curso rÁdio modem rm2060

Download CURSO RÁDIO MODEM RM2060

Post on 27-Jun-2015

1.345 views

Category:

Education

20 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

O curso ensina o usurio a programar, instalar e ajustar os rdios modem RM2060 em sistemas de telemetria compostos por softwares supervisrio e CLPs, tipicamente encontrados nos sistemas de automao e telemetria de reservatrios e elevatrias de gua e esgoto.

TRANSCRIPT

  • 1. Eduardo Grachten - Eng. Eletricista
    • Rdio de dadosSpread Spectrum900 MHz
    • Interfaces RS232 e RS485
    • At 32 km com visada
    • 1W
    ObservePenseSolucione Rdio modem RM2060 Curso de utilizao

2. A principal utilizao dos rdios modem dessa categoria est na comunicao de dados entre dispositivos que utilizam interface serial RS232 ou RS485 com velocidades entre 1.200 e 115.200 bps em distncias de dezenas de metros at 32 km com visada direta. Ex: telemetria de reservatrios e elevatrias de gua e esgoto no saneamento.Aplicao serial serial serial Elevatria de gua Reservatrio CLP CLP Centro de controle 3. Caractersticas tcnicas principais Altura 80 x Largura 25 x Profundidade 98 mm Dimenses 1000mW Potncia de sada At 32 kmcom visada Alcance 1200 a 115.2 Kbps Baud rate serial 76.8 kbps Baud rate de RF -110 dBm tpico Sensibilidade do receptor Baseado em Windows - fcil utilizao Software de configurao 902-928 MHz Faixa de operao Frequency Hopping Spread Spectrum(Espalhamento Espectral por Saltos de Frequncia) Tecnologia Ponto a ponto e ponto-multiponto Topologia de rede 50 saltos de frequncia em cada canal selecionado Nmero de saltos de frequncia 32Nmero de canais Identificador ID de um byte. Chave de encriptao de 56 bits Segurana SMA fmea Conexo de RF RJ12 macho Conexo serial RS232 Borne destacvel modelo STL(Z) Juntamente com a alimentao Conexo serial RS485 10 a 30 VCC Tenso de alimentao 800 mA durante transmisso e 40 mA fora de transmisso (em 12 V) 400 mA durante transmisso e 25 mA fora de transmisso (em 24 V) Consumo de energia -40 a +80C Temperatura de operao 10% a 90% (no condensante) Umidade 4. Sinalizao frontal Quatro LEDs localizados no painel frontal do rdio indicam o funcionamento do equipamento. Pulsando - indica que a unidade est recebendo dados pelo RF. RXDescrio LEDLigado - indica que a unidade est alimentada.PWRLigado - indica que a unidade est em alcance e comunicando com outra unidade.Quando o rdio programado como SERVIDOR (mestre), o LED de LINK permanece sempre aceso. Quando o rdio programado como CLIENTE (escravo), o LED de LINK ir acenderse houver um rdio SERVIDOR ao alcance e programado no mesmo canal.LINK Pulsando - indica que a unidade est transmitindo dados pelo RF. TX 5. Conexo serial RS232 O conector RJ12 contm a porta serial RS232. A pinagem mostrada abaixo.O transceptor Alfacomp RM2060 chamado DCE ( Data Communication Equipment ). Um DCE pode ser conectado a um DTE ( Data Terminal Equipment ), por exemplo um PC, atravs de um cabo pino a pino.A figura ao lado apresenta a configurao do cabo para interligar o rdio porta serial de um PC. Sada RXD - Dados recebidos pelo rdio 2Entrada TXD - Dados a serem transmitidos pelo rdio 3Entrada RTS - Request to send 4GND 5Sada CTS - Clear to send 6Sentido Descrio Pino 2 RXD 3 TXD 4 RTS 5 GND 6 - CTS 2 RXD 3 TXD 4 RTS 5 GND 6 - CTS Rdio RJ12 PC DB9-F 6.

