correio rural 09 de janeiro

Click here to load reader

Post on 07-Apr-2016

288 views

Category:

Documents

3 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

 

TRANSCRIPT

  • FUNDADO EM 25 DE NOVEMBRO DE 1912 | ANO 103 | NMERO 5.221 | 9 DE jANEiRO DE 2015 | R$ 1,00

    www.correiorural.com.br

    H 102 anos o seu jornal de Viamo

    NOVO ENDEREO Av. Sen. Salgado Filho, 9908 Pda. 57

    Fone 3054.0504 - Em frente ao Cabritos

    LAVA SECA PASSAEspecializados em: edredons - tapetes

    Nesta edio, 2014 nas manchetes do Correio Rural

    Pginas 4 e 5

    Fone 3493-1252 - [email protected]

    Grassi Seguros

    Caso pRest seRviCe

    O prefeito, Valdir Bonatto, acompanhado de uma comisso de vereadores, recebeu dia 6, uma representao das funcionrias da empresa Prest Service. O saldo da reunio foi positivo. A empresa venceu o processo licitatrio para fornecimento de pessoal para os servios de merenda e limpeza nas escolas, apresentando todos os requisitos legais. A Prefeitura, durante todo o perodo do con-trato, manteve os pagamentos em dia, mas as profissionais foram em busca de ajuda da administrao municipal para receber valores atrasados. Nos dias 22 e 24 de de-zembro passado, uma comisso de funcionrias da empresa Prest Service j havia se reunido com o prefeito. Na ocasio, Bonatto falou que os funcionrios tinham todo o direito de receber pelos servios prestados. Vou fazer o possvel para colaborar na negociao. A primeira ao da Prefeitura foi a resciso dos dois contratos que mantinha com a empresa. O pre-feito anunciou tambm o depsito em juzo dos valores referentes aos ltimos servios prestados e a in-termediao de uma reunio com o sindicato da categoria.

    Na tera-feira, aps a reunio com o Sindicato, as trabalhadoras vieram at a Prefeitura e, na reu-nio com Bonatto e vereadores, foram firmados compromissos

    com o grupo de funcionrias. De forma emergencial, a Prefeitura fez a entrega de uma cesta bsica para cada trabalhadora (quinta--feira, dia 07) na Secretaria de Ci-dadania e Assistncia Social. Na prxima semana, no dia 15, uma nova empresa ser contratada de forma emergencial, por trs meses, para a execuo dos servios, com o compromisso de empregar to-das as funcionrias atingidas pelo rompimento do contrato anterior. O prefeito tambm se comprome-teu a antecipar o pagamento da se-gunda quinzena de janeiro para a empresa vencedora.

    Bonatto reafirmou o compro-misso de buscar uma soluo de-finitiva para o caso e na quarta--feira, dia 07, esteve reunido com o presidente da subseco da OAB Viamo, Nilson Pinto da Silva, para que este rgo preste auxlio

    para as funcionrias na resoluo do problema. A Prefeitura, de for-ma a resguardar o direito dos tra-balhadores, tomou a iniciativa de rescindir o contrato, colocando os valores disposio da Justia. Na sequncia, estamos tomando me-didas para que este grupo tenha de volta sua tranquilidade para traba-lhar e ser justamente remunerado, disse, reafirmando,o prefeito.

    Nesta quinta-feira, dia 08, a Prefeitura depositou em juzo mais R$ 182 mil, totalizando R$ 259 mil, valores que garantem o rece-bimento dos direitos das funcion-rias. A OAB Viamo j est atuan-do no caso, colocando uma equipe de advogados na intermediao da ao junto Justia do Trabalho.

    inscries abertas para o Garota vero 2015 etapa viamo

    J esto abertas as inscries para o tradicional concurso de bele-za Garota Vero 2015 Etapa Viamo, promovido pela RBS TV, com o apoio da Prefeitura, atravs da Secretaria Municipal de Cultura. A escolha da representante de Viamo ser realizada dia 25 de janeiro, s 17 horas, nas areias da Praia de Itapu. As inscries so gratuitas e podem ser realizadas na Secretaria Municipal de Cul-tura (rua dos Aores, 951, Ta-rum), no horrio das 8h30min s 12 horas e das 13h30min s 17 horas. Podero participar do concurso de beleza candidatas do sexo feminino, solteiras, sem filhos, com idade entre 14 e 20 anos de idade, completados at o dia da eleio em sua cidade ou praia e, no mximo, 20 anos at o dia 28 de fevereiro de 2015. As menores de 18 anos devero ter autorizao do responsvel legal para a formalizao da participao. A candidata dever ter nascido, ou estar estudando, ou trabalhando, ou morando, ou veraneando em Viamo.

    Sero avaliados pelos jurados os quesitos beleza facial, beleza corpo-ral, elegncia na passarela, simpatia e desembarao em pblico. A vence-dora da etapa Viamo concorrer etapa regional onde sero classifica-das, no mnimo, duas candidatas para a etapa final que ser realizada nos dias 26, 27 e 28 de fevereiro de 2015, na Praia de Capo da Canoa.

    Mais informaes sobre o regulamento do concurso e inscries po-dem ser obtidas diretamente na Secretaria Municipal de Cultura ou pelo telefone 3435.3374.

