Estimativa de aumento de produtividade com o uso de irrigação

Download Estimativa de aumento de produtividade com o uso de irrigação

Post on 05-Jun-2015

510 views

Category:

Documents

49 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Apresentao do Daniel Pedroso (NETAFIM) durante o Simpsio "Cenrios, perspectivas e previses de produo de cana-de-acar e seus produtos promovido pelo GECA-ESALQ.

TRANSCRIPT

<ul><li> 1. Netafim Brasil Estimativa de aumento de produtividade com o uso de irrigao Eng. Agro. Daniel Pedroso Departamento Agronmico Netafim Brasil </li></ul> <p> 2. Netafim Brasil 2 Daniel Botelho Pedroso - Engenheiro Agrnomo pela Universidade de So Paulo - USP/ESALQ (2002); - rea de Concentrao em Fitotecnia das Grandes Culturas; - Residncia Agronmica na Agropecuria Maggi Ltda em Sapezal MT (2003); - Especializao em Manejo de Solos Tropicais pela USP/ESALQ (2006); - MBA em Gesto do Agronegcio com nfase no Setor Sucro-alcooleiro pela FGV (2010); - Supervisor Regional pela Yara Brasil Fertilizantes (2003-2006); - Coordenador Agronmico focado no setor de Bioenergia pela Netafim (2007 dias atuais) APRESENTANDO - ME 3. Netafim Brasil Empresa de origem israelense; Pertencente ao Grupo Permira; Lder mundial em irrigao localizada; Presente em mais de 120 pases; Duas fbricas no Brasil - Recife/PE - Ribeiro Preto/SP SOBRE A NETAFIM 4. Netafim Brasil 4 PAIS AREA (HA) INDIA 50.000 THAILAND 7.000 Vietnam 1.500 HAWAII 40.000 AUSTRALIA 350 ASIA PAIS AREA (HA) AFRICA DO SUL 42.930 CHAD 800 MAURITIUS 4.000 OUTROS 1.000 AFRICA PAIS AREA (HA) HONDURAS 15.000 MEXICO 4.100 PERU 15.000 BRAZIL 18.000 ARGENTINA 1.500 COLOMBIA 300 VENEZUELA 700 AMERICAS MAIS DE 240.000 HA DE CANA DE AUCAR IRRIGADOS EXPERINCIA NETAFIM NO MUNDO MAIS DE 1.000.000 HA IRRIGADOS EM TODO O MUNDO MAIS DE 1.000.000 HA IRRIGADOS EM TODO O MUNDO 5. Netafim Brasil 5 PORQUE IRRIGAR CANA DE ACAR ? CANA DE SEQUEIRO CANA IRRIGADA FOTO: USINA MONTE ALEGRE MAMANGUAPE /PB AREA COM GOTEJO: 100 HA 6. Netafim Brasil Custos Administrativos gua Enzimas Leveduras Produtos Qumicos Desnaturante Desperdcio Gerencial Mo-de-Obra Manuteno Outros Custos Depreciao Matria Prima Energia Combustveis Discriminao dos custos de produo de Biocombustvel Resp. CUSTOS DE PRODUO 72,5% 7. Netafim Brasil Potencial da cana de acar estimado pelo IAC para regio de Ribeiro Preto/SP : 327 ton/ha Fonte: Centro de Cana, Ribeiro Preto-SP PORQUE IRRIGAR CANA DE ACAR ? 8. Netafim Brasil 8 Resp. PRODUTIVIDADE MDIA Produtividade de cana de acar no Brasil (ton/ha) * Estimativa Fonte: Conab 9. Netafim Brasil PRODUTIVIDADE ATUAL REALIZADO: 17 - 44% POTENCIAL DOENAS PRAGAS PLANTAS DANINHAS CLIMA SOLOS MANEJO FITOTCNICO 27% (88 t/ha) PORQUE IRRIGAR CANA DE ACAR ? 