df guas claras 29

Download Df guas Claras 29

Post on 27-Jul-2016

216 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

9 a 15 de abril de 2016

TRANSCRIPT

  • DISTRIBUIO GRATUITA

    9 a 15 de abril de 2016

    ANO 3 . EDIO 29

    @dfaguasclaras dfaguasclaras dfaguasclaras.com.br 8348-2828

    Velocidade reduzida

    Avenidas principais de guas

    Claras tem velocidade

    mxima reduzida para 50km/h. Ao

    faz parte do projeto apra

    melhorar o trnsito da

    cidadePginas 6 e 7

    Relatrio mostra precariedade de escola no ArealVigilncia Sanitria de olho nos food trucksA partir de agora os food trucks devero ter licena da Vigilncia Sanitria para funcionar. Sero exi- gidos os mesmo critrios dos bares e restaurantes em reas comerciais (Pgina3). Deputado distrital Reginaldo Ve-ras aponta necessidade imediata de reforma no Centro de Ensino Funda- mental do Areal. Estrutura provis-ria traz risco aos alunos e comuni-dade escolar (Pgina 5).

  • 9 A 15 DE ABRIL DE 2016 DF GUAS CLARAS2

    Editor: Rafael Souza (DRT 10260/DF) Endereo: EQ 31/33 Ed. Consei Sala 113/114

    71065-315 Guar DF

    contato@jornaldoguara.comjornaldoguara.com 61 33814181

    O jornal DF guas Claras parceria da editora Jornal do Guar com o portal digital DFguasClaras

    Responsvel: Cleber Barreto Endereo: Av. Araucrias, Lt 1835 / sala 308

    guas Claras Shopping

    dfaguasclaras.com.br 61 8348-2828dfaguasclaras@gmail.com

    OPINIO

    CLEBER BARRETO#turmadoprdio

    colaborao de Helena Goulart

    A cidade de guas Claras conhecida por ter de tudo um pouco: de ser-vios s atividades culturais, o local desenvolvido e por pouco no necessrio ir para o Plano Piloto para resolver assuntos pessoais.Tratando-se de servios de sade como dentistas, psic-logos, fisioterapeutas, consul-trios para exames e retirada de sangue, o setor segue em abrangncia na cidade. A rea da educao tambm completa, com trs escolas com ensino mdio completo, trs escolas com ensino funda-mental completo, quatro cre-ches particulares e uma creche pblica, quatro escolas com cursos de ingls e trs escolas de msica.Servios como sales de beleza e lojas de vesturio existem em grandes quantida-des, desde produtos com pre-os mais acessveis a produtos com maior custo. Escritrios de advocacia e cartrios tam-bm auxiliam os moradores em suas necessidades do dia a dia.Uma coisa fato: apesar de haver a falta de equipa-mentos pblicos na cidade, com a ausncia de escolas e hospitais pblicos assim como uma Delegacia de Polcia, a rea comercial privada bem desenvolvida, garantindo ci-dade o seu potencial de desen-volvimento.

    A cidade oferece todos os servios e produtos que o morador precisa

    Emprio Buongustaio

    Trata-se emprio gourmet com nfase no chocolate. Um espao destinado a proporcionar uma envolvente experincia gastronmica de bom gosto, mesclando de forma igualitria as operaes de chocolateria, cafeteria e gelateria. Como pilares apresenta-se um atendimento diferenciado em ambiente agradvel, com oferta de produtos saborosos de excelente qualidade. A indicao principal o cappuccino sottomarino, o item mais conhecido e pedido do cardpio.Endereo: Quadra 205, lote 2, lojas 22/23 Linea MallFrans CafCom o famoso Franccino, acaba sendo difcil no ter vontade de voltar. O cappuccino gelado e com chantilly mostra que sabor e alegria podem ficar juntos! O ambiente agradvel e o cardpio satisfaz o cliente, tornando-se a combinao ideal para um fim de tarde.Endereo: R. 13 Sul

    Confeitaria Potiguar Alm de entregarem encomendas para festas que incluem doces, tortas e salgadinhos, o local tambm funciona como cafeteria. O item mais indicado do cardpio o chocolate quente, famoso por sua cremosidade.Endereo: Av. das Castanheiras, 1370.Casa de Biscoito Mineiro

    Apesar de serem conhecidos como cozinheiros de mo cheia quando se trata das tortas, a variedade de cafs, biscoitos e bolos impressiona quem vai at o local para conferir. O atendimento de qualidade fideliza o cliente, que retorna pelo clima familiar e pela comida aconchegante e de qualidade. Endereo: Rua 33 Norte, Lojas 11/15

    Brigadeirando Como o prprio nome j diz, a especialidade da casa envolve o tradicional doce brasileiro: o brigadeiro.De pequenos doces s tortas e cupcakes, o lugar aconchegante garante um passeio harmonioso, achocolatado e cheio de alegria. Os doces esto sempre bem acondicionados e o mais pedido o casadinho com chocolate belga.Endereo: Rua 37 Sul, lotes 17/19 Loja 5 Ed. Real Celebration

    Cafeterias para visitar em guas Claras Comrcio completo

  • 3 DF GUAS CLARAS 9 A 15 DE ABRIL DE 2016POLMICA

    Food Trucks na mira da Vigilncia SanitriaVeculos devero atender exigncias para poder funcionar nos locais determinados pela Administrao Regional