    Os avs JOS NUNES MARQUES

    e VERA JAEGER MARQUESjuntamente com os pais

    MARIA EMLIA e MRCIOcom muita alegria tm o imenso prazer de

    comunicar o nascimento dos gmeos

    BERNARDO e MAURCIOocorrido no dia 05 de janeiro de 2015,

    no Hospital Me de Deus, em Porto Alegre.

    prefeitura deposita R$ 250 mil para pagamento das funcionriasOAB Viamo monta fora-tarefa para aes trabalhistas. Prefeitura garante cesta bsica, volta ao trabalho no dia 15 e adiantamento

  • 9 DE janEiro DE 2015WWW.CorrEiorUraL.CoM.Br2

    Ao contrrio dos outros anos, na entrada de 2015 vem sendo anunciada uma grande quan-tidade de aumentos nos produtos, nos servios e, tambm, nos impostos. A cada virada de ano o silncio era a estratgia e a elevao dos preos ficava na surdina, coisa que o brasileiro j havia se acostu-mado. Eram todos colhidos de surpresa. Mas agora neste incio de janeiro j foi es-cancarada a avalanche.

    Com certeza, os aumentos provocaro impacto direto no bolso do consumidor. O Governo Federal j avisou sobre a eleva-o de diversos impostos, o que ir refle-tir-se nos tributos estaduais e municipais e, sem dvidas, no preo dos produtos e servios, como combustvel, transporte pblico, energia eltrica, gua, txi; feijo, arroz, remdios, etc.

    Mas para contrabalanar e fazer frente s elevaes anunciadas, foi fixada a subi-da do valor do salrio mnimo, que pas-sou de R$ 724 para R$ 779,79, a partir de janeiro de 2015. Um substancial e satis-fatrio (?) aumento, considerado ganho real para a populao. O festivamente anunciado acrscimo, no passa de um irrisrio percentual de correo de 7,71%.

    Resta ao povo fazer clculos para no se endividar perante essa realidade. O mo-mento de preocupao, hora de fazer planejamento, repensar hbitos de consu-mo, principalmente em relao aos produ-tos que esto tendo aumento, lembrando que existem levantamentos que apontam que cerca de 20% do que as famlias gas-tam so excessos.

    Ento, os aumentos esto a. Sem sur-presas. Anunciados para que ningum possa contestar. Agora sim, apertemos os cintos!...

    EDiTORiAL

    aumentos anunciados

    EXPEDIENTE

    CORREIO RURAL uma publicao da MV Santos Editora Ltda.

    CNPJ 15308385/0001-26.

    Rua Marechal Deodoro, 274- Centro - Viamo - RS - Fone (51) 3485.1313 -

    CEP 94410-000

    [email protected] www.correiorural.com.br

    Diretor e Editor MILTON ZANI DOS SANTOS Jornalista Reg. MTb n 4506

    [email protected]

    Circulao: Semanal Tiragem: 3.000 exemplares

    Editorao: MV Santos Editora Impresso: Grupo RBS

    O Jornal no se responsabiliza por conceitos emitidos em matrias assinadas.

    Detalhesas crnicas do cotidiano e as informaes de bastidores

    POR MiLTON SANTOS

    A pazDurante este ms aparece nas telas das salas de cinema da maioria

    das cidades brasileiras, um comercial criado pelo conhecido publicitrio Washington Olivetto. muito interessante. Leiam:

    Esse comercial no tem mulher de biquni, no tem cachorro, no tem criana, no tem bebezinho. Esse comercial no tem casal, no tem beijo, no tem famlia tomando caf da manh. Esse comercial no tem msica de sucesso, no tem efeito especial, no tem tartaruga jogando bola. Esse comercial no tem gente famosa, no tem garoto propaganda. Porque esse comercial para vender um produto que ningum precisa ser convencido a comprar, que voc adora consumir e que, por sinal, voc at j comprou, s que no esto entregando... um produto que no tem marca, no tem slogan, no tem embalagem, no tem promoo tipo leve 3 e pague 2. Esse comercial todo branco e, desse jeito, ele pode ser entendido aqui e no mundo inteiro. Alis, seria muito bom que esse comercial pudesse passar no mundo inteiro. Porque o produto que esse comercial quer vender a PAZ. E enquanto o pessoal que precisa comprar a PAZ no compra, faa assim: pegue o estoque que voc ainda tem em casa e use no trnsito, use na fila do banco, use no elevador, use no futebol... PAZ um produto interessante! Porque quanto mais voc usa, mais voc tem. E se todo mundo usar quem sabe chegue o dia em que ningum mais precise fazer um comercial para vender a PAZ!...

    PosseNesta sexta-feira, 9 de janeiro, s 9 horas,

    na Academia de Polcia Militar, em Porto Alegre, o Coronel QOEM Alfeu Freitas Moreira assume o Comando-Geral da Brigada Militar. Parabns e sucesso na nova funo, desejamos ao Cel. Alfeu.

    A guaA falta de gua potvel est

    se potencializando em diversas cidades do mundo. Essa catstrofe vem sendo anunciada h algum tempo atravs do alerta para o uso adequado do lquido precioso. O problema, segundo especialistas, deve piorar nos prximos 20 anos.

    No Brasil, a cidade de So Paulo j d mostras do colapso. Sua populao triplicou nos ltimos 50 anos e o consumo de gua ficou desenfreado. Enganou-se quem esperava que as cidades do Nordeste fossem as mais atingidas no pas.

    Se os paulistas no fortificarem aes de conteno de consumo e de manuteno de reservas no prximo inverno, o vero de 2015/2016 ser fatal.

    OI no atende Viamo

    Desde o dia 8 de dezembro de 2014, o Engenho Viamonense Ltda., na rua Jos Garibaldi, est sem servio telefnico e sem internet. Acredita-se que toda a regio daquela rua esteja sem os servios, j que no cruzamento com a ERS 118, naquela data, houve roubo de cabos te