doutrinas politicas - socialismo

Download Doutrinas Politicas - Socialismo

Post on 19-Jul-2015

553 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

GUIA DO ESTUDANTE

Guia do Estudante

As orientaes abaixo o ajudaro em sua trajetria de aprendizagem. O material didtico, elaborado conforme os preceitos da Educao a Distncia, autoinstrucional, e o prprio aluno determina seu ritmo de estudos. Compe-se de mdulos e unidades, com informaes e exerccios objetivos e de mltipla escolha necessrios para o cumprimento dos objetivos propostos. Prazo - O sistema considera o dia da sua matrcula como data inicial do curso. A partir de ento, voc ter 60 dias para concluso. O no cumprimento do prazo estabelecido implicar o cancelamento automtico de sua matrcula e consequente impedimento por 3 meses de nova matrcula nos cursos oferecidos pelo ILB.

Atividades de estudo - Diversas atividades iro auxili-lo, funcionando como reforo na aprendizagem. Aps o estudo do contedo de cada unidade e mdulo, voc dever realizar os Exerccios. Essas atividades foram desenvolvidas para voc mesmo verificar o progresso obtido ao longo do percurso. As autoavaliaes sero corrigidas automaticamente pelo sistema. Avaliao Final - Para concluir o curso, faa a Avaliao Final, clicando no item "Avaliaes" do menu lateral. Lembre-se de que a Avaliao Final, alm de ser o nico instrumento vlido para a certificao do curso, no poder ser refeita depois de salva. Logo, responda as questes apenas quando tiver certeza da resposta.

IMPORTANTE: Voc s pode acessar a Avaliao Final quando concludas todas as etapas do curso. O sistema no permite um segundo acesso. Ao acessar a avaliao, voc deve faz-la por completo. (Ateno: quando se passam muitos minutos sem ao do usurio, o sistema bloqueia o acesso automaticamente).

Certificao - Na Avaliao Final voc dever obter no mnimo 70 pontos (de 100 possveis). Nesse caso, ser aprovado e far jus certificao. O certificado ser disponibilizado 60 (sessenta) dias aps a data de efetivao da matrcula. Caso no tenha obtido o desempenho exigido, no desista. Voc pode inscrever-se novamente neste ou em outro de nossos cursos sem tutoria aps 3 meses. O ILB no fornece autenticao digital ou quaisquer outras comprovaes alm do certificado e da declarao emitidos eletronicamente e impressos pelo prprio aluno.

Suporte tcnico O Ncleo Web do ILB oferece apoio a problemas de acesso ao ambiente virtual de aprendizagem e orientaes para a utilizao dos recursos e ferramentas de EaD. E-mail: ilbead@senado.gov.br (Identifique a mensagem, informando seu nome completo e o curso em que est inscrito.) Telefone: (00+55) (61) 3303-1475 Horrios de atendimento ao aluno virtual: 10h s 12h e 15h s 17h (dias teis)

Sugestes para um bom estudo: As atitudes do estudante a distncia, traduzidas em hbitos de estudo, so fatores que ajudam o aluno a persistir e permanecer no curso, determinando o sucesso final. Administre bem seu tempo - assegure-se de que ter disponibilidade para se dedicar ao estudo. Execute as atividades propostas em sequncia de mdulos eles so planejados de acordo com a complexidade dos contedos.

Apresentao

ApresentaoEstamos no incio de um curso sobre Doutrinas Polticas Contemporneas. Convm, assim, esclarecer alguns pontos sobre o significado do ttulo e a forma do curso. Que so doutrinas polticas contemporneas? Na perspectiva que aqui adotamos, so aquelas correntes de pensamento que inspiram e orientam os partidos polticos importantes em termos de influncia, voto e acesso ao poder no mundo de hoje. Dito de outra maneira, aquelas correntes que definem os objetivos de partidos atuais e, em alguns casos, os meios recomendados para alcanar esses objetivos. O critrio, portanto, prtico. No vamos discutir correntes de pensamento que alimentaram partidos fortes no passado, mas insignificantes no presente. No vamos discutir, por exemplo, uma corrente conservadora, uma vez que hoje nenhum partido de peso defende o retorno ordem econmica, social e poltica pr-moderna. Pela mesma razo, no discutiremos a corrente anarquista, uma vez que os partidos dessa tendncia perderam peso, nos pases onde ainda eram importantes, no perodo entre as duas guerras mundiais.

Na abordagem dessas correntes, o curso tem objetivos definidos. Ao final, o aluno deve estar capacitado a:

identificar os argumentos que cada corrente apresenta em sua defesa; relacionar as crticas recprocas levantadas entre elas; e discutir esses argumentos e crticas para analisar a realidade poltica do Brasil.

Um esclarecimento final necessrio. Grandes correntes de pensamento poltico no so objetos que possam ser estudados a partir de uma definio clara, unvoca, aceita por todos. Adversrios e partidrios tm interpretaes diferentes de cada corrente, e mesmo no interior de cada uma delas encontramos divises importantes. A seleo de assuntos e autores feita no curso , portanto, necessariamente parcial. Escolhemos obras de autores consagrados que tratam de temas que a maior parte dos liberais, socialistas, sociais-democratas e novos esquerdistas considera fundamentais. No entanto, outros temas e autores, talvez to importantes quanto esses, ficaram de fora. Vamos discutir, para dizer de forma mais precisa, uma seleo de temas e autores importantes para cada uma dessas quatro correntes.

