravs da soma do quadrado dos desvios de cada fentipo em relao mdia dividida pelo nmero de indivduos analisados:</p> <p>Herana MultifatorialHerana Polignica Herana Multifatorial = + Fatores Ambientais</p> <p>Ex: peso, altura, ciclo vegetativo, quantidade de leo em sementes, peso de sementes, teor de Protena em sementes, altura do fuste, capacidade de expanso do milho pipoca, produo de gros (t/ha), ...</p> <p>Cor da pele de humanosA cor da pele humana resultado da concentrao de um pigmento marrom chamado melanina a qual determinada por no mnimo dois pares de genes (Nn e Bb). N e B determinaro uma grande quantidade de melanina;</p> <p>n e b uma pequena quantidade de melanina.As pessoas NNBB sero negras e as nnbb sero brancas. Entre estes dois extremos teremos os mulatos com suas nuances: escuro, mdio e claro.</p> <p>Cor da pele de humanos</p> <p>Herana Multifatorial A maioria das malformaes congnitas isoladas tm etiologia multifatorial Exemplos: cardiopatia congnita fenda lbio-palatina fenda palatina estenose hipertrfica do piloro p-torto congnito deslocamento congnito do quadril defeito do fechamento do tubo neural</p> <p>Herana Multifatorial Algumas doenas crnicas muito frequentes tambm tm etiologia multifatorial: hipertenso arterial diabetes mellitus tipo II (e tipo I) doena arterial coronariana esquizofrenia Autismo glaucoma</p> <p>A variao gentica ou ambiental?Cultive indivduos de populaes com diferentes mdias fenotpicas em um mesmo ambiente Cultive indivduos com o mesmo gentipo em diferentes condies.</p> <p>Varincia fenotpica: a varincia total da populao. Inclui efeitos genticos e no genticos. Varincia gentica: as varincia que devida s diferenas genticas existente entre os indivduos da populao. Exclui a variao causada por fatores ambeintais.</p> <p>HERDABILIDADE Herdabilidade (h2): expressa a proporo da varincia total que atribuvel aos efeitos mdios dos genes, ou seja, varincia gentica aditiva. Como somente o valor fenotpico do indivduo pode ser diretamente medido, mas o valor gentico que determina sua influncia na prxima gerao, deve ser avaliado a proporo da variabilidade existente na populao que de natureza gentica.</p> <p>Um floricultor cultiva uma espcie de planta diplide que produz flores cujas cores variam do branco ao vermelho. O cruzamento de duas linhagens puras, uma com flores brancas e outra com flores vermelhas, originou indivduos da gerao F1 que, cruzados entre si, geraram, em F2, o resultado esquematizado no grfico.</p> <p>a. A cor da flor nessa espcie de planta segue que tipo de padro de herana? Justifique. b. Qual o nmero provvel de pares de genes envolvidos na cor da flor? c. Sabendo-se que as plantas de tonalidade intermediria (rosa-mdio) so as de maior valor comercial, que tipo de cruzamento o floricultor deve fazer para obter a maior proporo possvel de flores dessa tonalidade?</p> <p>HERANA CITOPLASMATICA Extranuclear</p> <p>Caractersticas do genoma de organelasApresentam pequeno cromossomo circular (dupla hlice) Apresentam um grupo definido de genes: genes estruturais, genes para rRNA e genes para tRNA.</p> <p>Caractersticas do Genoma de OrganelasAs clulas apresentam um grande nmero de copias dos genes de organelas: Muitas copias da organela. Muitas copias do cromossomo por organela. No so haplides nem diplides. No so auto-suficientes.</p> <p>HERANA CITOPLASMATICA Extranuclear</p> <p>Caractersticas do genoma de organelasApresentam pequeno cromossomo circular (dupla hlice) Apresentam um grupo definido de genes: genes estruturais, genes para rRNA e genes para tRNA.</p> <p>Caractersticas do Genoma de OrganelasAs clulas apresentam um grande nmero de copias dos genes de organelas: Muitas copias da organela. Muitas copias do cromossomo por organela. No so haplides nem diplides. No so auto-suficientes.</p> <p>Herana dos Genes de organelasHerana Uniparental ou materna: a prole herda os genes da mitocndria exclusivamente do progenitor materno.</p> <p>Os gametas masculinos e femininos no contribuem igualmente com o citoplasma paraformao do zigoto.</p> <p>Identificao de Herana extranuclear Cruzamentos recprocos: dos mesmos gentipos no qual o sexo da gerao parental so invertidos. Resultado: padro de herana diferente herana extranuclear.</p> <p>Observao de Padres de Herana ExtranuclearMutante X tipo selvagem prole toda mutante</p> <p>Tipo selvagem X mutante </p> <p>prole toda tipo selvagem</p> <p>Concluso: o fentipo mutante foi transmitido para a prole quando o progenitor feminino foi o mutante, sendo o fentipo causado por um alelo mutante de gene de organela.</p> <p>Herana de Gene de mitocndriasEx: Fungo Neurospora mutante poky (crescimento lento) Cruzamentos recprocos: poky X tipo selvagem Tipo selvagem X poky selvagem prole toda poky prole toda tipo</p> <p> Resultados sugerem que o gene, ou genes, mutante esteja nas mitocndrias A mutao poky hoje conhecida como estando no DNA mitocndrial.</p> <p>Herana de Gene Mitocondrial</p> <p>Heredograma mostrando herana materna de uma doena mitocondrial humana.</p> <p>Mapa do DNA Mitocondrial Humano</p> <p>Herana de Gene de CloroplastosExemplo: Mirabilis jalapa Alelo selvagem folha verde Alelo mutante folha branca</p> <p>Variegao de folhas em Mirabilis jalapa</p> <p>Plantas variegadas podem produzir gametas femininos com dois tipos de cloroplastos formando zigoto variegado. Durante a diviso do zigoto: os cloroplastos brancos e verdes se segregam, causando a variegao nos ramos.</p> <p>Chlamydomonas reinhardtii resistncia ao antibitico estreptomicina, condicionada . ou mais genes de provavelmente por um cloroplastos. Sacharomyces cerevisiae fentipo petit (crescimento lento), determinado por um ou mais genes mitocondriais.</p>