dst – doenças sexualmente transmissíveis

Download Dst – doenças sexualmente transmissíveis

If you can't read please download the document

Post on 15-May-2015

17.633 views

Category:

Health & Medicine

3 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • 1.DST DOENAS SEXUALMENTE TRANSMISSVEIS PATOLOGIAS E PREVENO

2. DOENAS SEXUALMENTE TRANSMISSVEIS

    • Sida
    • Sfilis
    • Herpes genital
    • Hepatite B
    • Candidase
    • Gonorreia

3. A SIDA SINTOMAS DA DOENA/TRANSMISSO

  • Anemia, febre, perda de peso
  • Alteraes imunitrias
  • Infeces generalizada que leva morte
  • Transmisso atravs do sangue, esperma, secreo vaginal
  • Transmite-se ao feto via placenta, leite materno

4. SF I LIS

  • Esta doena provocada pela bactriaTreponema Pallidum
  • contagiosa e perigosa
  • curvelsefor tratada a tempo.
  • Ataca qualquer tecido desde a pele aos ossos, fgado, rgos genitais e olhos.
  • Maior perigo alcanar a sistema nervoso e o corao, o que pode levar morte.
  • Contgio por via sexual, beijo na zona infectada
  • Toalhas, sanitrios e outros objectos.

5. HERPESGENITAL

  • Afecta os rgos genitais
  • uma doena que no tem cura
  • causada pelo vrusHerpes Simplex
  • Apenas existem medicamentos que aliviam as dores
  • Transmite-se por contacto sexual
  • Absteno de relaes sexuais enquanto durem os sintomas.

6. 7. HEPATITEB

  • uma doena causada por um vrus, ataca o fgado;
  • Transmissoatravs do sangue eda saliva;
  • Transmisso ao feto pela me;
  • Atravs do smen e secrees vaginais;
  • suor, lgrimas e saliva;
  • Se no for tratada, pode provocar a morte;
  • O vrus sobrevive durante bastante tempo e resiste a alguns desinfectantes;
  • possvel prevenir esta doena atravs da vacinao.

8. CANDIDASE

  • Doena causada pelos fungosCandida albicans , que se desenvolvem num local quente e hmido da vagina.
  • Contacto sexual ou proliferao do fungo.
  • Abstinncia sexual logo aps o aparecimento da infeco e durante o tratamento.

9. GONORREIA

  • Uma infeco das vias genitais provocada por bactrias, gonococos
  • Pode afectar o colo do tero da mulher e tambm a uretra do homem;
  • Pode expandir-se para a regio anal;
  • A gonor r eia no tratada pode conduzir esterilidade em ambos os sexos;
  • Contgio via contacto sexual directo durante o parto.

10. PRTICASSOCIAIS DE RISCO

  • Pessoas que praticam sexo desprotegidas
  • Utilizadores de drogas injectveis
  • Troca de seringas

11. GRUPOS SOCIAIS QUE INFLUENCIAM O APARECIMENTO DAS DST

  • Jovens, na descoberta do sexo
  • Prostitutas e/ou pessoas que recorrem ao sexo pago
  • Populao prisional
  • Toxicodependentes
  • Populaes moveis ( trabalhadores sazonais, militares, camionistas longo curso, etc. )

12. EVOLUODASD ST NO MUNDO

  • 2 o nmero de vrus VIH existentes: VIH-1 e VIH-2;
  • 10 o nmero de subtipos do vrus VIH-1 do grupo M;
  • 95 por cento dos novos casos de infecoocorreram em pases em desenvolvimento, sobretudo frica;
  • 1984 foi o ano em que o VIH foi identificado;

13.

  • 22 milhes de pessoas morreram vtimas de SIDA;
  • 28 milhes de crianas africanas tero, em 2010, perdido pelo menos um dos pais, em consequncia da SIDA.
  • No total dos pases em desenvolvimento, estima-se que esse nmero seja de 44 milhes (relatrio agncia americana para desenvolvimento internacional, 2000);
  • 39,4 milhes de pessoas esto infectadas em todo o mundo.

14. TCNICAS IMPROVISADAS DE PROTECO E DESINFECO RELATIVAS TRANSMISSO DE AGENTES INFECCIOSOS

  • Limpeza
  • Desinfeco
  • Esterilizao
  • Lavar bem as mos
  • Utilizar luvas
  • Uso de detergentes

15. DOENAS EMERGENTES

  • Doenas emergentes so aquelasque incidem em seres humanos, cuja ocorrncia aumenta de forma severa em duas dcadas. So tambm doenas que podem ameaar a humanidade ou um conjunto de comunidades.
  • Exemplo a Hepatite C

16. DOENAS REEMERGENTES

  • Doenas reemergentes so aquelas devidas ao reaparecimento ou, aumento do nmero de infeces por uma doena j conhecida, mas que, por ter causado to poucas infeces, j no era considerada um problema de sade pblica. Exemplo a clera.

17. AS MUTAES DO VRUS

  • O uso inadequado na dosagem de medicamentos

18. IMPORTNCIA DA ESTATSTICA NO PLANEAMENTO DE COMBATE DE DOENAS

  • A estatstica muito importante , pois permite saber a evoluo das doenas.
  • Permite encontrar solues adequadas e procedimentos a adoptar em caso de infeces virais.

19. PROCEDIMENTOS A ADOPTAR EM CASO DE INFECES VIRAIS OU BACTERIANAS

  • Quando h ameaa ou ocorrncia de pandemia ex. gripe deve haver um plano operacional especfico, tendo em conta algumas medidas anti-spticas.
  • Medidas preventivas:
    • Ferver a gua antes de consumir
    • Lavar bem os alimentos frescos
    • Desinfectar bem as feridas
    • Esterilizao de instrumentos cirrgicos
    • Uso de antibiticos no combate das infeces bacterianas.

20.

  • FIM
  • Trabalho de sociedade,
  • Tecnologia e Cincia
  • Cristina Sintra Maio de 2011

Recommended

View more >