Curso métricas- Intensivo

Download Curso métricas- Intensivo

Post on 19-Jan-2015

647 views

Category:

Education

4 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Curso mtricas- IntensivoProfessor: Fernanda Oliveira

TRANSCRIPT

<ul><li> 1. Prof. Fernanda Oliveira@_dp6 e-Commerce Intensivo Mdulo Mtricas2012 dp6 - todos os direitos reservados</li></ul><p> 2. Fernanda Oliveira atua no mercado de Web Analytics h mais de 6anos, com passagens por grandes empresas como AgnciaClick Isobar e AG2.Possui vasta experincia em mtricas, teste multivarivel, linkspatrocinados e e-commerce. Head de Business Intelligence na dp6. fernanda.oliveira@dp6.com.br www.linkedin.com/fernanda.bianca2012 dp6 - todos os direitos reservados 3. O que veremos hoje?Um pouco sobre o Meio DigitalWeb Analytics: Conceitos e FerramentasAnalisando Sites e CampanhasComo criar a Cultura de Web Analytics2012 dp6 - todos os direitos reservados 4. Como a relao atual das pessoas com os meios?2012 dp6 - todos os direitos reservados 5. Mdia Offline?2012 dp6 - todos os direitos reservados 6. O Marketing Digital est se tornando apenas2012 dp6 - todos os direitos reservados 7. Um Marketing mais evoludo e automatizado...2012 dp6 - todos os direitos reservados 8. um marketing guiado pelos dados!2012 dp6 - todos os direitos reservados 8 9. E QUAIS OS DESAFIOS DE GUIAR UM PROJETO DE MARKETING MODERNO?2012 dp6 - todos os direitos reservados 10. Um projeto digital sem mtricas2012 dp6 - todos os direitos reservados 11. preciso entender o contexto das mtricas e daaudincia2012 dp6 - todos os direitos reservados 12. Mas preciso criatividade e estratgia para medir corretamenteAlbert EinsteinNem tudo que importa pode ser medido enem tudo que pode ser medido importa Enrico Fermi Como calcular qualquer coisa?2012 dp6 - todos os direitos reservados 13. Cuidado com a paralisia da informao2012 dp6 - todos os direitos reservados 14. preciso alinhar e planejar os melhoresindicadoresMtricasTransaes, Visitas,Pageviews, Tempo mdio,Bouce-rate, Clicks Indicadores (KPIs) Custo por aquisio (CPA),Latncia de Recncia decompra, Ticket Mdio, Taxade conversoRequisitos de negcio (KBRs)Incremento em Vendas,Melhoria do relacionamento,e fidelizao, ampliarpercepo de marcaObjetivos,Market share desejado,problemas e metasqueda na receita, chegadade um novo concorrente2012 dp6 - todos os direitos reservados 15. O que veremos hoje?Um pouco sobre o Meio DigitalWeb Analytics: Conceitos e FerramentasAnalisando Sites e CampanhasComo criar a Cultura de Web Analytics2012 dp6 - todos os direitos reservados 16. O que Web Analytics?Web analytics o processo de medio, coleta, anlise e a produo derelatrios de dados de navegao e interao com o objetivo de entendere otimizar o uso dos sites e pginas na Internet.http://pt.wikipedia.org/wiki/Web_analyticshttp://www.webanalyticsassociation.org/aboutus/2012 dp6 - todos os direitos reservados 17. Mtricas e mais Mtricas Escopo do site RetornantesPginas vistasAcessoCaminho para aquisio direto Pontos principaisRejeio de SadaCompra Direta Aquisio ImpressesPermanentesCliquesVisitas VisitasEvaso de Leads cadastroSada do Mdias Site 2012 dp6 - todos os direitos reservados 18. O que o Web Analytics pode fazer pelo seu site?Como os usurios do meu site interagem enavegam?Que contedo consomem?De onde vm os visitantes?Quais campanhas so mais efetivas? Comomelhor-las?O que meu cliente compra? Quanto?Meu cliente fiel?Que horrio as compras acontecem?Qual pgina desestimula meus usurios acontinuar?Qual o ROI das minhas campanhas online?2012 dp6 - todos os direitos reservados 19. S existe o Google Analytics? Existem muitas outras ferramentas, e a maioria existe h mais tempo que o GA Webtrends (1994) Omniture (1996) Porm, desde que surgiu, em 2005, ajudou a popularizar o uso