curso digitação

Download Curso Digitação

Post on 07-Jul-2015

3.235 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

LEIAMENenhuma informao da APOSTILA - DIGITAO 2007 poder ser copiada, movida ou modificada sem autorizao prvia e escrita do autor Roberto Oliveira Cunha.

DIGITAO 2007Digitar corretamente com todos os dedos das mos e no olhar para o teclado, minimiza bastante o risco de pegar LER (Leses por Esforo Repetitivo). O programa Digitando 2007 um dos softwares para a prtica de digitao mais intuitivos e completos no mercado. Nesta verso conseguimos reunir as principais ferramentas que voc precisa para se tornar um digitador rpido e eficiente. Para executar o Digitando 2007, clique em Iniciar Todos os programas Digitando 2007 Verso Escolas Digitando 2007 Verso Escolas.

Site: http://www.recomende.com/digitando/index.phpHTU UTH

Roberto Oliveira Cunha Pgina 1

InformticaA informtica que torna a INFORmao autoMTICA no deve intimidar e to pouco iludir, ela e computadores foram criados para resolver problemas e auxiliar as pessoas.

ComputadorO computador uma mquina que processa informaes eletronicamente, na forma de dados e pode ser programado para as mais diversas tarefas. As fases do processamento so: 1. Unidade de Entrada de Dados (Informaes iniciais) 2. Unidade Central de Processamento (Instrues) 3. Unidade de Sada de Dados (Resultados) Vamos supor que voc solicitou ao computador somar 1 + 1CPU 1+1=2

Entrada de Dados 1+1

Sada de Dados 2

Memria 2

Lembrasse que voc pode guardar os resultados na memria.

Hardware a parte fsica do computador, ou seja, o conjunto de dispositivos responsveis pelo processamento das informaes. Exemplo: Teclado, Mouse, Vdeo, Impressora, Microfone, Caixas de som, etc. Teclado Dispositivo conectado ao computador e usado para digitar informaes e instrues. Inclui teclas de mquina de escrever padro e teclas especiais. Mouse Dispositivo de entrada que permite mover o ponto de insero na tela, selecionar texto, selecionar comandos e executar outras operaes.

Roberto Oliveira Cunha Pgina 2

Vdeo Dispositivo que exibe textos e imagens gerados pelo computador, semelhante a uma tela de TV. Impressora Dispositivo que produz cpia em papel das informaes do computador. Microfone Dispositivo de entrada que permite gravar o som na memria do computador. Caixa de som Dispositivo de sada que permite executar o som gravado na memria do computador.

SoftwareSo programas (conjunto de instrues) necessrios para que o computador possa realizar tarefas, auxiliando e agilizando o trabalho do usurio. Exemplo: Windows Vista, Word Vista, Excel Vista, etc. Windows Vista Ambiente operacional que oferece interface grfica (melhor que a interface do DOS) e permite que se aprenda a usar um programa muito mais intuitivamente e de maneira mais fcil. Com o Microsoft Windows pode-se gerenciar o sistema de computador, executar programas, copiar arquivos etc. Word Vista Crie e edite documentos com aparncia profissional, como cartas, artigos, relatrios e livretos, usando o Microsoft Office Word. Excel Vista Efetue clculos, analise informaes e visualize dados em planilhas usando o Microsoft Office Excel.

Roberto Oliveira Cunha Pgina 3

Cdigos BinriosBit Os computadores trabalham com as informaes em forma de cdigos, os quais so constitudos de apenas dois elementos que denominam-se Cdigos Binrios e podem ser representados, utilizando-se os dgitos 0 e 1. Cada um desses dgitos chamado BIT (Binary Digit), dgito binrio e representa a menor unidade de informao do computador. 0 Byte Os microcomputadores geralmente operam com grupos de bits. Um grupo de oito bits denominado BYTE. Este pode ser usado na representao de caracteres como uma letra (A-Z), um nmero (0-9) ou outro smbolo qualquer (@), entre outros. 1

8 Bits = 1 Byte = 1 Caractere

Mltiplos do Byte1 KB 1 MB 1 GB 1 TB 1 Kilo Byte 1 Mega Byte 1 Giga Byte 1 Tera Byte 1.024 Bytes 1.024 x 1.024 Bytes 1.024 x 1.024 x 1.024 Bytes 1.024 x 1.024 x 1.024 x 1.024 Bytes

MicroprocessadorO microprocessador um componente do microcomputador e tem como funo executar programas, clculos e fazer a comunicao de entrada e sada dos dados. Ele opera como se fosse o crebro do micro, comandando todas as funes internas, e executa milhes Megas de instrues por segundos. Cada CI Circuito Integrado ou CHIP tem uma funo especfica.

MemriasNo microcomputador tambm encontram-se as Memrias, que so definidas como, dispositivos eletrnicos responsveis pelo armazenamento de informaes e instrues utilizadas pelo computador.

Roberto Oliveira Cunha Pgina 4

Memria PrincipalRAM (Randon Access Memory) Memria de acesso aleatrio onde so armazenados dados em tempo de processamento, isto , enquanto o computador estiver ligado, e tambm todas as informaes que estiverem sendo executadas, pois essa memria mantida por pulsos eltricos. Todo contedo dela apagado ao desligar-se a mquina, por isso chamada de voltil. ROM (Read Only Memory) Memria no voltil, ou seja, somente de leitura, pois a informao que vem gravada nela no pode ser apagada. Nesta vem as caractersticas do fabricante e um programa chamado BIOS (Basic Input Output System), que comanda todas as operaes de Entrada e Sada de dados no microcomputador. A ROM permanente e no perde seus dados ao desligar o computador. Quando ligamos o micro, o BIOS que o inicia, checando os perifricos que esto ligados a ele, como unidades de entrada e sada de dados, memrias, etc.

