faculdades integradas do brasil - unibrasil ?· pautado por uma “localização” do poder...

Download FACULDADES INTEGRADAS DO BRASIL - UNIBRASIL ?· pautado por uma “localização” do poder político;…

Post on 21-Dec-2018

214 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

FACULDADES INTEGRADAS DO BRASIL - UNIBRASIL

PROGRAMA DE MESTRADO EM DIREITO

DEBORA GONALVES DE OLIVEIRA

AS POSSIBILIDADES DA DEMOCRACIA PARTICIPATIVA NO ESTADO

DEMOCRTICO DE DIREITO

CURITIBA

2009

DEBORA GONALVES DE OLIVEIRA

AS POSSIBILIDADES DA DEMOCRACIA PARTICIPATIVA NO ESTADO

DEMOCRTICO DE DIREITO

Dissertao apresentada ao Programa de Ps-Graduao, como requisito parcial para a obteno do grau de Mestre em Direito, Faculdades Integradas do Brasil - UniBrasil. Orientador: Prof. Dr Clmerson Merlin Clve.

CURITIBA

2009

TERMO DE APROVAO

DEBORA GONALVES DE OLIVEIRA

AS POSSIBILIDADES DA DEMOCRACIA PARTICIPATIVA NO ESTADO

DEMOCRTICO DE DIREITO

Dissertao aprovada como requisito parcial para obteno do grau de Mestre em

Direito, Programa de Mestrado, Faculdades Integradas do Brasil UniBrasil, pela

seguinte banca examinadora:

Orientador: Prof. Dr. Clmerson Mrlin Clve.

Programa de Mestrado em Direito, Faculdades Integradas do Brasil UniBrasil.

Membros: Prof. Dr. Eliezer Gomes da Silva (Faculdades Integradas do

Brasil Unibrasil)

Prof. Dr. Alvacir Alfredo Nicz (Professor aposentado da

Universidade Federal do Paran UFPR)

Curitiba.

O48

Oliveira, Debora Gonalves de. As possibilidades da democracia participativa no estado democrtico

de direito/ Debora Gonalves de Oliveira. - Curitiba: UniBrasil, 2009. iv, 116 p.; 29 cm Orientador: Clmerson Merlin Clve. Dissertao (mestrado) Faculdades Integradas do Brasil UniBrasil, Mestrado em Direitos Fundamentais e Democracia, 2009.

Inclui bibliografia. 1. Direito Dissertao. 2. Democracia - Direito. 3.Revitalizao democrtica Direito. I. Faculdades Integradas do Brasil. Mestrado em Direitos Fundamentais e Democracia. II. Ttulo. CDD 340

Bibliotecria Responsvel Elizabeth Capriglioni CRB-9/330

Aos meus pais Alcindo Guimares de Oliveira e Eva Regiani Gonalves, amores da minha vida e fonte de minha inspirao. A tia Alaides Rocha Medina av do corao, grande incentivadora e apoio de muitas horas, in memoriam. Ao Dr. Manoel B. Vieira de Alencar, meu mentor, in memoriam.

O Senhor o meu ajudador e no

temerei o que me possa fazer o

homem. (Hebreus 13:66)

AGRADECIMENTOS

Agradeo ao meu orientador Dr. Clmerson Merlin Clve pelos preciosos

ensinamentos, e notvel saber jurdico, cuja presena em minha Dissertao

converteu aridez em Graa e dvidas e inseguranas em grandes conhecimentos.

Ana Lcia Pretto Pereira pelo primoroso e dedicado auxlio a mim

prestado, minha especial gratido, pelas sbias consideraes e observaes

realizadas.

Um agradecimento particular aos meus professores da Pontifcia

Universidade Catlica do Paran e aos Mestres e Doutores integrantes do corpo

docente do Mestrado das Faculdades Integradas do Brasil Unibrasil, que Deus em

sua infinita bondade os abenoe.

A todos os amigos que torceram e acreditaram em mim, desde j meu muito

obrigada. Minha eterna gratido vai ainda, para amigos especiais Andr Alexandro

Albareda e Lucilene Alcntara, amigos de todas as horas, que alm de grandes

estudiosos do Direito souberam ser amigos.

Aos meus familiares que sempre me incentivaram em meus objetivos

profissionais e acadmicos, com eterno carinho. Em especial a minha prima Joemilly

Medina Mller, parente querida, menina dos meus olhos.