deste tipo de ferramenta e j sinnimo de anlise2012 dp6 - todos os direitos reservados 20. tudo automtico? No preciso fazer nada?O Google Analytics oferece a soluo deWeb Analytics atualmente mais fcil esimples de instalar e utilizarPorm, para explorar todos os recursos(incluindo alguns exemplificados nestaapresentao), so necessrios ajustestcnicos na implementao das tags ou naconfigurao dos relatrios2012 dp6 - todos os direitos reservados 21. Page Views, Visitas e Visitantes nicos Page View a ocorrncia de uma visualizao de uma pgina Visita o conjunto de page views ou interaes no site em determinado perodo de tempo Visitante nico o usurio identificado unicamente que realiza uma visita. Geralmente reconhecido por um cookie ou combinaes de parmetros como IP e navegador Muitas vezes tambm chamado de browser nico pois se no h autenticao do usurio, a consolidao por computador diferente2012 dp6 - todos os direitos reservados 22. Como funciona na prtica? "Me falaram deste site, l vou conhecer..." /home /produtos /prod1 /falecom2012 dp6 - todos os direitos reservados 23. Como funciona na prtica?Traduzindo em mtricas... 1 Page view 1 Page view1 Page view 1 Page view /home /produtos/prod1 /falecom1 Visitante nico 1 Visita2012 dp6 - todos os direitos reservados 24. Como funciona na prtica? Mas ela enviou para uma amiga... E a amiga, no gostou de primeira... /home /produtos /prod1 /falecom /home2012 dp6 - todos os direitos reservados 25. Como funciona na prtica? Novamente, em mtricas... /home/produtos/prod1/falecom 1 Visita com 4 page views /home 1 Visita com 1 page view 2 Visitantes nicos 2 Visitas Total de page views: 52012 dp6 - todos os direitos reservados 26. Tempo Tempo na pgina a diferena de tempo entre o horrio de visualizao de uma pgina at a visualizao da seguinte Tempo no site a soma das diferenas de tempo da visualizaes de pginas em uma visita. Problema No considera o tempo de visualizao da ltima pgina de uma visita, pois no pode inferir o horrio da sada. Existem solues tcnicas customizadas para isso, porm, nenhuma padro no Google Analytics.2012 dp6 - todos os direitos reservados 27. Como funciona na prtica? Vamos analisar novamente a primeira visita 15:35:0015:36:3015:37:20 15:40:1015:43:10 /home /produtos/prod1 /falecom Saiu2012 dp6 - todos os direitos reservados 28. Como funciona na prtica? O tempo de cada pgina calculado em relao diferena dos horrios dos page views 15:35:0015:36:3015:37:20 15:40:1015:43:10 /home /produtos/prod1/falecomSaiu 1m30s 50s2m50s3m O tempo na ltima pgina, porm, no pode ser calculado, pois o sistema no sabe quando o usurio fechou ou saiu2012 dp6 - todos os direitos reservados 29. Como funciona na prtica? O tempo da visita calculado somando todos os intervalos entre as pginas 15:35:0015:36:30 15:37:20 15:40:1015:43:10 /home /produtos /prod1/falecomSaiu 1m30s + 50s+2m50s3m5m10s2012 dp6 - todos os direitos reservados 30. Taxa de Rejeio / Bounce-rate Taxa de Rejeio de uma pgina o percentual de visitas que entraram no site por esta determinada pgina e encerraram a visita sem acessar nenhum outro contedo do site. Taxa de Rejeio do site o percentual de visitas que saram do site aps a visualizao da primeira pgina da visita apenas. Ex: Entrou na Home e saiu logo em seguida.2012 dp6 - todos os direitos reservados 31. Como funciona na prtica? Novamente, nossas usurias...Saiu/home /produtos/prod1/falecom/homeSaiuTaxa de rejeio das visitas: 50%Pginas com maiores taxas de rejeio Bounce/home 50%2012 dp6 - todos os direitos reservados 32. Webanalytics, Painis, Adserver e muito mais ...Normalmente os veculos fornecem relatrios das veiculaes realizadas, porm, cada um adota padres e ferramentas diferentes. Para mensurar os resultados das campanhas Adserverdigitais de maneira unificada necessrio utilizar