crisma - slide formativo

Click here to load reader

Post on 26-Jan-2017

374 views

Category:

Education

6 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

O ser humano um ser livre. A liberdade do homem a maior prova de que ele dotado de razo; s os seres inteligentes so livres. O homem possui um intelecto que lhe permiti pensar, distinguir as coisas, discernir os acontecimentos, aceitar ou rejeitar, fazer ou deixar de fazer algo.

A liberdade do homem gera responsabilidade; na medida em que eu sou livre, eu me torno responsvel pelas minhas escolhas, atitudes e omisses. Por sermos livres somos chamados a responder por tudo que fazemos ou deixamos de fazer. Liberdade bom demais, mas quanto mais se livre mais responsabilidades recaem sobre os nossos ombros.Entretanto, ningum totalmente livre. H sempre fatores que limitam a nossa liberdade: o medo, a presso social, as estruturas econmicas, os padres culturais e modsticos, os sistemas polticos..... Mas, mesmo sem uma liberdade absoluta, o ser humano chamado a construir a sua prpria histria, descobrindo os seus limites e as suas possibilidades. Ele chamado a ser agente efetivo e principal na construo de sua vida pessoal e comunitria.

A liberdade humana deve ocorrer tambm em relao f assumida. O homem livre para crer ou no crer, aceitar ou recusar a f recebida de seus pais, padrinhos e comunidade de f. Fomos batizados porque nossos pais desejaram, no fomos consultados se queramos o Batismo, como tambm no fomos consultados quanto ao nosso nome, famlia na qual nascemos, aos irmos que temos, cidade onde fomos criados, se queramos ou no estudar... por isso que, num determinado momento, somos chamados a dizer se assumimos ou no a nossa f. Isso ocorre exatamente na Crisma ou Confirmao.

Ser crismado no dizer se voc aceita ou no o seu Batismo. Quer voc queira ou no, voc j est batizado; aceite ou rejeite voc j recebeu o Esprito Santo, voc j foi marcado pelo sinal de Deus, tornou-se Filho de Deus Pai, irmo de Deus Filho, casa do amor trinitrio. Na verdade, ser crismado dizer, de forma livre, espontnea e madura, se voc aceita ou no, definitivamente, viver o seu Batismo no dia-a-dia de sua vida, se voc aceita que o Esprito Santo aja e guie todos os passos de sua caminhada; ser crismado voc dizer se aceita ou no o grande desafio de, em meio a esta complexa sociedade paganizada, colocar em prtica os COMPROMISSOS batismais e as RESPONSABILIDADES do ser cristo.

Pelo Batismo, voc j recebeu o Esprito de fora, de amor e de sabedoria (2Tm 1,7), pela Crisma voc vai dizer se quer ou no quer viver segundo os impulsos e as orientaes desse Esprito; pelo Batismo, voc j foi lavado pela misericrdia de Deus atravs do poder regenerador e renovador do Esprito (Tt 3,5), pela Crisma voc vai confirmar se quer viver, firmemente, essa limpeza espiritual no seu cotidiano ou se voc quer sufocar a gua pura de Cristo com as guas podres, sujas e imundas do mundo da desobedincia e do pecado. Em outras palavras, na Crisma, voc decide se quer viver nos braos misericordiosos de Deus ou quer viver nas propostas sedutoras, egostas e ilusrias dos inimigos de Cristo. Lembre-se, Deus pode at ficar profundamente entristecido, mas Ele sempre respeita a sua deciso e escolha. Ningum pode se incorpora plenamente a Cristo sem desejar, o convite de Deus acata nossa livre opo.

O sacramento da Confirmao prepara-nos para que assumamos, conscientemente, a misso evangelizadora de Cristo. As palavras CRISTO e CRISMA, em grego, tm o mesmo campo semntico, ambas significam UNO; Cristo o ungido ou escolhido do Pai, o crismado o ungido ou escolhido de Jesus Cristo. Portanto, para que eu recebo o leo da uno, tambm chamado Santo Crisma? Para qu? Para continuar no mundo a obra de salvao, perdo e amor de Jesus; s tem sentido eu me crismar se for para ser um outro Cristo na sociedade e na vida de quem mais precisa.

Se no for para pensar, agir e viver como Cristo, se no for para ser um forte soldado no exrcito do Evangelho da alegria melhor no se crismar. Tal como os jovens guerreiros (os gladiadores romanos) que recebiam um banho de leo antes de qualquer combate, o crismado, ao dizer que deseja que o Espirito Santo tome conta totalmente do seu ser, fortalecido com o Dom do alto para combater o bom combate e guardar o tesouro da f, da esperana e da caridade (ler 2Tm 4, 6-8).

Recebendo a uno crismal, confirmando os efeitos do Batismo na sua vida, revestido da fora do Santo Espirito, o crismado est habilitado para entrar, em nome de Jesus, no espinhoso campo de batalha contra as obras dos instintos egostas, ou seja, contra a prostituio, a impureza, a imoralidade, a idolatria, a feitiaria, o dio, a discrdia, o cime, a ira, a incredulidade, a rivalidade, a diviso, o partidarismo, a inveja, os vcios, a bebedeira e coisas semelhantes (Gl 5,19-21).

