estudo dos fatores de risco para o surgimento e ?ltimos cinco anos, nas bases de dados medline,...

Download ESTUDO DOS FATORES DE RISCO PARA O SURGIMENTO E ?ltimos cinco anos, nas bases de dados MEDLINE, PubMED

Post on 03-May-2019

212 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

Deysiane Cssia Castro Oliveira

ESTUDO DOS FATORES DE RISCO PARA O SURGIMENTO E EVOLUO DO LINFEDEMA EM MULHERES TRATADAS PARA CNCER DE MAMA

Belo Horizonte

Universidade Federal de Minas Gerais

2016

Deysiane Cssia Castro Oliveira

ESTUDO DOS FATORES DE RISCO PARA O SURGIMENTO E EVOLUO DO LINFEDEMA EM MULHERES TRATADAS PARA CNCER DE MAMA

Trabalho de concluso de curso

apresentado ao Colegiado de Fisioterapia

da Universidade Federal de Minas Gerais,

como requisito parcial obteno do ttulo

de Bacharel em Fisioterapia.

Orientador: Prof. Ms. Nazir Felippe Gomes.

Co orientadora: Prof. Dr. Elyonara Mello

de Figueiredo.

Belo Horizonte

Universidade Federal de Minas Gerais

2016

RESUMO

Introduo: O cncer de mama o segundo tipo mais frequente no mundo, e o mais comum entre as mulheres. Uma das complicaes mais recorrentes do

tratamento o linfedema de membro superior, uma doena crnica que pode se

instalar causando a incapacidade da paciente. Objetivo: O objetivo desse estudo fazer uma reviso atualizada da literatura sobre os fatores de risco associados ao

surgimento do linfedema. Mtodos: Foram selecionados 19 artigos publicados nos

ltimos cinco anos, nas bases de dados MEDLINE, PubMED e SciELO, nos idiomas

ingls e portugus, utilizando os descritores em sade: risk factors, lymphedema

arm, breast cancer. Resultados: Os fatores de risco encontrados foram: radioterapia, quimioterapia, hormonioterapia, linfadenectomia, ndice de massa

corporal (IMC) elevados, cirurgia agressiva, comorbidades, trauma/infeco, maior

estdio da doena, idade avanada, presena de genes inflamatrios, e o nvel de

escolaridade. Alguns fatores foram mais prevalentes no estudo, como a

linfadenectomia, o IMC elevado e a radioterapia. Concluso: O linfedema uma

doena multifatorial, e que necessita de uma ateno voltada para a sua preveno,

atravs de prticas educacionais e polticas pblicas voltadas para o diagnstico

precoce do cncer, alm de uma melhor aplicao da evidncia cientfica no

tratamento, a fim de diminuir a incidncia da doena.

Palavras chave: Risk factors. Iymphedema arm. Breast cncer. Fatores de risco. Linfedema de brao. Cncer de mama.

SUMRIO

1 INTRODUO...................................................................................................pag.4

2 METODOLOGIA................................................................................................pag.7

3 RESULTADOS..................................................................................................pag.8

4 DISCUSSO....................................................................................................pag.14

5 CONCLUSO..................................................................................................pag.21

REFERNCIAS..................................................................................................pag.22

4

1 INTRODUO

O cncer de mama o segundo mais frequente no mundo, e o mais comum

entre as mulheres, respondendo por 25% dos casos novos a cada ano. Se

diagnosticado precocemente e tratado adequadamente, o prognstico da doena

relativamente bom. Porm, apesar das campanhas de sade pblica no Brasil para

a preveno e diagnstico da doena nos estdios iniciais as taxas de mortalidade

continuam elevadas, cerca de 60% dos tumores de mama ainda so identificados

em fase avanada da doena 1,2,4..

No ano de 2016 so esperados 57.960 novos casos de cncer de mama no

Brasil (Figura 1), com um risco estimado de 56,20 casos a cada 100 mil mulheres.

No considerando os tumores de pele no melanoma, esse tipo de cncer o

primeiro mais frequente nas mulheres das regies Sul (74,30/100mil), Sudeste

(68,08/100mil), Centro-Oeste (55,87/100mil) e Nordeste (38,74/100mil). Na regio

Norte, sua incidncia fica em segundo lugar (22,26/100mil) 1.

Figura 1: Distribuio proporcional dos dez tipos de cncer mais incidentes

estimados para 2016, por sexo, exceto pele no melanoma (Nmeros

arredondados para mltiplos de 10).

Fonte: INCA,2016.

Na populao mundial, a sobrevida mdia aps cinco anos de 61%, sendo

assim um nmero cada vez maior de mulheres podem vir a desenvolver

complicaes decorrentes do tratamento para o cncer de mama. Dentre essas

5

complicaes que podem surgir durante o tratamento a mais recorrente o

linfedema; estima-se que cerca de 20 a 40% desenvolvero algum grau de

linfedema no membro superior 3,5,6,7.

