diagnóstico e tratamento da rotura do ligamento cruzado ...· intercondiliana na rotura em asa de

Download Diagnóstico e tratamento da rotura do ligamento cruzado ...· intercondiliana na rotura em asa de

Post on 14-Dec-2018

214 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

2011/2012

Catarina Machado Pacheco Soares

Diagnstico e tratamento da rotura

do ligamento cruzado anterior

maro, 2012

Mestrado Integrado em Medicina

rea: Ortopedia

Trabalho efetuado sob a Orientao de:

Doutor Jos Carlos Pereira Pinto Noronha

Trabalho organizado de acordo com as normas da revista

da Sociedade Portuguesa de Ortopedia e Traumatologia

Catarina Machado Pacheco Soares

Diagnstico e tratamento da rotura

do ligamento cruzado anterior

maro, 2012

Projeto de Opo do 6 ano - DECLARAO DE INTEGRIDADE

Eu, Catarina Machado Pacheco Soares, abaixo assinado, n mecanogrfico 050801165, estudante do

6 ano do Mestrado Integrado em Medicina, na Faculdade de Medicina da Universidade do Porto,

declaro ter atuado com absoluta integridade na elaborao deste projeto de opo.

Neste sentido, confirmo que NO incorri em plgio (ato pelo qual um indivduo, mesmo por omisso,

assume a autoria de um determinado trabalho intelectual, ou partes dele). Mais declaro que todas as

frases que retirei de trabalhos anteriores pertencentes a outros autores, foram referenciadas, ou

redigidas com novas palavras, tendo colocado, neste caso, a citao da fonte bibliogrfica.

Faculdade de Medicina da Universidade do Porto, 19/03/2012

Assinatura:

Projeto de Opo do 6 ano DECLARAO DE REPRODUO

Nome: Catarina Machado Pacheco Soares

Endereo eletrnico: med05165@med.up.pt Telefone ou Telemvel: 912088922

Nmero do Bilhete de Identidade: 13200723

Ttulo da Dissertao/Monografia:

Diagnstico e tratamento da rotura do ligamento cruzado anterior

Orientador: Doutor Jos Carlos Pereira Pinto Noronha

Ano de concluso: 2012

Designao da rea do projeto: Ortopedia

autorizada a reproduo integral desta Dissertao/Monografia para efeitos de investigao e de

divulgao pedaggica, em programas e projetos coordenados pela FMUP.

Faculdade de Medicina da Universidade do Porto, 19/03/2012

Assinatura:

Diagnstico e tratamento da rotura do ligamento cruzado anterior

Autora: Catarina Machado Pacheco Soares

Afiliao institucional: Faculdade de Medicina da Universidade do Porto

Endereo: Al. Prof. Hernni Monteiro 4200 319 Porto PORTUGAL

E-mail: fmup@med.up.pt

Telefone: +351 225513600

Resumo: 127 palavras

Abstract: 107 palavras

Texto principal: 5849 palavras

mailto:med05165@med.up.pt

NDICE

RESUMO ......................................................................................................................... 2

PALAVRAS-CHAVE: ..................................................................................................... 2

ABSTRACT ..................................................................................................................... 3

KEY-WORDS: ................................................................................................................. 3

MTODOS ....................................................................................................................... 4

INTRODUO ................................................................................................................ 5

DIAGNSTICO ............................................................................................................... 7

TRATAMENTO ............................................................................................................. 17

CONCLUSO ................................................................................................................ 26

AGRADECIMENTOS ................................................................................................... 27

BIBLIOGRAFIA ............................................................................................................ 28

LISTA DE TABELAS ................................................................................................... 30

LISTA DE FIGURAS .................................................................................................... 31

ANEXOS ........................................................................................................................ 33

2

RESUMO

Nos EUA so estimadas, por ano, 80 a 100 mil cirurgias de reconstruo do

ligamento cruzado anterior (LCA). A rotura deste ligamento, representando 20% das

leses desportivas relacionadas com o joelho, representa a leso ligamentar grave mais

frequente desta articulao, principalmente em adultos jovens.

Assim, torna-se de extrema relevncia para toda a comunidade mdica o

conhecimento dos vrios meios de diagnstico, salientando o exame fsico realizado a

toda a articulao do joelho e, tambm, sobre os vrios mtodos de tratamento, desde o

conservador cirurgia de reparao e de reconstruo.

