design thinking

Download Design Thinking

Post on 20-Jul-2015

65 views

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

Apresentao do PowerPoint

DESIGNthinking

DAISY MARSCHALK | IGOR MERLIN | LETICIA BANDELOW | RAFAEL MACHADO | ROBERTO DUESSMANNDESIGN THINKINGO QU?DIVULGANDO A MENSAGEMDE VOLTA SUPERFCIECONTRUINDO PARA PENSARSAINDO DA ZONA DE CONFORTOCONVERTENDO A NECESSIDADE EM DEMANDAUMA MATRIZ MENTALSAINDO DA ZONA DE CONFORTO1NEM UMNEM OUTROMAS UM TERCEIRO CAMINHO

PENSAMENTO LINEAR: SEQUNCIASMAPA MENTAL:CONEXES

EQUIPE INTERDISCIPLINAR90% DOS ADULTOS NO ANDAVA DE BICICLETA QUANDO ADULTOS90% ANDAVAM QUANDO CRIANAS: MEMRIAS FELIZES INTIMIDAO, COMPLEXIDADE, ALTO CUSTO, PERIGO, MANUTENO E...UMA BICICLETA NA GARAGEM!

EXPERINCIA CENTRADA NO SER HUMANOCOASTING BIKES

ESTRATGIAS DE VAREJODESIGN DE REFERNCIANO EXISTE UMA MELHOR FORMA DE PERCORRER O PROCESSO. H PONTOS DE PARTIDA E PONTOS DE REFERNCIACONTINUUM: PASSOS QUE SE SOBREPE E NO PASSOS ORDENADOSINPIRAOO PROBLEMA OU OPORTUNIDADE QUE TE MOTIVA A BUSCAR POR SOLUEIDEALIZAOO PROCESSO DE GERAR, DESENVOLVER E TESTAR IDEIASIMPLEMENTAOO CAMINHO QUE VAI DO ESTDIO DE DESIGN AO MERCADO

INSIGHTSUMA IMPORTANTE ATUALIZAO

FALHE MUITAS VEZES PARA TER SUCESSO MAIS CEDO

EM UM PRIMEIRO MOMENTO O DESIGN THINKING PODE PARECER CATICO, MAS A IMPREVISIBILIDADE INIBE O TDIO.ODESIGN THINKINGFOI UM TERMO QUE ELE CUNHOU PARA CONSEGUIR EXPRESSAR A DIFERENA ENTRESERDESIGNER EPENSARCOMODESIGNER.

MIGRAO DO DESIGN DO NVEL TTICO E OPERACIONAL PARA UMA ABORDAGEM MAIS ESTRATGICA.

APLICAR A MANEIRA COMO OS DESIGNERS PENSAM (JUNTANDO O RACIONAL E O EMOCIONAL) EM QUALQUER SITUAO, SEJA UMA QUESTO SOCIAL OU UM DESAFIO DE MERCADO.

SEM AS RESTRIES O DESIGN NO PODE SER CRIADO.A DISPOSIO E AT A ACEITAO EMPOLGADA DAS RESTRIES CONSTITUEM O FUNDAMENTO DO DESIGN THINKING

AS RESTRIES SO VISUALIZADAS SOB TRS PONTOS DE VISTA DIFERENTES, PARA GERAR NOVAS IDEIAS:O QUE FUNCIONALMENTE POSSVELO QUE PODE SE TORNAR UM MODELO DE NEGCIO SUSTENTVELO QUE FAZ SENTIDO PARA AS PESSOASUM DESIGNER COMPETENTE SOLUCIONAR TODAS ESSAS TRS RESTRIES, MAS UM DESIGN THINKER OS COLOCAR EM EQUILBRIO HARMONIOSO.

AS EQUIPES DE DESIGN REPENSARO NOS TRS FATORES DURANTE A VIDA DO PROJETO, MAS O QUE ORIENTA O DESIGN THINKING A NFASE NAS NECESSIDADES HUMANAS FUNDAMENTAIS.

