desenhar a ¯¬¾ gura humana - fnac- desenhar a ¯¬¾ gura humana peter...

Download Desenhar a ¯¬¾ gura humana - fnac- Desenhar a ¯¬¾ gura humana Peter Boerboom e Tim Proetel Desenhar

If you can't read please download the document

Post on 15-Oct-2020

4 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • Peter Boerboom e Tim Proetel

    GG

    A representação do ser humano é praticamente tão antiga quanto a própria história da arte. Esboçar uma fi gura humana signifi ca capturar sua materialidade e também expressar visualmente sua motricidade, seus gestos e suas emoções como que em um pensamento fugaz. Neste livro, Peter Boerboom e Tim Proetel mostram que colocar tudo isso em uma folha de papel é uma habilidade que pode ser treinada e aperfeiçoada. Os autores apresentam uma série de métodos lúdicos e analíticos que são um convite tanto a iniciantes como a profi ssionais para descobrir e praticar a representação da fi gura humana em todas as suas vertentes.

    Peter Boerboom e Tim Proetel, formados em Arte pela Akademie der Bildenden Künste de Munique, na Alemanha, se dedicam à criação artística nas mais variadas vertentes, entre as quais estão as artes plásticas e a fotografi a, e ao seu ensino.

    GG

    D esen

    h ar a fi g

    ura h um

    an a

    Peter Boerboom e Tim

    Proetel

    Desenhar a fi gura humana

    www.ggili.com.br

    w w

    w .g

    gi li.

    co m

    .b r

  • Editorial Gustavo Gili, SL Via Laietana 47, 2º, 08003 Barcelona, Espanha. Tel. (+34) 93 322 81 61

    Editora G. Gili, Ltda Av. José Maria de Faria, 470, Sala 103, Lapa de Baixo, CEP: 05038-190, São Paulo-SP, Brasil. Tel. (+55) (11) 3611-2443

    w w

    w .g

    gi li.

    co m

    .b r

  • Peter Boerboom e Tim Proetel

    Desenhar a figura humana

    w w

    w .g

    gi li.

    co m

    .b r

  • Título original: Figur: Menschen zeichnen. Entdecken, skizzieren, experimentieren. Publicado originalmente na Suíça em 2016 pela Haupt Verlag Desenhos, projeto gráfico e diagramação: Tim Proetel e Peter Boerboom

    Tradução: Denis Fracalossi Preparação e revisão de texto: Solange Monaco

    Qualquer forma de reprodução, distribuição, comunicação pública ou transformação desta obra só pode ser realizada com a autorização expressa de seus titulares, salvo exceção prevista pela lei. Caso seja necessário reproduzir algum trecho desta obra, seja por meio de fotocópia, digitalização ou transcrição, entrar em contato com a Editora. A Editora não se pronuncia, expressa ou implicitamente, a respeito da acuidade das informações contidas neste livro e não assume qualquer responsabilidade legal em caso de erros ou omissões.

    © Haupt Bern, 2016 © da tradução: Denis Fracalossi para a edição em português: © Editorial Gustavo Gili, SL, Barcelona, 2018

    Impresso na China ISBN: 978-85-8452-115-9 Depósito legal: B. 25029-2017

    Dados Internacionais de Catalogação na Publicação (CIP) (Câmara Brasileira do Livro, SP, Brasil)

    Boerboom, Peter Desenhar a figura humana / Peter Boerboom e Tim Proetel ; [tradução Denis Fracalossi]. -- São Paulo : Gustavo Gili, 2018.

    Título original: Figur : Menschen zeichnen : entdecken, skizzieren, experimentieren. ISBN 978-85-8452-115-9

    1. Corpo humano 2. Desenho - Técnica 3. Figura humana na arte I. Proetel, Tim. II. Título.

    17-09935 CDD-743.4

    Índices para catálogo sistemático: 1. Representação do corpo humano : Desenho anatômico : Técnicas 743.4

    w w

    w .g

    gi li.

    co m

    .b r

  • Do primeiro traço ao desenho completo 6

    1. Miniaturas 8

    2. Contornos 20

    3. Seguir adiante 34

    4. Juntar as partes 44

    5. Construção 66

    6. Medidas 80

    7. Caixas geométricas 92

    8. Inclinações e alongamentos 112

    9. Curvas 124

    10. Enfaixe 138

    11. Expressões faciais 156

    12. Improviso 168

    Glossário 186w

    w w

    .g gi

    li. co

    m .b

    r

  • 6

    Do primeiro traço ao desenho completo

    w w

    w .g

    gi li.

    co m

    .b r

  • 7

    Do primeiro traço ao desenho completo

    Não é de hoje que a representação de figuras humanas é uma ques- tão da mais extrema importância no universo das artes. Dada sua capacidade de atravessar os séculos, as imagens que a humanidade produziu (e segue produzindo) de semideuses idealizados, belas rai- nhas, indivíduos comuns, governantes poderosos e corpos flagela- dos contam a história do nosso tempo e revelam nossas angústias e nossos sonhos.

