dados de copyrightle- .2017-09-24  7 maneiras de ler 23 coisas que n£o nos contaram sobre...

Download DADOS DE COPYRIGHTle- .2017-09-24  7 maneiras de ler 23 Coisas Que N£o Nos Contaram Sobre o Capitalismo

Post on 08-Nov-2018

212 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • DADOS DE COPYRIGHT

    Sobre a obra:

    A presente obra disponibilizada pela equipe Le Livros e seus diversos parceiros,com o objetivo de oferecer contedo para uso parcial em pesquisas e estudosacadmicos, bem como o simples teste da qualidade da obra, com o fimexclusivo de compra futura.

    expressamente proibida e totalmente repudivel a venda, aluguel, ou quaisqueruso comercial do presente contedo

    Sobre ns:

    O Le Livros e seus parceiros disponibilizam contedo de dominio publico epropriedade intelectual de forma totalmente gratuita, por acreditar que oconhecimento e a educao devem ser acessveis e livres a toda e qualquerpessoa. Voc pode encontrar mais obras em nosso site: LeLivros.site ou emqualquer um dos sites parceiros apresentados neste link.

    "Quando o mundo estiver unido na busca do conhecimento, e no mais lutandopor dinheiro e poder, ento nossa sociedade poder enfim evoluir a um novo

    nvel."

    http://lelivros.org/?utm_source=Copyright&utm_medium=cover&utm_campaign=linkhttp://lelivros.site/?utm_source=Copyright&utm_medium=cover&utm_campaign=linkhttp://lelivros.sitehttp://lelivros.org/parceiros/?utm_source=Copyright&utm_medium=cover&utm_campaign=link

  • 23 COISAS QUE NONOS CONTARAM SOBRE

    O CAPITALISMO

  • Folha de rosto

    Ha-Joon Chang

    23 COISAS QUE NONOS CONTARAM SOBRE

    O CAPITALISMO

    TraduoCLAUDIA GERPE DUARTE

  • 13-00914

    Ficha catalogrfica

    Ttulo original: 23 Things They Dont Tell You About CapitalismCopyright 2010 Ha-Joon Chang.Copyright da edio brasileira 2013 Editora Pensamento-Cultrix Ltda.Texto de acordo com as novas regras ortogrficas da lngua portuguesa.1a edio 2013.Todos os direitos reservados. Nenhuma parte desta obra pode ser reproduzida ou usadade qualquer forma ou por qualquer meio, eletrnico ou mecnico, inclusive fotocpias,gravaes ou sistema de armazenamento em banco de dados, sem permisso por escrito,exceto nos casos de trechos curtos citados em resenhas crticas ou artigos de revistas.A Editora Cultrix no se responsabiliza por eventuais mudanas ocorridas nosendereos convencionais ou eletrnicos citados neste livro.Editor: Adilson Silva RamachandraEditora de texto: Denise de C. Rocha DelelaCoordenao editorial: Roseli de S. FerrazPreparao de originais: Roseli de S. FerrazProduo editorial: Indiara Faria KayoAssistente de produo editorial: Estela A. MinasReviso: Claudete Agua de Melo e Yociko OikawaEditorao Eletrnica: Fama EditoraProduo de ebook: S2 Books

    Dados Internacionais de Catalogao na Publicao (CIP)(Cmara Brasileira do Livro, SP, Brasil)

    Chang, Ha-Joo23 coisas que no nos contaram sobre o capitalismo / Ha-Joo

    Chang; traduo Claudia Gerpe Duarte. So Paulo : Cultrix,2013.

    Ttulo original: 23 things they dont tell you about capitalism.ISBN 978-85-316-1220-61. Capitalismo 2. Desenvolvimento econmico 3. Livre

    mercado 4. Poltica econmica I. Ttulo.