FOCO NO PROJETO E NO MAIS NO PROBLEMA

PROJETO: VECULO QUE TRANSPORTA IDEIA DO CONCEITO REALIDADETEM INCIO MEIO E FIM RESTRIES

META CLARA DESDE O INCIO

PRAZOS FINAIS DISCIPLINA

CLAREZA, DIRECIONAMENTO, LIMITES: ALTO NVEL DE ENERGIA CRIATIVA

CONCURSO MQUINA DE PEDALAR INOVA OU MORRAGOOGLE + FABRICANTE DE BICICLETAS SPECIALIZEDDESAFIO: TECNOLOGIA DAS BICICLIETAS MUDANDO O MUNDOAQUADUCT (VENCEDORA)PROBLEMA: 1,1 BILHO DE PESSOAS EM PASES EM DESENVOLVIMENTO NO TEM ACESSO A GUA POTVEL LIMPASOLUO: TRICICLO PARA FITRAR GUA POTVEL ENQUANTO A TRANSPORTA.MOTIVO DO SUCESSO: RESTRIES INFLEXVEIS NA TECNOLOGIA E PRAZO FINAL INFLEXVEL.

BRIEFINGCONJUNTO DE RESTRIES MENTAISPROPORCIONAPONTO DE PARTIDA EQUIPE DE PROJETOBENCHMARKS PARA MENSURAR O PROGRESSOCONJUNTO DE OBJETIVOS A SEREM ATINGIDOSNO APENAS UM CONJUNTO DE INSTRUESNO MUITO ABSTRATO: EQUIPE FICA PERDIDANO MUITO RESTRITO: RESULTADOS MEDOCRESCOM NMERO EXATO DE RESTRIES: EQUIPE ENTUSISTICA GERANDO IDEIAS REVOLUCIONRIAS.

EQUIPES INTELIGENTESEQUIPE DE PROJETOPROJETOS ATUAIS MUITO COMPLEXOSVARIEDADE MAIS AMPLA DE PROBLEMAS EXIGE UMA EQUIPE INTERDISCIPLINARDESIGN THINKER DEVE LIBERAR SUA IMAGINAO E CRIATIVIDADE. DEIXAR SUAS ESPECIALIDADE TCNICAS DE LADO.EQUIPES DE EQUIPESO DESIGN THINKING BUSCA LIBERAR A CRIATIVIDADEAES E REAES IMPREVISVEIS PODEM SURGIR

EQUIPES CRIATIVAS PRECISAM SER CAPAZES DE COMPARTILHAR SEUS PENSAMENTOS NO APENAS VERBALMENTE, MAS TAMBM VISUAL E FISICAMENTE.

CULTURAS DE INOVAO

ESPAO PARA FAZER EXPERIMENTOS, ASSUMIR RISCOS E EXPLORAR APTIDESESPAO REAL AJUDA NO PROCESSODESIGN THINKING: MENTALIDADE INCORPORADAESPAOS DE PROJETOMATERIAIS DISPONVEIS O TEMPO TODOVISIBILIDADE, FIXAO, INSIGHTCULTURA DE HIERARQUIA E EFICINCIA RISCOS E EXPLORAOPESSOAS MAIS ENVOLVIDAS, MOTIVADAS E PRODUTIVASCONVERTENDO NECESSIDADE EM DEMANDA, OU COLOCANDO AS PESSOAS EM PRIMEIRO LUGAR2SEGUNDO PETER DRUCKER,O TRABALHO DO DESIGNER CONVERTER NECESSIDADE EM DEMANDA.PARECE SIMPLES: BASTA DESCOBRIR O QUE AS PESSOAS QUEREM E DAR ISSO A ELAS

MUITO TEM SIDO ESCRITO SOBRE DESIGN CENTRADO NO SER HUMANO E SUA IMPORTNCIA PARA A INOVAO.

POR QUE TO DIFCIL IDENTIFICAR UMA NECESSIDADE E ELABORAR UMA RESPOSTA?

HENRY FORD OBSERVOU: SE EU PERGUNTASSE A MEUS CLIENTES O QUE ELES QUERIAM, TERIAM RESPONDIDO UM CAVALO MAIS RPIDO.

O DESAFIO AJUDAR AS PESSOAS A ARTICULAR AS NECESSIDADE QUE PODEM NEM SABER QUE TM.

INSIGHT: APRENDENDO COM A VIDA ALHEIAO MELHOR PONTO DE PARTIDA OBSERVAR AS EXPERINCIAS DAS PESSOAS.