    Os proprietrios de food trucks do Dis-trito Federal devem fazer cadastramento para ter a situao regularizada pela Diretoria de Vigilncia Sanitria, da Subsecretaria de Vigilncia Sade, vincu-lada Secretaria de Sade, que vai fiscalizar as regras de funcionamento e de lim-peza. A Instruo Normativa n 11, publicada no Dirio Oficial do Distrito Federal de 1 de abril, define o cadastro e as auditorias.Donos de veculos auto-motores e rebocveis adap-tados para o comrcio de ali-mentos precisam preencher um formulrio e fornecer informaes referentes ao negcio lista de alimen-tos e bebidas, matrias-pri-mas, local de armazenamen-to, endereo da cozinha de apoio e nmero de funcio-nrios e refeies servidas.Controle de qualidadeDe acordo com o gerente de alimentos da Diretoria de Vigilncia Sanitria, An-dr Godoy, existem cerca de

    200 food trucks em funcio-namento no Distrito Fede-ral. "O cadastro mais uma forma de fiscalizao. o incio de um processo para controlar a qualidade desde a matria-prima at a chega-da do alimento aos consumi-dores."O rgo tambm exigir um fluxograma descritivo com as etapas do processo produtivo e o leiaute da co-zinha de apoio e do depsi-to. A previso que todos os veculos do gnero no DF es-tejam cadastrados at o fim de abril.InspeoA Vigilncia Sanitria se-gue um roteiro de inspeo tanto no prprio food truck quanto em cozinhas auxilia-res e depsitos. Apenas na vistoria veicular so confe-ridos 63 itens que levam em conta estrutura do veculo, equipamentos e utenslios, higiene das instalaes e do ambiente, controle de vetores e pragas e armaze-namento. Tambm sero avaliadas as condies da

    cozinha auxiliar e do dep-sito.Quem no fizer o cadas-tro est sujeito a processo administrativo, apreenso do veculo e multa, que varia de R$ 2 mil a R$ 1,5 milhes, dependendo do caso.RegulamentaoDesde 16 de maro a venda de alimentos em food trucks est legalizada em reas pblicas de Braslia. ALei n 5.627 estabelece lo-cais, horrios, regras de fun-

    cionamento e multas. Defi-ne ainda restries, como a proibio do comrcio de bebidas alcolicas nas pro-ximidades de escolas e o uso de equipamentos pblicos, como postes, canteiros e bancos, para ampliar o espa-o ou ajudar na montagem do veculo ou da tenda, alm da colocao de cercas, pa-redes, tapumes ou itens que delimitem espao.Todas as determinaes devem ser includas em um decreto regulamentador com publicao prevista para a primeira quinzena de junho.

    Quem tem multas apli-cadas pelo Departa-mento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER-DF) e pelo Departamento de Trnsito (Detran-DF) poder par-celar a dvida em at 12 meses. A autorizao est no Decreto n 37.228, pu-blicado no Dirio Oficial do DF desta segunda-feira (4).De acordo com o texto, cada parcela no pode ser inferior a R$ 140,15. O va-lor ser atualizado anual-mente pelo ndice Nacional de Preos ao Consumidor, medido pelo Instituto Bra-sileiro de Geografia e Esta-tstica (IBGE). Na primeira, ser recolhido o valor de repasse ao Fundo Nacional de Segurana e Educao de Trnsito, correspon-dente a 5% do total. O pa-gamento obrigatrio de acordo com o Cdigo de Trnsito Brasileiro.Como parcelarO proprietrio do vecu-lo dever solicitar o benef-cio mediante um termo de adeso, a ser assinado na-sunidades de atendimento ao pblico do Detran-DF e do DER-DF. A partir do

    pagamento da primeira parcela, o certificado de registro e licenciamento do veculo (CRLV) poder ser emitido ao proprietrio. S ser permitido um parcela-mento por veculo.O pagamento aps o vencimento ser acrescido de multa de 5%. Em casos de atraso em trs parcelas consecutivas ou no, ou de qualquer uma por mais de 90 dias, o parcelamento ser cancelado. A renego-ciao da dvida, porm, s ser validada caso a pri-meira parcela seja quitada. O decreto de regulamenta-o prev que os pagamen-tos sejam feitos apenas por boleto bancrio.O saldo devedor rema-nescente ser inscrito na dvida ativa do DF e o deve-dor poder sofrer cobrana judicial. Enquanto estiver em vigor o parcelamento, no ser possvel transfe-rir o veculo para um novo proprietrio. O desconto de 20% nos pagamentos antecipados e vista no poder ser aplicado. Alm disso, as multas vencidas e que possuam inscrio na dvida ativa no podero ser renegociadas.

    Multas de trnsito parceladasInfratores podero quitar dbitos em at 12 vezes

  • Escolas, postos de sade, viadutos, asfalto novo. Tudo isso s acontece graas ao seu IPVA. Por isso, pague a segunda parcela em dia. Contribua para que o governo faa uma Braslia cada vez melhor.

    O boleto tambm pode ser impresso via internet.Saiba mais em: www.fazenda.df.gov.br ou ligue 156 opo 3.

    FINAL DA PLACA 2 parcela

    1 e 2 11/04/16

    3 e 4 12/04/16

    5 e 6 13/04/16

    7 e 8 14/04/16

    9 e 0 15/04/16

    IPVA 2016 Secretaria deFazendaG O V E R N O D E

    A GENTE TAMBM COMPRA CARRO NOVO.

  • 5 DF GUAS CLARAS 9 A 15 DE ABRIL DE 2016

    ANA PAULA NEVES

    Falando de poltica

    As instalaes da escola so provi-srias h mais de 30 anos. O p direito baixo e o telhado de zinco tornam o calor insuportvel aqui dentro, afirma o diretor do CEF Areal, Jorge Luis Carva-lho Oliveira. Ele e a comu-nidade escolar brigam h anos para que a escola seja reformada para atender os cerca de 500 alunos entre 10