De acordo com a Sociedade Internacional de Linfologia (2013), o linfedema

(FIGURA 2) uma manifestao clnica de insuficincia do sistema linftico, com

consequente distrbio no transporte da linfa, podendo acometer os membros

superiores, sendo comum em ps-operatrio de cirurgia, quimioterapia, e

radioterapia para tratamentos oncolgicos. O linfedema pode ocorrer secundrio

um episdio de erisipela ou trombose venosa profunda, ou secundria

insuficincia venosa crnica, traumas ou lceras. Assim, ocorre o acmulo anormal

de gua, eletrlitos e protenas de alto peso molecular no interstcio, edema e

inflamao crnica de uma extremidade, resultando em sobrecarga funcional do

sistema linftico3,5,8,9.

Figura 2: Mulheres com linfedema em tratamento fisioterpico na clnica NF

Fisioterapia.

O linfedema uma doena crnica, progressiva e geralmente incurvel. O

aumento do volume do membro pode ocorrer em qualquer rea do membro superior,

6

desconfigurando a imagem corporal dos pacientes3,5. Os sinais e sintomas do

linfedema incluem: sensao de peso ou tenso no membro; dor aguda; alteraes

de sensibilidade; dor nas articulaes; diminuio da amplitude de movimento;

aumento da temperatura local com ausncia de sinais flogsticos; extravasamento de

lquido linftico; linfangites, e, ocasionalmente, linfangiossarcoma26; pregas cutneas

(sinal de Steimer positivo); edema em dorso da mo; papilomatoses dermatolgicas;

alteraes cutneas como celulites, eczemas, erisipelas, e micoses. Alm disso, a

evoluo do quadro pode gerar um aspecto morfolgico elefantisaco no membro

superior. Podendo assim, aumentar a morbidade fsica e psicolgica da paciente,

alm de promover significativo prejuzo funcional e imunolgico 5,8,9,10,17,26,31,.

Os pacientes com cncer de mama apresentam um risco ao longo da vida de

desenvolver linfedema de membros superiores (MMSS). O tempo mdio para incio

de 14,4 meses aps o tratamento completo e em geral, 34% dos pacientes

progridem para um linfedema mais grave, por at 5 anos aps a sua apresentao

inicial11. Conhecer e entender o linfedema, e quais fatores podem ser responsveis

pelo seu surgimento de extrema importncia para o profissional inserido na rea

da sade e que tem contato direto com o paciente neste perfil. Consequentemente,

se os pacientes tomam nota de quais so esses fatores desencadeantes do

linfedema, podem ser realizadas aes para se evitar o risco de linfedema em

MMSS, atravs de prticas disciplinares com foco na preveno, e se j instalada, a

regresso da doena quando possvel.

A etiologia e os fatores associados ao desenvolvimento do linfedema so

multifatoriais e ainda no completamente compreendidos. A deteco precoce

muitas vezes permite adotar a interveno relevante, e, comea-la em tempo hbil,

o que pode minimizar o risco de progresso do linfedema para um estagio mais

grave e impedir o seu maior impacto negativo na funo do membro, sendo

necessrio conhecer e identificar as causas. O objetivo desse estudo fazer uma

reviso narrativa da literatura sobre os fatores de risco associados ao surgimento e

evoluo do linfedema em MMSS em mulheres submetidas ao tratamento para o

cncer de mama.

7

2 METODOLOGIA

Foi realizada uma reviso atualizada da literatura, nos ltimos cinco anos, nas

bases de dados MEDLINE, PubMED e SciELO no perodo de maro de 2015 a abril

de 2016, nos idiomas ingls e portugus. Para a busca dos artigos foram utilizados

os descritores em sade: risk factors, lymphedema arm, breast cancer, fatores de

risco, linfedema de brao, cncer de mama. Foram excludos pelo ttulo, resumo

e/ou falta de adequao coerente com o objetivo do presente estudo. Alm disso,

foram acrescentados artigos relevantes ao estudo referenciados nos artigos

utilizados.

8

3 RESULTADOS

Foram localizados 208 artigos publicados nos ltimos cinco anos. Destes, 189

artigos foram excludos pelo ttulo, resumo e/ou falta de adequao coerente com o

objetivo do presente estudo. Foram utilizados 19 artigos para realizar essa reviso.

A qualidade metodolgica dos estudos variou entre moderada e alta de acordo com

a escala PEDro.

As informaes apresentadas no Quadro 1 mostram o resultado do

levantamento bibliogrfico realizado nos 19 artigos sobre os fatores de risco para o

surgimento e evoluo do linfedema em membro superior em mulheres submetidas

ao tratamento do cncer de mama. Esto listados os autores, o ano de publicao, o

tipo de estudo, a amostra estudada, e por fim os fatores de risco associados ao

desen

Recommended

View more >