extraÇÃo lÍquido lÍquido

Download EXTRAÇÃO LÍQUIDO LÍQUIDO

Post on 18-Feb-2016

10 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Extração Liquido Liquido Operações Unitárias

TRANSCRIPT

EXTRAO LQUIDO LQUIDOGRUPO 7Oque a Extrao Lquido Lquido ?Extrao lquido-lquido (ELL), tambm conhecida como extrao por solvente ou partio. um processo de separao que objetiva a extrao de uma substncia de uma fase lquida em outra fase lquida. Este tipo de processo comumente realizado aps uma reao qumica como parte de work-up (rotina de trabalho em laboratrio de qumica visando isolar e purificar o(s) produto(s) de uma reao qumica).Por exemplo: em uma situao onde temos dois lquidos, A e B, miscveis entre si, e queremos separar A de B, podemos usar um terceiro lquido, C, que seja mais miscvel com A do que com B (veja figura).

A separao entre oextrato, A e C, e orafinado, A e B, feita com uma ampola de decantao ou umfunil separador, em escala laboratorial, e em equipamentos de extrao industriais como colunas de extrao[1]oumisturadores-decantadores.[2]O rafinado pode ser mais purificado com etapas adicionais sucessivas de extrao lquido-lquido. A recuperao de A a partir do extrato geralmente feita pordestilao.

A extrao (lquido/lquido e slido/lquido) muito comum no tratamento de minrios mas tambm na indstria alimentar, farmacutica e de cosmtica e na produo de leos essenciais, assim como na purificao de correntes efluentes com vista a retirar contaminantes indesejados e txicos, que j existem em muito pequena quantidade, como por exemplo na remoo do fenol na produo de policarbonato.

Vantagens:Processo realizado temperatura ambiente ou temperatura moderada;Possibilidade de utilizao de solventes com boa capacidade de extrao ou seletivos;Possibilita controle de pH, fora inica e temperatura, de forma a evitar a desnaturao de enzimas e protenas (sistemas aquosos bifsicos de biomolculas);Desvantagens :

A ELL gera produtos intermedirios (transfere-se o soluto A do solvente B para outro solvente C) e portanto ser necessrio utilizar um outro processo de separao posteriormente (p.ex. destilao, evaporao) para obter o soluto A, livre do solvente C.

Equipamento:Apesar de extrao com solventes ser geralmente feita em pequena escala por qumicos em laboratrios emsntesesusando umfunil de separao, normalmente feita em escala industrial com equipamentos que colocam as duas fases lquidas em contato uma com a outra. Tais equipamentos incluem contatores centrfugos,extratores de camada fina,colunasspray,[11]colunas pulsadas,colunas empacotadas[12]emisturadores-decantadores.Extratores em estgiosExtratores diferenciais

EquipamentoVantagensDesvantagensMisturador/DecantadorEficienteP-direito baixoBom contato das fases Caudais elevados

Necessita de muito espao N de andares limitado Custos de instalao altos Custos de operao altosColunas EstticasCustos de investimento baixosCusto de operao baixos N de andares flexvelP-direito elevadoEficincia menor do que misturador/decantadorColunas AgitadasFacilidade de disperso das fasesCustos de investimento baixosO n de andares no est limitadoDificuldades na separao de sistemas com diferenas de densidade baixasNo admite caudais elevadosExtractor CentrfugoSepara misturas com diferena de densidade baixaTempo de permanncia baixoCustos de instalao elevadosCustos de operao ou manuteno elevadosN de andares muito reduzido

Coluna de extrao laboratorial (coluna de enchimento pulsante)Colunas de extrao para recuperao da piridina para indstria farmacutica.

Colunas de extrao para a recuperao e purificao de aditivos alimentares.Equipamento de extrao(Sistema de Misturadores/ Decantadores)

Recommended

View more >