exame oab 2008-2 prova prtico profissional - direito empresarial

Download Exame OAB 2008-2 Prova Prtico Profissional - Direito Empresarial

Post on 13-Jun-2015

694 views

Category:

Documents

23 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Exame OAB 2008-2 Prova Prático Profissional - Direito Empresarial

TRANSCRIPT

DIREITO EMPRESARIAL

PEA PROFISSIONAL

Um representante legal de cooperativa de crdito, com sede e principal estabelecimento localizados no Distrito Federal, voltada precipuamente para a realizao de mtuo aos seus associados, acaba de saber que o gerente de sucursal localizada em outro estado foi legalmente intimado, h uma semana, por deciso prolatada pelo juzo da cidade de Imaginrio, em que se decretou a falncia da cooperativa em questo. No caso, um empresrio credor de uma duplicata inadimplida no valor total de R$ 11.000,00 requereu, aps realizar o protesto ordinrio do ttulo de crdito, a falncia do devedor, em processo que correu sem defesa oferecida pela mencionada pessoa jurdica. Na deciso, afirma-se que a atividade habitual de emprstimo de dinheiro a juros constitui situao mercantil clssica, sendo, portanto, evidente a natureza empresarial do devedor, e que, em razo da ausncia de interesse do ru em adimplir o crdito ou sequer se defender, patente est a sua insolvncia presumida.

Em face da situao hipottica apresentada, na qualidade de advogado(a) contratado(a) pelo representante legal da mencionada cooperativa de crdito, redija a medida processual cabvel para impugnar a deciso proferida.

UnB/CESPE OAB

N em o u n e t i l iz e nh e um st e a es hip pa t o es e!Direito Empresarial

Exame de Ordem 2008.2

Prova Prtico-Profissional

1

TEXTO DEFINITIVO PEA PROFISSIONAL 1/5PARA USO EXCLUSIVO DO CHEFE DE SALA NO H TEXTO

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30

UnB/CESPE OAB

Direito Empresarial

Exame de Ordem 2008.2

Prova Prtico-Profissional

2

TEXTO DEFINITIVO PEA PROFISSIONAL 2/5PARA USO EXCLUSIVO DO CHEFE DE SALA NO H TEXTO

31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60

UnB/CESPE OAB

Direito Empresarial

Exame de Ordem 2008.2

Prova Prtico-Profissional

3

TEXTO DEFINITIVO PEA PROFISSIONAL 3/5PARA USO EXCLUSIVO DO CHEFE DE SALA NO H TEXTO

61 62 63 64 65 66 67 68 69 70 71 72 73 74 75 76 77 78 79 80 81 82 83 84 85 86 87 88 89 90

UnB/CESPE OAB

Direito Empresarial

Exame de Ordem 2008.2

Prova Prtico-Profissional

4

TEXTO DEFINITIVO PEA PROFISSIONAL 4/5PARA USO EXCLUSIVO DO CHEFE DE SALA NO H TEXTO

91 92 93 94 95 96 97 98 99 100 101 102 103 104 105 106 107 108 109 110 111 112 113 114 115 116 117 118 119 120

UnB/CESPE OAB

Direito Empresarial

Exame de Ordem 2008.2

Prova Prtico-Profissional

5

TEXTO DEFINITIVO PEA PROFISSIONAL 5/5

PARA USO EXCLUSIVO DO CHEFE DE SALA NO H TEXTO

121 122 123 124 125 126 127 128 129 130 131 132 133 134 135 136 137 138 139 140 141 142 143 144 145 146 147 148 149 150UnB/CESPE OAB Direito Empresarial

Exame de Ordem 2008.2

Prova Prtico-Profissional

6

QUESTO 1

Fbrica de Laticnios Ltda. realiza suas atividades, principalmente, mediante a contratao de pessoas que lhe prestam onerosamente servios, utilizando-se, para tanto, dos diversos tipos contratuais nos quais prevista tal contraprestao remunerada.

Considerando que o Cdigo Civil, no que se refere aos auxiliares do empresrio, dispe expressamente a respeito da preposio, explique em que medida esta se diferencia da simples prestao de servios, identificando que pessoas acima referidas poderiam ser qualificadas como prepostos.