Esta reviso bibliogrfica explicita, embora de forma sucinta, os vrios mtodos

da abordagem cirrgica que continuam a ser relatados numa tentativa de atingir uma

estabilidade articular cada vez mais significativa e de prevenir complicaes a longo

prazo.

PALAVRAS-CHAVE:

Ligamento cruzado anterior, joelho, rotura de ligamento

3

ABSTRACT

In the United States are estimated, per year, 80 to 100 thousand surgeries of

anterior cruciate ligament (ACL). The injury of this ligament, that represents 20% of the

knees sports lesions, represents the most common serious ligamentar injury, especially

in young adults.

There is of extreme relevance, to all medical community, the knowledge of all

ways of diagnosis, specially the knees physical exam and, also, of the treatment

options, from the conservative one to the repair and reconstruction.

This review shows, in a succinct way, the surgical approaches that continue to be

made in a way of getting the most significant joint stability and preventing future

complications.

KEY-WORDS:

Anterior cruciate ligament, knee, ligament injury

4

MTODOS

Foram realizadas duas pesquisas na PubMed, utilizando como palavras-chave os

termos anterior cruciate ligament injury diagnosis e anterior cruciate ligament injury

treatment com limitaes aos artigos publicados em portugus e ingls, artigos de

reviso sistemtica e meta-anlise e com data de publicao de h menos 10 anos. Aps

leitura dos resumos foram selecionados, com acesso integral, 27 artigos, que

apresentavam informaes relevantes para este trabalho. Foram ainda pesquisadas as

listas de referncias dos artigos selecionados, resultando num total de mais 3 artigos.

Este trabalho inclui tambm na sua pesquisa 1 livro. No total foram analisadas 31

referncias bibliogrficas.

5

INTRODUO

O LCA uma banda de tecido conectivo denso que se insere no fmur e na tbia

e envolvido, assim como o LCP (ligamento cruzado posterior), pela membrana

sinovial (1), sendo uma estrutura intra-articular extra-sinovial (2). O LCA insere-se,

posteriormente, com uma orientao quase vertical, sagital, na face medial do cndilo

femoral externo dirigindo-se anterior e medialmente para se inserir transversalmente,

numa fosseta localizada anterior e externamente espinha tibial anterior, atrs do corno

anterior do menisco externo, ao qual adere por uma pequena extenso (1-3).

Apesar de Norwood e Cross, em 1979, terem sugerido a existncia de trs feixes

constituindo o LCA, a maioria dos estudos anatmicos concordam que os feixes ntero-

medial (AM) e pstero-lateral (PL) so os nicos constituintes deste ligamento (4, 5),

assim denominados de acordo com a sua insero distal em relao s espinhas tibiais.

O LCA o principal responsvel pela resistncia translao anterior do prato tibial e

ao movimento de rotao interna da tbia em relao ao fmur (2, 4, 6).

A articulao do joelho responsvel pelo balano e transformao do suporte

do peso do corpo na alterao do movimento, tanto na direo como na velocidade. A

leso do LCA consequente a mecanismos de contacto (30%) e no contacto (70%) (7),

apresentando uma incidncia anual de cerca de 95 000 novos casos nos EUA e

representando a leso ligamentar grave mais frequente da articulao do joelho (6).

Sabe-se, atualmente, que a incidncia desta leso no sexo feminino superior

apresentada pelo sexo masculino (risco de leso 2,4 a 9,5 vezes superior) (2, 6).

6

Um dos mecanismos aquele realizado frequentemente pelos futebolistas que

resulta num stress rotacional e translacional que ocorre quando o atleta experimenta

movimentos de desacelerao e alterao rpida e imprevisvel da direo do

movimento, resultando numa excessiva rotao externa do fmur e translao anterior

da tbia (8).

Nem todas as leses do LCA ocorrem isoladamente. Dependendo do mecanismo

lesional outras estruturas podem tambm encontrar-se danificadas. So exemplos disso,

a conhecida trade interna ou trade de ODonaghue e a leso do Ponto de ngulo

Pstero Externo (PAPE) (2).

importante realar tambm o facto que nem todas as roturas do LCA so

consideradas totais, existindo tambm, as roturas parciais do LCA. Neste tipo de leso

cada feixe (AM ou PL) pode ser danificado isoladamente (figura 1). A evoluo deste

Recommended

View more >