A FASE DE INSIGHT QUE AJUDA A LANAR UM PROJETO TO CRTICA QUANTO A FASE POSTERIOR DE ENGENHARIA.

O QUE FACILITA A BUSCA POR INSIGHT, EM OPOSIO BUSCA POR DADOS ESTATSTICOS E QUANTITATIVOS, QUE ELE EST EM TODA PARTE E DE GRAA.

Elas podem no saber dizer, mas o comportamento delas, pode nos dar valiosas dicas sobre suas necessidades no atendidas.30OBSERVAO: VENDO O QUE AS PESSOAS NO FAZEM, ESCUTANDO O QUE NO DIZEMNO SIMPLES DECIDIR QUEM OBSERVAR, QUAIS TCNICAS DE PESQUISA EMPREGAR, COMO CHEGAR A INFERNCIAS TEIS A PARTIR DAS INFORMAES COLETADAS. A OBSERVAO SE BASEIA NA QUALIDADE E NO NA QUANTIDADE.

REALIZAR INCURSES ONDE OS CLIENTES VIVEM, TRABALHAM E SE DIVERTEM.Ao se concentrar na massa se confirma o que j imaginamos e sabemos. preciso se voltar para os extremos, que vivem de forma diferenciada para obter insights.31EMPATIA: NA PELE DOS OUTROSEMPATIA, OU SEJA, DESENVOLVER CONEXO COM AS PESSOAS QUE ESTAMOS OBSERVANDO EM NVEL FUNDAMENTAL.

A MISSO DO DESIGN THINKING TRADUZIR OBSERVAES EM INSIGHTS, E ESTES EM PRODUTOS E SERVIOS PARA MELHORAR A VIDA DAS PESSOAS.

UM DESIGNER QUE FAZ GENERALIZAES COM BASE NOS PRPRIOS PADRES E EXPECTATIVAS LIMITAR AS OPORTUNIDADES.Empatia o hbito que nos leva a pensar nas pessoas como pessoas e no como ratos de laboratrio32PONTES DE INSIGHT SO CONSTRUDAS POR MEIO DA EMPATIA.

A TENTATIVA DE VER O MUNDO ATRAVS DOS OLHOS DOS OUTROS, DE COMPREENDER O MUNDO POR MEIO DAS EXPERINCIAS ALHEIAS E DE SENTIR O MUNDO POR SUAS EMOES.

ALM DO INDIVDUOENTENDER O CONSUMIDOR INDIVIDUAL: OBSERV-LO EM SEU HABITAT NATURAL E DESENVOLVER INSIGHTS DE SEU COMPORTAMENTO, DEMONSTRANDO EMPATIA E NO ATRAVS DO FRIO DISTANCIAMENTO ESTATSTICO.

Limitar-se a pedir que as pessoas relatem como passam o tempo no trabalho ou com quem se comunicam pode ser impreciso, pq a memria no perfeita, ferramentas de video e anlise de interao de computador so mais precisas.34NO PASSADO, AS EMPRESAS CRIAVAM NOVOS PRODUTOS E ATRAVS DO ESFORO DO MARKETING E PROPAGANDA TENTAVAM VENDER AOS CLIENTES.

DEPOIS, OBSERVANDO A VIDA DOS CLIENTES CHEGAVA-SE EM NOVAS IDEIAS.

HOJE, ESTAMOS COMEANDO A IR ALM AT MESMO DESSE MODELO, A IDEIA DE QUE TODO MUNDO UM DESIGNERUMA MATRIZ MENTAL3

PENSAMENTO CONVERGENTE E DIVERGENTE

ANLISE E SNTESEOBJETIVO: CRIAR OPES E FAZER ESCOLHASCOLETA DE DADOSACMULO DE INFORMAESANLISE DOS DADOSIDENTIFICAR PADRES SIGNIFICATIVOS SNTESEDESIGN THINKING - MOVIMENTO CONTNUO:PROCESSOS DIVERGENTES X CONVERGENTESANALTICO X SINTTICO

