fabrício santana prof.fabricio@outlook.com professorfabricio.net

Download Fabrício Santana prof.fabricio@outlook.com professorfabricio.net

Post on 07-Apr-2016

221 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

Introduo a Sistemas de Informao

Introduo a Sistemas de InformaoFabrcio Santanaprof.fabricio@outlook.comprofessorfabricio.netTeoria Geral de Sistemas (Ludwing Von Bertalanffy), apresentada em 1937 na Universidade de Chicago;Conceito de Sistema: um conjunto de elementos interdependentes em interao, visando atingir um objetivo comum. Assim, segundo a Teoria Geral dos Sistemas, h dois tipos de sistemas: aberto e fechado. (ROSINI, 2003)SistemasSistemas fsicos ou concretos : compostos de equipamentos; objetos ou coisas reais. Exemplo: hardware;Sistemas abstratos ou conceituais : compostos por conceitos, planos, hipteses ou ideias. Exemplo: software.Tipos de Sistema Quanto ConstituioSistema aberto - sofre influncias do meio e com suas aes, influencia o meio. Exemplo: corpo humano;Sistema fechado - no sofre influncias do meio nem o altera com suas aes internas. Exemplo: garrafa trmica com caf quente numa sala.

Obs.: Na realidade, no existe um sistema totalmente fechado (que seria hermtico), nem totalmente aberto (que seria evanescente)Tipos de Sistemas Quanto NaturezaParmetros dos Sistemas

Dado um fato ou material bruto na produo da informao (OZ, 1998).Dado pode ser entendido como um elemento da informao (um conjunto de letras ou dgitos) que, tomado isoladamente, no transmite nenhum conhecimento, ou seja, no contm um significado intrnseco (BIO, 1991).Dados compem-se de smbolos e experincias-estmulos que no so relevantes para o comportamento em determinado momento (MURDICK; MUNSON, 1988).Os dados, como matria-prima para a informao, se definem como grupos de smbolos no-aleatrios que representam quantidades, aes, objetos, etc. (DAVIS; OLSON, 1987).DadoInformaes so dados que foram moldados em um formato que possui um significado e utilidade para o homem (LAUDON; LAUDON, 2004).Informaes so dados dotados de pertinncia e propsito (DAVENPORT, 2003).A informao um dado que tem um significado em um contexto (OZ, 1998).Informao um dado processado de uma forma significativa para o usurio e que tem valor real ou percebido para decises correntes e posteriores (DAVIS, 1974).A informao (na cincia do comportamento) um signo ou conjunto de signos que impulsionam uma ao. Distingue-se dos dados porque dados no so estmulos de ao, mas simplesmente cadeias de caracteres ou padres sem interpretao (MURDICK; MUNSON, 1988).A informao a agregao ou processamento dos dados que provm conhecimento ou inteligncia (BURCH; STRATER, 1974).InformaoPrecisaCompletaEconmicaFlexvelConfivelRelevanteClaraVelozVerificvelAcessvelSeguraCaractersticas da InformaoO conhecimento uma informao valiosa de mente, inclui reflexo, sntese e contexto. difcil de estruturar, difcil de capturar em computadores, normalmente tcito (no explcito) e sua transparncia complexa (AUDY; ANDRADE; CIDRAL, 2005). ConhecimentoA inteligncia o resultado de um processo que comea com a coleta de dados organizados e transformados em informao que depois de analisados e contextualizados, transformam-se em inteligncia.Inteligncia

Um processo de inteligncia de negcios pode propiciar empresa:Antecipar mudanas no mercado;Antecipar aes dos competidores;Descobrir novos ou potenciais competidores; Aprender com os sucessos e as falhas;Conhecer as empresas concorrentes; Conhecer novas tecnologias, produtos ou processos que tenham impacto no seu negcio;Conhecer as polticas, as legislaes ou mudana dos regulamentos, que possam afetar o seu negcio;Entrar em novos negcios;Rever suas prprias prticas de negcio; Auxiliar na implementao de novas ferramentas gerenciais.A Inteligncia de NegciosCincia da ComputaoLicenciatura em ComputaoSistemas de Informao Engenharia da ComputaoCursos na rea de Tecnologia (MEC)O primeiro curso de Sistemas de Informao no Brasil foi criado no final da dcada de 90 pela Faculdade de Cincias (FC), campus da UNESP de Bauru.