uma ferramenta Ad Server, a qualpermite agregar todos os resultados das veiculaes e analis-las mais profundamente inclusive por sobreposio (media-overlay) de impacto.Aps o click, comea a experincia do usurio (user experience) com a marca nas landings-pages, hotsites e portais. Para coletar dados de navegao e comportamento necessrio Webanalyticso uso de um ferramenta Web Analytics, elas so fundamentais para calcular Metas eConverses.Os mais conhecidos no Brasil so o Ibope Nielsen Online e ComScore, que trazem a maioria Painisdos nmeros oficiais da Internet Brasileira. As medies so feitas atravs de amostrasinstaladas em computadores (painis) e depois extrapoladas para a populao2012 dp6 - todos os direitos reservados 33. Principais Aplicaes e Vantagens Alm de vantagens prticas na veiculao de uma campanha, ajuda a obter dinamicamente Adserver um panorama geral do desempenho da campanha nos diversos canais, alm disso, s comuma ferramenta de Adserver possvel saber o alcance e a frequncia de uma campanhaColeta informaes teis para o negcio como onde os usurios estiveram o que fizeram, quanto tempo interagiram e etc. Pode fazer segmentaes da navegao com dados Webanalytics informados em cadastros (pessoas de 15-17 fizeram o que no seu site) e de origem (quemveio do Google fez o que no seu site possvel fazer anlises de concorrncia, anlises macros do mercado internet e anlises Painisgeo-demograficas.2012 dp6 - todos os direitos reservados 34. O que veremos hoje?Um pouco sobre o Meio DigitalWeb Analytics: Conceitos e FerramentasAnalisando Sites e CampanhasComo criar a Cultura de Web Analytics2012 dp6 - todos os direitos reservados 35. Qual ferramenta usar? Atmosphere2012 dp6 - todos os direitos reservados 36. 2012 dp6 - todos os direitos reservados 37. Definio dos KPIs2012 dp6 - todos os direitos reservados 38. AS PISTAS QUE AS PESSOAS DEIXAM2012 dp6 - todos os direitos reservados 39. Por onde passam os usurios? (Anlise de navegao) Que contedo consomem? Que aes fazem no site? Onde clicam?2012 dp6 - todos os direitos reservados 40. E nos caminhos crticos? Como o passo-a-passo do funil deconverso? Em que passo h mais abandono? Para ondem vo aps determinado passo?2012 dp6 - todos os direitos reservados 41. O que os usurios buscam no seu site pode revelar muito sobre oque ele espera do seu contedo Que termos buscam? Buscam por estarem perdidos? Para onde vo aps a busca? Quantos recebem 0 resultados para suas buscas? Quantos abandonam o site aps a busca?2012 dp6 - todos os direitos reservados 42. A origem do usurio ajuda a entender e melhorar campanhas eaes de divulgao O pblico que vem das redes sociais mais qualificado que os provenientes de busca? H sobreposio entre eles?2012 dp6 - todos os direitos reservados 43. OTIMIZANDO RESULTADOS COM ANALYTICS2012 dp6 - todos os direitos reservados 44. Entendendo o usurio Olhar para o tempo mdio, mdia de visitas por dia, bounce-rate mdio considerar todos os usurios iguais... E no so...2012 dp6 - todos os direitos reservados 45. Segment or die! Analisar grupos com comportamento ou caractersticas semelhantes uma maneira de compreender os usurios melhor2012 dp6 - todos os direitos reservados 46. Segmentaes avanadas j esto disponveis na maioria dasferramentas de web analytics possvel criar grupos com caractersticas pr-definidas e compar-los entre si e analisar o seu comportamento no site J experimentou isolar somente quem compra no site e avaliar o seu perfil?2012 dp6 - todos os direitos reservados 47. Exemplos de Anlise2012 dp6 - todos os direitos reservados 48. Qual a taxa de rejeio do site? Analisar o Bounce Rate do site indica, principalmente, a qualidade de nossas pginas e o quanto estamos desperdiando dinheiro em determinadas mdias.200.00030% 180.336180.000166.066 166.335 162.015 