Memria AuxiliarPara que os dados no se percam, precisam ser gravados num dispositivo de armazenamento chamado memria auxiliar; esta, armazena as informaes que esto na memria principal (RAM). Existem vrios tipos de memria auxiliar como, disquetes, discos rgidos (winchester), discos pticos (CD-ROM e DVD-ROM), entre outros. Winchester O principal dispositivo que o computador usa para armazenar as informaes. Disquete Dispositivo removvel que armazena magneticamente os dados. CD-ROM O CD-ROM (Compact Disc - Read Only Memory), um disco compacto onde as informaes s podem ser lidas, mas no gravadas pelo usurio, pois j fabricado com um determinado contedo (so gravadas apenas pelo fabricante). Ele tem a tecnologia ptica dos CDs de msica, mas possui um formato

Roberto Oliveira Cunha Pgina 5

de trilha diferente, para armazenarem dados. O CD de computador armazena grandes quantidades de informaes, cerca de 700 MB de capacidade e utiliza um feixe de raio laser para grav-las de uma maneira compacta. DVD-ROM O DVD-ROM (Digital Versatile Disc), ou disco digital verstil, surgiu aps o CD-ROM, j que a tecnologia evolui a cada dia e busca aperfeioar os dispositivos e recursos para a utilizao do microcomputador. Ele pode conter programas, arquivos e permite ouvir msicas e rodar aplicaes multimdia com melhor fidelidade de som e imagem, nestes discos com capacidade de sete a vinte e seis vezes maiores que a dos CDs convencionais. Sua rotao trs vezes mais veloz que a do CD-ROM. Numa unidade de DVD, pode-se rodar discos apresentando um filme com 2 horas de durao, ouvindo som estreo e imagem de tela de cinema, ou ainda rodar um longa-metragem com vrios idiomas dublados e legendados. A imagem produzida por ele melhor que a do videocassete. Cada disco armazena 4,7 GB de cada lado e alguns aparelhos de DVD quando fabricados no formato de duas camadas e dois lados, o disco pode armazenar at 17 GB, permitindo a reproduo de at oito horas de filme.

O TecladoExistem, no Brasil, trs layouts de teclado: Teclado Portugus (ABNT2) Este curso est baseado no teclado usado pela grande maioria dos computadores do Brasil, conhecido como Teclado Portugus (ABNT2 Associao Brasileira de Normas Tcnicas). O Teclado Portugus (ABNT2 Associao Brasileira de Normas Tcnicas), mais semelhante ao da mquina de escrever por apresentar a tecla cedilha (). Teclado Portugus (Portugual) Ele bem menos usado aqui no Brasil, mas, caso o digitador venha a utiliz-lo, no dever encontrar problemas. A adaptao muito rpida. Teclado Portugus (Padro Internacional) Teclado Portugus (Padro Internacional) bem menos usado que o Teclado Portugus (ABNT2), mas, caso o digitador venha a utiliz-lo, no dever encontrar problemas. A adaptao muito rpida.

Roberto Oliveira Cunha Pgina 6

Teclas de funes (F1 a F12)

So as teclas para funes operacionais. Servem para agilizar determinadas operaes. Por exemplo, para acessar a ajuda de determinados programas (F1) ou para repetir o ltimo fragmento digitado (F4). Estas teclas so muito usadas em conjunto com Ctrl, Alt e Shift. Teclas de digitao So as teclas alfanumricas normais, encontradas em qualquer mquina de escrever. Englobam as 04 fileiras bsicas do teclado, de A a Z e de 0 a 9, alm dos smbolos e caracteres especiais, como o famoso arroba (@), utilizadssimo no ambiente Internet. a tecla usada para avanar marcas de tabulao. Sua funo mais utilizada demarcar o incio do pargrafo. A tecla Tab muito til, tambm, para avanar campos. Por exemplo, saltando para a prxima clula de uma tabela. Para retornar clula anterior, usa-se Shift + Tab. Tecla de acionamento de maisculas. Ateno! A Caps Lock acionada (luz indicadora acesa) mantm todo o texto em maisculo. Novamente, ateno! A Caps Lock acionada no habilita os sinais grficos secundrios (aqueles que ficam em cima dos nmeros na quarta fileira ou em teclas de acentuao e pontuao). Para digit-los, mesmo com a Caps Lock acionada, voc precisar do Shift. Tecla usada, normalmente, para grafarem iniciais em maisculas (mantendo pressionada Shift e apertando a tecla da letra que se deseja em maiscula). Com Shift, como explicamos, voc tambm digita os sinais grficos secundrios e de acentuao e pontuao. Embora normalmente se utilize o mouse para selecionar fragmentos de texto, um digitador rpido pode fazer isso muito melhor com o Shift em conjunto com uma das teclas de cursor, aquelas setinhas que ficam entre o teclado numrico e o alfanumrico. Basta levar o cursor com elas at o final da palavra que se deseja seleci

Recommended

View more >