O Curso de Sistemas de InformaoFocado no planejamento e desenvolvimento de sistemas de informao e automaoAplicao da computao na sociedade, atravs da organizao e uso do conhecimento (informao).O estudante de Sistemas de Informao recebe preparo para atuar no desenvolvimento e suporte de softwares.Tambm so aplicados conhecimentos de administrao, negcios e relaes humanas.O Curso de Sistemas de InformaoPreparar o estudante para resolver problemas reais aplicando solues que envolvam computao, principalmente nos ambientes comerciais e industriais.Preparar o estudante para aplicar recursos de informtica na soluo de problemas em empresas. Logo, os alunos de Sistemas de Informao so estimulados a ingressar diretamente no mercado de trabalho.Objetivos do CursoOferecer ao estudante uma variedade de carreiras profissionais a seguir, uma vez que a computao aplicada em diversas reas do conhecimento.Objetivos do Curso1950 a 1960Processamento de Dados (nfase Mudanas Tcnicas)Sistemas de Processamento Eletrnico de Dados - Processamento de transaes, manuteno de registros e aplicaes contbeis tradicionais.Evoluo do Papel dos SI para as Organizaes1960 a 1970Relatrios Administrativos (nfase Controle Gerencial)Sistemas de informao gerencial - Relatrios administrativos de informaes pr-estipuladas para apoio a tomada de deciso.Evoluo do Papel dos SI para as Organizaes1970 a 1980Apoio Deciso (nfase Controle Gerencial)Sistemas de Apoio Deciso - Apoio interativo e ad hoc ao processo de tomada de deciso gerencialEvoluo do Papel dos SI para as Organizaes1980 a 1990Apoio Estratgico ao Usurio Final (nfase Atividades Institucionais Essenciais)Sistemas de computao do usurio final Apoio direto computao para a produtividade do usurio final e colaborao de grupos de trabalho.Sistemas de informao executiva (EIS) Informaes crticas para a alta administrao.Sistemas especialistas Conselho especializado baseado no conhecimento para os usurios finais.Sistemas de informao estratgica Produtos e servios estratgicos para vantagem competitiva.Evoluo do Papel dos SI para as OrganizaesA partir de 1990Empresa e Conexo em Rede Global (nfase Atividades Institucionais Essenciais)Sistemas de informao interconectados Para o usurio final, a empresa e a computao, comunicaes e colaborao interorganizacional, incluindo operaes e administrao globais na Internet, intranets, extranets e outras redes empresariais e mundiais.Evoluo do Papel dos SI para as OrganizaesCenrio de negciosCompetio mais intensa;Concorrncia global;Ciclo de vida curto de produtos e servios;Internacionalizao da economia;Clientes mais conscientes e exigentes;O negcio depende da TI (redes, internet, telecomunicaes...).

Falta e vai faltar gente de TI - No estado de So Paulo, a pouca de mo de obra no setor de Tecnologia da Informao bastante crtica

Dados da Associao Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informao e Comunicao (Brasscom) revelam que em 2014 o Brasil vai precisar de 78 000 novos profissionais de TI, mas apenas 33 000 pessoas tero formao na rea.

Falta de qualificao, especializao e de fluncia em um idioma estrangeiro so alguns dos principais viles dos recrutadores.

De acordo com Emerson Oliveira, diretor executivo da Folhamatic Tecnologia em Sistemas,"Os estudantes apresentam grande conhecimento tcnico, porm no tm habilidade nenhuma em negcios. Ou seja, encontram dificuldades em tarefas bsicas, como clculos de porcentual e organizao de tarefas"

Fonte: Voc S/A - 20/04/2012Oportunidades para Profissionais de Sistemas de InformaoMegaeventos vo acentuar dficit de profissionais na rea de tecnologia da informao no pas

Os grandes eventos internacionais que sero realizados no Brasil nos prximos anos, como a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpadas de 2016, alm da explorao do petrleo e gs da camada pr-sal, podero acentuar ainda mais a falta de profissionais brasileiros na rea de tecnologia da informao (TI), cujo dficit atual chega a 70 mil, prev Associao Brasileira de Empresas de Tecnologia da Informao e Comunicao (Brasscom).

Fonte: Alana Gandra, Reprter da Agncia Brasilm - 25/08/2011Oportunidades para Profissionais de Sistemas de InformaoMercado: Est faltando profissionais ou falta algo nesses profissionais?

Grandes empresas, agncias ou o que for esto procurando perfis de profissionais que no s dominam o contedo tcnico, mas que tambm possuem qualidades extracurriculares como, por exemplo, tica, flexibilidade, disponibilidade, conhecimento administrativo e at mesmo equilbrio emocional.

Fonte: Luiz Castro Junior - 9/01/2012Oportunidades para Profissionais de Sistemas de InformaoSabe trabalhar em equipe;Estuda mais; autodidata;Conhece outros idiomas (ingls fundamental); curioso;Conhece outras reas ;Faz as atividades com vontade;No se frustra facilmente;Treina o raciocnio lgico; organizado.O profissional de Sistemas de Informao de sucesso:Se um empregador tem uma vaga com muitos requisitos e paga pouco ela no ser preenchida. Se um profissional de TI quer ganhar bem mas no tem qualificao, ficar desempregado ou aceitar um valor menor.Reflexo o conjunto de recursos tecnolgicos e computacionais para a gerao e uso da informao, ou seja, desempenha uma ou mais tarefas de processamento das informaes do SI, tal como coletar, transmitir, armazenar, recuperar, manipular e exibir dados.Tecnologia da Informao

Bancos de dados compartilhados;Redes de comunicao e dados;Ferramentas de apoio deciso e softwares corporativos;Notebooks, comunicao sem fio e/ou Mvel;Centrais telefnicas inteligentes, VoIP e telefonia IP;TI Presentes nas EmpresasO principal benefcio que a TI traz para as organizaes a sua capacidade de melhorar a qualidade e a disponibilidade de informaes e conhecimentos importantes para a empresa, seus clientes e fornecedores.

A tecnologia aperfeioa ou adiciona eficincia a uma tarefa. A tecnologia um facilitador, um componente, ela no cria diretamente a satisfao.

A TI um componente dos SI!Benefcios da TI nas OrganizaesTomada de Decises e Soluo de ProblemasQuesto que se prope para ser resolvida;Situao que ocorre qu

Recommended

View more >