10. Netafim Brasil 10 Resp. CUSTOS DE PRODUO 11. Netafim Brasil Produtividade (ton/ha) Custo de produo (R$/ton) 60 62,73 65 59,26 70 56,25 75 53,64 80 51,39 85 49,39 90 47,60 95 46,01 100 44,58 Quanto menos se produz, maior o custo PRODUTIVIDADE VERSUS CUSTO Fonte: Grupo Idea 12. Netafim Brasil Componentes da produtividade agrcola Colmos/m Peso do colmo 50 % 23 % 13 % 14 % Fatores de Produtividade Dos fatores que afetam a produtividade, verifica-se que o clima representa 50% Fonte: Canaplan PORQUE IRRIGAR CANA DE ACAR ? 13. Netafim Brasil 13 ZONEAMENTO AGROCLIMATOLGICO Fonte: Embrapa 14. Netafim Brasil HISTRICO CLIMATOLGICO Fonte: http://dcbio.com.br/index.php/servicos/historico-de-chuvas Regio Central do Estado de So Paulo Regio Oeste do Estado de So Paulo Fonte: Dados fornecidos pela Usina Diana 15. Netafim Brasil Fonte: http://dcbio.com.br/index.php/servicos/historico-de-chuvas Precipitao (mm) Regio Central do Estado de So Paulo HISTRICO CLIMATOLGICO 16. Netafim Brasil Fonte: Dados fornecidos pela Usina Diana Precipitao (mm) Regio Oeste do Estado de So Paulo HISTRICO CLIMATOLGICO 17. Netafim Brasil OUT NOV DEZ JAN FEV MAR ABR MAI JUN JUL AGO SET 17 FASES FENOLGICAS BROTAO PERFILHAMENTO CRESCIMENTO DOS COLMOS MATURAO Cana de ano Regio Centro-Sul 18. Netafim Brasil DFICIT HDRICO NA SAFRA Ribeiro Preto (em mm) CAD final outono inverno primavera 100 21,3 146,8 489 65 29,2 174,1 523,7 35 42,5 202,5 553,7 DFICIT HDRICO NA SAFRA FONTE: IAC CENTRO DE CANA 19. Netafim Brasil 19 20. Netafim Brasil 20 Regio Estimativa de produtividade Catanduva SP -14 % Araatuba - SP -12 % Assis - SP - 7 % Ja - SP - 8 % Piracicaba - SP - 11 % Ribeiro Preto - SP - 11 % ESTIMATIVA DE SAFRA 2014 FONTE: CANAPLAN 21. Netafim Brasil Resp. LONGEVIDADE DO CANAVIAL 21 Produtividade x nmero de cortes em diferentes ambientes de produo Fonte: ESALQUSP 22. Netafim Brasil 22 PENSAR COMO UMA PLANTA Fonte: no conheo esse doido 23. Netafim Brasil Ghannoum (2009) EFEITO DO ESTRESSE HIDRICO NA FISIOLOGIA VEGETAL 24. Netafim Brasil Gava, et. al. (2011). EFEITO DO ESTRESSE HIDRICO NA FISIOLOGIA VEGETAL 25. Netafim Brasil Fechamento estomtico Reduz transpirao Aumenta temperatura foliar Reduz fotossntese Aumenta respirao QUEDA DE PRODUO x2 Fonte: Ribeiro (2008) FALTA DE GUA: EFEITO DO ESTRESSE HIDRICO NA FISIOLOGIA VEGETAL 26. Netafim Brasil Importncia da irrigao: diminuir tambm a temperatura foliar A colocao de uma fita de sobre a superfcie da folha impede a transpirao. Com isso, a temperatura da folha aumenta. Fonte: Ribeiro (2008) UM POUCO DE FISIOLOGIA VEGETAL E USO DA GUA 27. Netafim Brasil Importncia da irrigao: diminuir tambm a temperatura foliar Frutos maduros de tomate transpiram menos que os caules. Portanto so mais quentes. As folhas transpiram mais que os caules. Portanto, a temperatura das folhas de 23,5C enquanto que os caules esto a 25C. Fonte: Ribeiro (2008) UM POUCO DE FISIOLOGIA VEGETAL E USO DA GUA 28. Netafim Brasil Importncia da irrigao: diminuir tambm a temperatura foliar