Aqueles que confirmaram a graa da uno batismal, de forma adulta e concreta, no devem entristecer o Esprito do Amor com que a Santssima Trindade os marcou para o dia da vitria definitiva da partilha, da f e da paz, devem sim, ser bons e compreensivos uns com os outros, perdoando-se mutuamente, assim como Deus nos perdoou em Cristo Jesus. (ler Ef 4,30-32).

Conduzido e impulsionado pelo Espirito da glria divina, o crismado chamado a renovar-se pela transformao espiritual da inteligncia e a revestir-se de um homem novo, criado segundo Deus na justia e na santidade que vem da verdade (cf. Ef 4,23-24).

A deciso de crismar-se um ato que pressupe uma grande maturidade humano-psicolgica e de f. Por isso, a Igreja orienta que a recepo desse sacramento ocorra quando a pessoa tiver um amadurecimento suficiente que lhe possibilite optar, de forma clara e ardorosa, pelo compromisso de ser Cristo autntico, sal da terra e luz do mundo.Ser cristo no mundo de hoje um grande desafio. preciso ter coragem e ser revestido dos dons espirituais para vencer as inmeras ciladas que o mundo prepara-nos todos os dias. Ser cristo ter coragem de nadar contra a correnteza, de lutar contra o sensualismo, o hedonismo (a busca do prazer fcil e desordenado), o individualismo, o egosmo, materialismo exagerado, e tantos ismos que o mundo ps-moderno apresenta-nos. Todas essas armadilhas so tentaes para no deixarmos o Esprito Santo agir em nossa vida. Sem a uno e o poder do Esprito torna-se impossvel no cairmos nessas tentaes, pois muitas vezes no fao aquilo que eu quero, mas aquilo que sei que mais destrutivo (Rm 7,15).

Devo aceitar a marca indelvel do Esprito em mim se e somente se de fato eu estiver convicto de viver a autenticidade e a coerncia que o cristianismo exige de cada um de ns. Ningum pode ser crismado simplesmente porque seu pai ou sua me o desejam, ou simplesmente para cada cumprir uma tradio social. Deve se crismar apenas se tiver conscincia da responsabilidade de dar Testemunho do Nome de Jesus para o mundo. Optar pela recepo da Confirmao optar para que Jesus Cristo torne-se o Senhor de nossa vida. Por isso essa deciso deve ser fruto de reflexo e orao pessoal.Crismar-se viver, sob a moo do Espirito, a mensagem libertadora de Jesus de Nazar. A Confirmao exige uma experincia pessoal com Cristo. Como ser cristo maduro se no conhecemos Jesus Cristo? Como seguir Jesus se no conhecemos suas orientaes e seu Caminho? Como testemunhar Cristo se no vivemos sua Verdade? Como ter uma vida Nova se no formos ungidos pela Vida de Cristo? A preparao para a Crisma deve ser um tempo de descobertas e experincias.

A Confirmao para cada fiel aquilo que para toda a Igreja foi Pentecostes, aquilo que para Jesus foi a descida do Esprito Santo ao sair do rio Jordo. A Crisma solidifica a incorporao batismal a Cristo e Igreja, e aprofunda a misso de Pastor, Profeta e Sacerdote de cada fiel. Ela comunica a abundncia dos dons do Espirito, os sete dons que permitem alcanar a perfeio da caridade. Se, pois, o Batismo o Sacramento do nascimento, a Crisma o sacramento do crescimento.

A Crisma o Sacramento do testemunho, recebereis um poder quando o Esprito Santo descer sobre vocs. Ento sero minhas testemunhas em Jerusalm, em toda a Judia e Samaria e at os confins da terra (At 1,8). O crismado deve ser, sobretudo, um missionrio de Cristo e da Igreja. Quem recebe a solidificao do amor de Deus, deve tronar-se canal dessa uno para todos os homens. O Crismado a testemunha corajosa e convicta do amor e da felicidade de Jesus Cristo para o mundo inteiro.

TESTEMUNHO

O que poderia ser a Crisma na caminhada de f de uma pessoa, demonstra-o, melhor do que qualquer discurso, o testemunho vivo do jovem Andr Vital da Silva Xavier, da Parquia Nossa Senhora do Perptuo Socorro, em Patos-PB :

A minha reaproximao da Igreja ocorreu por causa da Crisma, que sempre lembro como um momento decisivo de minha vida. O dia em que fui crismado, algo mudou dentro de mim. Quando o Bispo me ungiu a fronte com o leo santo e disse: recebe por este sinal o Dom do Espirito Santo, que eu respondi Amm, senti um sbito e fortssimo queimor no meu corao e um vivo calor na minha alma, como se houvesse sido aceso um fogo apagado h muito tempo. O que mais me impressionou, porm, foi a sensao de alegria que me invadiu, algo que nunca tinha experimentado antes, foi algo incomparvel. Graas minha Crisma, hoje busco ser fiel a Cristo e a minha Igreja

Acesse : www.pascomsaomamedepb.com.brCopyright - PASCOM So Mamede