  • OEIA( Electronic Industries Allience ) registrou sob o cdigoRS-232-Co padro de conexo binria serial que estabelece comunicao entre umDTE( Data Terminal Equipment ) e umDCE( Data Circuit-terminating Equipment ). No PC, aporta serialsegue o padro RS-232. Originalmente concebido para conectar um terminal de computador a um modem, o padro sofreu diversos desvios e modificaes, sendo utilizado em um nmero bem mais amplo de aplicaes. O padro exige que os sinais eltricos sejam transmitidos em +12V (nvel 0) e -12V (nvel 1), mas os receptores devem distinguir at +3V e -3V. Alguns equipamentos utilizam +5V e -5V ou +9V e -9V. Na primeira definio do RS-232, foi utilizado o conector DB25. Outros conectores so utilizados hoje em dia e a tabela abaixo apresenta a pinagem do conector DB9.
  • Pino 1 CD -Carrier Detect
  • Pino 2 RXD Received Data
  • Pino 3 TXD Transmitted Data
  • Pino 4 DTR Data Terminal Ready
  • Pino 5 GND Ground
  • Pino 6 DSR Data Set Ready
  • Pino 7 RTS Request to Send
  • Pino 8 CTS Clear to Send
  • Pino 9 RI Ring Indicator

O padro serial RS232 7. Controle de fluxo -Handshaking Controle XON XOFFDenota a utilizao do RS232 em que no necessrio controle de fluxo. Apenas 3 fios so necessrios: RXD, TXD e GND. Handshakingpor RTS/CTSEquipamento que ir transmitir ativa a linha de RTS ( Request do Send ) e aguarda o sinal de CTS do outro equipamento ser ativado. Quando o equipamento receptor estiver livre para receber os dados, ele ir ativar a linha CTS ( Clear do Send ), permitindo a transmisso. 8. Conexo serial RS485 A porta serial RS485 est presente no mesmo conector utilizado para alimentar o rdio. O conector do tipo STL(Z) daPhoenix Mecano . A pinagem do conector apresentada na tabela que segue. Alimentao: 10 a 30 VCC+V Alimentao: 0V 0V RS485 (GND) Conecta a malha do cabo RS485 GND RS485 (+TX/+RX) A (+) A RS485 (-TX/-RX) B (-) B Sentido Descrio Pino 9. Terminao resistiva do RS485 A porta serial RS485 est presente no mesmo conector utilizado para alimentar o rdio, conforme pode ser visto no esquemtico abaixo. O conector do tipo STL(Z) daPhoenix Mecano. Observe-se que os sinais A e B da conexo serial RS485 so protegidas contra sobre-tenses por Transorbs. O Jumper JP1 conecta a terminao resistiva de 120 ohms. Essa terminao deve ser utilizada nas pontas da rede RS485. O rdio possui um orifcio na tampa de fechamento que d acesso ao Jumper. O Jumper pode ser colocado e retirado utilizando-se um alicate de bico fino. A foto a seguir apresenta o orifcio de acesso e a disposio interna do Jumper. 10. O padro serial RS485 O padro RS485 uma evoluo do RS422. Enquanto o RS422 utiliza dois pares de fios, um para transmitir e outro para receber, o RS485 utiliza apenas um par. At 32 equipamentos podem ser conectados a uma rede RS485 e a comunicao tem de serhalf-duplex , ou seja, transmisses e recepes simultneas no so possveis. O barramento mantido emtri-statee assumido por um equipamento de cada vez. Como no RS422, at 1.200 metros de distncia so possveis com o RS485. Terminaes resistivas so necessrias nas pontas da rede. 11. Interligao das interfaces seriais As interfaces RS232 e RS485 esto interligadas internamente no rdio. Isso significa que um frame serial recebido pelo rdio ser simultaneamente reproduzido na RS232 assim como na RS485. Da mesma forma, os frames recebidos na RS232 assim como na RS485 sero transmitidos pelo rdio. No existe seleo de interfaces; ambas