    CDD-330.122

    ndices para catlogo sistemtico:1. Poltica econmica de livre mercado : Economia 330.122

    1 edio digital - 2013

  • ISBN Digital: 978-85-316-1236-7

    Direitos de traduo para o Brasiladquiridos com exclusividade pelaEDITORA PENSAMENTO-CULTRIX LTDA que se reserva apropriedade literria desta traduo.Rua Dr. Mrio Vicente, 368 04270-000 So Paulo, SPFone: (11) 2066-9000 Fax: (11) 2066-9008E-mail: atendimento@editoracultrix.com.brhttp://www.editoracultrix.com.brFoi feito o depsito legal.

    http://www.editoracultrix.com.br

  • Dedicatria

    Dedico este livro a Hee-Jeong , Yuna e Jin-Gyu

  • 7 maneiras de ler 23 Coisas Que No Nos Contaram Sobre o Capitalismo7 maneiras de ler 23 Coisas Que No Nos Contaram Sobre o Capitalismo

    Primeira Maneira. Se voc nem ao menos tem certeza do que o capitalismo,leia:Coisas 1, 2, 5, 8, 13, 16, 19, 20 e 22 Segunda Maneira. Se voc acha que a poltica perda de tempo, leia:Coisas 1, 5, 7, 12, 16, 18, 19, 21 e 23 Terceira Maneira. Se voc anda pensando por que a sua vida no parecemelhorar apesar de uma renda em constante crescimento e de tecnologias cadavez mais modernas, leia:Coisas 2, 4, 6, 9, 10, 17, 18 e 22 Quarta Maneira. Se voc acha que algumas pessoas so mais ricas do que outrasporque so mais capazes, mais instrudas e mais empreendedoras, leia:Coisas 3, 10, 13, 14, 15, 16, 17, 20 e 21 Quinta Maneira. Se voc deseja saber por que os pases pobres so pobres ecomo eles podem ficar mais ricos, leia:Coisas 3, 6, 7, 8, 9, 10, 11, 12, 15, 17 e 23Sexta Maneira. Se voc acha que o mundo um lugar injusto, mas que no hmuito que voc possa fazer a respeito, leia:Coisas 1, 2, 3, 4, 5, 11, 13, 14, 15, 20 e 21 Stima Maneira. Leia a coisa inteira na seguinte ordem...

  • SumrioSumrio

    CapaFolha de rostoFicha catalogrficaDedicatria7 maneiras de ler 23 Coisas Que No Nos Contaram Sobre o CapitalismoAgradecimentosIntroduo1 - No existe algo como um livre mercado2 - A gesto das empresas no deve estar voltada para o interesse dos seus donos3 - O salrio da maioria das pessoas nos pases ricos maior do que deveria ser4 - A mquina de lavar roupa mudou mais o mundo do que a internet o fez5 - Pressuponha o pior com relao s pessoas e voc receber o pior6 - A maior estabilidade macroeconmica no tornou a economia mundial mais estvel7 - As polticas de livre mercado raramente fazem os pases pobres ficarem ricos8 - O capital tem uma nacionalidade9 - No vivemos em uma era ps-industrial10 - Os Estados Unidos no tm o padro de vida mais elevado do mundo11 - A frica no est destinada ao subdesenvolvimento12 - Os governos so capazes de fazer boas escolhas13 - Tornar as pessoas ricas mais ricas no faz com que todo mundo fique rico14 - Os executivos americanos so caros demais15 - As pessoas nos pases pobres so mais empreendedoras do que as pessoas nospases ricos16 - No somos inteligentes o bastante para deixar que o mercado cuide das coisas17 - Mais instruo por si s no tornar um pas mais rico18 - O que bom para a General Motors no necessariamente bom para os EstadosUnidos19 - Apesar da queda do comunismo, ainda estamos vivendo em economias planejadas20 - A igualdade de oportunidades pode no ser justa21 - O governo poderoso torna as pessoas mais abertas mudana22 - Os mercados financeiros precisam se tornar menos, e no mais, eficientes23 - Uma boa poltica econmica no requer bons economistasConcluso - Como reconstruir a economia mundial

