Escavações Subterrâneas - Impactos Ambientais

Download Escavações Subterrâneas - Impactos Ambientais

Post on 26-Jun-2015

649 views

Category:

Documents

8 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Planejamento e impactos ambientais da lavraIntroduo - Gastos Proteo ambientalEscolha de projetos industriais infra-estrutura, disponibilidade de insumos, proximidades do mercado etc.Os investimentos e custos associados s operaes de preveno, controle, mitigao e restaurao, Estudo de viabilidade.Introduo: MineraoCentros urbanos ou a outros recursos naturais considerados poca e local de interesse pela sociedade.Conflitos inevitveis bens minerais dos ecossistemas .

TRANSCRIPT

<p>Planejamento e impactosPlanejamento e impactos ambientais da lavra ambientais da lavraIntroduoIntroduo infra-estrutura, disponibilidade de insumos, proximidades do mercado etc. Gastos Proteo ambientalEscolha de projetos industriaisOs investimentos e custos associados s operaes de preveno, controle, mitigao e restauraoEstudo de viabilidade. Introduo IntroduoMinerao Conflitos inevitveisentros urbanos ou a outros recursos naturais considerados poca e local de interesse pela sociedade.bens mineraisdos ecossistemasextrair, processar e utilizar esses bensistrbio no meio ambienteTerraguaArIntroduo Introduo%opografialima Proximidade dos centros urbanosreas de proteo ambientalMtodos de extrao e beneficiamentontensidade dos impactosNatureza mineralgica do depsitoQUALAEME AMBEN%EIntroduo IntroduoPreveno Restaurao ontroleAceitveis Gerar incmodoserosopoluiodaguaear, poluiosonora,vibraes no solo,emisso de ondas de choque,alteraes da paisagem,desmatamento, etc.Introduo IntroduoProteo ambientalPapel do governoesenvolvimento econmicoLocais e de curto prazoNacionais e longo prazoMNERAProteger e restaurar a qualidade do meio ambienteassegurando concomitantemente o suprimento dos bensminerais a preos considerados satisfatrios, luz de outrosobjetivos pblicosDESENVOLVIMENTO SUSTENTVEL DESENVOLVIMENTO SUSTENTVELAbordagem ao progresso "que atenda snecessidades do presente sem comprometer acapacidade de geraes futuras em satisfazer suasprprias necessidades.Conhecimento geolgicoTecnologia e criao de recursosViabilidade econmica.DESENVOLVIMENTO SUSTENTVELSustentabilidade ambientalDEGRADAO DO TERRENOMinerao a cu abertoMinerao subterrneaModifica o terrenoaveRecuperao ExtraoBeneficiamentoDeposio de rejeitosBem mineral no retorna ao local circulao servindo ao homem e as suas necessidades DESENVOLVIMENTO SUSTENTVELProjeto inicialnecessrioqueos custos decontroledepoluiosejamincorporados s despesas concernentes do empreendimento Medidas Medidas de de controle controle de de poluio poluioDesenvolvimento Desenvolvimento de de tecnologia tecnologiaPoluio processamento de minrio ineficiente lavra ambiciosa, quando a deposio de rejeitos feita sem a possibilidade deaproveitamento futuro.Desperdcio Desenvolvimento sustentvel Desenvolvimento sustentvelImpacto ambiental Impacto ambiental Alterao das propriedades fsicas, qumicas e biolgicas do meio ambiente A segurana e o bem estar da populao;as atividades scio econmicasa biota;as condies estticas e sanitrias do meio ambientea qualidade dos recursos ambientaisMatria ou energia resultantes das atividades humanasDireta ou indiretamenteLegislao LegislaoRecuperar Reabilitar o meio ambienteLei 6938/81PolticaNacional doMeioAmbiente)queadotaocritrioderesponsabilidadeobjetivaemseuartigo 14"o poluidor obrigado, independente da existncia de culpa, aindenizar ou reparar os danos causados ao meio ambienteea terceiros afetados pela sua atividade.Lei 9605/98 Lei decrimesambientais) especificaascondies nos quais os danos ambientais seroconsiderados e tratados como crime, compenas deindenizao e recluso.Legislao Legislaoispositivo constitucional %erminada a fase de lavraRecuperao de reas degradadasSoluo tcnica exigida pelo rgo publicoquando do licenciamento ambiental daatividade97.632 (1989). Legislao Decreto 97.632, de 10.04.1989.Retorno do stio degradado a uma forma de utilizaoplano preestabelecido)estabilidade do meio ambiente. Artigo 1os empreendimentoss empreendimentos explorao de recursos minerais explorao de recursos mineraisPlano de recuperao de rea degrada PRA)EA e doRMAsubmeter submeterArtigo 3oRecuperaoobjetiva objetivaLegislaoExerccio da atividade mineradora no Pas riscos resultantes da lavraPlano de recuperao de rea degrada PRA)EALicenciamento ambientalAprovado Outorgado a licena Aprova o PRAD Contempla o uso futuro Aps o fechamento da minaRecuperao de reas degradadas Manual de Recuperao de reas Degradadas pela Minerao ( IBAMA) Recuperao significa, "retomar o stio degradado a uma forma e utilizao de acordo com um plano pr-estabelecido para o uso do solo. ondio estvel com os valores ambientais, estticos e sociais. Stio degradado ter condies mnimas de estabelecer um novo solo e uma nova paisagemRecuperao de reas degradadas Recuperao processo lentoomponentes biticos e o ambiente equilbrio.planejamento do projeto mineiromuito tempo aps o trmino da lavraechamento de minaPLANEJAMENTOGesto ambientalCiclo de vida da minaExploraoDevoluo da rea reabilitada ou restauradaAntecipo os impactosMinimizo os custos e investimentosAumento a eficincia echamento de minaPLANEJAMENTOPreveno e proteo ontrole e monitoramento Remediao e restaurao Desativao e fecamentoechamento de minaMinerao de carvo extenso da rea minerada extenso da rea minerada, ,Minimizao do o impacto ambiental advindo da remoo doMinimizao do o impacto ambiental advindo da remoo do capeamento para exposio de camadascapeamento para exposio de camadas ExemplosAvano da frente de lavra seja controlado desde o inicioas reas modificadas sejam posteriormente recuperadas processo de remoo do capeamento, a camada superior do solo preservadaa camada superior do solo preservada , , re re- -estabelecimento da capacidade regenerativa da coberturaestabelecimento da capacidade regenerativa da cobertura vegetal, agrcola ou florestal.vegetal, agrcola ou florestal. echamento de mina Impactos de natureza irreversvel Carter temporrio da atividade mineral Rigidez locacional Competio com outros usos potenciais Competio com outros recursos naturais Interface econmica e social com a comunidade Problemas e desafiosEmpresarial desativao conseqnciaechamento de minaAvaliado pelo DNPMPlano de fechamentoCertido ondies de entornoEstabelece uso futuro da reaGUA NA MINERAOGUA NA MINERAO Utilizaonsumo nsumomovimentao movimentaoA GUA NA MINERAOPesquisa Sondagem rotativa resfriamento)Amostragem por dragagem movimentao)Sondagem tipo "Bankaesenvolvimentoe lavra esmonte hidrulicoMovimentao por dragagem aluvies)Bombeamento mina subterrnea movimentao)Asperso em ptio e vias de acessoBeneficiamento Utilizao na cominuio, britagem e peneiramentoUtilizao na flotao, lixiviaoMovimentao para desaguamento eposio de rejeitos%ransporte Bombeamento de polpa no minerodutonfra-estrutura Abastecimento etcImpacto sobre as gua Impacto sobre as gua Poluio hdrica pelo pelo transporte transporte por por gua gua pluvial pluvial de de partculas partculas de dereas reas decapeadas decapeadasminas, minas, pilhas pilhas de de estril, estril, estradas, estradas,ptios) ptios) pela pela deposio deposio diretas diretas de de estril estril em em cursos cursos d'gua d'gua pelo pelo lanamento lanamento de de rejeitos rejeitos nos nos cursos cursos d'gua d'guacom comou ou sem sem insumos insumos qumicos qumicos incorporados) incorporados)Impacto sobre as guas Impacto sobre as guas Poluio hdrica pela peladeposio deposiode deresduos resduosslidos slidosno noinertes inertes contaminar contaminar o o lenol lenol fretico fretico;; pelo pelobombeamento bombeamentode degua guacom comcarga cargaslida slidaou ousolvel solvel para para rebaixamento rebaixamento do do lenol lenol fretico fretico nos noscursos cursos d'gua d'gua;; pelo pelo