esto ativas. Isto pode ser til na composio de repetidoras, por exemplo, em que interligamos rdios pela RS485 e comunicamos com um CLP local pela RS232, ou interligamos rdios pelas RS232, cruzando TX e RX, e ligamos um CLP RS485. A figura abaixo apresenta uma das maneiras de interligar rdios e CLP em uma estao repetidora. Aponta para a prxima estao Aponta para a central RS232 RS485 Servidor Cliente 12. Fixao em trilho DIN O rdio pode ser fixado em trilho DIN por meio do grampo plstico localizado na face traseira. Utilize uma chave de fenda para liberar o equipamento do trilho. 13. A topologia de uma rede se refere forma como as unidades que a compem se interconectam umas s outras, e forma atravs da qual as mesmas se comunicam. O transceptor Alfacomp RM2060 pode integrar redes Ponto a Ponto ou Ponto-Multiponto. A rede ponto a ponto consiste de um simples par de transceptores. A rede ponto a ponto substitui um cabo de comunicao. Esse tipo de configurao pode, por exemplo, estabelecer comunicao entre dois CLPs. Topologias de rede Rede ponto a ponto 14. Topologias de rede Rede ponto-multiponto Sistemas Ponto-Multiponto possuem uma estao central (Servidor), que controla a comunicao, e diversas outras unidades chamadas remotas (Clientes). Programando os transceptores com diferentes configuraes decanaleidentificador de sistema (ID),podemos criar redes diferentes dentro de uma mesma rea. Servidor Cliente 2 Cliente 1 15. Software configurador do transceptor RM2060 O configurador do Alfacomp 2060 foi desenvolvido para ambiente Windows e no exige cabos especiais para seu funcionamento. O software compatvel com Windows 95, 98, 2000, Me, NT e XP, Vista e W7. O programa est disponvel para download no sitewww.alfacomp.ind.br .Instalao -Descompacte o arquivoConfigurador 2060.zipdentro do diretrio no qual o mesmo ser utilizado. A descompactao extrai o arquivoConfigurador do Rdio Modem Alfacomp 2060.exe .Quando executado o Configurador 2060, a tela se apresenta como ao lado. 16. Baud Rate -Este parmetro define a velocidade de comunicao entre o rdio e o equipamento conectado sua porta serial. O baud rate entre rdios fixo em 76.8 Kbps e independente doBaud Rateda interface serial. OBaud Rateajustado em fbrica de 57600 bps. O ajuste doBaud Ratedever ser igual ao do equipamento conectado ao rdio. Cliente/Servidor- Determina se a unidade Servidor (gera sincronismo) ou Cliente (sincroniza com sinal de um Servidor). Nmero do Canal -Seleciona o nmero da rede qual a unidade ir pertencer. Este nmero pode variar de 16 a 47.Retentativas de Transmisso -Este valor determina o nmero mximo de retentativas de envio de pacotes quando for detectada falha no envio. O ajuste de fbrica 4. Se a comunicao for perdida e o LED de LINK do cliente estiver ligado, tente aumentar este nmero em pequenos incrementos at que a comunicao seja restabelecida. Este parmetro faz sentido de ser ajustado em redes Ponto a Ponto. O valor pode ser ajustado entre 1 e 255. Retentativas de Broadcast -Este parmetro representa o nmero mximo de tentativas de transmisso de um pacote em modo Broadcast. O valor de fbrica 4. Se a comunicao for perdida e o LED de LINK do cliente estiver ligado, tente aumentar esse nmero em pequenos incrementos at que a comunicao seja restabelecida. Este parmetro faz sentido de ser ajustado em redes Ponto-Multiponto. O valor pode ser ajustado entre 1 e 255. Identificao do Sistema -Um nmero e