Sem irrigao Com irrigao Fonte: Ribeiro (2008) UM POUCO DE FISIOLOGIA VEGETAL E USO DA GUA 29. Netafim Brasil 29 UM POUCO DE FISIOLOGIA VEGETAL E USO DA GUA CANA IRRIGADA CANA SEQUEIRO 30. Netafim Brasil Atributos da gua no sistema solo x planta x atmosfera Fotossntese Resfriador evaporativo Veculo de entrada de nutrientes Solo 0,1 a 0,3 bar Caule 5 a 15 bar Atmosfera 700 a 1200 bar Folhas 15 a 25 bar Maximizao da produtividade e qualidade atravs da disponibilidade ininterrupta de gua para a cana 30 EFEITO DO ESTRESSE HIDRICO NA FISIOLOGIA VEGETAL 31. Netafim Brasil 31 SEQUEIRO GOTEJAMENTO FOTO: FAZENDA VALE DO SOL IBAT/SP AREA COM GOTEJO: 200 HA UM POUCO DE FISIOLOGIA VEGETAL E USO DA GUA 32. Netafim Brasil - USO DE RESERVAS PARA OBTENO DE RAIZES E NO DA PARTE AREA; - AUMENTO NA RELAO RAIZ (DRENO) X PARTE AREA (PRODUO); - RAIZES MAIS VELHAS SO POUCO EFICIENTES EM ABSORO DE NUTRIENTES; - INFLUENCIAO NA LONGEVIDADE DO CANAVIAL 32 UM POUCO DE FISIOLOGIA VEGETAL E USO DA GUA 33. Netafim Brasil 33 TIPOS DE IRRIGAO Irrigao de salvao Planeja-se irrigar somente num perodo relativamente curto ou em um estgio do cultivo Exemplo tpico ocorre com a cana de acar, qual se aplica, via irrigao, a gua de lavagem da cana e/ou gua com vinhaa A aplicao feita em duas ou trs irrigaes de 60 mm por ms, aps o plantio, para cana-planta, ou aps os cortes, para cana-soca 34. Netafim Brasil 34 TIPOS DE IRRIGAO Irrigao com dficit quando se planeja atender somente uma frao da demanda hdrica da cultura O dficit pode ser durante todo o ciclo da cultura ou somente nas fases crticas a exigncia de gua Neste ltimo caso, obtm-se menores quedas na produtividade potencial da cultura 35. Netafim Brasil 35 TIPOS DE IRRIGAO Irrigao plena quando toda a gua necessria para atender a demanda hdrica da cultura aplicada via irrigao Para o dimensionamento do projeto, usa-se a maior demanda diria que ocorrer durante o ciclo da cultura, ou seja, maior demanda hdrica potencial da cultura: (ETc = Kc * ETo) 36. Netafim Brasil 37. Netafim Brasil SISTEMAS DE IRRIGAO Irrigao por auto propelido Irrigao por piv central 38. Netafim Brasil Irrigao por gotejamento SISTEMAS DE IRRIGAO Irrigao por sulco 39. Netafim Brasil Mtodo de irrigao Eficincia de aplicao Irrigao por Sulcos 50% - 70% Irrigao por Asperso 70% - 85% Irrigao por Gotejamento 90% - 95% Fonte: UNICAMP SISTEMAS DE IRRIGAO 40. Netafim Brasil 40 PRODUTIVIDADES ATINGIVEIS FONTE: SENTELHAS, 2013 41. Netafim Brasil FONTE: SENTELHAS, 2013 PRODUTIVIDADE POTENCIAL 42. Netafim Brasil FONTE: SENTELHAS, 2013 INCREMENTO COM IRRIGAO 43. Netafim Brasil 43 Gotejamento Sequeiro Ambiente A (120 dias) Ambiente E (120 dias) Observa-se incremento de produtividade e maior longevidade do canavial em diferentes ambientes de produo Sequeiro Gotejamento INCREMENTO COM IRRIGAO 44. Netafim Brasil RESULTADOS AGRONMICOS CANA DE SEQUEIRO