    Atualmente, vivemos na era das imagens fotográficas. Criadas em poucos segundos e compartilhadas inúmeras vezes, as fotogra- fias são onipresentes – estamos rodeados por elas. A figura humana desenhada, no entanto, é diferente. Ela é única. Para criá-la, não basta apenas apertar um botão. Trata-se de um momento intenso de ver e ser visto, em que decisões precisam ser tomadas a cada instante: como posso interpretar aquilo que estou vendo? Como representar o que quero dizer?

    Desenhar figuras humanas é uma forma de capturá-las, de fixá- -las a um pedaço de papel, evitando que elas se percam como um pensamento efêmero. Essa habilidade pode ser treinada por meio de uma observação atenta e precisa. Mas existem muitos outros caminhos experimentais que também podem nos levar a desenhar pessoas que, para isso, tenhamos de seguir modelos predefinidos. De uma mancha pode surgir uma ideia; uma linha pode levar à criação de uma figura. Experimente! Descubra! E volte a tentar! A representação de figuras humanas não precisa obedecer a pro- porções anatômicas corretas. O importante é que seus desenhos sejam criados com imaginação, com liberdade de fantasia, e que seus traços e suas expressões tenham vida.

    Este livro pretende despertar seu prazer na hora de desenhar. Para isso, apresentamos inúmeros métodos – uns mais simples, ou- tros mais complexos – de representar figuras humanas de maneira bem-sucedida. Por meio desses diferentes caminhos, você será ca- paz de desenvolver uma boa compreensão da forma humana e de construir um repertório próprio de abordagens. Trata-se de um convite para você começar a experimentar e a ousar na hora de desenhar figuras humanas, corpos, pessoas.

    w w

    w .g

    gi li.

    co m

    .b r

  • 8

    1. Miniaturas

    O medo de desenhar as pessoas de uma forma errada pode ser muito prejudicial. Porém, existem

    métodos simples que lhe permitirão obter desenhos divertidos, expressivos e bastante surpreendentes sem a necessidade de profundos conhecimentos

    sobre a representação de figuras humanas. O desenho rápido e despretensioso de miniaturas

    é um desses métodos. Aqui, os detalhes não precisam ter um acabamento perfeito. O importante

    é registrar ideias e encher o papel. Aos poucos, seu senso de proporção e postura vai se

    desenvolvendo. Além disso, eventualmente, você perceberá que suas miniaturas se agruparão

    de forma livre sobre o papel, criando uma pequena cena ou o início de uma história.

    w w

    w .g

    gi li.

    co m

    .b r

  • 9

    1. Miniaturas

    w w

    w .g

    gi li.

    co m

    .b r

  • 10

    Coloque suas ideias no papel usando diferentes abordagens.

    w w

    w .g

    gi li.

    co m

    .b r

  • 11

    Não selecione suas ideias. Quando estamos nos divertindo, continuamos a desenhar.

    w w

    w .g

    gi li.

    co m

    .b r

  • 12

    Não pense muito, desenhe uma miniatura seguida da outra, encontre um ritmo. As cenas vão surgindo por si sós.

    Posturas teatrais: pense em nomes, crie diálogos. Isso servirá de inspiração para novas ideias.

    w w

    w .g

    gi li.

    co m

    .b r

  • 13

    Posturas teatrais: pense em nomes, crie diálogos. Isso servirá de inspiração para novas ideias.

    w w

    w .g

    gi li.

    co m

    .b r

  • 14

    Desenho de sombras: estrutura corporal, postura, corte de cabelo, idade.Dê movimento à cabeça, ao tronco, aos braços e às pernas.

    w w

    w .g

    gi li.

    co m

    .b r

  • 15

    Desenho de sombras: estrutura corporal, postura, corte de cabelo, idade.

    w w

    w .g

    gi li.

    co m

    .b r

  • 16

    O posicionamento dos pés cria uma orientação espacial.

    w w

    w .g

    gi li.

    co m

    .b r

  • 17

    Alongue o corpo para a frente das mãos, dos pés e da cabeça.

    w w

    w .g

    gi li.

    co m

    .b r

  • 18

    Experimente o desenho de posições usando um pincel.

    w w

    w .g

    gi li.

    co m

    .b r

  • 19

    Experimente o desenho de posições usando um pincel. Desenhe pessoas com mãos e pés.

    w w

    w .g

    gi li.

    co m

    .b r