    kindle:embed:0009?mime=image/jpg

  • AgradecimentosAgradecimentos

    Muitas pessoas me ajudaram enquanto eu escrevia este livro. Depois de desempenharum papel fundamental na viabilizao do meu livro anterior, Bad Samaritans [MausSamaritanos], que enfocou o mundo em desenvolvimento, Ivan Mulcahy, o meu agenteliterrio, incentivou-me constantemente a escrever outro livro com uma perspectiva maisampla. Peter Ginna, o meu editor na Bloomsbury USA, no apenas ofereceu um valiosofeedback editorial como tambm desempenhou um papel crucial na definio do tom daobra quando sugeriu o ttulo, 23 Coisas Que No Nos Contaram Sobre o Capitalismo,enquanto eu estava conceituando o livro. William Goodlad, o meu editor na Allen Lane,assumiu o comando da atividade editorial e realizou um esplndido trabalho, fazendocom que tudo sasse perfeito.

    Muitas pessoas leram captulos do livro e apresentaram comentrios bastanteproveitosos. Duncan Green leu todos os captulos e me ofereceu conselhosextremamente teis, tanto com relao ao contedo quanto sob o aspecto editorial.Geoff Harcourt e Deepak Nayyar leram muitos captulos e ofereceram conselhosperspicazes. Dirk Bezemer, Chris Cramer, Shailaja Fennell, Patrick Imam, DeborahJohnston, Amy Klatzkin, Barry Lynn, Kenia Parsons e Bob Rowthorn leram vrioscaptulos e fizeram valiosos comentrios.

    Sem a ajuda dos meus competentes assistentes de pesquisas, eu jamais teria obtidotodas as informaes detalhadas nas quais o livro se baseia. Agradeo, em ordemalfabtica, a Bhargav Adhvaryu, Hassan Akram, Antonio Andreoni, Yurendra Basnett,Muhammad Irfan, Veerayooth Kanchoochat e Francesca Reinhardt pela sua ajuda.

    Desejo tambm agradecer a Seung-il Jeong e Buhm Lee por me fornecerinformaces que no se encontram facilmente acessveis.

    Finalmente e igualmente importante, agradeo minha famlia, sem cujo apoio eamor o livro no teria sido concludo. Hee-Jeong, a minha mulher, no apenas meproporcionou um forte apoio emocional enquanto eu escrevia o livro mas tambm leutodos os captulos e me ajudou a formular os meus argumentos de uma maneira maiscoerente e coloquial. Fiquei imensamente satisfeito ao ver que, quando apresenteialgumas das minhas ideias para minha filha Yuna, ela reagiu com uma surpreendentematuridade intelectual para uma adolescente de 14 anos de idade. Jin-Gyu, meu filho, meofereceu algumas ideias muito interessantes e tambm um forte apoio moral para olivro. Eu o dedico a essas trs pessoas queridas.

  • IntroduoIntroduo

    A economia mundial est destroada. Embora o estmulo fiscal e monetrio de umaescala sem precedente tenha evitado que o desastre financeiro de 2008 se transformasseem um colapso total da economia mundial, o colapso global de 2008 continua a ser asegunda maior crise econmica da histria, depois da Grande Depresso. Na ocasio emque escrevo estas linhas (maro de 2010), enquanto algumas pessoas declaram o final darecesso, uma recuperao constante no est de modo algum garantida. Na ausncia dereformas financeiras, as estratgias monetrias e fiscais pouco rgidas conduziram anovas bolhas financeiras, enquanto a economia real est exaurida de dinheiro. Se essasbolhas estourarem, a economia global poder cair em outra recesso (double-dip), [duplomergulho, numa traduo livre]. At mesmo se a recuperao se sustentar, o resultadoda crise ser sentido durante anos. Poder levar anos para que o setor corporativo e osegmento domstico reconstruam os seus balanos patrimoniais. Os enormes dficitsoramentrios criados pela crise o