ATITUDE DE EXPERIMENTAO NECESSRIO CONCEDER A UMA EQUIPE CRIATIVA O TEMPO, O ESPAO E O ORAMENTO PARA COMETER ERROS.CHUCK HOUSE MONITOR (HP)GOOGLE, 3M INCENTIVAM EXPERIMENTOS PESSOAIS DOS FUNCIONRIOS (AT 20% DO TEMPO)CULTURA DA ORGANIZAONO PODE HAVER EXCESSOBRAINSTORMINGTO ESSENCIAL PARA A CRIATIVIDADE QUANTO EXERCITAR-SE ESSENCIAL PARA UM CORAO SAUDVEL

TEMPESTADE DE IDEIAS

TAMBM TEM REGRASTOME POR BASE A IDEIA DOS OUTROS

PENSAMENTO VISUALEXPRESSAR IDEIAS ATRAVS DE DESENHOSRESULTADOS DIFERENTES SE COMPARADOS QUANDO EXPRESSADAS COM PALAVRASDESENHO: MAIS RPIDOCADERNOS DE ANOTAO DE LEONARDO DA VINCI

COM OU SEM POST-ITSFERRAMENTA PARA CONVERGNCIA DE SOLUES

REVISO DE PROJETOS: PROCESSO PARA SELECIONAR MELHORES IDEIAS

TESTE DA BORBOLETACOLAM ADESIVOS COLORIDOS NAS MELHORES IDEIASCONVERGEM PARA AS MELHORES SOLUESDESIGN THINKINGFERRAMENTA MAIS PODEROSA: CERBROAS HABILIDADES QUE CONSTITUEM UM EXCELENTE DESIGN THINKER A CAPACIDADE DE IDENTIFICAR PADRES NA DESORDEM DE INFORMAES COMPLEXAS; DE SINTETIZAR NOVAS IDEIAS A PARTIR DE FRAGMENTOS; DE SENTIR EMPATIA EM RELAO A PESSOAS DIFERENTES DE NS MESMOS PODEM SER APRENDIDAS

CONSTRUINDO PARA PENSAR4GERA RESULTADOS COM MAIS RAPIDEZA MAIORIA DOS PROBLEMAS COMPLEXAA MELHOR FORMA TORNAR SUAS IDEIAS TANGVEISUM FORMA DIVERTIDA DE SE APRENDER:

OS PROTTIPOS INICIAIS DEVEM SER RPIDOS, RUDIMENTARES E BARATOS.CONSEQUNCIAS INDESEJVEIS DE UM PROTTIPO REFINADO: SE APROXIMAR DEMAIS DA CONCRETIZAO;

GamePad

GamePad

SABER A HORA DE PARAR

OBJETIVO INICIAL: DECIDIR SE UMA IDEIA TEM OU NO VALOR FUNCIONAL.UM PROTTIPO MAIS REFINADO APRESENTADO MAIS TARDE PARA OBTER FEEDBACK DOS POSSVEIS USURIOS DO PRODUTO FINAL.

PROTOTIPAGEM EM CAMPOSERVIOS BASEADOS EM COMPLEXAS INTERAES SOCIAIST-MOBILE REDES SOCIAIS PARA CELULARESUTILIZAO DE MUNDOS VIRTUAIS

CONSTRUINDO PARA PENSARPROTOTIPAGEM ELES NOS DESACELERAM PARA ACELERAR.DISIGN THINKERS CONTINUARO A PENSAR COM AS MOS SEMPRE INSPIRACIONALDEVE TER INCIO NO COMEO DO PROJETO MEDIDA QUE O PROJETO AVANA:N DE PROJETOS RESOLUO

DE VOLTA SUPERFCIEOU O DESIGN DAS EXPERINCIAS5

CASO UNITED AIRLINES: EXPERINCIA SOCIAL

ECONOMIA DE EXPERINCIA

UMA BOA IDEIA J NO MAIS SUFICIENTE, IMPLEMENTAO TUDO!A INOVAO TEM SIDO DEFINIDA COMO:UMA BOA IDEIA BEM EXECUTADA

DO CONSUMO PARTICIPAO

INDUSTRIALIZAO SEPAROU A ARTE DA UTILIDADE

O PRXIMO PASSO: USAR EMPATIA PARA CRIAR EXPERINCIA

ENGENHARIA DE EXPERINCIAS