turbilhonamento turbilhonamento de de aluvies aluvies ns ns operao operao de dedragagem dragagem pelo pelolanamento lanamentode deesgotos esgotossanitrios sanitriose eleos leosdas dasoficinas oficinas..Impacto sobre as guas Impacto sobre as guasUso imprprio oumal planejado comprometimento da disponibilidadeAumento dos custosProblemas com usurios%ransgresso a leindicadores na qualidade das guas slidos sedimentveis%urbidezSlidos dissolvidospHutros fatores oxignio, oleos, graxas1)Interferncia na dinmica hdrica2)Interferncia na qualidadeImpacto sobre as guas Impacto sobre as guas%abela: mpactos clssicos sobre a qualidade das guas nas diversas fases deum empreendimento mineiro.!ESQUISA MINERALTipo Causa do impacto !armetro geradorSondagem rotativa ou percussoArraste, por gua pluvial, de partculas finas das estradas e ptios de trabalho.ncremento de turbidez e de slidos sedimentveisSondagem e amostragem de grandes voIumes por dragasRevolvimento e turbilhonamento de reas alagadas e leitos de curso d'guaImpacto sobre as guas Impacto sobre as guasLAVRASubterrnea Arraste de partculas finas das reas de acesso por guas pluviais, solubilizao de estril pelo contato com o sistema ar/aguancremento de turbidez de slidos sedimentveis e de slidos dissolvidos. modificaes de pH, incremento de metais, sulfetos, arsnio)esmonte hidruIico Aporte de partculas finas por arraste pluvial e lanamento do estril sob a forma de polpa nas colees hdricasncremento de turbidez e, slidos sedimentveis.ragagem aIuvionar Revolvimento e turbilhonamento das margens e fundo das colees hdricas, lanamento de estril na forma de polpancremento de turbidez e de slidos sedimentveisA cu aberto em bancadas Arraste de partculas finas das reas decapeadas mina, estradas, depsito de estril, pilhas) por gua pluvialncremento de turbidez e de slidos sedimentveis, pH e outros compostos dependem da mineralogiaImpacto sobre as guas Impacto sobre as guasENEFICIAMENTOTipo Causa do impacto !armetro geradorCIassificao, cominuio e cata manuaIarreamento do rejeito por gua pluvialncremento na turbidez e nos slidos sedimentveis. utros compostos dependem da mineralogiaCIassificao, cominuio, concentrao magntica e eIetrostticaLanamento de rejeitos sob a forma de polpa nos cursos d'guaAumento da turbidez e dos slidos sedimentveis. Pelo tempo de contato entre o minrio e gua do processo pode ocorrer solubilizao de mineraisFIotao e desaguamento Lanamentos de rejeitos sob a forma de polpa nos cursos d'gua com insumos qumicos incorporados.Aumento da turbidez e de slidos sedimentveis. Possibilidade de solubilidade de minerais. Presena na gua de coletores, depressores, moduladores de pH e floculantes HidrometaIurgia Lanamento de extratos lquidos. Adio de insumos qumicosncremento de slidos dissolvidos. Presena de metais. Modificaes no pHSistemas de controle de impactos1) Sistemas de conteno de partculas Sistemas de drenagem Pilhas de estril Barragem de rejeitos Monitoramento de obrasMinimizam os impactos gerados pelos efluentes epartculas slidas na mina e unidades de beneficiamentoImpacto sobre as guas Impacto sobre as guasSistemas de controle de impactos1) Precipitao de onsImpacto sobre as guas Impacto sobre as guas Sistemas controle de slidos dissolvidos2) Adequao de pH Possibilidade de formao de precipitados 3) Flotao de Precipitados baseia-se na precipitao dos ons, comadio de compostosqumicos, seguido por flotao seletiva.Sistemas de controle de impactos7) Armadilhas MetlicasImpacto sobre as guas Impacto sobre as guas metal txico fica retido em superfcies de cobre mercrio) 8) %ratamento Biolgico capacidade que os microrganismos apresentam de tolerar e de acumular grandes quantidades de metais pode ser utilizada com objetivo de remover substncias txicas e de recuperar metais de grande valor econmicoSistemas de controle de impactosImpacto sobre as guas Impacto sobre as guasReciclagem e peracionalizao dos Sistemas e Programas deManuteno