foto, grafia e arte: reflexÕes sobre o perfil do marques.pdf · envolvesse desenhos, pinturas,...

Download FOTO, GRAFIA E ARTE: REFLEXÕES SOBRE O PERFIL DO Marques.pdf · envolvesse desenhos, pinturas, ...…

Post on 10-Nov-2018

212 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • UNIVERSIDADE DO EXTREMO SUL CATARINENSE UNESC

    CURSO DE ARTES VISUAIS BACHARELADO

    JAQUELINE MARQUES

    FOTO, GRAFIA E ARTE: REFLEXES SOBRE O PERFIL DO CURSO DE ARTES

    VISUAIS BACHARELADO (UNESC)

    CRICIMA, JUNHO DE 2011

  • JAQUELINE MARQUES

    FOTO, GRAFIA E ARTE: REFLEXES SOBRE O PERFIL DO CURSO DE ARTES

    VISUAIS BACHARELADO (UNESC)

    Trabalho de Concluso de Curso, apresentado para obteno do grau de Bacharel no Curso de Artes Visuais da Universidade do Extremo Sul Catarinense UNESC Orientadora: Prof. Ma. Silemar Maria de Medeiros da Silva

    CRICIMA, JUNHO DE 2011

  • JAQUELINE MARQUES

    FOTO, GRAFIA E ARTE: REFLEXES SOBRE O PERFIL DO CURSO DE ARTES

    VISUAIS BACHARELADO (UNESC)

    Trabalho de Concluso de Curso aprovado pela Banca Examinadora para obteno de Grau de Bacharelado, no Curso de Artes Visuais da Universidade do Extremo Sul Catarinense UNESC, com Linha de Pesquisa em Processos e Poticas.

    Cricima, 29 de junho de 2011

    BANCA EXAMINADORA

    Prof Ma. Silemar Maria de Medeiros da Silva (UNESC) - Orientadora

    Prof Ma. Aurlia Regina de Souza Honorato (UNESC)

    Prof. Esp. Fabiano Patrcio (UNESC)

  • AGRADECIMENTOS

    Agradeo a todos que estiveram presentes nestes anos de Universidade,

    me apoiando, dando fora e coragem, com dedicao e entusiasmo. A Deus, por

    guiar sempre meus caminhos.

    Agradeo principalmente meu pai, Jucemar (sempre presente) e a Prof

    Jussara (sempre presente), por terem me incentivando a cada passo, enquanto

    viveram. A minha me Tnia, que esteve ao meu lado, ajudando nas dificuldades e

    me reerguendo sempre que necessrio. A minha av Daimar, que sempre me ouviu,

    animando e dando fora para continuar.

    Agradeo minha orientadora Silemar, por acreditar no meu potencial e por

    todo apoio. A coordenadora Aurlia do Curso de Artes Visuais, pelo acesso aos

    documentos do curso e por fim, meu especial agradecimento a todos os egressos

    que responderam s questes enviadas por e-mail contribuindo para minha

    pesquisa.

    Aos professores que transmitiram seus conhecimentos e aprendizados,

    onde no encaravam a sala de aula como apenas um ambiente de ensino, mas sim

    de amizade, companheirismo e troca de experincias. Meus amigos que estiveram

    ao meu lado no decorrer das lutas, aos amigos que conquistei nesses anos de

    Universidade. A Cristiane, Gleidson, e Silvana por todo apoio e auxlio nesta fase

    importante de concluso de curso. A minha irm Carolina e minha amiga Viviane,

    que me ajudavam na elaborao de alguns trabalhos, com idias e formas diferentes

    de representaes.

    Meus colegas de trabalho, que muitas vezes me deixaram estudar

    sempre que precisei, colaborando tambm para o trmino deste projeto. Muito

    obrigada.

  • No sei se a vida curta ou longa para ns, mas sei que nada do que vivemos tem sentido, se no tocarmos o corao das pessoas. Muitas vezes basta ser: colo que acolhe, palavra que conforta, silncio que respeita, alegria que contagia, lgrima que corre, olhar que acaricia, desejo que sacia, amor que promove. E isso no coisa de outro mundo, o que d sentido vida. o que faz com que ela no seja nem curta, nem longa demais, mas que seja intensa, verdadeira, pura enquanto durar.

