curso planejamento financeiro pessoal

Download Curso Planejamento Financeiro Pessoal

If you can't read please download the document

Post on 25-Jul-2015

39 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

Bem-vindo ao curso Planejamento Financeiro Pessoal ! Este curso faz parte do Programa de Educao Financeira, que visa desenvolver atitudes positivas com relao ao trato com as finanas pessoais. Situa-se dentro da proposta da Comunidade de Aprendizagem da Universidade Corporativa Banco do Brasil. Nessa perspectiva, alm da formao do corpo funcional, a educao corporativa tem sido gradativamente estendida para outros pblicos, contribuindo para o aprimoramento das relaes negociais e para o desenvolvimento pessoal e profissional dos participantes da cadeia de relacionamentos do Banco do Brasil. Portanto, de livre acesso a todos que pretendam aprimorar-se no trato do dinheiro, criando condies para melhor administrao e planejamento de suas finanas.

Objetivo O curso tem por objetivo faz-lo assumir uma atitude positiva em relao ao seu planejamento financeiro. E o que vem a ser isso? Nada mais do que ordenar sua vida financeira de tal forma que possa atingir seus objetivos, principalmente: constituir reservas financeiras e, sistematicamente, construir patrimnio que garanta fonte de renda suficiente para ter vida tranqila e confortvel no futuro.

Estrutura do curso

O contedo ser apresentado no formato de um jogo. Voc responder s questes utilizando um personagem escolhido por voc. Objetivos especficos: Elaborar diagnstico sobre a situao financeira atual Relacionar receitas e despesas Analisar os valores que compem o mapa de receitas e despesas, visando o planejamento financeiro pessoal Estabelecer prazos para construo de patrimnio que possa gerar renda no futuro Utilizar a regra 100 para definir o percentual de renda a ser investida

Estrutura do curso Contedo: Auto-diagnstico da situao financeira atual Conceito de planejamento financeiro pessoal As etapas de planejamento Conceitos de receita e despesa Critrios para utilizao de dinheiro

Estabelecimento de curto, mdio e longo prazos Conceito de liquidez Regra 100

Desempenhos esperados: Elaborar um planejamento financeiro pessoal, segundo 4 etapas (o que, quanto, quando e como) previstas na metodologia, usando a planilha de receitas e despesas. Acompanhar a implementao do planejamento.

Assim como o fsico e a mente padecem de doenas, nosso "corpo" financeiro tambm. Algumas pessoas resistem em procurar o mdico quando seu corpo fsico ou mental d sinais de alerta. Isso, quando no buscam a automedicao. Em outros casos, a demora na busca de solues traz complicaes que, se no fatais, exigem redobrado esforo para a recuperao. Assim tambm ocorre quando nosso corpo financeiro d sinais de alerta. muitas vezes mais cmodo culpar o governo, a inflao, os juros altos, a especulao internacional, do que adotarmos medidas que visem corrigir desvios.

Cuidando da nossa sade financeira Vimos que, em finanas, tambm devemos cuidar desde cedo de nosso futuro financeiro, para aumentarmos a probabilidade de uma velhice mais tranqila, quando nossa capacidade produtiva j no for mais a mesma.

Voc sabe como est a sua sade financeira? Para ajud-lo a responder esta questo, apresentamos nossa amiga Vitria que ir acompanh-lo durante este curso.

Para inicar o curso, vamos refletir um pouco sobre o comportamento humano... O ser humano, ao gastar seu dinheiro sempre o faz com alguma finalidade especfica. Assim, quando vai ao supermercado para comprar carne e arroz, por exemplo, estar gastando seu dinheiro com a finalidade especfica de atender s suas necessidades bsicas de alimentao. Mas no to simples. Alm da satisfao das nossas necessidades, somos movidos tambm pelos desejos, s vezes incontrolveis. assim quando compramos por impulso, quando cedemos presso da propaganda ou de familiares, entre outras causas. vista disso, responda s questes a seguir. A cada resposta corresponder um comentrio. Reflita sobre cada um deles.

Cuidado, esteja alerta! D o primeiro passo em direo ao controle financeiro. Muito bem! Voc j est um passo na frente. Como veremos mais a frente neste curso, um sistema de acompanhamento de receitas e despesas poder auxili-lo na tomada de decises, qualquer que seja seu objetivo. Experimente fazer alguns ajustes na conta de despesas. Some os valores que podem ser economizados mensalmente e projete para um perodo de 12 meses. Que tipo de bem voc poderia adquirir ou quanto estaria poupando findo aquele perodo? Um exemplo: Se voc, na hora do almoo, toma duas latas de refrigerante e passa a tomar apenas uma, em um ms voc ter economizado 30 latas de refrigerante, 360 em um ano, o que equivale a aproximadamente R$ 540,00, praticamente o preo de um aparelho de DVD de boa qualidade. E ainda sobraria dinheiro!

Cuidado! Voc poder ter surpresas desagradveis. Existem vrias maneiras de se atingir o mesmo objetivo. Imaginemos que voc faa sempre o mesmo percurso em sua ida de casa para o trabalho. Se, em uma determinada manh, seu caminho costumeiro estiver interditado, voc certamente encontrar uma forma alternativa de chegar ao seu destino. Ou, no mnimo, ter que se explicar no seu trabalho.