de Equipamentos Melhor controle ambiental, a reciclagem de resduos e de efluentes. MonitoramentoSistemas de controle de impactos4) egradao Qumica Impacto sobre as guas Impacto sobre as guas Por meio de adio de determinados reagentes 5) Adsoro por arvo Ativado Remoo de metais pesados do efluente cromo) 6) Remoo de ons por troca-inicaImpacto sobre o ar Impacto sobre o ar Poluio atmosfrica Presena Presena na na atmosfera atmosfera de de matrias matrias ou ou energias energias que quealteram alteramesse esse recurso recurso natural, natural, causando causando danos danos sade, sade, segurana segurana e e ao ao bem- bem- estar estar do do homem homem e e dos dosanimais, animais, prejudicando prejudicando os os vegetais vegetais e e afetando afetandonegativamente negativamente aspectos aspectos estticos estticos e e econmicos econmicos..Impacto sobre o ar Impacto sobre o ar Poluentes atmosfricos rigem rigem natural natural, ,polens, polens, poros, poros, bactrias, bactrias, poeiras poeiras do do cho, cho, sal sal marinho, marinho,gases gases e e materiais materiais slidos slidos resultantes resultantes de de erupes erupesvulcnicas, vulcnicas, entre entre outros) outros) rigem rigem antrpica antrpica, ,os os compostos compostos de deenxofre, enxofre, de decarbono, carbono, de denitrognio nitrognioas, as,substncias substncias radioativas, radioativas, os os metais metais pesados, pesados, o o material materialparticulado particulado e e os os oxidatos oxidatos fotoqumicos) fotoqumicos)..Impacto sobre o ar Impacto sobre o ar ontes de poluio do armineraoEmisso de poeira nas estradas de acesso e lavra das minas. Emisso de poeira nas estradas de acesso e lavra das minas.Emisso de gases e particulados pelas chamins dasEmisso de gases e particulados pelas chamins das instalaes de beneficiamento. instalaes de beneficiamento.Formao e emisso de poeira por arrasto elico nas pilhas deFormao e emisso de poeira por arrasto elico nas pilhas de estril e substncias minerais, em caminhes e vages, nasestril e substncias minerais, em caminhes e vages, nas estradas.estradas. Liberao de gases em minas subterrneas. Liberao de gases em minas subterrneas.Liberao de vapores resultantes do processo de limpeza eLiberao de vapores resultantes do processo de limpeza e desengraxe de peas e mquinas por utilizao de solventes edesengraxe de peas e mquinas por utilizao de solventes e detergentes industriais nas reas de manuteno. detergentes industriais nas reas de manuteno.Emisso de gases e partculas decorrentes da combusto deEmisso de gases e partculas decorrentes da combusto de motores dos equipamentos, veculos leves e das caldeiras. motores dos equipamentos, veculos leves e das caldeiras.Impacto sobre o ar Impacto sobre o arontes ontes de de poluio poluio do do ar arminerao mineraoFormao Formaode depoeiras poeirase egases gasespela peladesagregao desagregaomecnica, mecnica, pela pelaao ao de de perfurao, perfurao, escavao, escavao, britagem, britagem, peneiramento peneiramento e e pontos pontos de detransferncia transferncia..Varrio Varrio seca seca de de ptios, ptios, oficinas, oficinas, depsitos depsitos e e outras outras reas reas..Formao Formao e e emisso emisso de de poeiras poeiras em em pontos pontos de de carga carga e e descarga descarga..Rudo Rudo e e vibraes vibraes do do desmonte desmonte de de rochas rochas..Gerao Gerao de de gases gases e e odores odores pela pela combusto combusto espontnea espontnea nas nas pilhas pilhasde de rejeitos rejeitos piritosos piritosos de de carvo carvo..Queima Queima e e incinerao incinerao de de lixo lixo e e resduos resduos slidos slidos..Gerao Gerao de de poeira poeira em em reas reas livres livres sem sem cobertura cobertura vegetal vegetalImpactos sobre o Ar Impactos sobre o ArEfeitos da poluio do ar Sade humana alergias, doenas crnicas Materiais abraso e destruio de metais Vegetao reduo da fotossntese, Animais problemas respiratri...</p>