SUMRIO

RESUMO................................................................................................................... IV

ABSTRACT ............................................................................................................... V

INTRODUO .......................................................................................................... 06

CAPITULO I PANORAMA DA DEMOCRACIA ENQUANTO INSTITUIO ........ 09 1.1 O INSTITUTO DA DEMOCRACIA ...................................................................... 09 1.2 DEMOCRACIA DIRETA ...................................................................................... 14 1.3 DEMOCRACIA INDIRETA OU REPRESENTATIVA ........................................... 18 1.4 ALGUNS OBSTCULOS DA DEMOCRACIA REPRESENTATIVA .................... 21 1.4.1 A contribuio da globalizao para a ecloso desta crise .............................. 25

1.4.2 O neoliberalismo e sua contribuio para o aprofundamento desta crise ........ 31

CAPITULO II - DO ESTADO DE DIREITO EM SUA QUALIDADE DEMOCRTICA .................................................................................................................................. 36 2.1 PROPOSTAS DE CONSTRUO DA IDIA DE DEMOCRACIA SOB A PERSPECTIVA CONSTITUCIONAL ......................................................................... 38 2.1.1 Uma constituio garantista ............................................................................. 40

2.1.2 Uma constituio substancialista .................................................................... 43 2.1.3 Uma constituio pluralista ............................................................................... 47 2.1.4 Elementos do modelo de democracia deliberativa ........................................... 50 2.1.5 Elementos do modelo de democracia agonista ................................................ 53 2.1.6 Democracia participativa: a democracia semidireta ......................................... 60 CAPITULO III A DEMOCRACIA PARTICIPATIVA COMO PROPOSTA DE EFETIVAO DO ESTADO DEMOCRTICO DE DIREITO.................................... 64 3.1 CONSCIENTIZAO POPULAR E A ATUAO DOS NOVOS MOVIMENTOS SOCIAIS .................................................................................................................... 66

3.2 MECANISMOS DE PARTICIPAO: INSTRUMENTOS VIABILIZADORES DA PARTICIPAO POPULAR....................................................................................71

3.2.1 Iniciativa Popular ............................................................................................73 3.2.2 Plebiscito ........................................................................................................77 3.2.3 Referendo. ......................................................................................................82 3.3 OUTROS MECANISMOS DE PARTICIPAO POPULAR ..............................86 3.3.1 Recall ou Revogao Popular dos Mandatos Eletivos ...................................86 3.3.2 Novo enfoque para o nosso Sistema Federativo ............................................92 3.3.3 A participao no mbito administrativo .........................................................96 3.4 DEMOCRACIA PARTICIPATIVA E O ESTADO DEMOCRTICO DE DIREITO: RELAO COMPLETIVA .......................................................................................101 CONCLUSO .........................................................................................................112 REFERNCIAS BIBLIOGRFICAS .......................................................................115

RESUMO

Este trabalho objetiva o estudo e a anlise do Estado Democrtico de Direito inserido na Constituio da Repblica brasileira de 1988, com o fim de buscar uma possvel soluo para a crise no sistema representativo democrtico, que se vivencia atualmente. A democracia, instituto poltico-jurdico, com seus princpios de igualdade e liberdade, como est positivada em nossa Constituio da Repblica no realmente praticada na vida poltica dos cidados brasileiros. Pois somente no momento das eleies diretas que se invoca a fora popular, e seu poder de voto, ficando o povo o resto do tempo esquecido e relegado sua prpria sorte. Como uma proposta para a legitimao democrtica, adota-se neste trabalho uma postura em prol da implementao da democracia participativa ou semidireta, consubstanciando uma verdadeira participao popular. Para isso, foi feito um estudo sobre o instituto da democracia a partir de perspectivas expecficas, e tambm a influncia dos fenmenos da globalizao e do neoliberalismo. Foi realizado, tambm, um apanhado sobre os modelos de democracia mais debatidos pela doutrina contempornea, demonstrando como eles influenciam, nossa Lei Maior, consubstanciando uma verdadeira Carta plurissignificativa. Foram trazidas outras possibilidades para a revitalizao democrtica, como a instituio do recall ou revogao do mandato eletivo; a reformulao de nosso sistema federativo pautado por uma localizao do poder poltico; a melhor implementao dos institutos de participao popular imbudos por um processo de conscientizao popular e atuao em todos os mbitos da vida poltica de nosso Estado de Direito. Nesta pesquisa, vislumbra-se a democracia participativa como elemento-chave do Estado Democrtico de Direito; a fim de efetivar o ideal democrtico como vontade popular ativa e de concretizao de nosso texto constitucional em sua totalidade.

PALAVRAS CHAVE: constituio; democracia; crise; participao popular;

revitalizao democrtica.

ABSTRACT

This paper aims to study and review of the democratic state inserted in the Constitution of the Republic of 1988 in order to seek a possible solution to the crisis in representative democratic system, which is currently experiencing.

Recommended

View more >