CANA IRRIGADA FOTO: USINA CORURIPE ITURAMA/MG AREA COM GOTEJO: 450 HA 45. Netafim Brasil 45 Cidade: Juazeiro/BA rea: 4.080 ha Solo: Vertissolo Ambiente de produo A Variedade: RB 92 579 Sequeiro: 0 ton/ha Fazenda rea (ha) TCH So Paulo 103 139,43 So Sebastio 56 209,99 Santa Lucia 19 203,97 So Jorge 89 221,75 Terra Nova 61 123,89 RESULTADOS 46. Netafim Brasil UNIDADETCHm 7,99 8,27 8,16 7,11 6,81 10,08 10,42 9,84 8,52 7,74 13,52 13,16 11,33 9,91 9,76 6 7 8 9 10 11 12 13 14 1 corte 2011 1 corte 2010 2 corte 2011 4 corte 2010 5 corte 2011 superfcie piv gotejo RESULTADOS 47. Netafim Brasil 47 Cidade: Igarassu do Tite/SP rea: 270 ha Solo: Latossolo argiloso Ambiente de produo B Sequeiro: 85 t/ha Chuva: Outubro Maro 1.500 mm/ano Incremento: 82% RESULTADOS Espaamento Variedade 10Ano 20Ano 30Ano idade idade idade (m x m) meses TCH TCH 12 meses ATR meses TCH TCH 12 meses ATR Meses TCH TCH 12 meses 1.40 x 0.40 SP803280 14 194 166 158 9 99 132 137 12 156 156 1.40 x 0.40 SP89.1115 13 188 173 146 10 111 134 132 11 143 156 1.40 x 0.40 RB85.5453 13 163 151 152 10 130 156 134 12 156 156 1.40 x 0.40 SP89.1115 13 187 173 144 10 121 146 134 11 143 156 1.40 x 0.40 SP89.1115 13 165 152 145 10 123 148 134 11 143 156 Mda 183 166 150 115 142 134 150 156 48. Netafim Brasil 48 Cidade: Jaiba/MG rea: 700 ha Solo: Latossolo mdio Ambiente de produo C Variedade: RB 85 7515 Produtividade Mdia Gotejo: 158 ton/h - 106 % Mdia Pivo: 101 ton/h - 34% Mdia Autopropelido: 75 ton/ha RESULTADOS 49. Netafim Brasil 49 Cidade: Iturama/MG rea: 450 ha Solo: Latossolo mdio Ambiente de produo C Variedade: RB 92 - 579 Produtividade Gotejo: 192 ton/h 156% Pivot: - 102 ton/h - 36% Sequeiro: 75 ton/h RESULTADOS 6 METROS 50. Netafim Brasil 50 Cidade: Santa Rita/PB rea: 250 ha Solo: Neossolo Quartzo Arnico Ambiente de produo E Variedade: RB 92 - 579 Produtividade Gotejo: 106 ton/h (5 anos) 112% Salvao: 50 ton/ha (apenas 3 cortes) RESULTADOS 51. Netafim Brasil 51 RESULTADOS 52. Netafim Brasil 52 RESULTADOS LOCAL: ALAGOAS REA: 4.000 H INCREMENTO: 65% NUMERO DE CORTES COM GOTEJO: 6 NUMERO DE CORTES COM SALVAO: 5 Ton/ha 53. Netafim Brasil 53 RESULTADOS Cidade: Teotnio Vilela/AL rea: 17 ha Produtividade: 99 ton/ha (16 cortes) Variedade: SP79-1011 Salvao: 67 ton/ha (5 anos) Colheita manual TCH Nmero de cortes 54. Netafim Brasil 54 Cidade: Campo Alegre/AL Mdia de 13 colheitas (TCH): 104,0 ton/h rea: 75 ha Variedade: RB 92 579 Colheita manual RESULTADOS TCH Nmero de cortes 55. Netafim Brasil 55 Cidade: Iturama MG Colheita mecnica rea: 100 h Mdia sequeiro: 75 ton/h (5 anos) Produtividade: 86 ton/ha ( 12 cortes) Variedade: SP 86 1115 RESULTADOS TCH Nmero de cortes 56. Netafim Brasil 56 Cidade: Mineiros do Tite/SP rea: 35 ha Produtividade: 110 ton/ha ( 07 cortes) Variedade: SP 80 - 3280 Colheita mecnica Mdia sequeiro: 75 ton/h (5 anos) RESULTADOS 57. OBRIGADO Netafim Brasil </p>