TEXTO DEFINITIVO QUESTO 11 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30UnB/CESPE OAB

PARA USO EXCLUSIVO DO CHEFE DE SALA NO H TEXTO

Direito Empresarial

Exame de Ordem 2008.2

Prova Prtico-Profissional

7

QUESTO 2

Exerccios Dirios Ltda. oferece servios de apoio a atividades esportivas, concentrando sua principal atividade em uma academia de ginstica, localizada em imvel alugado, com clientes que contrataram mensal ou semestralmente o uso dos equipamentos ali oferecidos. Nelson, proprietrio do mencionado imvel, que cliente da academia com contrato semestral, tem, portanto, dois contratos em curso, o de locao e o de cliente da academia de ginstica. A referida sociedade limitada alienou seu estabelecimento empresarial para Ginstica e Sade S.A.

Diante dessa situao hipottica, responda, de forma fundamentada, se os dois contratos de Nelson, antes celebrados com Exerccios Dirios Ltda., continuaro, aps a alienao do estabelecimento para Ginstica e Sade S.A., a ter validade, independentemente de qualquer acordo expresso, dessa maneira, obrigatoriamente, vinculando a referida sociedade annima.

TEXTO DEFINITIVO QUESTO 21 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30UnB/CESPE OAB

PARA USO EXCLUSIVO DO CHEFE DE SALA NO H TEXTO

Direito Empresarial

Exame de Ordem 2008.2

Prova Prtico-Profissional

8

QUESTO 3

Armando Graeves ingressou como scio na sociedade de razo social Graeves e Lourenzo Vidraarias Ltda., como tambm tornou-se acionista fundador da sociedade Companhia Armando Graeves de Fabricao de Cimento. Posteriormente, Armando resolveu dedicar-se a outras atividades, retirando-se da condio de scio e acionista das referidas sociedades. Exigiu, porm, que seu nome civil fosse retirado do nome empresarial daquelas pessoas jurdicas, embora, na data de inscrio dos atos constitutivos respectivos, tivesse consentido com a incluso de seu nome civil nos referidos nomes empresariais.

Em face dessa situao, responda, de forma fundamentada, se Armando tem direito a exigir que seu nome seja retirado das referidas sociedades limitada e annima.

TEXTO DEFINITIVO QUESTO 31 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30

PARA USO EXCLUSIVO DO CHEFE DE SALA NO H TEXTO

UnB/CESPE OAB

Direito Empresarial

Exame de Ordem 2008.2

Prova Prtico-Profissional

9

QUESTO 4

Suponha que, em uma cdula de crdito bancrio com o valor de R$ 75.000,00 e taxa de juros de 6% ao ano, tenha ocorrido a prestao de aval por Waldir nos seguintes termos: Avalizo, limitado ao valor do capital, excludos os valores decorrentes de juros. Considerando que se aplica a esse caso o disposto na legislao cambial, responda, de forma fundamentada, se vlido o aval prestado por Waldir.

TEXTO DEFINITIVO QUESTO 41 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30UnB/CESPE OAB

PARA USO EXCLUSIVO DO CHEFE DE SALA NO H TEXTO

Direito Empresarial

Exame de Ordem 2008.2

Prova Prtico-Profissional

10

QUESTO 5

Arnaldo, titular do direito de patente de inveno registrada apenas no Brasil, que protege dispositivo utilizado em telefones celulares, descobriu que Comrcio de Telefones Ltda. vende modelo de aparelho celular que contm tal dispositivo, embora sem que o fabricante tenha sido previamente autorizado por Arnaldo a faz-lo. Ao reclamar do fato perante a sociedade empresria, foi informado de que o aparelho importado, portanto fabricado em outro pas, no qual a patente de Arnaldo no fora registrada, motivo pelo qual Arnaldo nada poderia opor ao referido fabricante nem sociedade, que atua como mera importadora e comerciante do produto.

Na situao hipottica apresentada, poder Arnaldo proibir a venda do produto no Brasil bem como a sua fabricao no estrangeiro? Justifique a sua resposta.

TEXTO DEFINITIVO QUESTO 51 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30UnB/CESPE OAB

PARA USO EXCLUSIVO DO CHEFE DE SALA NO H TEXTO

Direito Empresarial

Exame de Ordem 2008.2

Prova Prtico-Profissional

11

Recommended

View more >