defensoria pblica do estado de so paulo ... - oab pblica do estado de so paulo gabinete da defensora...

Download DEFENSORIA PBLICA DO ESTADO DE SO PAULO ... - OAB PBLICA DO ESTADO DE SO PAULO Gabinete da Defensora Pblica-Geral 3 A desistncia de atuao em determinada rea implicar somente na interrupo

Post on 19-Feb-2018

212 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • DEFENSORIA PBLICA DO ESTADO DE SO PAULO

    Gabinete da Defensora Pblica-Geral

    1

    Termo de Convnio que entre si celebram a DEFENSORIA PBLICA DO ESTADO DE SO PAULO e a ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL SEO DE SO PAULO, para a prestao de assistncia judiciria e jurdica gratuita, nos limites do Convnio, populao carente do Estado de So Paulo.

    A DEFENSORIA PBLICA DO ESTADO DE SO PAULO, com sede na Avenida Liberdade, n 32, na Capital do Estado de So Paulo, inscrita no CNPJ sob o n 08.036.157/0001-89, devidamente representada pela Defensora Pblica Geral do Estado de So Paulo, Dra. Cristina Guelfi Gonalves, inscrita no CPF/MF sob o n 168.817.188-61, doravante denominada DEFENSORIA, e a ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL, Seco de So Paulo, com Sede na Praa da S n 385, na Capital do Estado de So Paulo, inscrita no CNPJ sob o n 43.419.613/0001-70, devidamente representada por seu Presidente, Dr. Luiz Flvio Borges DUrso, inscrito no CPF/MF sob o n 023.321.498-48, doravante designada OAB/SP, nos termos da Lei n 8.666/93, e suas alteraes posteriores, e, no que couber pela Lei Estadual n 6.544/89, celebram o presente CONVNIO mediante as clusulas e condies seguintes: CLUSULA PRIMEIRA DO OBJETO Constitui objeto deste convnio a prestao de assistncia judiciria e jurdica, nos limites deste Convnio, populao carente, no Estado de So Paulo, de forma suplementar s atribuies institucionais da DEFENSORIA, conforme plano de trabalho, que passa a fazer parte integrante deste instrumento. CLUSULA SEGUNDA DA INSCRIO A OAB/SP receber, nos prazos estabelecidos nos editais, as inscries dos Advogados interessados na prestao da assistncia. A inscrio dever conter, necessariamente, o nome do Advogado, o nmero de inscrio definitiva na OAB/SP, reas de atuao, o endereo do seu domiclio profissional, endereo residencial, telefone, nmeros do RG, CPF, de inscrio no INSS ou PIS/PASEP, nmero da agncia e conta corrente junto ao Banco Nossa Caixa S/A, bem como declarao de aceite expresso das condies estabelecidas neste Convnio (anexo I). PARGRAFO PRIMEIRO: A inscrio ser admitida somente para a prestao de assistncia em local relacionado Subseco qual esteja o Advogado vinculado, devendo optar por atuar na Comarca ou em uma das Varas Distritais por ela abrangidas e, desde que no local de atuao mantenha o seu domiclio profissional ( 1, art.10, Lei 8.906/94) e escritrio com instalaes adequadas onde sero atendidos os assistidos e, esteja em dia com os cofres da Tesouraria da OAB/SP.

  • DEFENSORIA PBLICA DO ESTADO DE SO PAULO

    Gabinete da Defensora Pblica-Geral

    2

    PARGRAFO SEGUNDO: As inscries sero abertas, anualmente, com incio e termo em dias teis, por perodo no inferior a quinze (15) dias, precedidas de editais, contendo exclusivamente as condies constantes deste termo, publicados uma nica vez na Imprensa Oficial do Estado de So Paulo, com antecedncia mnima de dez (10) dias da data de incio, devendo a lista ser organizada em ordem alfabtica e remetida DEFENSORIA para homologao e posteriores indicaes dos advogados conveniados. PARGRAFO TERCEIRO: No se exigir do Advogado j inscrito a renovao de sua inscrio, devendo, contudo, manter atualizados os seus endereos e dados cadastrais, bem como confirmar seus dados cadastrais em perodo a ser definido pelo edital. As indicaes dos advogados inscritos, em cada rea de atuao, devero obedecer ordem alfabtica crescente, partindo da letra A para a letra Z. PARGRAFO QUARTO: Encerrado o perodo de inscries, a OAB/SP encaminhar DEFENSORIA, no prazo improrrogvel de vinte dias, por meio eletrnico, compatvel com o sistema informatizado da Defensoria, todos os dados constantes das fichas de inscries, em ordem alfabtica, para elaborao da lista geral e sua homologao pelo Defensor Pblico Geral do Estado. PARGRAFO QUINTO: Aps a homologao a lista geral dos inscritos, ser publicada pela DEFENSORIA no Dirio Oficial do Estado de So Paulo e posteriores incluses somente sero admitidas diante de comprovados erros materiais atribuveis OAB/SP ou DEFENSORIA. PARGRAFO SEXTO: As alteraes dos dados cadastrais do conveniado podero ser feitas por meio eletrnico ou mediante requerimento assinado pelo advogado (anexo II), dirigido OAB/SP, que transmitir as alteraes Defensoria, por meio a ser definido pelos convenentes. PARGRAFO STIMO: O advogado que deixar de atualizar seus dados cadastrais em relao s alteraes posteriores a inscrio sujeita-se s sanes previstas no presente Convnio, incluindo a possibilidade de suspenso cautelar at regularizao do cadastro. PARGRAFO OITAVO:

  • DEFENSORIA PBLICA DO ESTADO DE SO PAULO

    Gabinete da Defensora Pblica-Geral

    3

    A desistncia de atuao em determinada rea implicar somente na interrupo de nomeaes a partir do recebimento da comunicao pela DEFENSORIA, mantendo-se o Advogado obrigado a patrocinar as aes para as quais j esteja nomeado, at o seu final. PARGRAFO NONO: Compete OAB/SP certificar a inscrio do Advogado, bem como a regularidade de sua atuao profissional. PARGRAFO DCIMO: Para atuao nos processos da competncia do Tribunal do Jri, a inscrio do advogado fica condicionada a comprovao de j haver atuado em cinco (5) sesses ou duas (2) sesses e concludo Curso especfico ministrado pela Escola Superior da Advocacia com a participao da Defensoria Pblica. PARGRAFO DCIMO PRIMEIRO: condio, tambm, para novas inscries na rea da Infncia e da Juventude, a comprovao de concluso de curso ministrado pela Escola Superior da Advocacia com a participao da Defensoria Pblica. CLUSULA TERCEIRA DA PRESTAO DA ASSISTNCIA JUDICIRIA A prestao de Assistncia Judiciria ao beneficirio, nos termos deste Convnio totalmente gratuita, vedada qualquer cobrana a ttulo de honorrios advocatcios, taxa, emolumentos ou despesas, devendo o advogado atentar para os princpios da isonomia e celeridade processual, sendo vedada a recusa das indicaes. Ao proceder a sua inscrio, o advogado anui ao regime especial de prestao de servios estabelecido no presente instrumento, bem como ao respectivo procedimento fiscalizatrio. O Advogado inscrito atuar, de forma suplementar s atribuies institucionais da DEFENSORIA, nos limites deste Convnio, nas hipteses em que a DEFENSORIA no contar com Defensor Pblico disponvel para o exerccio da funo, ou seu nmero for insuficiente, nas reas cvel, criminal, infncia e juventude, administrativa disciplinar perante Comisses processantes e, nos Juizados Especiais Cveis e Criminais, nestes dois ltimos, no sistema de plantes. PARGRAFO PRIMEIRO: Fica a cargo da DEFENSORIA e da OAB/SP, nos termos deste convnio, a triagem dos casos e o exame do real estado de pobreza do assistido. PARGRAFO SEGUNDO:

  • DEFENSORIA PBLICA DO ESTADO DE SO PAULO

    Gabinete da Defensora Pblica-Geral

    4

    obrigatria a participao dos advogados conveniados nos servios de triagem. Os advogados sero convocados pela Subseco da OAB/SP onde estiverem inscritos, que dever afixar na Sede da Subseco e nas Salas reservadas a OAB, nos Fruns, at o dia 20 de cada ms, a relao dos advogados escalados para os plantes do ms seguinte, sendo a estes vedado declinar do compromisso. A primeira ausncia injustificada do advogado implicar na sano de advertncia; a segunda, a suspenso por 06 meses. A terceira ausncia injustificada no mesmo ano implicar no descredenciamento do advogado do Convnio. PARGRAFO TERCEIRO: Compete s Subseces, alm das convocaes dos advogados, o estabelecimento de local e horrios, buscando-se o atendimento de todas as pessoas que ali compaream. PARGRAFO QUARTO: Ao inscrever-se para atuao nos termos deste Convnio, o advogado adere ao regime especial de prestao de servios nele institudo, devendo observar as seguintes regras, sem prejuzo das demais estabelecidas no presente instrumento:

    I) Manter endereo de e-mail fornecido pela OAB/SP, para recebimento de correspondncias, extratos de pagamento e demais comunicaes;

    II) Estar em dia com os cofres da Tesouraria da OAB/SP. III) Manter seus dados cadastrais rigorosamente atualizados junto OAB/SP; IV) Manter instalaes adequadas para atendimento dos assistidos,

    providenciando que no seu domiclio profissional haja expediente normal; V) Atender pessoalmente aos assistidos e familiares do ru preso com presteza e

    urbanidade. VI) Conversar pessoalmente com ru preso ou adolescente internado, antes da

    realizao do interrogatrio, no local a esse fim destinado nos prdios dos Fruns, exigindo do Juzo a observncia do disposto no Art. 185, Pargrafo 2, do Cdigo de Processo Penal;

    VII) Documentar sempre que possvel os atendimentos efetuados, bem como as orientaes dadas ao assistido, colhendo-se a respectiva assinatura;

    VIII) Documentar a necessidade de apresentao de documentos essenciais pelo assistido, colhendo-se a respectiva assinatura;

    IX) Fornecer comprovante de recebimento de documentos ao assistido, devolvendo-os a este quando desnecessria a sua utilizao para a medida judicial;

    X) Peticionar pelo desarquivamento, extrao de cpias de documentos ou emisso de certides, ainda que referentes a outro processo judicial, instruindo o pedido com cpia da indicao e solicitando a concesso dos benefcios da Lei 1.060/50, caso haja necessidade de obteno de documentos essenciais instruo da medida judicial;

  • DEFENSORIA PBLICA DO ESTADO DE SO PAULO

    Gabinete da Defensora Pblica-Geral

    5

    XI) Fornecer ao assistido, sempre que solicitado, por escrito ou verbalmente, informao atualizada, clara e compreensvel, sobre o(s) processo(s) confiado(s) ao seu patrocnio;

    XII) Zelar pela economicidade, buscando a soluo consensual das lides, bem como a reunio de diversos pedidos e partes beneficirias do presente, na mesma ao ou defesa;

    XIII) Acompanhar as intimaes no tocante aos processos confiados a seu patrocnio em razo do presente convnio;

    XIV)

Recommended

View more >