conveno coletiva de trabalho 2017/2019 sinepe-df/saep conveno coletiva de trabalho 2017/2019 –...

Download CONVENO COLETIVA DE TRABALHO 2017/2019 SINEPE-DF/SAEP conveno coletiva de trabalho 2017/2019 – sinepe-df/saep-df sindicato dos auxiliares de administrao escolar em estabelecimentos

Post on 28-Apr-2018

219 views

Category:

Documents

2 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • 1

    CONVENO COLETIVA DE TRABALHO 2017/2019 SINEPE-DF/SAEP-DF

    SINDICATO DOS AUXILIARES DE ADMINISTRAO ESCOLAR EM ESTABELECIMENTOS PARTICULARES DE ENSINO DO DISTRITO FEDERAL, CNPJ n 08.020.493/0001-33, neste ato representado por sua Presidente, Sra. SULLEN CARINA ALVES DA SILVA; e SINDICATO DOS ESTABELECIMENTOS PARTICULARES DE ENSINO NO DISTRITO FEDERAL, CNPJ n 00.721.019/0001-27, neste ato representado por seu Presidente, Sr. LVARO MOREIRA DOMINGUES JNIOR; celebram a presente CONVENO COLETIVA DE TRABALHO, estipulando as condies de trabalho previstas nas clusulas seguintes:

    CLUSULA PRIMEIRA - VIGNCIA E DATA-BASE: As partes fixam a vigncia da presente Conveno Coletiva de Trabalho no perodo de 1 de maio de 2017 a 30 (trinta) de abril de 2019 e a data-base da categoria em 1 de maio. CLUSULA SEGUNDA ABRANGNCIA: A presente Conveno Coletiva de Trabalho se aplica s relaes de emprego, existentes ou que venham a existir, entre os auxiliares de administrao escolar e os estabelecimentos particulares de ensino, situados no Distrito Federal, exceto os estabelecimentos de ensino superior e os funcionrios vinculados Secretaria de Estado da Educao do Distrito Federal. Para os efeitos deste Instrumento Normativo, considera-se auxiliar de administrao escolar todo empregado cuja funo, no estabelecimento ou curso, no seja a de ministrar aulas, excetuadas as categorias profissionais diferenciadas, com abrangncia territorial no DF.

    SALRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO

    PISO SALARIAL

    CLUSULA TERCEIRA - DO PISO SALARIAL: Estabelecem as partes convenentes que, a partir de 1 de maio de 2017, o piso salarial da categoria de R$ 1.094,32 (um mil e noventa e quatro reais e trinta e dois centavos).

    Pargrafo primeiro A partir de 1 de maio de 2018, o piso da categoria ser reajustado pelo INPC acumulado no perodo de 1 de maio de 2017 a 30 (trinta) de abril de 2018, acrescidos de 1% (um por cento), sem efeito cumulativo. Como equao matemtica para a no-cumulatividade do novo valor salarial, aplica-se o referido percentual do INPC sobre o valor salarial de ms-base abril de 2018, encontrando-se um primeiro determinado valor, em reais. Aplica-se o referido percentual de acrscimo 1% (um por cento) sobre o valor salarial de ms-base abril de 2018, encontrando-se um segundo determinado valor, em reais. Ao final, para encontro do novo valor salarial final para ms-base maio de 2018, soma-se a quantia (em reais) do primeiro determinado valor com a quantia (em reais) do segundo determinado valor.

    Pargrafo segundo - Caso o salrio mnimo, na vigncia da presente Conveno, for reajustado em patamar superior ao piso acima fixado, o estabelecimento de ensino complementar, a ttulo de antecipao, at a data de 30 (trinta) de abril de 2018, o valor faltante para o atingimento do mnimo legal.

  • 2

    REAJUSTES/CORREES SALARIAIS

    CLUSULA QUARTA - DO REAJUSTE: O salrio dos empregados abrangidos pela presente Conveno Coletiva, e, que no recebam o piso, ser reajustado, em 1 de maio de 2017, tomando-se por base o salrio pago em 30 (trinta) de abril de 2017, pelo INPC acumulado no perodo de 1 de maio de 2016 a 30 (trinta) de abril de 2017 de 3,99% (trs vrgula, noventa e nove por cento), acrescidos de 1,5% (um vrgula cinco por cento), sem efeito cumulativo. Como equao matemtica para a no-cumulatividade do novo valor salarial, aplica-se o referido percentual do INPC sobre o valor salarial de ms-base abril de 2017, encontrando-se um primeiro determinado valor, em reais. Aplica-se o referido percentual de acrscimo 1,5% (um vrgula cinco por cento) sobre o valor salarial de ms-base abril de 2017, encontrando-se um segundo determinado valor, em reais. Ao final, para encontro do novo valor salarial de ms-base maio de 2017, soma-se a quantia (em reais) do primeiro determinado valor com a quantia (em reais) do segundo determinado valor.

    Pargrafo primeiro A partir de 1 de maio de 2018, os salrios dos empregados que no recebam o piso, sero reajustados pelo INPC acumulado no perodo de 1 de maio de 2017 a 30 (trinta) de abril de 2018, acrescidos de 1% (um por cento), sem efeito cumulativo. Como equao matemtica para a no-cumulatividade do novo valor salarial, aplica-se o referido percentual de INPC sobre o valor salarial de ms-base abril de 2018, encontrando-se um primeiro determinado valor, em reais. Aplica-se o referido percentual de acrscimo 1% (um por cento) sobre o valor salarial de ms-base abril de 2018, encontrando-se um segundo determinado valor, em reais. Ao final, para encontro do novo valor salarial de ms-base maio de 2018, soma-se a quantia (em reais) do primeiro determinado valor com a quantia (em reais) do segundo determinado valor.