    Cora Carolina

  • RESUMO

    A presente pesquisa surge a partir de questes sobre: onde atuar no mercado de trabalho? Que profisso seguir? Envolvo essa inquietao com a pesquisa de concluso de curso. Esta pesquisa tem o intuito de observar em quais campos de trabalho esto atuando os egressos do Curso de Artes Visuais Bacharelado - UNESC, materializando essas questes no exerccio da produo artstica, envolvendo uma potica de construo artstica. Trago ento como problema de pesquisa: de que forma uma FOTO GRAFIA pode revelar qual o papel que o egresso do curso de Artes Visuais/Bacharelado ocupa no mercado de trabalho na cidade de Cricima e Regio? O termo Foto Grafia, nesse momento surge enquanto o exerccio de registrar um processo de construo da identidade dos egressos do Curso de Artes Visuais - Bacharelado a partir de suas funes no mercado de trabalho. Fotos e escritas dos egressos sero contempladas na produo artstica. A metodologia envolve a aplicao de um questionrio na inteno de ouvi-los a respeito do mercado de trabalho, e das contribuies que o curso propiciou para cada um. Conceitos que partem da histria da fotografia, esse aperfeioamento, tanto do equipamento para o registro (cmera fotogrfica), quanto na maneira de ver esse retrato gravado. Identifica a imagem como uma forma de manifestao, como uma linguagem na qual traz, tambm, a palavra como imagem. Com base nas pesquisas e estudos feitos, mostra atravs da foto grafia, uma produo envolta com o dilogo com a arte contempornea, na busca de reflexes sobre, com e para o Curso de Artes Visuais - Bacharelado. Palavras-chave: Arte Contempornea. Identidade. Fotografia. Egressos. Curso de Artes Visuais - Bacharelado.

  • LISTA DE ILUSTRAES

    Figura 1 - Combine. 1963. Robert Rauschenberg15

    Figura 2 Earth Day, 22 April. 1970. Robert Rauschenberg.....................................15

    Figura 3 Ilustrao de F. Guidon da Cmara Escura, na Enciclopdia de Denis

    Diderot, 1751..............................................................................................................17

    Figura 4 Cmera Escura porttil tipo Reflex. 1685..................................................18

    Figura 5 Primeira Fotografia. Nicphore Nipce.....................................................20

    Figura 6 Primeira fotografia do homem. Mand Daguerre......................................20

    Figura 7 - Primeira fotografia do homem. Mand Daguerre (ampliada).....................21

    Figura 8 - With my tongue in my cheek, 1959. Marcel Duchamp...............................26

    Figura 9 - The two ways of life, 1857. Oscar Rejlander..............................................29

    Figura 10 Onde trabalham os egressos?..............................................................50

    Figura 11 O grande Vidro, 1915-1923. Marcel Duchamp........................................53

    Figura 12 Fonte (obra ready-made), 1917. Marcel Duchamp.................................54

    Figura 13 Desconstruo do rosto..........................................................................55

    Figura 14 O Cubo....................................................................................................56

    Figura 15 Produo Artstica...................................................................................57

  • LISTA DE ABREVIATURAS E SIGLAS

    Compact Disc - CD

    Fundao Educacional de Cricima FUCRI

    Projeto Poltico Pedaggico PPP

    Universidade do Extremo Sul Catarinense - UNESC

  • SUMRIO

    1 INTRODUO ........................................................................................................ 9

    1.1 Metodologia de Pesquisa ................................................................................. 11

    2 FOTO - GRAFIA .................................................................................................... 13

    2.1 A Fotografia e sua Histria .............................................................................. 16

    2.2 A fotografia na arte ........................................................................................... 23

    2.3 A imagem da palavra ........................................................................................ 32

    3 FORMA ARTE E ARTISTA ................................................................................ 34

    3.1 A formao do artista ....................................................................................... 36

    3.2 Curso de Artes Visuais Bacharelado UNESC ........................................... 39

    4.1 Cidade de Cricima e regio ........................................................................... 46

    4.2 Pesquisa de campo: com o que trabalham os egressos? ............................ 48

    5 PROCESSO DE CRIAO ................................................................................... 52

    6 CONSIDERAES ............................................................................................... 58

    REFERNCIAS ........................................................................................................ 60

    APNDICES ............................................................................................................. 63

    ANEXOS .................................................................................................................. 65

  • 9

    1 INTRODUO

    A paixo pela arte, no meu caso, iniciou na juventude, pois tudo que

    envolvesse desenhos, pinturas, cermicas me interessava. Assim que me formei no

    ensino mdio tive a oportunidade de ampliar esse interesse, iniciando o curso de

    Artes Visuais Licenciatura, e logo me transferindo para o Bacharelado, que alm de

    focar nas reas grficas, buscava desenvolver o lado artstico de cada acadmico.

    No decorrer do curso fui me apaixonando pelo ato de criar, no incio, nas

    disciplinas que focavam a arte grfica, atravs de programas de computador. Na

    primeira semana acadmica que participei busquei aprender algo novo, me

    inscrevendo na oficina de Fotografia: Laboratrio Preto e Branco, ministrado pela

    professora Virginia Maria Yunes. No decorrer desta oficina pude estar em contato