25%160.000 140.193136.488140.000 20%120.000121.810100.00015% 80.000 10% 60.000 40.000 5% 20.00026% 23% 25% 14% 16% 16%15% 0 0%W38 W39 W40 W41 W42 W43W44Bounce Rate Visits 2012 dp6 - todos os direitos reservados 49. Qual a taxa de converso do site?Analisar a Taxa de Converso do site indica qual a qualidade de nossas visitas. Acompanhar este trend e realizar ajustes no site pode aumentar consideravelmente aconverso / vendas do site.70.00011,28% 11,72%11,07% 12,00% 10,68%60.0009,58% 9,29% 9,21%8,96% 10,00% 8,29% 8,30% 8,54%50.0007,89% 7,55%8,00%40.0006,00%30.0004,00%20.00010.0002,00% 36.301 51.324 30.031 37.840 35.526 36.849 38.262 38.836 37.166 45.719 45.881 43.112 30.874 00,00%Visitas Tx de Converso2012 dp6 - todos os direitos reservados 50. E analisar por Fonte de Trfego!E ainda podemos fazer ambas as anlises por fonte de trfego, permitindo detalhes de cada mdia. Ex. De Mdia grfica, qual veculo, qual formato, qual linha criativa estgerando maior retorno? Aonde podemos melhorar? Visitas X ConversesVisitas X Bounce Rate e Tempo Mdio (por Origem) (por Origem) Taxa de TempoConverso Mdio 5,8% 7,4%12,3%4,0% 8,9%05:52 13:22 11:5609:0309:5425.000 25.000 22.829 22.829 1.31820.000 20.00033% 32%90929% 28%15.000 15.000 22% 56710.000 10.0007.6777.3777.677 7.377 201 5.0003.576 5.0003.5762.251 2.25114400 LP Direto Orgnico SitesMdia Grfica LP Direto OrgnicoSites Mdia Grfica VisitasConversesVisitas Bounce Rate2012 dp6 - todos os direitos reservados 51. Outro modelo de Funil de Converso2012 dp6 - todos os direitos reservados 52. Com anlise campo a campo!Detectado os pontos mais crticos, podemos analisar campo a campo aonde estamos perdendo nossos usurios e propor melhorias para o fluxo de converso do site. 100%98%95%95%94%90%50%30%28%25%2012 dp6 - todos os direitos reservados 53. Analise Geogrfica2 Santo Andr 56 converses (1,6%)598 visitas (1,3%) 4Osasco 47 converses (1,3%)824 visitas (1,8%)1 So Paulo 2.844 converses (79%) 33.238 visitas (73%) 5 Rio de Janeiro29 converses (1,1%) 541 visitas (1,2%)3 Curitiba 51 converses (1,4%) 5.550 visitas (9,2%)2012 dp6 - todos os direitos reservados 54. Podemos testar nosso Call to Action! Estudos de eye tracking mostram baixa visibilidade do call to action antes mesmo dapgina ir para o ar, possibilitando ajustes na pgina de layout. Estudo de mapa de calor mostra que o CTA com baixa visibilidade recebe baixo volume de cliques.Estudo de Mapa de Calor Estudo de Eye Tracking2012 dp6 - todos os direitos reservados 55. Como queremos que osusurios vejam nossa pgina ...2012 dp6 - todos os direitos reservados 56. 2012 dp6 - todos os direitos reservados 57. E como nossos usurios realmente visualizam nossa pgina ...2012 dp6 - todos os direitos reservados 58. 2012 dp6 - todos os direitos reservados 59. Mas quando buscamos insights para otimizar aes, damos de caracom seres humanos tomando decises o tempo todo2012 dp6 - todos os direitos reservados59 60. E isso pode ser to imprevisvel que nem os melhores designers, arquitetos desoftware, desenvolvedores e gerentes de projeto poderiam imaginar2012 dp6 - todos os direitos reservados 60 61. E a que usamos nossa arma secreta: os testes!2012 dp6 - todos os direitos reservados 62. E criar esta cultura de teste exige apenas a identificaodo problema e idias diversas para a soluo2012 dp6 - todos os direitos reservados 63. Testes, testes e mais testes ...2012 dp6 - todos os direitos reservados 64. Tipos de testes2012 dp6 - todos os direitos reservados 65. Antes/Depois fcil de testar porm muitos pontospodem influenciar o resultadoOramentodaCampanha Pgina Pginaaumentou ABFeriado 3 semanas3 semanas2012 dp6 - todos os direitos reservados 66. Teste A/B so timos para testar grandes alteraesde layout Pgina BDivide asUsurio requisita pgina requisies PginaO Goo...</p>