    Pargrafo segundo Podero ser descontadas antecipaes salariais concedidas durante o perodo de validade da ltima Conveno Coletiva de Trabalho celebrada entre as presentes partes, anterior a esta que agora se assina.

    Pargrafo terceiro Os reajustes concedidos espontaneamente, para alm do INPC do perodo, durante o perodo de 1 de maio de 2016 a 30 (trinta) de abril de 2017 no sero compensados na data-base. Pargrafo quarto Os valores decorrentes de data-base 2017 sero pagos at 05 (cinco) de agosto de 2017.

    ISONOMIA SALARIAL

    CLUSULA QUINTA - DA ISONOMIA SALARIAL: Em um mesmo estabelecimento de ensino, o auxiliar de administrao escolar admitido aps a data de assinatura desta Conveno, no poder perceber salrio inferior a outro colega que desempenhe a mesma funo, beneficiado com os reajustes previstos nas clusulas terceira e quarta deste instrumento, observados as possibilidades de eventuais diferenas resultantes da aplicao da clusula vigsima.

  • 3

    OUTRAS NORMAS REFERENTES A SALRIOS

    CLUSULA SEXTA - DO 13 SALRIO: Atendendo solicitao por escrito do auxiliar de administrao escolar, formulado com trinta dias de antecedncia, o estabelecimento de ensino efetuar o pagamento de 50% (cinquenta por cento) do dcimo-terceiro salrio do ano em curso, na folha de pagamento de junho a novembro, limitada tal concesso, no mnimo, a 20% (vinte por cento) do total dos auxiliares de administrao escolar contratados pelo estabelecimento de ensino, por ms. At o dia 20 (vinte) de dezembro do ano em curso, sero pagos os outros 50% (cinquenta por cento) do dcimo terceiro salrio.

    Pargrafo nico - A antecipao ser proporcional no caso de auxiliar de administrao escolar contratado no ano em curso, da data da contratao at o ms do pedido, inclusive; para os demais casos, de janeiro at a data do pedido, inclusive. CLUSULA STIMA - DO ANUNIO: Os auxiliares de administrao escolar que j recebem o adicional por tempo de servio (anunios), por fora das Convenes Coletivas de Trabalho passadas, continuaro recebendo em sua remunerao o percentual referente ao mesmo, adquirido at 30 (trinta) de abril de 1999, ficando acordado que, a partir de 1 de maio de 1999, no mais haver contagem de tempo para efeito de aplicao ou pagamento de anunios.

    Pargrafo primeiro - So excludos da obrigao acima pactuada os estabelecimentos de ensino que tenham plano de carreira, no qual seja contemplada a gratificao por tempo de servio.

    Pargrafo segundo - O auxiliar de administrao escolar readmitido e o dirigente sindical que retornar ao exerccio de auxiliar tero seu tempo anterior de trabalho no estabelecimento de ensino, no primeiro caso, e do exerccio do mandato sindical, no segundo caso, contado para efeito de pagamento do anunio referido no caput desta clusula. CLUSULA OITAVA DAS HORAS EXTRAS: As horas extras eventualmente trabalhadas at o dia 15 (quinze) sero computadas na folha de pagamento do prprio ms em que foram prestadas e, aps o dia 15 (quinze), no ms subsequente.

    AUXLIOS

    CLUSULA NONA - DAS BOLSAS DE ESTUDOS: O Auxiliar de Administrao Escolar que no for ele prprio, seu cnjuge ou dependente legal beneficirio de bolsa de estudos, para ser usufruda no estabelecimento de ensino em que trabalha, concedida por instituio pblica ou privada, em condies iguais ou mais favorveis s que se seguem, ter direito, no estabelecimento de ensino em que trabalhar, a 01 (uma) bolsa de estudo integral, ou descontos de 50% (cinquenta por cento) nas anuidades escolares, para seu prprio uso, de seu cnjuge, ou de seus dependentes legais, exceto no caso de o estabelecimento ter concedido anteriormente bolsas de estudo em percentuais superiores, hiptese em que estes devero ser mantidos. A referida bolsa ser concedida na proporo da jornada de trabalho do empregado, respeitada sempre a jornada mxima prevista em lei.

  • 4

    Pargrafo primeiro Em caso de demisso sem justa causa do Auxiliar de Administrao Escolar, ficar mantida a bolsa de estudos at o final do bimestre/trimestre que suceder a demisso, conforme critrios discriminados no caput desta clusula.

    Pargrafo segundo Os valores das redues estabelecidas no caput no integraro o salrio do auxiliar. As vantagens previstas no caput desta clusula devero ser solicitadas, pelo empregado, por escrito, e a sua concesso estar condicionada existncia de vaga, na data do pedido, observados os limites mximos de alunos, por sala de aula, estabelecidos por Lei, Acordo Coletivo ou Sentena Normativa. CLUSULA DCIMA - DA ASSISTNCIA SADE: O SINEPE-DF se compromete a viabilizar Programa de Controle Mdico e Sade Ocupacional (PCMSO) para seus filiados. CLUSULA DCIMA PRIMEIRA ALIMENTAO OU REFEIO: Por cada dia efetivamente trabalhado o empregado receber auxlio-alimentao ou auxlio-refeio equivalente a, no mnimo, R$ 4,50 (quatro reais e cinquenta centavos), a partir de 1 de maio de 2017. Esta clusula s se aplica aos empregados que atendam duas condies ao mesmo tempo: I) que tenham salrio de at 02 (dois) pisos e; II) que ordinariamente trabalhem, no mnimo, 40 (quarenta) horas semanais, excludas horas extras ou compensaes.

    Pargrafo primeiro - A partir de 1 de maio de 2018 o

Recommended

View more >