MDULO NICO - Socialismo

Mdulo nico - Socialismo:

Nossas trs prximas unidades sero dedicados discusso do socialismo.Vamos examinar, em primeiro lugar, algumas das condies histricas que possibilitaram o surgimento das idias socialistas. Em segundo lugar, discutiremos algumas das idias centrais da doutrina, tal como desenvolvidas na obra de um de seus pensadores mais influentes, Karl Marx. As idias selecionadas so o materialismo, a evoluo social e as classes sociais. Passaremos ento ao debate sobre o horizonte utpico do socialismo, ou seja, sobre qual o tipo de sociedade imaginada como substituio do capitalismo. Na ltima unidade, finalmente, a ascenso e crise do socialismo real, at sua queda, sero nossos temas de estudo.

Ao trmino deste estudo, esperamos que voc possa relacionar:

As condies histricas do socialismo; Idias centrais da doutrina, segundo Marx: Materialismo, evoluo social e classes sociais; utopia socialista e; ascenso, crise e queda do socialismo real.

Unidade 1 - Socialismo: Conceitos

Socialismo: Histrico e Conceitos Bsicos Nesta unidade vamos apresentar um breve histrico das idias socialistas. Em seguida, examinaremos alguns conceitos fundamentais do sistema socialista de maior influncia histrica, aquele desenvolvido por Karl Marx: materialismo, evoluo e classes sociais. Finalmente, vamos expor e debater algumas reflexes do mesmo autor sobre a transio de uma sociedade capitalista para o socialismo.

Veremos, portanto, nesta unidade: histrico das idias socialistas; conceitos marxistas: materialismo, evoluo e classes sociais; reflexes de Marx sobre transio do capitalismo para o socialismo. Para os fins do nosso curso, socialismo entendido como o conjunto de doutrinas polticas que contestaram, em primeiro lugar, a ordem do capitalismo nascente. Criticaram essa ordem desde um duplo ponto de vista: no plano tico, como injusta e desigual; no plano dos resultados, como irracional, por dilapidar, periodicamente, recursos materiais e humanos.

Da haverem proposto uma nova forma de organizar a sociedade, ao mesmo tempo mais justa e mais eficiente, mais eqitativa e mais abundante. Da seu endereamento preferencial ao ator poltico excludo da ordem capitalista e, por esse mesmo motivo, interessado em super-la: a classe operria. A social-democracia, que ser debatida em unidade prpria, constitui uma diferenciao desse padro clssico de socialismo, uma tentativa de dar resposta s mudanas por que o sistema capitalista havia passado at a virada do sculo XIX para o XX. Entre as diferentes correntes socialistas destaca-se, inegavelmente, por sua relevncia no plano terico e poltico, o marxismo. Por essa razo, os conceitos bsicos fundamentais doutrina sero analisados a partir do enfoque da obra de Marx.

Pgina 1

1. Histrico O socialismo surge como reao s conseqncias indesejveis da Revoluo Industrial, iniciada na Inglaterra no comeo do sculo XVIII. Importa, assim, relacionar, ainda que de forma sumria, as principais dentre essas mudanas e seus efeitos mais evidentes na sociedade. A mudana mais visvel e imediata ocorreu no campo da tecnologia. O desenvolvimento de uma srie de mquinas e o uso da fora motriz do vapor permitiram elevar a produtividade do trabalho a nveis nunca antes alcanados. Uma quantidade enorme, para os padres da poca, de mercadorias passou a ser produzida em tempo e custo unitrio menores, desencadeando um processo de intenso crescimento econmico, principalmente na Inglaterra, centro da revoluo. A disponibilidade de importantes jazidas de carvo e ferro produtos fundamentais nova forma de produzir assegurou a continuidade dessa posio de vanguarda do pas. A revoluo no se deteve no plano da tecnologia. Procedeu igualmente substituio das relaes estabelecidas tradicionalmente entre os homens no processo produtivo, por outras, mais adequadas s novas tcnicas. A relao mestre-aprendiz, centro da produo artesanal, cedeu espao livre contratao e dispensa de trabalhadores assalariados, ao sabor da convenincia daqueles que dispunham de recursos para a compra das mquinas. O treinamento demorado num ofcio tornou-se desnecessrio, face desqualificao do trabalho promovida pela mquina.

X

SAIBA MAIS sobre os avanos tecnolgicos

Pgina 2

A percepo do tempo, produzida pela sociedade, foi tambm profundamente alterada. A sociedade tradicional, centrada na produo agrcola, tendia a gerar uma idia cclica de tempo, uma espcie de repetio do ciclo

produtivo que rege, da mesma maneira a cada ano, a produo agropecuria. A nova atividade econmica, decorrente da Revoluo Industrial, apresentava como caracterstica bsica a progressividade. Os atores econmicos e a sociedade como um todo passaram a encara