Ateno! voc poder estar gastando mais do que o necessrio. Pesquisas sobre preos de mercadorias e de servios tm revelado que h diferenas muito grandes entre os diversos estabelecimentos comerciais e de servios. H casos de diferenas de preos que chegam a 40%. Para se ter uma idia, o retorno de uma aplicao em Caderneta de Poupana rende 6%. Ao ano!

Muito bem! prazeroso ver nossos sonhos realizados. Se no: Esteja alerta! Voc pode estar caminhando sem direo.

Uma viagem de mil quilmetros comea sempre com o primeiro passo. D o primeiro passo e continue sempre caminhando em direo a seu objetivo.

Legal! Voc tem o p no cho. Se no: Esteja alerta! Voc pode estar caminhando sem saber se ver a luz no final do tnel. Sabemos que h caminhos difceis e tortuosos. Escolha aquele que apresente estrutura firme, e que voc possa percorrer com a convico de que o melhor. Querer atingir um objetivo uma face da moeda. A outra poder atingi-lo, ou seja, os objetivos tm que se enquadrar realidade. Admitamos que voc tencione adquirir vista, daqui a seis meses, um bem cujo valor exija esforo de poupana da ordem de R$ 400,00. Se voc no conseguir cumprir o planejado, voc ter claros indicativos de que seu objetivo foi colocado fora de sua realidade (a meta est acima de sua capacidade). O resultado poder ser frustrao: o esforo no foi coroado pelo prazer de ter o bem desejado.

Muito consciente! Isto facilita tomadas de deciso. Se no:Ateno! de suma importncia saber onde voc gasta seu dinheiro.

Mas veja, preciso mais que conhecer.

preciso analisar as despesas mais significativas, com a finalidade de conhecer sua estrutura para descobrir possibilidades de reduo ou, mesmo, eliminao. No fazer isso poder significar a possibilidade de ver seu dinheiro "escorrendo pelo ralo". Admitamos que suas despesas mais significativas sejam aluguel, alimentao, telefone (fixo e celular) e educao. Os itens alimentao e educao so prioritrios, de acordo com seus objetivos, e o item aluguel no permite reduo neste momento. Nesse quadro, qualquer tentativa de alterao na estrutura de suas despesas dever considerar a reduo nos gastos com telefone.

Congratulaes! Voc sabe o que quer. Se no: Muita ateno! O consumo por desejo invariavelmente se transforma em gastos desnecessrios. As pessoas so normalmente estimuladas a consumir por necessidade ou por desejo. importante que voc tenha conhecimento da medida de suas necessidades, para poder atend-las de maneira equilibrada. Saiba distinguir: comer uma necessidade que precisa ser atendida; comer em restaurante um desejo que deve ser analisado luz da relao custo/benefcio. Da mesma forma o vestir-se: diferentes marcas de roupas prestam-se mesma finalidade, mas com significativas diferenas de preo.

timo! Voc determinado. Se no: Cuidado! Voc est muito vulnervel. O propsito do marketing atender e satisfazer s necessidades e desejos dos consumidores. Para estimular o consumo, utiliza todas as formas de apelo (condies facilitadas de pagamento, preo, promoo, pontos estratgicos de venda, etc.). Comprar um eletrodomstico s porque est sendo vendido em 12 parcelas de pequeno valor, sem atentar para o preo final nem para os juros que esto sendo cobrados um exemplo. s vezes, o aparelho antigo est ainda bom, mas as prestaes so to pequenas...

Excelente! Voc uma pessoa objetiva. Se no: Abra o olho! Siga seu prprio caminho. Normalmente, os consumidores so influenciados por pessoas de seu convvio dirio ou pelo ambiente que freqentam. Presso da famlia (marido, esposa, filhos) para troca de veculo, convite do chefe para almoar em restaurantes caros, desejo de acompanhar os colegas na compra de roupas de marca so exemplos de presso externa sobre nossas decises de consumo.

timo! Voc no d o passo maior do que a perna.

Se no:Sinal vermelho! O buraco pode estar ficando cada vez maior. Existem vrias possibilidades de definio de estilo de vida. Sua escolha depender dos seus valores, de suas crenas, do meio em que vive, de suas necessidades, etc. O mais importante que voc saiba escolher aquele que esteja condizente com sua realidade econmica. Freqentar bares e restaurantes caros, comprar somente roupas de marca para atender a seus desejos de status, sem considerar sua realidade econmica podem ser o caminho para dificuldades financeiras.

Muito Cuidado! Carto de crdito no significa dinheiro sobrando. O carto de crdito, desde que utilizado com parcimnia e de acordo com a capacidade de gerao de recursos, timo instrumento para facilitar o controle de gastos. Alm disso, o pagamento da fatura do carto de crdito deve ser agendado para data compatvel com o recebimento dos haveres (salrio, pr-labore, etc.).

uma pena! Voc pode estar perdendo grande oportunidade de aumentar seus rendimentos. Se sim: Maravilhoso! Otimizar seus recursos a melhor forma d